On Screen Facebook Popup by Infofru

Receba todas as atualizações via Facebook. Basta clicar no botão "Curtir" abaixo.

Fechar

  

Carajas o Jornal

Carajas o Jornal

Centenas de pessoas saíram em uma caminha na tarde do último sábado (21) do Mercado Municipal, no bairro Rio Verde à Praça do Cidadão do bairro Guanabara (Faruk Salmen). O ato faz parte das festividades do Despertai 2018, e teve como objetivo dar inicia às festividades do evento.

O evento é promovido pela Igreja Evangélica Assembleia de Deus Ministério Seta. Na edição deste ano, serão 30 dias de programações sociais, educativas, comunitárias, culturais e espirituais, com cruzadas, e ações sociais nas periferias de Parauapebas.

O organizador do evento, o Pastor Mariano Fernandes, conta que a caminhada é para convidar a comunidade a participar do evento além do resgate dos valores bíblicos. “É uma caminha para convidar todos a participarem do evento, e à nossa cidade acima de tudo, os valores da família. A família precisa ser valorizada no modelo bíblico, modelo este que foi idealizado por Deus”, conta.

Sobre o Despertai

Fundado em 2006, com o nome “Caravana da Vitória” e no ano de 2012, passou a ser chamado Despertai. Em 2015 foi oficializado no calendário municipal de eventos do município de Parauapebas PA pela Lei Nº 4.628/2015 Art.1º Inciso VI. É um projeto desenvolvido pela ASAF, Associação Arca da Família, CNPJ – 17.631.942/0001-70, e com princípios fundamentados no ESTATUTO da mesma e na fé cristã, Bíblia Sagrada (Hb 11.7; Tg 1.27; 2.14-18). Sua atuação é uma soma de ações culturais, sociais, comunitárias, educativas e religiosas de alta relevância promovidas em diversos bairros e vilas de PARAUAPEBAS, bem como noutros Municípios do Território Nacional. Este atendimento é executado observando o princípio constitucional da impessoalidade, legalidade, independente de classe social, nacionalidade, sexo, cor ou crença religiosa.

 

 

O organizador do evento, o Pastor Mariano Fernandes, conta que a caminhada é para convidar a comunidade a participar do evento

Confira o album de fotografia em nossa página do facebook 

Time de Zlatan Ibrahimovic, o Los Angeles Galaxy acabou perdendo para o Atlanta United por 2 a 0 no último sábado, na Major League Soccer. Apesar disso, não faltou show do sueco, que esbanjou de ótima forma e deu um passe com os pés lá nos ares. A imagem foi uma das melhores da partida.

Em disputa de bola com Parkhurst, Ibtahimovic levantou o pé acima da altura de sua própria cabeça para alcançar e dominar a bola para o passe. O detalhe é que Ibrahimovic mede não menos do que 1,95 metros.

Com três vitórias em sete partidas, o Los Angeles Galaxy ocupa a quarta colocação da Conferência Oeste, com 10 pontos, sete a menos do que o líder

 
 
 
Fonte: Uol

 

Uma câmera de segurança registrou o momento em que o irmão da menina de 8 anos que teria sido abusada pelo prefeito em exercício de Bariri (SP), Paulo Henrique Barros de Araújo (PSDB), saiu à procura da criança que havia saído para ir a padaria. 

O político foi preso neste sábado (21) suspeito de ter raptado e estuprado a menor. Segundo a irmã da menina, Araújo teria se passado por um policial à paisana para convencer a criança a entrar no seu carro.

Prefeito de Bariri (SP) é suspeito de estuprar menina de 8 anos

Na delegacia, de acordo com o delegado Fábio Mariotto que fez o flagrante, Paulo Henrique teria confessado o estupro, no entanto, na audiência de custódia realizada na manhã de domingo (22), ele negou todas as acusações. O advogado de defesa do prefeito, Humberto Pastrello, não quis comentar o caso.

Em nota, o PSDB de São Paulo informou na manhã desta segunda-feira (23) que expulsou sumariamente o prefeito interino de Bariri. "O partido se solidariza à família da vítima e espera que o caso seja esclarecido e o culpado severamente punido", diz a nota.

Na audiência foi decretada a prisão preventiva de Paulo Araújo e a também o sigilo do processo. Ele deve permanecer preso até o final das investigações.

Paulo Araújo foi levado ao Centro de Detenção Provisória de Bauru (CDP) e transferido durante a noite de domingo ao presídio de Iaras, na região de Itapetininga.

 

O caso será encaminhado para o Tribunal de Justiça de São Paulo, já que o prefeito tem foro especial, que irá definir se as investigações serão mantidas pela Polícia Civil.

Conforme o relato da criança para a família, o prefeito teria se passado por policial e dito que um ladrão estaria no bairro e, por isso, levaria a menina de volta para casa. Entretanto, vizinhos viram a garota conversando com um desconhecido e avisaram a família, que acionou a Polícia Militar.

Rotina comum

Horas mais tarde, a menor de idade foi encontrada em um bairro distante, na Zona Leste de Bauru. Pela manhã, havia saído comprar pão, algo que era comum fazer no bairro José Regino, onde mora.

"As vizinhas viram. Diz que ela parou, começou a gesticular e conversar. Nisso ele desceu, pegou a criança e colocou no carro. Travou com o vidro escuro e foi embora a milhão", afirma uma prima da criança. 

 

O empresário Luis Henrique Souza, que junto com a esposa encontrou a criança chorando, afirma ter estranhado vê-la sozinha andando tão cedo na rua. Ele conta ter pedido para a mulher perguntar se a garota estava bem.

"Chacoalhando a cabeça, [ela] disse que não. Então, nós perguntamos o que havia acontecido e ela disse que um homem havia a levado para o mato. Isso foi o suficiente para colocarmos ela no carro. Queríamos tranquilizá-la porque vimos que estava bem transtornada e perdida."

O casal levou a menina de volta para casa, onde a família já aguardava por informações e havia acionado a Polícia Militar. A criança teria conseguido fugir do suspeito quando o carro caiu em uma vala em uma estrada de terra.

 

Estupro vulnerável consumado

O prefeito foi encontrado caminhando no Vale do Igapó sem camisa e aparentava estar alterado, segundo a polícia. A equipe da PM relatou ter tido dificuldade para conter o político.

"Desobedeceu ordem de parada dos policiais, resistiu, entrou em luta corporal ali na hora para não ser algemado. Posteriormente fizemos a conexão dos fatos e ele mostrou onde estava o veículo escondido", diz o tenente Michel Pietro, que comandou as buscas pela garota.

A menina e o prefeito foram levados para a Unidade de Pronto-atendimento do Jardim Bela Vista para realização de exames de corpo de delito. De lá, seguiram para a delegacia, onde o caso foi registrado como estupro de vunerável consumado.

O laudo que vai comprovar se houve conjunção carnal deve sair em até 30 dias. O Conselho Tutelar já está acompanhando o caso para dar todo o suporte necessário para a menina.

No carro do prefeito também foi encontrado um cigarro de maconha e a CNH apresentada por ele está vencida desde outubro do ano passado. (Entenda a situação política na cidade abaixo).

 

Novas eleições

Tribunal Regional Eleitoral (TRE) marcou para 3 de junho as novas eleições para prefeito e vice-prefeito de Bariri. Após o pleito de 2016, os candidatos a prefeito e vice da chapa mais votada – Francisco Leoni Neto e Benedito Mazotti, ambos do PSDB – tiveram o registro indeferido com base na Lei da Ficha Limpa.

Em junho do ano passado, os políticos barrados tentaram voltar ao cargo, mas o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou recurso proposto por Francisco Leoni Neto.

Carro usado por prefeito de Bariri tombou enquanto criança estava dentro (Foto: Arquivo Pessoal )

Carro usado por prefeito de Bariri tombou enquanto criança estava dentro (Foto: Arquivo Pessoal )

Paulo Henrique de Araújo (PSDB), presidente da Câmara, administrava a cidade  (Foto: Roberto Coletta/Arquivo pessoal)

Paulo Henrique de Araújo (PSDB), presidente da Câmara, administrava a cidade (Foto: Roberto Coletta/Arquivo pessoal)

Prefeito de Bariri é preso suspeito de raptar e abusar de menina de 8 anos

Prefeito de Bariri é preso suspeito de raptar e abusar de menina de 8 anos

 

Fonte: G1

Pode ser que você treine na academia ou faça seus exercícios em casa, mas a dúvida costuma ser a mesma: será que vale mais a pena forçar mais na carga ou os resultados aparecem mesmo quando você se dedica a fazer diversas repetições das séries usando pesos mais leves?

 

A resposta, como em várias outras questões como essa que sempre levantam algumas controvérsias, é que tudo depende dos objetivos que você tem com a musculação.

Eu preciso mesmo aumentar o peso ou as repetições?

 

FOTO: ISTOCK

Antes de entendermos as indicações para o aumento da carga ou o aumento das repetições, é preciso deixar claro que não é aconselhável treinar sempre da mesma forma, por isso essas mudanças são necessárias.

Você já teve ter percebido: depois de passar alguns dias treinando com o mesmo peso ou o mesmo número de repetições, o exercício que antes era tão sofrido começa a ficar mais fácil. O problema é que, a partir do momento em que ele não representa mais um desafio para o seu corpo, você não vai obter progressos em direção à sua meta.

Por isso, seja com mais peso, com mais repetições ou com as duas coisas, é sim necessário fazer ajustes conforme você se adapta às suas séries de musculação. Agora, com isso posto, podemos discutir qual das mudanças é mais interessante para cada objetivo.

Para quem quer ganhar força e massa muscular

FOTO: ISTOCK

 

Se o seu objetivo é construir músculos e ganhar massa magra, assim como aumentar a sua força, a recomendação mais atual é fazer seus movimentos até atingir a falha muscular, ou seja, o ponto em que seu corpo não consegue mais executar o exercício – e isso pode ser feito com mais peso ou mais repetições.

Em geral, há uma preferência pelo uso de mais carga e menos repetições; por exemplo, três séries de 6 a 12 repetições com o peso próximo ao máximo que você consegue levantar até que ocorra a falha. O intervalo entre as séries deve ser de 60 a 120 segundos.

Porém, muitos estudos defendem que diminuir a carga e aumentar o número de repetições teria o mesmo efeito. Nesse caso, o peso deve corresponder a cerca da metade do limite de carga que você suporta para que seja possível executar duas a três séries com 20 a 25 repetições. O intervalo entre as séries deve ser de 30 a 60 segundos.

Outros especialistas, por sua vez, defendem que os melhores ganhos de massa muscular são alcançados quando seu treino alterna o peso e as repetições, pois o aumento de apenas um ou outro rapidamente leva o corpo à exaustão.

Assim, em uma semana você faria séries mais curtas com uma carga maior, e na outra faria séries mais longas, mas com pesos mais leves. Dessa forma, seu corpo teria tempo para recuperar os músculos depois da semana de treino com mais carga.

Independente do programa de treinamento, pessoas que buscam o ganho muscular costumam fazer seus exercícios de musculação de 4 a 6 vezes por semana.

Para quem quer perder peso e aumentar sua resistência 

FOTO: ISTOCK

 

Embora os exercícios aeróbicos sejam mais famosos quando se fala em perder peso, a musculação também é muito importante para a redução da gordura e a definição dos músculos, pois eles queimam mais calorias.

Por isso, se o seu objetivo é emagrecer ou ainda ganhar mais resistência, a dica é apostar em menos peso e mais repetições. Um exemplo de treino seria fazer de três a quatro séries com 15 a 25 repetições, de acordo com o seu nível de progresso, utilizando cargas de peso médio.

O treino muscular deve ser feito pelo menos três vezes por semana, alternado com a prática de exercícios aeróbios em outros três dias. Para quem tem o emagrecimento como meta, também é essencial associar o treino com uma dieta equilibrada.

Para quem está começando a treinar agora

FOTO: ISTOCK

Se você está iniciando seu primeiro treino de musculação, é necessário primeiro adaptar seu corpo antes de se dedicar a um objetivo específico. Caso contrário, você ficará muito sujeita a dores e lesões, que podem impedir você de continuar sua jornada no mundo fitness.

Dessa forma, quando começamos a praticar musculação, a dica é investir nas séries com menos peso e mais repetições por cerca de três semanas. Depois desse período, seus músculos já estarão aptos a enfrentar novos desafios, seja para emagrecer ou ficar mais forte.

Toda prática de exercícios deve ser acompanhada por um profissional de Educação Física devidamente habilitado a identificar as necessidades e os limites do seu corpo. Assim, você vai ter um treino personalizado, capaz de oferecer os melhores resultados com um menor risco de lesões.

 

Fonte: dicasdemulher.com.br

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), por meio da Rede de Atenção à Saúde das Pessoas com Doenças Crônicas (DCNT), irá realizar a Campanha de Combate à Hipertensão Arterial entre os dias 23 e 30 deste mês.

Na oportunidade, serão realizadas ações como orientações, solicitação de exames, palestras, verificação de pressão arterial e avaliação nutricional.

Sugestão de entrevistada: coordenadora da rede de atenção à saúde das pessoas com doenças crônicas, Silvana Manito.

Confira a programação

Quem fizer a declaração do Imposto de Renda pela primeira vez em 2018 precisa ter atenção redobrada para evitar erros. As instruções, que, de maneira geral, servem para todos os contribuintes, são para checar os dados, organizar os documentos previamente e fazer o procedimento com calma.

A expectativa do fisco é receber 28,8 milhões até o dia 30 de abril, prazo final para o envio das declarações.

Imposto de Renda: veja passo a passo como fazer a declaração

Quem deve declarar?

Devem declarar o Imposto de Renda neste ano quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2017. O valor é o mesmo da declaração do ano passado. Também devem declarar:

  • Contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano passado;
  • Quem obteve, em qualquer mês de 2017, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;
  • Quem teve, em 2017, receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50 em atividade rural;
  • Quem tinha, até 31 de dezembro de 2017, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil;
  • Quem passou à condição de residente no Brasil em qualquer mês do ano passado e nessa condição encontrava-se em 31 de dezembro de 2017.

SAIBA TUDO SOBRE IMPOSTO DE RENDA

 

G1 ouviu especialista e preparou 5 dicas para quem vai declarar pela primeira vez.

1 - Confira os valores e em qual espaço eles estão sendo declarados

Com rápido cruzamento de informações, a atenção dos contribuintes deve ser redobrada, pois incoerências de centavos podem levar a declaração à malha fina. Erros de digitação são bem comuns e podem gerar problemas.

“Outro ponto de atenção é o campo onde a informação deve ser preenchida tanto nas opções de tributação, quanto nas opções ‘a pagar’ ou ‘a receber’”, afirma Heber de Oliveira, sócio da Contabilizei Contabilidade.

2 - Providencie todas as informações de bens que você possui

Documentos de imóveis, aplicações financeiras, saldos bancários de conta corrente e poupança e até carros. Organizar estas informações previamente vai otimizar o tempo que a pessoa passa dentro do sistema da Receita.

“Se o contribuinte vender o carro, o dinheiro na conta vai aparecer e ele vai precisar informar de onde veio. Se este bem não estiver na declaração anterior, não tem como declarar que vendeu na seguinte”, explica Carlos Heitor Campani, professor do COPPEAD/UFRJ.

3 - Preste atenção nos dados fornecidos pelo empregador

“Se você tiver apenas um emprego, 90% das informações vêm do comprovante anual de rendimentos fornecido pela empresa”, explica Cleiton Felipe, gerente sênior da área de assessoria fiscal às pessoas físicas da BDO Brazil.

Professores que trabalham em várias instituições ou autônomos, por exemplo, precisam ter muita atenção para declarar as diversas fontes de renda.

4 - Declare com antecedência

O programa da Receita Federal fica disponível para o contribuinte por quase 2 meses. Neste ano, o período de declaração começou em 1º de março e vai até 30 de abril. Com tempo, o contribuinte analisa com mais atenção as informações e tem tempo de retificar, caso encontre algum erro.

 

“Se a pessoa perceber um erro na declaração, pode enviar uma nova retificada. O ideal é que a declaração corrigida seja enviada dentro do prazo, que termina no dia 30 de abril. Se corrigir depois, o contribuinte chama atenção e pode cair na malha fina”, explica Campani.

5 - Despesas que foram reembolsadas

Muitos planos de saúde trabalham com o sistema de reembolso. Segundo Campani, o contribuinte deve declarar apenas o valor que efetivamente pagou.

“Se a consulta custou R$ 400 e o plano reembolsou R$ 150, o contribuinte deve declarar apenas R$ 250. Muitas pessoas esquecem e colocam o valor total da nota”. O professor lembra que as despesas só devem ser lançadas, quando estiverem devidamente comprovadas com nota fiscal.

 

Fonte: G1/*Sob supervisão de Marina Gazzoni.

A campanha nacional de vacinação contra a influenza começa nesta segunda-feira (23). A meta, segundo o Ministério da Saúde, é imunizar 54,4 milhões de pessoas, que fazem parte do grupo considerado "mais suscetível" ao agravamento de doenças respiratórias.

Até 14 de abril deste ano, o governo já registrou 392 casos de influenza em todo país, com 62 mortes. Com 8 óbitos, o estado de Goiás antecipou a imunização, que começou no último dia 13 de abril.

Veja qual é o público-alvo para receber as doses gratuitamente no SUS:

  • pessoas a partir de 60 anos
  • crianças de seis meses a cinco anos
  • trabalhadores da área de saúde
  • professores das redes pública e privada
  • mulheres gestantes e puérperas
  • indígenas
  • pessoas privadas de liberdade (incluindo adolescentes cumprindo medidas socioeducativas)
  • profissionais do sistema prisional
  • portadores de doenças que aumentam o risco de complicações em decorrência da influenza

A contraindicação da vacina é para quem tem alergia severa a ovo.

Vacina da gripe

A vacina desse ano tem a possibilidade de proteger contra três tipos de vírus da gripe: o Influenza A, nas variações H1N1 e H3N2 e influenza B. Para o ministério, o acréscimo da proteção contra o H3N2 acontece após a infecção de 47 mil pessoas no hemisfério norte, em janeiro, mas no Brasil, segundo Carla Domingues, coordenadora-geral do programa de imunização do ministério, “não há nenhuma evidência que teremos uma circulação forte do H3N2”.

 

O Ministério da Saúde confirmou também que o Dia D será no próximo dia 12 de maio, quando ocorre a mobilização nacional. No dia, os 65 mil postos de vacinação do país estarão em funcionamento. A meta, segundo o ministro Gilberto Occhi, é distribuir 100% das doses para todo o público-alvo e, se eventualmente houver uma sobra de vacina, as demais pessoas serão imunizadas.

Distribuição

O Ministério da Saúde adquiriu 60 milhões de doses da vacina que serão entregues em etapas aos estados. A previsão do governo é de 25 milhões delas já estariam à disposição no início da campanha.

A Região Centro-Oeste receberia 60% das doses de vacina. No mesmo período, a previsão é de que a Região Sul teria 54% do total. A Região Norte deve receber 50% do número de doses. Já no Sudeste e Nordeste a porcentagem prevista de entrega das doses é de 36% e 35%, respectivamente.

 Casos confirmados

No ano passado, o país confirmou 394 casos confirmados de contaminação por uma das três variações da influenza. Ao todo, segundo a Saúde, 66 pessoas morreram.

Já em 2018, dos 392 casos de influenza registrados em todo país, 62 resultaram em óbitos. Do total, 190 casos e 33 mortes foram por H1N1. Em relação ao vírus H3N2 foram 93 casos e 15 mortes.

 

Fonte: G1

A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta sexta-feira (20), a operação "Abjeto" para combate aos crimes de pedofilia e pornografia infantil em Itupiranga, região sudeste do Pará. Três mandados de busca e apreensão foram cumpridos.

De acordo com informações da PF, o cumprimento dos mandados, expedidos pela Justiça Federal, ocorreu em residências e comércio de Itupiranga.

Uma pessoa foi presa em flagrante com farto material de conteúdo pornográfico.

Abjeto é sinônimo de desprezível, repugnante.

APENAÇÃO

Os envolvidos em crime como a pornografia infantil estão sujeitos as punições estabelecidas no artigo 240 do Código Penal.

 

Produzir, reproduzir, dirigir, fotografar, filmar ou registrar, por qualquer meio, cena de sexo explícito ou pornográfica, envolvendo criança ou adolescente pode ser apenado com reclusão, de quatro a oito anos e multa. 

Já os artigos 241 dispõe que vender ou expor à venda fotografia, vídeo ou outro registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente a pena é de reclusão, de quatro a oito anos e multa.

241-A.  Oferecer, trocar, disponibilizar, transmitir, distribuir, publicar ou divulgar por qualquer meio, inclusive por meio de sistema de informática ou telemático, fotografia, vídeo ou outro registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente. Pena de reclusão, de três a seis anos e multa.

 

Fonte: DOL 

O governo crê na possibilidade de leiloar, ainda em 2018, as ferrovias Norte-Sul, Ferrogrão e Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), afirmou ao G1 o secretário especial da Secretaria do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Adalberto Vasconcelos.

Segundo ele, após os ajustes feitos nos estudos da Norte-Sul, o governo espera que o Tribunal de Contas da União (TCU) libere a publicação do edital do leilão desta ferrovia ainda em maio. Se isso se confirmar, o edital deve ser publicado ainda em maio ou no máximo em junho.

Os estudos da Norte-Sul foram encaminhados ao TCU em março e serão analisados pelo ministro Bruno Dantas. Depois disso, o parecer do ministro terá que ser votado pelo plenário da corte, o que não há previsão para acontecer.

Apesar de não ser obrigatório, o governo tem aguardado o aval do TCU para publicar editais de leilões.

A medida é para dar segurança jurídica ao processo e evitar, por exemplo, o que ocorreu com o leilão de óleo e gás realizado no final de março – o tribunal não foi ouvido antes sobre o edital e acabou, às vésperas do leilão, determinando a retirada dos dois blocos mais vantajosos.

"Depois que sair o edital da Norte-Sul, as outras deslancham com mais facilidade. As avaliações no TCU devem ser semelhantes e, no caso da Ferrogrão, a análise será mais rápida, já que a ferrovia não tem nenhum recurso público", avaliou Vasconcelos.

O secretário especial do PPI voltou de uma viagem à China onde conversou com investidores. Segundo ele, os chineses manifestaram interesse pelas três ferrovias.

"O conflito comercial da China com os Estados Unidos vai beneficiar a parte de logística do Brasil. A China vê cada vez mais no Brasil um parceiro e tem a questão da segurança alimentar, com o transporte de grãos para os portos", afirmou.

 

Para Adalberto Vasconcelos, por se tratar de investimentos de longo prazo, os leilões de ferrovias não devem sofrer efeitos do período eleitoral, o contrário do que preveem especialistas do setor.

Segundo Vasconcelos, os investidores que atuam nesse setor estão mais preocupados com segurança jurídica e experiência do país com outras concessões.

Os projetos

Saiba o que preveem os projetos para as três ferrovias:

  • NORTE-SUL - O projeto prevê a concessão de 1.537 quilômetros entre Porto Nacional (TO) e Estrela d’Oeste (SP), e o lance mínimo previsto nos estudos enviados ao TCU é de R$ 1,097 bilhão, por uma concessão de 30 anos. Entre as empresas que já manifestaram publicamente a intenção de disputar o leilão está a RZD, empresa ferroviária da Rússia. "Vamos ter os russos. A Vale é natural que entre, e eu acho que a Rumo [Logística] vai entrar. E nós teremos também os chineses", afirmou Vasconcelos.
  • FERROGRÃO - O projeto prevê a construção de 933 quilômetros de linhas de ferro e o governo estimou uma outorga mínima de R$ 0,01, já que a ferrovia terá que ser toda construída pela concessionária. O trecho vai do Mato Grosso a Miritituba (PA). A concessão da Ferrogrão será de 65 anos. Segundo Vasconcelos, por se tratar de uma ferrovia que deve ser totalmente construída e que não tem dinheiro público aplicado, a análise do TCU será mais simples. A projeção é entregar os estudos para o tribunal em maio e publicar o edital no terceiro trimestre, com o leilão no quarto trimestre de 2018. Por ser um projeto maior, o governo não espera concorrência no leilão. Segundo o secretário especial do PPI, o leilão deve contar com um consórcio formado pelas empresas que intermediam o comércio entre os produtores de grãos e os compradores nacionais e internacionais e outros parceiros.
  • FIOL - O trecho da Fiol que o governo pretende conceder em 2018 tem 537 quilômetros e liga as cidades de Ilhéus a Caetité, ambas na Bahia. Mais de 70% desse trecho já foi concluído, e a modelagem deve ser semelhante à usada na Ferrovia Norte-Sul. Para maio, afirmou o secretário, o governo deve abrir a consulta pública para os estudos, com publicação do edital prevista para o terceiro trimestre de 2018 e leilão no final de 2018.

Mesmo depois de a greve dos rodoviários ser considerada abusiva pela Justiça do Trabalho, a categoria decidiu manter o movimento e 2 milhões de pessoas permanecem sem ônibus em Belém, Ananindeua e Marituba. Na manhã dete sábado (21), a promessa é de mais um protesto de motoristas e cobradores, que estão se organizando para fechar a BR-316, em Marituba, na Região Metropolitana de Belém.

Ontem (20), a desembargadora do Trabalho Francisca Formigosa votou pela abusividade da greve, determinando a aplicação de multa primeiramente no valor de R$ 100 mil por dia parado. Mas depois da manifestação dos demais integrantes da sessão, a multa foi reduzida para R$ 10 mil/dia, a contar no mesmo momento. Os dias parados também serão descontados na folha de pagamento.

A abusividade se deu devido ao não cumprimento da medida cautelar que determinava a obrigatoriedade de 80% da frota. A juíza determinou, ainda, que os rodoviários retornassem ao trabalho às 16h e autorizou as empresas de transporte coletivo a contratar temporários caso os trabalhadores não atendessem à determinação.

Apesar da decisão, a categoria decidiu resistir e continuar a greve geral por tempo indeterminado. Em Ananindeua, os rodoviários bloquearam a BR 316, no sentido Ananindeua-Belém, desde as primeiras horas do dia, causando um grande engarrafamento. O objetivo era pressionar entidade patronal a negociar as reivindicações. Após a sessão no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), a categoria realizou assembleia geral, no final da tarde, e decidiu resistir. 

PNEUS FURADOS

Após a decisão do Tribunal, poucos ônibus começaram a circular pelas ruas de Belém. Alguns coletivos tentavam furar o bloqueio, mas foram impedidos de passar e tiveram os pneus esvaziados e vidros quebrados, na BR-316. “Estamos dispostos a cumprir a decisão, mas a greve só termina quando houver negociação”, informou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários de Ananindeua e Marituba (Sintram), Huellen Ferreira. 

Em Belém, os rodoviários de Belém se concentraram em São Brás e votaram pela manutenção do movimento. A categoria reivindica ser recebida em mesa de negociação diretamente com os representantes das empresas. A categoria reivindica diversos pontos, mas o principal deles é a redução da jornada de trabalho de 8h20 para 6h20 e a instalação do ponto biométrico. Atualmente, a frequência é feita manualmente e as horas extras não são computadas.

 

Para os passageiros, foi mais um dia de sufoco e prejuízos

 O segundo dia de greve dos rodoviários na Região Metropolitana de Belém continuou gerando transtornos à população que depende do transporte coletivo. As alternativas como vans, microônibus, táxi e aplicativos de transportes privado pesaram no bolso. Por causa disso, muitos se atrasaram para o trabalho, e outros nem conseguiram chegar. “Já gastei quase cem reais só de transporte nesses dois dias de greve. No primeiro dia, peguei van e mototáxi, demorei duas horas do bairro da Pratinha até a Pedreira. E hoje [ontem] não está diferente”, reclama Liliane Costa, de 44 anos, operadora de caixa. “O pior é que a gente ainda se atrasa mesmo pegando mais transportes e pagando mais caro. Quando acontece greve, o vale digital não funciona. Não tem bolso que aguente”, reclama.

 O trânsito ficou pesado nos horários de pico nas principais vias da capital. Ao longo do dia, os pontos de ônibus não estavam lotados, mas teve gente que passou horas nas paradas esperando por um transporte alternativo. O auxiliar administrativo Roberto Cabral, 41, desistiu de chegar no trabalho depois de esperar algum meio de transporte no ponto de ônibus no conjunto Marex, bairro Val-de-Cans. Na quinta-feira (19), ele conseguiu pegar carona com um amigo, mas ontem, não teve outra opção, pois também não tinha condições de pegar outro transporte. “Só tenho vale digital. Tem van está cobrando 5 reais para São Brás e nela não aceita o vale. Fica muito difícil. Não sei como vai ser se a greve continuar”, lamenta.

 Se uns reclamam o peso no bolso por pagar mais caro em transportes alternativo, outros comemoram. Como o motorista do aplicativo de transporte privado, Adolias Mascarenhas, 54. Segundo ele, somente no período de 8h às 11h de ontem, ele lucrou R$ 200. “A procura tem sido grande. Muita gente tá dividindo a viagem. Em outros dias, nesse mesmo horário, não consigo nem a metade desse valor”, afirma.

Paralisação também afetou movimento no comércio da capital. Lojistas reclamam

 O movimento grevista também provocou prejuízos para o comércio da capital. Lojistas do centro comercial calculam que somente nos dois últimos dias, houve uma queda de 80% nas vendas. “Estão sendo dias muito ruins. A manhã está terminando e até agora não vendemos nada. Infelizmente a greve só prejudica a gente. As pessoas não vêm para o comércio”, avalia Diana Rocha, de 50 anos, gerente em uma loja de variedades na rua João Alfredo.

 Socorro Aleixo, de 54 anos, supervisora em loja de calçados, também calcula uma queda significativa nas vendas. “Na verdade, o movimento já não estava bom, agora ficou péssimo. Estamos preocupados com as despesas. Tem mercadoria e funcionários para pagar. Bate o desânimo com um movimento tão fraco”, desafaba. De acordo com Marinaldo Campos, diretor do Sindicato dos Rodoviários de Belém, a greve é a única maneira da categoria negociar com a patronal. “Infelizmente, a maior prejudicada é a população. Mas a culpa não é nossa. Queremos negociar a pauta de reivindicação.

 

Os poucos coletivos nas ruas passavam lotados (Foto: Maycon Nunes)

 

Rodoviários chegaram a fechar a rodovia, gerando engarrafamentos (Foto: Maycon Nunes)

 

Quem tentava furar a greve tinha os pneus do veículo furados (Foto: Maycon Nunes)

 Falta do transporte coletivo afastou clientes e deixou as ruas do Centro Comercial vazias (Foto: Ricardo Amanajás)

 

Fonte: Diário do Pará/ Leidemar Oliveira e Michelle Daniel

 

Sul e Sudeste do Pará

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_UNAMAgk-is-100.jpglink
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2018gk-is-100.jpglink

Vídeos

Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016