Em meio à ânimos exaltados projeto de lei é aprovado e segue para o executivo Destaque

Um projeto de lei apresentado na última sessão da Câmara Municipal de Canaã dos Carajás, na noite de terça-feira, 29, causou discussões calorosas. Parlamentares chegaram a deixar a tribuna enquanto, no plenário, munícipes aturdidos, tentavam entender a confusão.

Trata-se do projeto de lei que pede a desapropriação de uma área avaliada em um milhão e meio de reais, destinada à construção de casas que beneficiariam 56 famílias de baixa renda do município. O mesmo foi colocado em pauta, mas o parlamentar Baiano do Hospital (PHS) pediu a retirada do projeto e, em votação, teve seu pedido negado.

Presidente da câmara Wilson Leite, afirmou que o projeto foi colocado em pauta

Diante da negação, o presidente da Casa de Leis, Wilson Leite (PDT), abriu então para a discussão dos vereadores. Momento em que foi enfatizado e defendido por alguns vereadores que o projeto não havia sido discutido em reunião de pauta, portanto era ilegal. “Eu sai 1h e não estava na pauta, esse é um projeto para a desapropriação de um área para possíveis construções de casas, não tenho nada contra, mas não aceito enfiar goela a baixo um projeto que não foi lido, discutido e não tem parecer. Esse é o mesmo terreno que, nós vereadores, colocamos para o prefeito comprar e distribuir e não podia dar 1 milhão de reais nele, mas, agora pode dar um milhão e meio, eu não sou contra o projeto, sou contra a forma de como está sendo feito. O meu voto é contra”, disse a vereadora Maria Pereira (PDT).

Vereadora Maria Pereira (PDT) votou contra o projeto

Diante da fala de Maria Pereira (PDT), o parlamentar Wilson Leite (PDT disse que a mesma estava mentindo e o projeto estava em pauta sim, chegando a utilizar a palavra “leviana” para com a vereadora. A mesma com ânimos exaltados, pediu respeito e reafirmou que o projeto não estava em pauta e se retirou da sessão.

Verador Baiano do Hospital (PHS) pediu a retirada do projeto, mas a maioria do parlamento votou contra

O vereador Baiano do Hospital (PHS) pediu que os colegas de parlamento não votassem a favor de algo errado e disse que o projeto tinha que ser retirado de pauta e que a Casa Legislativa não tinha moral. “Gente, pelo amor de Deus, eu gostaria que meus colegas vereadores do PHS não votassem em coisa errada. Admiro e respeito o presidente dessa casa, em sete anos é a primeira vez que vi uma irregularidade do poder legislativo. Essa casa não tem moral, não tem lei, não tem respeito, o que está fazendo é uma arbitrariedade, meu voto é contra”, disse o parlamentar, que também, com ânimos exaltados, deixou tribuna.

Vereadora Vânia do PDT votou a favor e disse que trabalha para o povo

A vereadora Vânia Mascarenhas (PDT), da base da oposição, disse na tribuna que o projeto estava sim em pauta. “O projeto estava no gabinete e foi decidido que estaria na pauta, porém três vereadores se ausentaram. Temos que respeitar, não sou mulher de mentiras, não tenho rabo preso com ninguém, não tenho medo. O que está nessa pauta foi combinado e discutido, mas cada um aqui pode dar o seu parecer contrário ou favorável durante a sessão. Tem que ter respeito com as pessoas que vêm nos assistir, eu sou a favor sim, porque é para construir casas”.

O vereador Rael da Marcenaria (PHS) disse ser a favor do projeto, desde que haja uma nova discussão interna

O vereador Rael da Marcenaria (PHS) disse ser a favor do projeto, desde que haja uma nova discussão interna. “O projeto é de grande relevância precisamos, desse projeto de imediato, queremos retirar apenas para uma discursão interna, para não virar isso aqui, discussão de menino”, denotou.

O projeto foi muito defendido pelo parlamentar João Nunes (MDB), afirmando que a discussão era pequena diante da necessidade dos munícipes, e que tudo estava dentro da legalidade. O vereador Anderson Mendes (PDT) disse que é papel do presidente decidir o que vai entrar em pauta e que a causa maior ali eram as pessoas que serão beneficiadas e por isso votou sim. 

O vereador João Nunes (MDB), vota a favor do projeto

Para o vereador João Nunes (MDB), o parlamentar tem que votar com consciência e a favor do povo. “Existem muitas discussões que vereadores não participam e querem tirar da pauta de qualquer jeito. Esse projeto estava sim na pauta, eu participei das discussões dele, ele tem pareceres, voto a favor” , disse.

Vereador Junior Garra, votou a favor e afirmou que o projeto é legal

Junior Garra (PR) afirmou que o projeto entrou em discussão às 13hs23mim. “A Comissão de Terra, a qual sou o relator, está aqui para verificar se o terreno é apropriado para o que está pedindo. Eu não posso legislar em causa própria, com base em achismo, vamos colocar a mão na consciência.  Já está passando da hora do vereador conhecer o seu papel”, declarou

Gesiel Ribeiro do PHS, votou contra

A sessão encerrou com o projeto aprovado, votaram contra os vereadores Gesiel Ribeiro (PHS), Rael da Marcenaria (PHS), Baiano do Hospital (PHS) Maria Oliveira (PDT) e os demais votaram a favor.

 

(Samara Guimarães)

Avalie este item
(0 votos)

Sul e Sudeste do Pará

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016