Inicio do período chuvoso em Parauapebas já começa a causar problemas aos moradores da cidade.  A maioria das reclamações é sobre alagamento das vias, que às deixam intransitáveis, queda no fornecimento de energia e internet.

Na manhã desta quinta-feira (18), por exemplo, uma forte chuva que durou aproximadamente 1 hora, alagou diversas ruas de Parauapebas. Na Olavo Bilac, no bairro Caetanópolis uma cratera se formou e acabou engolindo a frente de um carro, um motociclista que também passava no local, caiu no buraco.

Em alguns locais os bueiros entupidos de lixo urbano impediam o escoamento da água, deixando muitas ruas quase intrafegáveis.

Outro problema já registrado foi à falta de energia, em bairros como, Rio Verde e Cidade Jardim, algumas localidades passaram quase 24h sem energia, na última segunda-feira, 15. Já na terça-feira, 16, o prédio da Prefeitura Municipal, localizado no Morro dos Ventos, onde funcionam alguns dos principais órgãos do executivo, passou a manhã sem energia, tendo que liberar grande parte dos funcionários de suas atribuições diárias.

A queda no fornecimento da internet e redução da velocidade é outro grande problema, haja vista que os principais serviços públicos e privados são realizados de forma on-line, às vezes mesmo com internet a queda nos sistemas garantem boas reclamações por parte dos usuários.

 

Um motociclista caiu em buraco e precisou de ajuda de populares para remover seu veículo. 

A  peça da atriz de renome nacional, Maitê Proença estará em Parauapebas no dia 08 (quinta-feira) de novembro. Trata-se do monólogo “A mulher de Bath”, texto de Geoffrey Chaucer, produzido em 1380 e direção de Amir Haddad.  A peça será realizada no Espaço Bahamas, localizado na PA 275, às 21 horas.

O monólogo já passou pelas principais cidades do Brasil, incluindo Rio de Janeiro, São Paulo e a capital paraense, Belém.

O texto da peça traz como tema o feminismo de forma bem humorada e moderna, que aborda temas como, liberdade, sexualidade e livre arbítrio.  A mulher de Bath trata-se de um dos personagens da obra Contos da Cantuária, do escritor inglês Geoffrey Chaucer. A obra que foi escrita pelo autor em 1380 e publicada somente em 1475, representa uma das obras precursoras da literatura medieval inglesa.

Pontos de venda dos ingressos: Drogaria Popular do Pará, no bairro Cidade Jardim,  Vila Texana, CS Clube e Farmácia Zero Hora, Cidade Nova.

(Da redação)

O Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) deu início ao projeto “SAC nas Escolas”, em Parauapebas. O objetivo é garantir cidadania aos alunos da rede municipal de ensino, com idade a partir de 6 anos, por meio da emissão da carteira identidade (RG). A primeira escola contemplada com o projeto foi a Olga da Silva, localizada no Bairro Altamira.

O trabalho foi realizado nesta quinta-feira (18), pelo SAC, em parceria com a direção da escola e Correios que além da emissão do RG também foram disponibilizados os serviços de emissão do Cadastro de Pessoa Física (CPF).  A facilidade na retirada destes importantes documentos garantiu uma grande aceitação de moradores da região. 

Francisca da Silva Rocha aproveitou a oportunidade para tirar o RG e o CPF do pequeno Carlos Eduardo de apenas oito anos de idade. “A melhor parte é que não têm filas, a gente tira os documentos rapidinho sem perder muito tempo”, disse Francisca.

A próxima escola a ser contemplada com o programa será a Plácido de Castros, localizada no Bairro da Paz. É o que explica o Coordenador do SAC, Denis Assunção. Ele acrescentou ainda que as ações acontecem em horários “chave”, de modo a não prejudicar o dia letivo da escola. “O nosso objetivo é levar este projeto a toda rede municipal de ensino e com isso garantir mais cidadania para todos os nossos estudantes”,  disse Denis.

Em apenas dois dias de atendimento cerca de 120 alunos da Escola Olga da Silva, do Ensino Fundamental ao EJA foram contemplados com o “SAC nas Escolas”.

A diretora da escola, Benedita de Jesus (Bibi) explicou que a ação contribui imensamente no fomento a cidadania dos alunos do colégio, pois muitos pais não têm tempo de ir à sede do SAC para realizar a emissão dos documentos de seus filhos. Ela destacou ainda, que a partir de janeiro as matriculas e rematrículas feitas na escola passarão a exigir a documentação completa dos estudantes. “Percebendo esta nova exigência do novo Senso, nós tivemos a ideia de trazer estes serviços que são essências para todos, para dentro da escola”, disse a Diretora.

Francisca da Silva Rocha aproveitou a oportunidade para tirar o RG e o CPF do pequeno Carlos Eduardo.

Denis Assunção, Diretor do SAC disse que as ações acontecem em horários “chave”.

Benedita de Jesus (Bibi), A diretora da Escola Olga da Silva   

 

(Reportagem: Fernando Bonfim)

 

Uma equipe de nutricionistas da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) irá à Vila Paulo Fonteles na próxima sexta-feira, 19, para orientar as mulheres daquela comunidade sobre a importância da alimentação saudável para a prevenção contra o câncer de mama. Será das 9 às 11 horas.

Na vila, o “Dia D” da campanha está marcado para o próximo dia 26, quando uma equipe multiprofissional da Semsa irá realizar uma série de exames nas mulheres daquela comunidade. A programação faz parte da Campanha Outubro Rosa, iniciada no dia 4 passado, com um ato ecumênico na Policlínica, e que será estendida até o final deste mês, numa ação realizada pela Semsa e Rede de Atenção à Pessoa com Doença Crônica (DCNT).

A meta é despertar a consciência de todas as mulheres sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e do colo do útero. “Esse é um momento que nós, representantes do governo municipal, reforçamos a atenção ao câncer de mama. Durante todo o mês de outubro todas as Unidades Básicas de Saúde estarão realizando ações de prevenção e combate ao câncer de mama”, anunciou a diretora da Gestão do Trabalho, Terezinha Guimarães.

A enfermeira e coordenadora da Rede de Atenção à Pessoa com Doença Crônica, Silvana Manito, ressaltou que o público alvo da campanha são  as mulheres na faixa etária de 50 a 69 anos, independentemente de apresentarem algum sintoma. Conforme explicou o oncologista Rodolfo Amoury Júnior, quanto mais avança a idade mais risco a mulher corre de ter a doença.

Daí, a campanha para que elas fiquem sempre atentas não apenas no mês de outubro, mas ao longo do ano, e não deixem de fazer os exames de rotina. A campanha, frisou Amoury Jr., “é só um alerta para que a mulher procure se cuidar”.

Nesse período também é dada maior atenção às mulheres que tiveram ou têm algum caso de câncer de mama na família ou que têm sinal de nódulo, secreção nos mamilos ou alguma alteração na mama, completou a coordenadora Silvana Manito.

Além de ações preventivas contra o câncer de mana e colo do útero, também está sendo ofertado alguns serviços de beleza. 

A meta é despertar a consciência de todas as mulheres sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e do colo do útero.

Mulheres unidas em combate ao câncer de mama e colo do útero. 

DOE LENÇOS

Em Parauapebas, o Instituto Vencendo o Câncer (Ivecan) é a entidade que mais luta para a melhoria do atendimento às mulheres vítimas da doença. E não apenas isso: também trabalha a autoestima delas tendo em vista que muitas acabam entrando em depressão quando descobrem o câncer, o que só piora quando vem a queda de cabelo decorrente da quimioterapia.

Fundadora do Ivecan, Edelves Carvalho faleceu em 2017, mas não sem antes também desenvolver uma campanha de arrecadação de lenços para cabeça para distribuir para as vítimas da doença. Campanha que foi abraçada pelo governo municipal. “Também serão arrecadados e doados lenços durante o mês para as mulheres com câncer. Será uma simples e singela homenagem a elas, que estão enfrentando e lutando contra a doença”, enfatizou Terezinha Guimarães.

Os lenços podem ser doados na Secretaria da Mulher (Semmu), que promoveu ação no prédio da prefeitura, para alertar as servidoras públicas sobre o câncer de mama, com a presença de integrantes do Ivecan e do Conselho da Saúde. A entrega dos lenços para o instituto será na manhã do dia 31 deste mês, na prefeitura. 

Para saber o cronograma da Campanha Outubro Rosa, acesse aqui: Programação da Campanha Outubro Rosa

(ASCOM-PMP)

Moradores do Residencial Alto Bonito receberam na tarde desta terça-feira (16), o projeto Ciranda Cidadã. Na oportunidade foram ofertados serviços de embelezamento para mulheres, como designer de sobrancelha, cortes de cabelo feminino, masculino e infantil, além de recreação e distribuição de brinquedos para as crianças.

A secretária da mulher, Maria Angela da Silva explicou que além da necessidade, o evento foi um pedido da comunidade. “O objetivo destas ações é ir de encontro às necessidades da população, tendo em vista que há uma procura muito grande por estes tipos trabalhos e a prefeitura tem se preocupado em levar estes atendimentos para as pessoas que mais precisam”, disse a secretária.

Também foram ministradas palestras sobre enfrentamento à violência doméstica e sobre a rede de atendimento à mulher; oficinas para customização de sandálias e artesanato; e serviços de saúde, com aferição de pressão arterial e teste de glicemia e atendimento jurídico para a comunidade. 

O trabalho conjunto foi promovido pela Prefeitura de Parauapebas, por meio da (Semmu), em parceria com a Secretaria Municipal de Habitação (Sehab).

O presidente da associação dos moradores do Residencial Alto Bonito, Kennedi Modesto disse que a ação é importante, pois contempla toda a comunidade circunvizinha. “O Alto Bonito tem muitas famílias carentes, pessoas de bem e muitas crianças e são estas as mais beneficiadas com estes trabalhos recreativos. Todo benefício que vem para cá, nós recebemos de todo coração”, frisou Kennedi.

 

 

A secretária da mulher, Maria Angela da Silva explicou que além da necessidade, o evento foi um pedido da comunidade.

O presidente da associação dos moradores do Residencial Alto Bonito, Kennedi Modesto disse que a ação é importante

 

 

 

(Reportagem: Fernando Bonfim)

A Polícia Civil de Parauapebas abriu inquérito policial para apurar a morte e esfaqueamento de duas irmãs ocorrida na Vila Palmares Sul, zona rural, distante cerca 12 quilômetros de Parauapebas.

 De acordo com a GU da viatura 2303 composta pelos PMs  sargento Gidel e cabo Antônio Marcos, eles realizavam patrulhamento na área quando por volta das 23 horas de sábado, 13, foram acionados via Centro de Controle Operacional (CCO) com a informação de um homicídio que teria ocorrido na rua João Pessoa,  em frente a creche Mundo Infantil.

Ao chegar ao local, os PMs constataram a veracidade do fato, duas mulheres da mesma família, uma esposa e a outra cunhada haviam sido esfaqueadas, a cunhada morreu no local enquanto que a mulher do agressor,  que também foi esfaqueada foi  socorrida e encaminhada ao Hospital Municipal de Parauapebas.

A vítima fatal trata - se de Jaciara Pereira dos Santos 27 ano de idade, (cunhada do criminoso) e Anna Lúcia Pereira dos Santos, 30, (esposa do acusado) foi esfaqueada na barriga ficando com as vísceras expostas a mesma foi socorrida  e levada para o hospital Municipal.

De acordo com levantamentos realizados pela reportagem, o autor do feminicídio e da tentativa de feminicídio teria sido o pedreiro, Joel Gomes de Araújo, 34 anos de idade, que não aceitando o fim do relacionamento, tentou contra a vida de sua esposa. Ainda segundo informações, os crimes teriam acontecido após uma discussão entre Anna Lúcia e o acusado, ex-marido dela. 

A briga entre ambos teria ocorrido porque a vítima, mais uma vez, havia se separado de Joel Gomes, que não aceitando o fim do relacionamento, tentou matar a mulher com quem convivia há um ano.

A vítima , Jaciara Pereira foi fatalmente ferida, vindo a óbito ainda no local do crime

No local, a reportagem apurou que as duas irmãs estavam na casa de Anna Lúcia quando o acusado teria chegado e, ao bater na porta, a mesma não a abriu e diante da situação Joel Gomes havia pulado o muro  e com uma faca na mão teria tido uma ligeira discussão com a ex-esposa, Anna Lúcia, briga presenciada por dois parentes. Depois de discutir, Joel Gomes teria partido para cima da mulher e, em dado momento, Jaciara Pereira também foi esfaqueada quando tentava defender sua irmã Anna Lúcia. Ferida fatalmente, Jaciara morreu instantaneamente no local.

 (Reportagem: Caetano Sillva) 

A tradicional Marcha para Jesus, que neste ano de 2018 chegou a sua VII edição, fez parte da programação da 1ª Semana da Cultura Evangélica, realizada em Parauapebas.  A programação iniciou na terça-feira (09) e fechou com chave de ouro na noite de ontem, sábado (13) com o show nacional da cantora gospel, Michelle Nascimento.

A concentração da Marcha para Jesus iniciou as 16h, onde milhares de fieis se concentraram na Praça do Cidadão, no bairro Rio Verde e iniciaram o percurso pela rua Rio de Janeiro, seguindo pela rua 16 até o Centro de Eventos da Assembleia de Deus, no bairro Vila Rica.

O evento é realizado pelo Conselho de Ministros Evangélicos de Parauapebas (COMPEP) em parceria com igrejas locais e apoio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult) e tem como objetivo incentivar a prática cristã na sociedade e união de todos os segmentos evangélicos do município.

No encerramento, houve a apresentação das igrejas participantes e logo depois iniciou as atrações musicais, com a apresentação de bandas gospels locais, que abriram o show nacional da cantora, Michelle Nascimento.

 

Milhares de pessoas membros de diversas igrejas evangélicas de Parauapebas se reuniram em uma grande marcha para Jesus.

 

Show nacional da cantora, Michelle Nascimento.

Shows gospels marcaram a noite de encerramento da 1ª Semana da Cultura Evangélica de Parauapebas.

(Texto: Ingrid Cardoso/ Fotos Israel Lira)

 

Como parte da programação da “Expedição Urubu na Estrada”, promovida pelo pesquisador Alex Bager, professor da Universidade Federal de Lavras-MG, foi realizado na tarde de ontem, quinta-feira, 11, o minicurso sobre monitoramento de fauna atropelada, ministrado para profissionais e estudantes da área.

O minicurso teve duração de quatro horas e fechou a programação da expedição iniciada na terça-feira (9), com uma rica palestra ministrada também pelo pesquisador, Alex Bager, que falou sobre Biodiversidade e Infraestrutura Viária, um conteúdo voltado para toda a comunidade.

Já na quarta-feira (10) o pesquisador ministrou mais uma vez a palestra sobre Biodiversidade e Infraestrutura Viária, só que com um conteúdo voltado para técnicos, profissionais de áreas ambientais.

Foram três dias de imersão em muito conhecimento voltado para a problemática, “atropelamento de fauna em rodovias”. Uma questão muito comum em regiões onde o fluxo de veículos em rodovias, estradas e ferrovias são intensos, necessitando assim, de estudos e criação de estratégias para resolver o problema, principalmente em áreas onde há Unidades de Conservação (UCs) para minimizar a perda de biodiversidade destes ambientes.

Em entrevista, Francilma Dutra, uma das organizadoras da expedição em Parauapebas, ela explica que as atividades visam levar mais conhecimentos, na forma de palestras para o publico em geral e também minicursos para profissionais e estudantes da área.  “Aproveitamos a vinda do professor, para levar mais conhecimento para a comunidade em geral, através de palestras e minicursos capazes de ajudar no trabalho já realizado na região”.

Ainda de acordo com Francilma, o minicurso visa trazer um conhecimento mais técnico, que possa ajudar na tomada de decisão dos profissionais da área em diversas situações.  “O minicurso é para as pessoas que já atuam na área e visa ensinar um pouco mais sobre as metodologias aplicadas nos impactos que as estradas estão causando dentro da nossa fauna. Isto, no intuito de unificar estas informações num protocolo só, para que a gente possa ter uma tomada de decisão em situações como, por exemplo, fazer uma passagem de fauna”,  explicou a técnica.

O pesquisador, Alex Bager, também conversou com a reportagem e falou um pouco sobre a sua trajetória com a expedição. “Durante quatro anos, nós temos monitorado rodovias no Brasil inteiro com atropelamento de fauna, identificamos as principais unidades de conservação que nós já sabíamos que existia muito atropelamento, ou que existe uma malha viária muito grande na região. E hoje estou desenvolvendo uma expedição pelo o Brasil, que vai percorrer mais de 40 mil km e, com isso, passando em 40 unidades de conservação para que a gente possa identificar e fazer um diagnóstico dos impactos de rodovias dentro da nossa biodiversidade”, explicou o pesquisador.

Durante quatro semanas, Alex Bager esteve em Parauapebas realizando este diagnóstico. De acordo com ele, conheceu diversos projetos na região que já vêm trabalhando, durante muito tempo, com essa problemática. Já sobre o diagnóstico, o pesquisador explica que diversas espécies locais têm sido impactadas pelas rodovias.  “Várias espécies locais têm sido impactadas, o que falta agora é a gente reunir essas informações e fazer uma tomada de decisão, de como mitigar ou reduzir esses impactos, dentro da Flona e das demais unidades de conservação que existem aqui na região”, finalizou.  

Sobre a expedição Urubu na Estrada

A ideia da expedição é produzir um diagnóstico em que os resultados sejam convertidos em estratégias de conservação em nível local, regional ou nacional. As estratégias envolveram atores locais, órgãos de diferentes esferas políticas, pesquisadores e estudantes. Em Parauapebas a Expedição Urubu na Estrada contou com o apoio do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio), Cooperture-Carajás e Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semma).

Francilma Dutra, uma das organizadoras da expedição em Parauapebas.

Alex Bager, pesquisador e professor da Universidade Federal de Lavras-MG.

 O minicurso foi ministrado para profissionais, estudantes e técnicos da área. 

(Reportagem: Fernando Bonfim/Texto: Ingrid Cardoso)

Dando continuidade à programação do Círio de Nazaré, em Parauapebas, foi realizado na manhã desta sexta-feira (12), o Círio das Crianças. O evento faz parte da programação oficial e reuniu centenas de famílias em uma procissão que teve largada na Paróquia São Francisco, do bairro Rio Verde até a São Sebastião do bairro Cidade Nova.

No percurso de 2 km, foram realizadas algumas intervenções teatrais, durante algumas paradas da procissão, no intuído de gerar uma reflexão sobre a importância de incluir os pequeninos nas atividades da igreja e da comunidade.

Em entrevista à nossa reportagem, Pe. Hudson Rodrigues disse que este é um dia de muita alegria, pois, além do Dia das Crianças, também é comemorado o Dia Nossa Senhora Aparecida. “Nada melhor do que falar de Deus para estas crianças, para que elas possam crescer neste ambiente saudável que a igreja proporciona, para depois, quando adultos, possam sempre alimentar sua fé”, disse o padre.

Wesley Costa foi participou da procissão com a esposa e  a filha, ele disse que o evento é importante para todos. “É uma forma simples e educativa desde o começo, principalmente para as crianças, pois elas já vão aprendendo os caminhos certos desde pequena. Com tantas atrocidades que presenciamos diariamente em todo país, acho que não há lugar melhor para elas do que estarem na igreja”, conta o pai.

Em entrevista à nossa reportagem, Pe. Hudson Rodrigues disse que este é um dia de muita alegria.

Wesley Costa foi participou da procissão com a esposa e  a filha, ele disse que o evento é importante para todos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

(Por Fernando Bonfim)

Uma boa maquiagem faz uma grande diferença, seja no dia-a-dia ou para dar aquela saidinha à noite. Qual mulher nunca teve vontade de aprender a se automaquiar corretamente e ficar bela o dia todo? Pensando nisso a especialista em maquiagem, Camila Makeup estará em Parauapebas até o dia 18 de outubro trazendo uma super novidade para as mulheres da cidade, o seu curso de auto maquiagem individual.


Com um investimento de apenas R$60, você aprenderá técnicas de make básica, técnicas de make noite e análise de formatos de rostos. E aí gostou? Então não perca tempo e marque logo o seu horário!

Para mais informações  é só ligar no número:  (94) 991709409

Veja mais trabalhos de Camila Makeup: 

Página 1 de 44

Sul e Sudeste do Pará

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_UNAMAgk-is-100.jpglink
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2018gk-is-100.jpglink

Vídeos

Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016