Comunicado oficial sobre o impacto dos cortes orçamentários na UFRA Destaque

Comunicado oficial sobre o impacto dos cortes orçamentários na UFRA Foto: Campus Parauapebas

Com o intuito de levar ao conhecimento da comunidade universitária informações acerca da dinâmica orçamentária da UFRA e diante das recentes notícias veiculadas nos jornais de grande circulação com respeito ao orçamento das universidades federais, a Reitoria esclarece:

Anualmente, nós submetemos ao Ministério da Educação nosso Projeto de Lei Orçamentária Anual – PLOA, onde consta a nossa perspectiva de orçamento para o ano seguinte.
Ao ser aprovado o PLOA, compete ao Presidente da República sancionar a Lei Orçamentária Anual – LOA da União. Ao sancionar a LOA, o Presidente ratifica ou ajusta os valores dos créditos orçamentários que serão repassados a todas as unidades (ministérios, universidades, entre outros). Nesse ano, o Decreto de Programação Orçamentária e Financeira foi publicado em 15 de fevereiro e nele foi estabelecido o cronograma de desembolso do Poder Executivo, ou seja, a liberação de limite para utilização de nosso orçamento ao longo do ano. Merece destaque o fato de que as liberações não ocorrem em datas pré-programadas já que dependem do cenário macroeconômico do país.

Até o presente momento nos foi liberado 40% do limite para despesas de manutenção e 10% para despesas com investimentos. O primeiro, foi em grande parte utilizado para pagamento de nossas despesas fixas; já o segundo, para a aquisição de uma pequena parcela de equipamentos essenciais às atividades acadêmicas. Nesse cenário, sem que haja nova liberação, ficamos impedidos de executar novas despesas.

Por fim, como já é de conhecimento de todos, em 30 de abril o MEC realizou o bloqueio de crédito de 30%, em média, no orçamento das universidades e institutos federais. Na UFRA, esse bloqueio representou:

  • 30% na ação de capacitação de servidores;
  • 33% nas bolsas de PIBIC, PIBEX e editais das pró-reitorias acadêmicas;
  • 34% nas ações de manutenção da Universidade;
  • 30% nas ações de manutenção do hospital veterinário;
  • 30% nas ações de investimentos do hospital veterinário;
  • 100% em ações remanescentes de obras.

Como consequência, a UFRA vem a público esclarecer que caso não surja um fato novo, dos 60% de limite para despesas de manutenção que ainda teríamos a receber, só poderemos executar a metade, o que inviabilizaria o funcionamento da universidade nos próximos meses.

Para manter as atividades formativas, a UFRA já vinha priorizando as atividades finalísticas, que impactam diretamente na formação dos nossos alunos, de modo que esse contingenciamento inviabiliza a instituição, pois compromete os pagamentos de contratos terceirizados de limpeza e segurança, água, luz, capacitação de servidores, bolsas de pesquisa e extensão, manutenção do hospital veterinário, manutenção de equipamentos laboratoriais e aulas práticas.

Diante desse panorama, a gestão superior comunica que está empenhando todos os esforços, com o apoio de sua comunidade universitária, para defender nas instâncias pertinentes a recomposição integral do orçamento estabelecido na Lei Orçamentária (LOA) de 2019 e a necessidade de reversão de tal contingenciamento.

Belém, 03 de maio de 2019

 

Fonte: novo.ufra.edu.br

Avalie este item
(0 votos)

Sul e Sudeste do Pará

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2019.CORRIDA_DOS_PAIS_RODAPEgk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016