Colégio Sophos aposta na criação de mídia digital como ferramenta educativa e incentivo à pesquisa Destaque

Nos tempos atuais, em que as coisas caminham cada vez mais para o lado digital, assim como outras áreas, a educação tem acompanhado esta tendência. E, seguindo esta linha, o programa “Construindo Saberes”, desenvolvido pelo Colégio Sophos está promovendo o projeto “Protagonismo Juvenil e Tecnologia Digital”. A ação, que propôs aos alunos do ensino fundamental e médio, a criação de jornal digital tem como objetivo incentivar a pesquisa e a leitura, através do uso de ferramentas e digitais.

O projeto propôs aos alunos pesquisa, criação, diagramação e apresentação em sala de um jornal digital, com temas voltados ao conteúdo das matérias que eles estudam. Além de compartilhar conhecimento em sala, o jornal também será publicado nas redes socias dos alunos e da escola. A proposta abrangeu os alunos de 6º aos 9° do ensino fundamental e todas as séries do Ensino Médio, que muito se empenharam para apresentar um grande projeto.

O professor de História e coordenador do projeto, Everlanio Cunha, disse que a educação é algo que não muda, no entanto ela precisa se adaptar as mudanças constantes do mundo em que vimemos. “A ideia desse projeto é que os alunos possam interagir com a tecnologia e produzir conhecimento, ou seja, eles como protagonistas do próprio conhecimento. A leitura, pesquisa, escrita, produção e sistematização dos textos são exemplos de habilidades que eles adquirem e praticam durante a execução de trabalhos como este”, disse o professor.

A Diretora Pedagógica do Sophos em Parauapebas, Rosa Peixoto Alves, enfatizou que o projeto do jornal já acontece há quatro anos, e a cada ano que passa ele é aprimorado, seguindo as novas tendências e adquirindo um novo formado.  “Além dos alunos exporem a apresentação, eles conseguem na formatação do jornal, aprender trabalhando com conteúdo de sala de aula. Sendo assim, mais uma forma deles adquirirem mais conhecimento e aprendizado”, disse a diretora.

Diego Alvino, da 3º série do ensino médio, disse que a aula se torna mais didática e todos saem ganhando, quando se trata de compartilhar conhecimento entre as turmas. “Ajuda bastante, principalmente na oratória, pelo fato da gente ter que apresentar para muitos alunos. Então este projeto nos ajuda bastante nesta parte”, disse o aluno.

Rosa Peixoto Alves, Diretora Pedagógica do Sophos em Parauapebas. 

Everlanio Cunha, O professor de História e coordenador do projeto. 

 Diego Alvino, aluno da 3º série do ensino médio aprovou a iniciativa. 

 A primeira apresentação foi realizada pelos alunos do Ensino Médio

A apresentação dos alunos do Ensino Fundamental foi realizada nesta quarta-feira, 13.

 

 

Por Fernando Bonfim

Avalie este item
(0 votos)

Sul e Sudeste do Pará

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2019.CORRIDA_DOS_PAIS_RODAPEgk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016