Carajas o Jornal

Carajas o Jornal

Militantes do MST, estudantes, professores e membros de demais entidades sociais de Parauapebas aderiram à paralisação nacional ocorrida nesta sexta-feira (14) em prol da Previdência e da Educação.  

A manifestação reuniu em torno de 150 pessoas, em Parauapebas que realizaram uma caminhada pelas principais vias da cidade com faixas e frases de ordem. O grupo se diz contra a reforma da previdência e cortes na verba da educação propostas pelo Governo Federal.

Nas primeiras horas da manhã de hoje, os manifestantes se concentraram no Centro de Desenvolvimento Cultura (CDC) e saíram em caminhada pelas ruas: F, 11, E e 6. Enquanto outro grupo de manifestantes, membros do MST, ocuparam a PA 275, nas proximidades do Acampamento Frei Henry de Roisers entre o município de Parauapebas de Curionópolis.

 Raimundo Ferreira, militante do Movimento dos trabalhadores Sem Terra (MST)

Em entrevista, Raimundo Ferreira, militante do Movimento dos trabalhadores Sem Terra (MST) disse que o bloqueio da pista, além de aderir à paralisação nacional foi realizado também para chamar a tenção para os problemas do movimento.  Pois de acordo com ele, a ordem de despejo dos ocupantes do acampamento Dalcídio Jurandir, localizado no município de Eldorado do Carajás, trará grandes prejuízos para as  mais de 200 famílias assentadas. “É um acampamento que tem mais de 11 anos e agora há uma liminar de ordem de despejo para próximo dia 17. É um acampamento que contribui com a economia:  só de leite são produzidos mais de 10 mil litros por dia é e de onde as famílias tiram seus sustentos. Se ele saírem de lá, o governo tem onde colocar esse povo?”, indaga Raimundo.

Luziano Carvalho que estava entre os manifestantes

No centro da cidade, um grupo realizou uma caminhada pelas principais ruas. “Todos nós, trabalhadores, independentemente de ser do campo ou da cidade, estamos aqui para dizer que estamos insatisfeitos com esta tragédia que o Governo Federal está tentando nos empurrar goela a baixo. A reforma da Previdência é uma retirada de direitos perversa”, disse Luziano Carvalho, que estava entre os manifestantes.

 

Era por volta das 10h da manhã quando a pista foi desobstruída.

 

Outro grupo realizou uma manifestação no bairro Cidade Nova.

 

 

Nos tempos atuais, em que as coisas caminham cada vez mais para o lado digital, assim como outras áreas, a educação tem acompanhado esta tendência. E, seguindo esta linha, o programa “Construindo Saberes”, desenvolvido pelo Colégio Sophos está promovendo o projeto “Protagonismo Juvenil e Tecnologia Digital”. A ação, que propôs aos alunos do ensino fundamental e médio, a criação de jornal digital tem como objetivo incentivar a pesquisa e a leitura, através do uso de ferramentas e digitais.

O projeto propôs aos alunos pesquisa, criação, diagramação e apresentação em sala de um jornal digital, com temas voltados ao conteúdo das matérias que eles estudam. Além de compartilhar conhecimento em sala, o jornal também será publicado nas redes socias dos alunos e da escola. A proposta abrangeu os alunos de 6º aos 9° do ensino fundamental e todas as séries do Ensino Médio, que muito se empenharam para apresentar um grande projeto.

O professor de História e coordenador do projeto, Everlanio Cunha, disse que a educação é algo que não muda, no entanto ela precisa se adaptar as mudanças constantes do mundo em que vimemos. “A ideia desse projeto é que os alunos possam interagir com a tecnologia e produzir conhecimento, ou seja, eles como protagonistas do próprio conhecimento. A leitura, pesquisa, escrita, produção e sistematização dos textos são exemplos de habilidades que eles adquirem e praticam durante a execução de trabalhos como este”, disse o professor.

A Diretora Pedagógica do Sophos em Parauapebas, Rosa Peixoto Alves, enfatizou que o projeto do jornal já acontece há quatro anos, e a cada ano que passa ele é aprimorado, seguindo as novas tendências e adquirindo um novo formado.  “Além dos alunos exporem a apresentação, eles conseguem na formatação do jornal, aprender trabalhando com conteúdo de sala de aula. Sendo assim, mais uma forma deles adquirirem mais conhecimento e aprendizado”, disse a diretora.

Diego Alvino, da 3º série do ensino médio, disse que a aula se torna mais didática e todos saem ganhando, quando se trata de compartilhar conhecimento entre as turmas. “Ajuda bastante, principalmente na oratória, pelo fato da gente ter que apresentar para muitos alunos. Então este projeto nos ajuda bastante nesta parte”, disse o aluno.

Rosa Peixoto Alves, Diretora Pedagógica do Sophos em Parauapebas. 

Everlanio Cunha, O professor de História e coordenador do projeto. 

 Diego Alvino, aluno da 3º série do ensino médio aprovou a iniciativa. 

 A primeira apresentação foi realizada pelos alunos do Ensino Médio

A apresentação dos alunos do Ensino Fundamental foi realizada nesta quarta-feira, 13.

 

 

Por Fernando Bonfim

A Justiça estadual acatou pedido feito pelo Ministério Público do Estado do Pará, em ação de improbidade administrativa ajuizada pelo promotor de Justiça Hélio Rubens Pinho Pereira, e determinou o afastamento do secretário de Urbanismo do Município de Parauapebas, Edmar Cruz Lima e do engenheiro e fiscal do contrato Elton Nunes. Foi determinado ainda o bloquei de bens de ambos. A motivação da ação foram ilegalidades encontradas no contrato de iluminação pública do município.

De acordo com as investigações levadas a cabo pelo promotor de Justiça Hélio Rubens houve várias ilegalidades no processo licitatório e na execução do contrato. "Dentre os ilícitos detectados destacam-se: a presença de exigências editalícias impertinentes, voltadas apenas para restringir a competição, o direcionamento do certame, o superfaturamento do preço e o fornecimento de mercadoria diversa daquela ofertada", relatou.

 

Uma das ilegalidades que mais chamou a atenção durante as investigações do Ministério Público foi o fato de que o consórcio vencedor da licitação ofereceu luminárias de uma marca, mas entregou ao Município luminárias de marca diversa. As luminárias de marca diversa foram aceitas pelo poder público e instaladas no parque municipal sem comprovação de suas qualidades técnicas.

“O requisito de que a licitante deveria apresentar, como condição para a habilitação, os ensaios técnicos das luminárias ofertadas valeu apenas para as interessadas desclassificadas”, destacou o promotor de Justiça Hélio Rubens.

O Ministério Público identificou também como grave ilegalidade no certame licitatório o fato da administração, por meio de seus técnicos, ter pleno conhecimento de que a divisão em dois lotes facilitaria a competição, baratearia o preço e, ao mesmo tempo, não traria qualquer inconveniente de ordem técnica. A escolha por lote único foi ilegal e gerou prejuízo ao interesse público. 

“Tomando por base todo o contexto fático, percebe-se que a escolha do lote único compõe mais um elo na intrincada cadeia de ilegalidades”, frisou o promotor.

  

Fonte: MPPA

Genésio da Silva Filho fala com orgulho sobre o pai, o homem que descobriu Serra Pelada. Ele era o dono da fazenda onde a corrida do ouro começou. Hoje, o terreno pertence à mineradora Vale e só restaram as ruínas da casa da família. Para Genésio, porém, hoje dono de uma emissora de TV no Pará, o passado está bem vivo na memória.

Fonte: Câmera Record

Foi inaugurada na manhã desta sexta-feira (7), mais uma escola de ensino infantil, em Parauapebas. A Escola de Ensino Infantil Aurino Gonçalves, está localizada no Bairro Parque das Nações II irá atender mais de 500 alunos do complexo VS10.

O prédio de 2.446,56 m², localizado na Avenida Brasil, impressiona pelo tamanho e infraestrutura, distribuída em 12 salas de aulas, sala de leitura, sala multiuso, brinquedoteca, playground, refeitório, cozinha, pátio coberto, bloco administrativo e banheiros acessíveis.

Toda a infraestrutura atenderá os alunos de cerca de 30 bairros do complexo VS10, dentre eles: Planalto, Bom Jesus, Califórnia, São Luís, São Lucas, Brasília, Boa Esperança, Raio do Sol e o próprio Parque das Nações.

O prefeito municipal, Darci Lermen, esteve na inauguração da escola e em seu discurso, disse que o momento é um sonho que se realiza. Ele pontuou ainda, que se projeta a construção de mais outras escolas no município, como por exemplo mais uma unidade educacional no bairro Jardim Planalto.  “Assim vamos construindo, passo a passo cada uma daquelas promessas que nós fizemos, mais educação para todos. Ponto este de extrema importância, para as crianças pequenas, para as crianças do ensino fundamental e também para jovens adultos”, disse o prefeito.

O vereador Rafael Ribeiro também esteve no evento e falou que a escola é um presente em comemoração aos 31 anos de Parauapebas. “Este é mais um grande presente para as famílias do complexo VS10. Essa escola é de fundamental importância para toda a comunidade, uma escola moderna e com uma estrutura de excelência”, disse o vereador.

O secretário Municipal de Educação, Luiz Vieira, destacou a importância que a escola terá para os bairros circunvizinhos e comunidade em geral. “Escola é espaço sagrado, um local onde as centenas de crianças criarão seus alicerces, onde não precisarão mais se deslocar para outro bairro para ter o direito à educação”, finalizou o secretário.      

 

O prefeito municipal, Darci Lermen, esteve na inauguração da escola.

O vereador Rafael Ribeiro (à esquerda) falou que a escola é um presente em comemoração aos 31 anos de Parauapebas.

O secretário Municipal de Educação, Luiz Vieira, destacou a importância que a escola terá para os bairros circunvizinhos.

 

Por Fernando Bonfim

 

 

Acabou de chagar mais um caminhão carregado de flores no Verdadeiro Festival da Flores de Parauapebas e Canaã dos Carajás. Agora  parauapebenses e canaenses podem contar com mais 11 espécies de flores e plantas ornamentais e frutíferas que somarão aos mais de 100 tipos já existentes no evento.

Entre as novidades estão: Celosia, Rosa do Deserto, Tomates-Cereja e roseiras diversas. Para aqueles já querem se programar para o natal, chegou também uma grande quantidade de pinheiros dos mais diversos tamanhos, ideais para ornamentação natalina.

A professora Erivelta Ribeiro amou as novidades e disse que ficou encantada com as variedades. “É uma oportunidade para a gente melhorar o nosso jardim. Além da diversidade os valores estão bem em conta”, disse a visitante.

Duas cidades no sudeste paraense estão recebendo O Verdadeiro Festival das Flores, são elas, Parauapebas e Canaã dos Carajás. Em Parauapebas o evento está sendo realizado na Praça dos Metais, Bairro Cidade Nova,  em Canaã dos Carajás, na Av. Weyne Cavalcante, no canteiro central ao lado das lojas Americanas. A entrada é franca nos dois eventos.

 

 

 

Celosia

Girassol

 

 

 

 

 

 

Pinheiro

Tomate-Cereja

 

A professora Erivelta Ribeiro amou as novidades e disse que ficou encantada com as variedades.

 

 

Rosa do Deserto

Em alusão ao Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado nesta quarta-feira (05) a Defesa Civil de Parauapebas realizou um trabalho de plantio de árvores às margens do Rio Parauapebas. Mais de 600 mudar foram plantadas com o auxílio dos moradores que residem nestas localidades.

Ao todo 650 mudas de 06 espécies, frutíferas e nativas foram plantadas nas áreas do Riacho Doce, Liberdade e VS-10. O trabalho de reflorestamento tem como objetivo amenizar os impactos causados pelo assoreamento nas encostas do rio.

Erick Nascimento, Técnico em Devesa Civil, explicou que o trabalho foi realizado entre Defesa Civil e Secretaria Municipal de Produção Rural, e além de ajudar a natureza tem como fim simbólico pelo dia em especial. “A gente vai fazer o plantio, principalmente nas áreas de risco e também pretendemos, com isso, promover um trabalho educativo junto à população, distribuindo algumas mudas e recolhendo alguns resíduos que são deixados por quem frequenta estes locais e acabam deixando”, disse o técnico.

Barbara Ferreira aproveitou o trabalho da Defesa Civil para adquirir algumas mudas para plantar em seu quintal. Ela parabenizou o trabalho dos agentes e disse que iniciativas do tipo deveriam ser realizadas mais vezes. “Peguei uma muda de goiaba, duas de ingá e três de ninho. Eu irei plantá-las aqui no meu quintal. É pouco, mas de certa forma, é bom saber que eu estou contribuindo com a natureza”, disse a moradora.

Erick Nascimento, Técnico em Devesa Civil, disse que o trabalho realizado em conjunto com a Secretaria de Produção Rural.

Barbara Ferreira aproveitou o trabalho da Defesa Civil para adquirir algumas mudas.

 

(Reportagem Fernando Bonfim)

O vereador, Rafael Ribeiro solicitou na sessão desta terça-feira (04), na câmara municipal, que a prefeitura realize obra de cobertura nas quadras esportivas ao logo do ‘calçadão’ da PA-275, em Parauapebas.

Na indicação de Nº 175/2019 o parlamentar pediu que fosse encaminhados ofícios ao prefeito municipal e aos secretários: De Obras e Esporte e Lazer do município, solicitando reformas e colocação de cobertura nas seguintes quadras;

1ª próxima à rua JK;

2ª em frente ao quartel do 23º batalhão de polícia militar;

3ª próxima à portaria da Floresta Nacional de Carajás.

Rafael Ribeiro ainda solicitou a reforma da quadra de esportes situada na Rua Castelo Branco com Rua Sete de Setembro, no Bairro Rio Verde, apelidada pelos frequentadores como “Quadra do Devanir”.

O parlamentar defendeu que a “pratica de esportes é essencial para o desenvolvimento de todo ser humano, principalmente crianças e adolescentes” e disse que “é possível educar através da prática esportiva”, ensinando jovens e crianças a “ter pensamento mais coletivo, respeitar os adversários”, além de gerar o senso de “comprometimento e disciplina”, descartou.

O legislador também usou do pequeno expediente para solicitar à prefeitura municipal que execute os mesmos trabalhos de melhorias na quadra de esportes da vila Cedere I, situada em frente à igreja católica. O vereador pediu ainda que seja implantada iluminação no campo de futebol daquela comunidade, pois, de acordo com ele, “esta é uma solicitação dos próprios moradores que têm a necessidade de utilização do espalho para a prática esportiva no período noturno”, concluiu o vereador.

A Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) está realizando um Processo Seletivo Especial (PSE) aberto para preenchimento de vagas remanescentes nos seus cursos de graduação para o segundo semestre de 2019. São 500 vagas distribuídas nos seis campis da universidade: Belém, Capanema, Capitão Poço, Paragominas, Parauapebas e Tomé-Açu.

As inscrições poderão ser feitas de 06 a 16 de junho de 2019, por meio do formulário que será disponibilizado site da instituição. A seleção dos candidatos será feita através de prova de redação que será realizada no dia 07 de julho de 2019, da 8:00h às 11:30h campi da UFRA onde o candidato optar por realizar a prova.

Em Parauapebas serão ofertadas 44 vagas, divididas em 05 cursos: Administração, Agronomia, Engenharia de Produção, Engenharia Florestal e Zootecnia.

Serão duas modalidades de seleção: Modalidade Interna (MODIN) é voltada para alunos de cursos de graduação da Ufra com vínculo ativo. Já a Mobilidade Externa (MODEX) é voltada para portadores de diploma de curso de graduação e alunos de graduação de outras instituições de ensino superior, conforme requisitos do edital.

Por Fernando Bonfim/Com informações UFRA 

Durante a realização da 9ª edição do Festival das Flores, evento que está sendo realizado em Parauapebas desde a última sexta-feira, 31, tem atraído milhares de pessoas à Praça dos Metais, que aproveitaram também para conhecer os produtos artesanais, que vão desde doces a produtos de higiene pessoal, produzidos por artesãs da cidade.

Na banca das artesãs, Taiomara Pereira e Monika Zechner, o cliente podia encontrar produtos de higiene pessoal, aromatizadores de ambiente, água para lençóis sprays, sais de banho, sabonetes de frutas e uma infinidade de lembranças para festa. Em entrevistas, Monika Zechner, reforçou que “todos os produtos são feitos de materiais puros” , excluindo ao máximo “industrializados que possam agredir alguns tipos de pele mais sensíveis”, disse a pequena empreendedora.

A criatividade culinária da Magnolia valorizou um produto tipicamente paraense, o carro chefe da banca dela é o doce de castanha do Pará, mas ela também fabrica doces de outros sabores como leite ninho, shake de morango, de baunilha, milho verde, maracujá, frutas vermelhas e geleia de abacaxi com pimenta.

Os produtos artesanais das vendedoras estão em exposição todas as sextas-feiras na Praça Metais e aos sábados na Feira do Lago do bairro Nova Carajás, ou através dos telefones: [94 981209116 / 94 984041733 - doces artesanais] [94 8160-9052 aromatizadores artesanais e produtos de higiene pessoal]

Outra cidade que também já está recebendo O Verdadeiro Festival das Flores, é Canaã dos Carajás. O evento, que neste ano completa a sua 5ª edição, está sendo realizado de 01 a 09 de junho na Av. Weyne Cavalcante, ao lado das Americanas e promete movimentar a cidade.

Na banca das artesãs, Taiomara Pereira e Monika Zechner, o cliente podia encontrar produtos de higiene pessoal, aromatizadores de ambiente. 

A Magnolia valorizou um produto tipicamente paraense, o carro chefe da banca dela é o doce de castanha do Pará.

 

 

Sul e Sudeste do Pará

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_UNAMAgk-is-100.jpglink

Vídeos

Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016