Carajas o Jornal

Carajas o Jornal

Lideranças políticas e simpatizantes das cinco mesorregiões do Estado marcaram presença em peso na posse do novo Secretário Regional de Governo do Sul e Sudeste do Pará, João Chamon Neto. O Evento foi realizado nesta sexta-feira (22) no Carajás Centro de Convenções e Eventos de Marabá e contou, inclusive, com a presença do Governador do Estado, Helder Barbalho, que fez questão de empossar pessoalmente o aliado.

Representantes do Incra, do Iterpa e assentamentos também estiveram no evento.

Haviam assentados que aguardavam pelo título de posse de suas terras desde 2011.

Dando continuidade à agenda administrativa, Helder Barbalho também empossou a mais nova Secretária Regional de Fazenda, Lilian Nogueira e através do Instituto de Terras do Pará (ITERPA) e Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), realizou a entrega de 312 títulos de terras aos assentados de ocupações dos municípios de Breu Branco e Goianésia.

Governador do Pará Helder Barbalho

Em seu pronunciamento o Governador do Estado abordou diversas linhas de atuação de seu governo durante o mandato, entre eles, se destacaram a regulamentação fundiária, Lei Kandir, saúde, educação e os trabalhos na tentativa de reduzir o preço da energia elétrica no Pará.

Direcionado ao seu mais novo Secretário, Helder desejou-lhe muito sucesso neste novo desafio e disse que ele fará uma excelente gestão à frente da Secretaria, pois tem experiência na gestão pública. “Será daqui de Marabá que você, Chamon, irá atender as demandas de cada prefeito e cada comunidade, para que possamos realizar a visitação em loco das pautas mais simples às mais sensíveis e, consequentemente, fazer com que cada demanda seja atendida de modo especial”, disse Helder.

Secretário Regional de Governo do Sul e Sudeste do Pará, João Chamon.

A Secretaria Regional de Governo do Sul e Sudeste atende as demandas de 39 municípios da mesorregião sudeste. Em seu discurso de posse, João Chamon expôs que este trabalho será um dos maiores desafios de sua carreira política, pois se trata de uma área extensa e com muitas demandas. “Desafios fazem parte da vida de qualquer pessoa; eles existem para serem enfrentados e vencidos”, disse. Chamon também destacou que tocará a Secretaria com a mesma “disposição, dedicação e perseverança que enfrentou em seu mandato como deputado estadual”, concluiu.

 

Vice-Líder na Assembleia Legislativa do Pará, e Wenderson Azevedo Chamon (Chamonzinho) desejou a seu pai, João Chamon, sabedoria acima de tudo na condução de seu cargo e disse que hoje está no legislativo estadual para dar prosseguimento aos trabalhos e lutas de seu pai, em prol das regiões sul e sudeste paraense.

Chamonzinho reforçou a fala do Governador explanando que a regulamentação fundiária não é feita apenas na zona rural, mas também na zona urbana. “Todos sabemos que as áreas rurais necessitam de titulação, mas as áreas urbanas também precisam de título, para que o cidadão possa ter o documento da sua casa ou do seu lote”, disse Chamonzinho.

 

(Reportagem: Fernando Bonfim)

 

 

 

 

 

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Canaã dos Carajás abre inscrições para a realização do processo seletivo simplificado, para contratação de mão-de-obra celetista e temporária para os níveis, fundamental, médio e superior.

A entrega dos currículos e demais documentação podem ser entregues na sede da APAE de Canaã dos Carajás, localizada na Rua Amazonas nº 371, Centro; em horário comercial ou pelo e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

As vagas disponíveis dispõem de salários que variam de R$ 998,00, para nível médio e R$ 3.836,87 para nível superior.

Para se inscrever, os candidatos deverão preencher ficha de inscrição e apresentar cópias dos seguintes documentos: RG; CPF; Comprovante de endereço, Curriculum Vitae com telefone de contato (Obrigatório) e e-mail (preferencialmente do candidato); comprovante de escolaridade compatível com o cargo (diploma ou certificado de conclusão).

Os editais com as demais informações do processo seletivo, referente a cada cargo podem ser baixados no topo desta matéria.

Das vagas para nível médio.

Das vagas para nível superior.

Cronograma do processo seletivo.

A Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (Settran), em parceria com a Polícia Militar, recuperou 12 motocicletas com registro de roubo e furto em Canaã dos Carajás. Todos os veículos foram abordados, avaliados e removidos para o pátio do órgão após operações fiscalizatórias.

As fiscalizações aconteceram em vários bairros da cidade e também na zona rural. Os veículos foram apresentados na Delegacia de Polícia na manhã desta segunda-feira (18), mas continuam retidos no pátio da Settran, visto que a delegacia, atualmente, está sem espaço para armazenamento das motocicletas.

Conforme esclareceu a Settran, os proprietários das motocicletas devem procurar a Delegacia de Polícia em posse dos documentos pessoais e do veículo para o procedimento de recuperação. Logo após isso, o usuário será encaminhado para a Settran e poderá retirar o seu veículo no pátio do órgão.

Uescley Amorim, secretário municipal de trânsito e transporte, falou sobre as fiscalizações realizadas. “As operações conjuntas são fundamentais para que a gente promova um trânsito mais seguro e também para recuperar veículos que foram roubados. A ideia é que as fiscalizações continuem a acontecer em todo o município.”

A prefeitura de Canaã dos Carajás, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social, já realiza desde esta segunda-feira (18) o cadastramento de famílias que se enquadram nos critérios para o recebimento das 2 mil cestas que serão concedidas na ação “Carnaval Solidário”, que visa atender famílias em situação de vulnerabilidade social no município.

Os cadastramentos estão sendo realizados nos Centros de Referências em Assistência Social (CRAS) dos bairros Novo Brasil e Novo Horizonte. As famílias que desejam se cadastrar devem procurar a unidade mais próxima da sua residência.

O atendimento está sendo feito a partir das 7h e até as 18h, com pausa para o almoço entre as 12h e 13h. O cadastramento, na zona urbana, segue até a próxima sexta-feira (22). Na zona rural, haverá um calendário diferente de cadastros (veja o cronograma abaixo) e a triagem será ativa: ou seja, os técnicos da Secretaria já vão procurar as famílias em situação de vulnerabilidade, cruzando dados recebidos dos agentes comunitários de saúde, de associações rurais e de entidades religiosas.

“Estamos de portas abertas para atender toda a população e nossa equipe técnica está concentrada nisso, mas pedimos a compreensão das pessoas que não precisam para que não tirem a oportunidade dos que mais precisam”, solicitou o secretário de Desenvolvimento Social do município, Ronaldo Araújo, em entrevista à Rádio Correio, nesta terça-feira (19). “Nossa preocupação, e a intenção do projeto, é atender os critérios das pessoas que mais precisam”, completou.

Segundo o secretário, após o cadastramento dos interessados, a prefeitura vai iniciar visitas técnicas às famílias selecionadas, que serão feitas a partir da semana que vem, garantindo a lisura do processo. “Queremos deixar bem claro que é um processo com critérios, não adianta procurar indicação de um ou outro”, resumiu.

Sobre o Carnaval Solidário

A prefeitura de Canaã dos Carajás decidiu realizar um Carnaval diferente em 2019. Dessa vez, a administração não irá patrocinar festas ou shows, mas aproveitar a data para fortalecer a Ação Social no município. Com o dinheiro que seria utilizado na festa, a prefeitura vai distribuir cerca de 2 mil cestas básicas para famílias em situação de vulnerabilidade de Canaã.

Vale destacar ainda que a decisão da administração não impede os cidadãos que gostam de brincar o Carnaval de aproveitarem a festa. Para isso, os blocos podem buscar patrocínio das empresas privadas ou ainda participarem das programações que serão realizadas nas casas de show e em eventos particulares.

Veja abaixo o calendário de cadastros na zona rural:

  • Dia 25: Vila dos Imigrantes
  • Dia 26: Vila Jerusalém
  • Dia 27: Vilas Planalto, Serra Dourada e Bom Jesus
  • Dia 28: Vilas Ouro Verde e Feitosa

Horas na academia, fotos de antes e depois, dicas de dieta proteica. O modo de vida fitness, que tem como cotidiano de exercícios físicos de forças regulares, hábitos alimentares mais saudáveis e principalmente a busca pelo corpo mais tonificado está ganhando cada vez mais espaço na vida das pessoas. Seja por motivos estéticos ou para buscar um melhor condicionamento físico.

Com o final das férias e a chegada do carnaval, as pessoas procuram correr atrás do prejuízo e vão para as academias. Os quilinhos a mais que conseguiram ganhar nas férias incomodam principalmente as mulheres, que dedicam parte do seu tempo às atividades físicas.

Denize Campos frequenta a academia, e diz que a força de vontade faz a diferença.        “Acordo todos os dias às 6h da manhã para malhar, quando não vou à academia me exercito em casa mesmo, mas não deixo de fazer as minhas atividades físicas”, diz Denize.

Celiane da Cruz é sócia de uma academia e também treinadora, ela fala da procura pelas atividades físicas. “As pessoas nos procuram no começo do ano na intenção de começar um projeto de vida saudável. Já as que treinam há algum tempo vêm motivados a alcançar a meta que foi colocada no início dos treinos”.

Em entrevista ao Portal Carajás o Jornal, Jucelia Feitosa, proprietária de academia, mostra quais são as modalidades que mais são procuradas pelo público. “A ginástica aeróbica e localizada, a musculação e artes marciais são o carro chefe na hora da procura pela boa forma”, relata Jucelia.

Na busca pelo corpo perfeito, cuidados devem ser tomados para não haver exageros nos exercícios físicos, a começar pela orientação profissional. Cuide da saúde praticando exercícios físicos para ter uma melhor qualidade de vida.

Denize gosta de praticar exercícios físicos, em casa ou na academia.

Celiane da Cruz, Sócia de academia.

Jucelia Feitosa, proprietária de academia, explica quais são as modalidades mais procuradas.

 

(Por Raquel Sá)

A Universidade Federal do Pará (UFPA abriu edital para o processo seletivo do Programa Permanência nas modalidades Permanência e Moradia, destinados a estudantes de cursos de graduação em situação de vulnerabilidade socioeconômica. As inscrições serão realizadas no período das 8h do dia 20 de fevereiro até às 17h do dia 27 de março de 2019. Para este ano, estão sendo ofertadas 1.570 bolsas no valor de R$ 400. Do total de auxílios, 40% são destinados a candidatos novos e 60% a candidatos em renovação e assistidos com auxílio-emergencial.

Os auxílios são destinados a estudantes que estejam cursando, prioritariamente, a primeira graduação, na modalidade extensiva e não possuam condições financeiras de arcar com o custeio integral ou parcial de despesas como moradia, alimentação, transporte e material didático. A vigência dos auxílios é de 12 meses.

 

Inscrições

 

Para participar, o estudante deve acessar o Sistema Gerencial de Assistência Estudantil (SIGAEST) e inscrever-se no Programa Permanência/2019. Os alunos podem solicitar somente a modalidade Permanência, somente a modalidade Moradia ou ambas as modalidades. Em seguida, deve realizar o preenchimento completo dos questionários socioeconômico e pedagógico, referentes aos auxílios solicitados.

 

Documentos

 

Os estudantes matriculados nos Campi de Belém, Ananindeua e Tucuruí devem enviar, exclusivamente, de forma on-line, no Sigaest, os documentos exigidos pelo edital em arquivo de imagem, no formato JPG e tamanho máximo de 500 kbytes.

Os alunos dos Campi de Abaetetuba, Altamira, Bragança, Breves, Capanema, Castanhal, Salinópolis e Soure podem enviar a documentação, tanto de forma on-line, por meio do Sigaest, quanto presencialmente, no Núcleo de Assistência Estudantil (Naest) ou na Coordenação de Extensão do campus.

Calouros – Os estudantes que ainda não possuem matrícula no Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa) podem inscrever-se utilizando um número de matrícula provisório, que será gerado no Sigaest durante a inscrição.

Para evitar sobrecarga no Sigaest, a Saest orienta os estudantes a não deixarem para realizar a inscrição nos últimos dias. A Saest informa que não se responsabilizará por possível falha de conexão da internet, a qual impossibilite o cumprimento das etapas do processo seletivo.

Serviço

Programa Permanência 2019 – Modalidades Permanência e/ou Moradia. Inscrição: de 20 fevereiro a 27 de março de 2019. Contato: (91) 3201-7346. Acesse o edital aqui.

Fonte: G1

O Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) propôs ação civil pública contra as Centrais Elétricas do Pará (Celpa) por condicionar a ligação ou religação e troca de titularidade de unidades consumidoras mediante de pagamento do débito pendente em nome de terceiros em Parauapebas. O G1entrou em contato com a Celpa e aguarda o posicionamento.

De acordo com o MPPA, em maio de 2018, consumidores informaram que a Celpa estaria negando a ligação ou religação e transferência de titularidade de conta contrato de fornecimento de energia elétrica, a não ser que esses consumidores quitassem os débitos pendentes do antigo possuidor ou antigo proprietário do imóvel, vinculado à conta.

“A Celpa se limitou a informar que os consumidores não preenchiam os requisitos para a troca de titularidade da conta contrato, pois supostamente teria sido encontrado irregularidades no medidor”, disse o promotor de Justiça Hélio Rubens, sobre o ofício que cobrou um posicionamento da distribuidora sobre o caso.

Além de cobrar o cumprimento do direito do consumidor, o MPPA peidou que a Celpa efetivasse a troca de titularidades em no prazo máximo de cinco dias, com prazo de 24 horas para a ligação após a troca e também que a empresa realize um informe publicitário em pelo menos dois canais de televisão, durante 10 dias, informando a decisão judicial à distribuidora de energia elétrica. Caso descumpra os pedidos, deverá ser cobrado multa diária de R$ 10 mil.

Fonte: G1

O presidente Jair Bolsonaro defendeu hoje (15) a chamada lava jato da educação, batizada com este nome pelo ministro da área, Ricardo Vélez Rodríguez, sobre as investigações de medidas adotadas em gestões anteriores. A afirmação ocorre um dia depois da assinatura de um protocolo de intenções para apurar inídicos de irregularidades no âmbito do Ministério da Educação.

“Muito além de investir, devemos garantir que investimentos sejam bem aplicados e gerem resultados. Partindo dessa determinação, o ministro professor Ricardo Vélez apurou vários indícios de corrupção no âmbito do MEC em gestões passadas. Daremos início à ‘Lava Jato da Educação’”, disse o presidente na sua conta pessoal no Twitter.

Ontem (14), os ministros da Educação, da Justiça, Sergio Moro, e da Controladoria-Geral da União, Wagner Rosário, além do advogado-geral da União, André Mendonça, assinaram um protocolo de intenções que tem como objetivo apurar indícios de corrupção, desvios e outros tipos de atos lesivos à administração pública no âmbito do MEC e autarquias nas gestões anteriores. 

Indícios

Segundo nota do MEC enviada à imprensa, a pasta já identificou favorecimentos indevidos no Programa Universidade para Todos (ProUni), desvios no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), envolvendo o sistema S, concessão ilegal de bolsas de ensino a distância e irregularidades em universidades federais.

O diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, também participou da reunião.

A investigação é uma das principais metas do Ministério da Educação dentro do plano de ações dos 100 primeiros dias do governo. Trata-se ainda do cumprimento de uma orientação de Bolsonaro dada, de acordo com a pasta, para todos os ministérios e instituições federais.

 

Fonte: Agência Brasil

Inaugurada dia 10 de fevereiro a unidade de Parauapebas da Fazenda da Esperança, que começou a receber os primeiros internos, já em seu primeiro mês de funcionamento. A unidade terapêutica tem como finalidade a recuperação de dependentes químicos e conta 130 unidades espalhadas pelo mundo.

A Fazenda fica localizada há aproximadamente 40 km do centro da cidade, na zona rural de Parauapebas. Com uma área de 33 alqueires, doada pela Vale e capacidade para abrigar até 20 pessoas no primeiro estágio, a entidade começa a dar os seus primeiros passos. O nacional M. A. B, da comunidade Palmares é o primeiro depende químico a ser atendido pela instituição. A expectativa é que até o final deste mês o número chegue a sete.

Para ser auxiliado pela Fazenda da Esperança é necessário que a pessoa esteja em situação de dependência química e procure a secretaria da entidade. Atualmente localizada interinamente na Paróquia Cristo Rei, Bairro dos Minérios, em Parauapebas ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. onde será instruído sobre as próximas etapas.

Durante o processo de ingresso, o futuro interno precisa declarar que está disposto a se submeter ao tratamento por meio de carta manuscrita.  Há também a necessidade da realização de exames médicos para detecção de doenças hereditárias ou crônicas. Depois de ingressar na internação, o interno deve passar um ano em tratamento.

Para garantir a manutenção do local os familiares deverão realizar a doação de um salário mínimo por mês. Em contraste, mensalmente, estas famílias recebem uma cesta básica com mantimentos produzidos pelos próprios internos, que pode ser convertida em doação ou até mesmo vendida e o valor arrecadado retornará à Fazenda, em forma de recursos.

O Diretor Espiritual da instituição no município, Pe. Hudson Rodrigues acredita com afinco no projeto e disse que ela tem um valor imensurável para Parauapebas e destaca que a procura é grande.  “Muitas pessoas têm procurado a entidade, tanto as próprias pessoas que necessitam da internação, como também, familiares de dependentes químicos, mas para que elas sejam auxiliadas pela terapia, devem se dispor a receber o auxílio”, informou.

Mais sobre a fazenda da Esperança

Com 35 anos de experiência na recuperação de dependentes químicos, a Fazenda da Esperança é uma comunidade terapêutica, a maior obra da América Latina, que regenera vidas e famílias. Ao todo, são 130 unidades espalhadas pelo mundo sendo que 86 delas estão distribuídas pelo Brasil, enquanto as outras 44 estão espalhadas em 22 países do mundo.

O sucesso da Fazenda da Esperança se deve ao programa de recuperação, o qual se baseia em processos pedagógicos que elevam a autoestima e resgatam a dignidade dos seus acolhidos, que em 2017 assistiu em média três mil jovens e suas famílias. Esse programa de recuperação é baseado em um tripé que consiste basicamente no trabalho, na espiritualidade e na convivência. Tanto que todos os acolhidos vivem numa irmandade que de tão unida é capaz de devolver aos acolhidos o real sentido da vida, do amor a si e ao próximo, bem como da importância da comunhão.

Além disso, a Fazenda da Esperança também trabalha junto à família, pois ela é uma das peças fundamentais para o sucesso da recuperação do jovem acolhido, através do Grupo Esperança Viva (GEV). O objetivo da ação é estruturar a família, mas mesmo quando ela não atende a esse convite – que não tem caráter obrigatório - o tratamento continua e o jovem recuperado tem a oportunidade de amar a sua gente como ela é.

Como resultado, a Fazenda da Esperança é responsável pela recuperação de centenas de milhares de pessoas, que em sua grande maioria se voluntariam para ajudar outros que necessitem de ajuda. A verdade é que a Fazenda da Esperança é maior do que si mesma, tanto que em 2007, durante uma visita a sede em Guaratinguetá-SP, o então Papa Bento XVI destacou a importância e a missão das Fazendas da Esperança – Levar a esperança, que é Jesus Cristo, ao maior número de pessoas possível.

O local foi inaugurado com direito a missa e churrasco, no último dia 10 de Fevereiro.

 

(Texto Fenando Bonfim  / Com informações da Fazenda da Esperança)

(Fotos: Deo Martíns)

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB)  - Seção Pará realizou na noite desta quinta-feira (14) a posse da nova Diretoria e Conselho Subseccional de Parauapebas para triênio 2019/2021. O evento foi realizado no auditório da Câmara Municipal e contou com a presença de representantes da advocacia do município, cidades vizinhas e do Estado.

Na oportunidade também foram nomeadas as comissões de: Assuntos Minerários – Coordenação Pará, Direito Público, Direitos da Pessoa com Deficiência e outras 18 comissões que integrarão a Subseção da Ordem pelos próximos três anos.

Em 19 anos de existência da subseção de Parauapebas, Maura Regina Paulino é a segunda mulher a ocupar o posto de presidente. Ela foi eleita juntamente com a nova diretoria no último dia 28 de novembro de 2018 para um mandato de três anos.

Em seu discurso, Maura Regina Paulino agradeceu ao apoio recebido de todos da OAB, familiares e amigos e disse que é uma honra encabeçar a instituição. “Quero agradecer a todos os colegas que dedicam parte do seu tempo a OAB, este momento é de todos. O advogado deve garantir que a voz do cidadão seja ouvida; as armas que dispomos são as palavras, a técnica e a veracidade” disse.

Maura, também reafirmou seu compromisso de campanha dizendo que irá concentrar todas as energias para desenvolver um excelente trabalho durante seus três anos de mandato. Para finalizar, encerrou seu discurso com a frase que foi o tema de sua chapa durante o pleito eleitoral: “Juntos Somos Mais Fortes”.

O Presidente da OAB Seção Pará, Alberto Campos falou sobre a importância que a Ordem tem pra a sociedade e para a classe da advocacia, destacando que ela é a única instituição que não foi abalada diante da crise moral e política a qual atravessa o País. “Eu quero citar aqui: o Judiciário, o Ministério Público e OAB. Estas três instituições são as principais responsáveis por manter a democracia em nosso país. Quando se fala em extinguir Justiça do Trabalho, por exemplo, a primeira instituição a ser procurada é a Ordem dos Advogados do Brasil.”, disse o Presidente.

Na oportunidade também foram nomeadas 21 comissões que integrarão a Subseção de Parauapebas. 

Conselho Subseccional de Parauapebas para triênio 2019/2021.

 

Reportagem: Fernando Bonfim

Sul e Sudeste do Pará

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_UNAMAgk-is-100.jpglink

Vídeos

Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016