Degustação marca encerramento do curso de derivados do leite nas Palmares I e II

A Secretaria Municipal de Produção Rural (Sempror), em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), concluiu no final da tarde de sexta-feira, 16, o curso de derivados do leite, que começou na segunda-feira, 12, para os produtores rurais das vilas Palmares I e II. Uma degustação dos produtos produzidos fechou a programação do curso, contando com a presença do secretário municipal de Produção Rural, Eurival Martins, representantes do Serviço de Inspeção Municipal (SIM) e do Senar.

O prefeito Darci Lermen e a primeira dama, Viviani Lermen, também tinham confirmado presença, mas não puderem comparecer porque ficaram presos na estrada, por conta do rompimento de um bueiro que impediu a passagem de veículo pela PA-275, entre Curionópolis e Eldorado do Carajás. Eles estavam vindo de Marabá, onde participaram de um evento.

Ao todo, 25 trabalhadores aprenderam como fazer queijos, requeijão, iogurtes, manteigas, maioneses e doces variados. O curso, que será realizado em outras comunidades rurais, tem por objetivo melhorar a qualidade dos derivados do leite produzidos em Parauapebas, visando abrir o mercado local para esses produtos. Para isso, ainda há outra etapa. Que é conseguir o selo do SIM.

De acordo com o secretário, é uma preocupação do governo investir no melhoramento da produtividade agrícola do município e isso também inclui melhor aproveitar os produtos que, muitas vezes, acabam se estragando, como é caso do leite e frutas. Com essa visão, estão sendo firmadas parcerias, como é o caso do Senar, para fazer cursos e qualificar o produtor a evitar o desperdício, fazendo a transformação desses produtos em queijo, doces, polpas, compotas e outros derivados, com todos os cuidados sanitários exigidos, para que possam ser comercializados não só nas feiras, mas também nos supermercados da cidade.

“Essa é uma preocupação nossa trabalhar essa área. A gente lembra que o produtor rural muitas vezes já sabe como fazer doce ou queijo, mas nos cursos ele aprende novas técnicas, que agilizam esse processo, sem contar os cuidados higiênicos, que é muito importante para que o produto tenha qualidade para ser vendido no mercado sem risco à saúde do consumidor”, ressalta o secretário, observando que a transformação também agrega valor ao produto.

O curso de derivados do leite, com 40 horas de duração, foi ministrado pelo tecnólogo em alimentos do Senar, Aécio Rodrigues, que destaca a importância dessa qualificação para os produtores rurais. “Estamos agregando conhecimento para essas pessoas e melhorar aquilo que, muitas vezes, elas já sabem fazer. São técnicas que reduzem o tempo de produção e dão mais durabilidade ao produto”, enfatiza.

O técnico ressalta que mesmo, em alguns casos, de início havendo resistência do produtor, logo eles observam que isso vai melhorar a vida deles e ficam receptíveis aos novos conhecimentos. “É sempre bom a gente aprender novos conhecimentos”, ressalta.

Participante do curso, Suzana Almeida Cavalcante, que faz parte do Grupo de Mulheres Passo Firme da Vila Palmares II, diz que agora está capacitada para fazer derivados do leite e pretende investir na área para ajudar na renda familiar. Outra que também participou do curso foi a mineira Geni Viana Porto.

Produtora rural pioneira na localidade, ele confessa que, de início, torceu o nariz para o curso, porque a vida inteira fabricou queijo. “Eu disse ué vai ensinar mineiro a fazer queijo? Mas depois vi que ele [técnico] apresentou novas técnicas, que eu não conhecia, e agora só tenho a agradecer a Sempror e ao Senar pela iniciativa. Aprendi muito e vou incrementar minha produção de derivados do leite”, diz Geni.

Além da degustação, a equipe da Sempror prestou homenagem a três mulheres da comunidade, uma delas, Maria Rita Silva, é pioneira na área da Palmares. A outra homenageada foi Ednalva Gomes, dona da casa onde foi ministrado o curso.

 

 (Correio de Carajás)

Avalie este item
(0 votos)
Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink