Canaã dos Carajás: IDURB reunirá moradores do bairro Paraíso das Águas para debater regularização fundiária nesta terça

Canaã dos Carajás: IDURB reunirá moradores do bairro Paraíso das Águas para debater regularização fundiária nesta terça Foto: Jefferson Almeida

O Instituto de Desenvolvimento Urbano de Canaã dos Carajás (IDURB) se reunirá com moradores do bairro Paraíso das Águas nesta terça-feira (17) para falar sobre o processo de regularização fundiária na localidade. Centenas de famílias são aguardadas para o evento que acontecerá a partir das 19h no Ginásio Poliesportivo Antônio Chorão.

A reunião desta terça é a segunda etapa do projeto de legalização da área, que começou no dia 23 de novembro do ano passado em uma reunião no mesmo local. Na ocasião, os moradores serão orientados sobre as próximas fases do processo e o que deve ser feito para que haja mais eficiência na entrega dos títulos definitivos das áreas.

Até aqui, conforme explicou Laíssa Andrade, analista do IDURB, o cadastro físico das unidades e todo o levantamento da área já foi feito: “A partir de quarta-feira (18) vamos começar a fazer um cadastro social com os moradores. A nossa equipe vai de casa em casa e vai fazer um levantamento socioeconômico para aferir as condições de cada um. Na oportunidade, as pessoas também serão preparadas e orientadas sobre a documentação que deve ser providenciada para cada regularização.”

Claudia Macedo, que também faz parte da coordenação do IDURB, explicou que o projeto não vai apenas entregar títulos definitivos aos moradores, mas sim regularizar toda a área: “Esse é um projeto para a regularização de toda a localidade. O Paraíso das Águas vai deixar de ser uma ocupação informal e será uma área completamente regular.”

Laíssa também explicou que o morador tem agora a responsabilidade de receber o agente do IDURB em sua residência para o preenchimento do cadastro. A meta é que até o final de julho essa etapa do processo esteja concluída. A partir daí, as equipes voltam às casas dos moradores para o recolhimento da documentação solicitada.

Ao todo, 553 residências foram mapeadas no bairro. A meta do IDURB é que a regularização fundiária do bairro seja concluída até o final de 2018.

 


Avalie este item
(0 votos)
Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_UNAMAgk-is-100.jpglink
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2018gk-is-100.jpglink