Atleta de Parauapebas foi vice-campeão do Campeonato Brasileiro de Bicicross

A competição foi realizada em Americana-SP e contou com quase 900 pilotos A competição foi realizada em Americana-SP e contou com quase 900 pilotos Imagem de WhatsApp

Mais um atleta que representa a cidade de Parauapebas, sudeste do estado do Pará, foi destaque a nível nacional. Trata-se de Lucas Gaspar Lima, de 21 anos, que disputou nos dias 07 e 08 de julho, a etapa única do Campeonato Brasileiro de BMX Race 2018, na cidade de Americana-SP. O atleta ficou com o vice-Campeonato Brasileiro de Bicicross, na categoria Cruiser Men de 17 a 24 anos.

 Lucas Gaspar Lima, de 21 anos, atleta de Parauapebas conquistou a segunda posição no campeonato.

A competição foi realizada na pista de Bicicross da Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude de Americana, onde a cidade do interior paulista participou de uma rigorosa seleção entre diversas cidades de todo o país, sendo a escolhida para sediar a única etapa do Campeonato Brasileiro por ter a melhor pista. Lucas representou a cidade e o estado do Pará em um evento que foi considerado um dos maiores de BMX Race da história, com a presença de quase 900 pilotos de todas as regiões do Brasil e com mais de 2.000 expectadores.

“Foi de grande importância para mim essa 2ª colocação no Campeonato Brasileiro de Bicicross 2018, pois estava bem preparado, treinei bastante para esse campeonato e graças a Deus consegui um bom resultado, me consagrando vice-campeão brasileiro e o segundo melhor piloto do Brasil na minha categoria, perdendo apenas para o campeão mundial Felippi Gonçalves”, afirmou Lucas Lima.

Lucas é natural da cidade de Santa Luzia do Paruá-MA e aluno do projeto da escolinha da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEMEL), que apoiou o garoto com as passagens para poder disputar o Campeonato Brasileiro em Americana. O bom resultado conquistado no interior paulista mostra o fruto do projeto municipal, que vem revelando futuros campeões através do esporte.

“O Lucas começou a treinar há três anos e é um talento promissor do projeto. A gente já tem vários campeões. O Lucas já foi campeão paraense e vice-campeão na Copa Brasil. Nós trabalhamos nesses últimos meses com o objetivo nesse Campeonato Brasileiro. Montamos para ele um treino mais focado para essa corrida. Fizemos treino de musculação, de pista, técnico, Sprint, funcional, ou seja, traçamos uma metodologia de treino especificamente para esta corrida. Eu sabia que o Lucas era capaz de chegar a uma final dessa e não foi surpresa”, disse Railton Oliveira, técnico de Lucas e coordenador de Bicicroos da escolinha da SEMEL.

(Fonte: ZÉ Dudu/Reportagem: Fábio Relvas)

Avalie este item
(0 votos)