Nesse último domingo, 19, o Partido Progressista (PP) se reuniu com o intuito de se preparar para as eleições municipais de 2020. Algumas lideranças estiveram presentes na reunião, entre elas, o presidente estadual da legenda, o ex-deputado Beto Salame, além de Adelson e Daniel Fernandes e Alex Novo Óleo, entre outros líderes.

Uma das pautas trabalhadas foi a ausência da atual presidente da Legenda, Andreia Lima, que está trabalhando e residindo em Brasília, sendo necessário, neste sentido, de acordo com os membros da diretoria, fazer sua substituição, mas, ainda segundo eles, com o aval da atual presidência.

Na reunião foi acertado que neste próximo mês (junho) haverá uma assembleia para realizar a substituição da presidência e vice-presidência do partido, para assim avançar com as outras pautas de grande importância.

 Entre as pautas a serem tratadas estão: pré-canditaturas de vereadores e a possibilidade de haver uma candidatura para prefeito pela legenda, já que o partido tem os nomes de Daniel Fernandes e Alex Novo Óleo, lideranças importantes no cenário político local. Os membros do partido analisam ainda a alternativa da vinda de novos nomes para a legenda e por isso avaliam, de forma criteriosa, a possibilidade de uma candidatura majoritária própria ou mesmo se irão apoiar um nome que já está no cenário atual.

Durante a reunião, também foi deliberada uma equipe formada por Carlos Refribom, Adelson Fernandes e Aléx Novo Óleo para conversar com as lideranças e abrir espaço para filiação, no intuito de serem escolhidos como pré-candidatos a vereadores, os escolhidos pela equipe passarão por uma fase de seleção, sendo eles analisados localmente e depois aprovados pelo presidente estadual do partido.

Beto Salame disse que Parauapebas é uma das cidades estratégicas para partido em 2020

Em entrevista à reportagem do Portal Carajás O Jornal, o presidente estadual do Partido Progressista, Beto Salame disse que o partido está aberto para novas lideranças e novas filiações. “Teremos um momento, um ato para incentivar novas filiações, para que o partido volte a crescer e, assim, possamos participar da vida ativa da política local”, finalizou.  

(Da redação)

Desde a última sexta-feira (17), está acontecendo em Parauapebas, o ‘Food Truck Festival’. O maior evento gastronômico da América Latina tem levado milhares de pessoas à Praça de Eventos do bairro Cidade Nova para se deliciar com uma variedade de sabores, Chopp gelado e música ao vivo.

Em entrevista, Luiz Carlos Morfim, organizador do evento, afirma que a comitiva tem “10 lanchonetes sobre rodas, oferecendo sempre o melhor da gastronomia brasileira e alguns pratos internacionais”, disse.

Além de oferecer uma variedade de comidas, o evento também conta com ‘cinema 6D e área kids para  crianças.

Luiz Carlos também falou que o evento ajuda a movimentar a economia da cidade, pois todos os insumos, desde o combustível para os caminhões aos ingredientes para a produção dos alimentos é adquira no comércio local. “A gente se hospeda nos hotéis e compra tudo que precisa para fazer as cominadas na cidade. Então isso, de certa forma, faz o dinheiro circular aqui, não é aquela coisa de pegar o dinheiro e ir embora”, conclui.

Dieckson Barbosa levou toda a família para prestigiar o evento e parabenizou a iniciativa

Dieckson Barbosa aprovou a iniciativa e aproveitou para levar toda a família. “O atendimento é bom e a comida é excelente. É algo diferente que a gente não está acostumado a ver todos os dias aqui na cidade. Os organizadores estão de Parabéns”, disse Dieckson.

A comitiva estará em Parauapebas somente até hoje, segunda-feira (20). O atendimento começa sempre às 18 horas e vai até meia-noite, na Praça de Eventos, bairro Cidade Nova.

 (Por Fernando Bonfim) 

A prefeitura de Parauapebas e demais órgão municipais integrados à segurança viária: Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT), Secretaria Municipal de Segurança Institucional (SEMSI), Guarda Municipal e Polícia Militar, realizaram  nesta quarta-feira (16) a solenidade de abertura da Movimento Maio Amarelo. O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para redução de acidentes de trânsito, que este ano traz como o tema “NO TRÂNSITO, O SENTIDO E A VIDA”, realizado em todo o Brasil e mais 27 países.

O objetivo do movimento é promover uma ação coordenada entre o poder público e a sociedade civil, colocando em pauta o tema segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governo, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada para efetivamente discutir o tema. Engajar-se em ações e propagar o conhecimento abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige nas mais diferentes ênfases.

Durante o evento, o Núcleo de Educação para o Trânsito (NET) realizou uma apresentação teatral: ‘A boa e má conduta no trânsito’, ensinada pelos agentes de trânsito, que visa mostrar, de forma lúdica, os perigos e consequência da terrível combinação entre álcool e direção.

No ano passado (2018) 47 mil pessoas perdem a vida no trânsito em todo país, aponta A Organização Mundial de Saúde (OMS), a entidade usa como para fins estatísticos o seguinte indicador: soma-se o número total de óbitos no trânsito e divide-se o resultado por grupos de 100 mil pessoas.  Em todo o País, este número corresponde a 19,7 óbitos para cada 100 mil habitantes.

Durante o lançamento da campanha, o Secretário Municipal de Segurança Institucional, Glauber Carneiro Mota, expôs que no município de Parauapebas este índice é de apenas 11,28 para cada 100 mil habitantes, número baixo, se comparado com o do Estado, que é de 18,24 para cada 100 mil.

Ainda de acordo com o secretário, este número está bem abaixo da média nacional, se dá pelos constantes investimentos em infraestrutura, como a fiscalização eletrônica, como sinais e radares, além ainda, do constante trabalho dos agentes do DMTT que compõem o tripé: Sinalização, Fiscalização e Educação. “Ainda me assusta em alguns momentos, observar o questionamento de pessoas que falam que a implantação da fiscalização eletrônica é uma fábrica de multas. Nós entendemos que há um ‘fabrica de infrações’, por que se há autuação de condutores por estes equipamentos é porque estão cometendo infrações”, finalizou o secretário.

 

Glauber Carneiro Mota, Secretário Municipal de Segurança Institucional.

O comandante da PM em Parauapebas, Major Gledson, também esteve no lançamento da Campanha.

O Diretor do DMTT, João Monteiro reforçou a importância da Campanha. 

A Assistente Social, Ivonete Rodrigues, sofreu um acidente de trânsito em 2006 e perdeu o movimento das pernas. Ela falou sobre a importância da prudência ao dirigir. 

Confira o vídeo da Campanha Maio Amarelo 2019

 

 

Por Fernando Bonfim

Nesta quarta-feira (15) centenas de estudantes e professores de diversas instituições públicas de ensino saíram às ruas de Parauapebas, em protesto aos contingenciamentos na educação anunciados pelos MEC no final do mês passado. Eles temem que os bloqueios dos recursos possam afetar a qualidade e diminuir a oferta de vagas nas instituições de ensino público.

A manifestação teve início no Instituto Federal do Pará - Campus Parauapebas (IFPA), de onde saíram em uma caminhada até a Rua 11 e posteriormente retornando até o campus.

Munidos de cartazes, eles gritavam as palavras de ordem: “NÃO VAI TER CORTE, VAI TER LUTA”, manifestando total repúdio aos contingenciamentos. Durante o trajeto alunos de outras instituições privadas, também se juntaram aos manifestantes, dando maior força ao movimento.

Em entrevista, o professor do IFPA, Davi Durval, expôs que os cortes atingirão, principalmente, três setores da instituição: pesquisa, extensão e manutenção. “A pesquisa é uma peça fundamental para propor melhorias para o país”, disse. Ele também destacou que a falta de verba implicará diretamente na manutenção das necessidades básicas para o funcionamento da escola,  como: água, luz e limpeza e que como professor se vê prejudicado também,  “O que me traz a esse movimento hoje, primeiramente por ser um  trabalhador da educação e o fato de não haver docência sem discentes. Dessa forma se os alunos serão atingidos, nós também seremos”, concluiu o professor.

O professor da rede pública estadual e municipal, José Alves, pontuou que já conversou preliminarmente com representantes da educação pública na cidade, como UFRA e IFPA e destacou que as instituições serão prejudicadas. “A educação é o elemento principal para o desenvolvimento social, humano e econômico de todo um país. Nós não podemos permitir que o governo corte 30% do orçamento destas instituições, pois entendemos que isso vai comprometer o processo de ensino”, disse José Alves.

Aluna do IFPA, Ana Clara, que também estava na manifestação disse temer pelo futuro do campus, pois, de acordo com ela, já há rumores de que a instituição pode vir a paralisar as atividades até setembro deste ano. “Ouvimos rumores de que o IFPA pode vir a paralisar até setembro. Nós não sabemos se isso vai acontecer de verdade, mas isso nos deixa super preocupados porque está ligado diretamente com o nosso futuro”, disse a aluna.

Paralização geral na educação

Desde as primeiras horas desta quarta-feira (15), em quase todos os estados do País, foram registradas manifestações e paralisações na educação como protesto ao corte no orçamento discricionário de 2019 que passa a valer para todas as universidades e institutos federais.

Os estudantes manifestaram usando cartazes enquanto gritavam as palavras de ordem: “NÃO VAI TER CORTE, VAI TER LUTA”.

O professor do IFPA, Davi Durval, disse que os cortes atingirão principalmente a pesquisa, extensão e manutenção da instituição. 

O professor da rede pública estadual e municipal, José Alves, também aderiu ou movimento dos estudantes. 

Aluna do IFPA, Ana Clara, que também estava na manifestação.

Neste sábado (11), véspera de comemoração ao Dia das Mães, centenas de mulheres saíram às ruas de Parauapebas em uma caminhada contra o feminicídio. O manifesto teve início na Praça da Cidadania do Bairro Rio Verde até a Praça de Eventos do Cidade Nova.

Casos como o de Ana Karina, Loren Lima e Dayse, são exemplos de casos de crimes desta natureza, que ganharam grande repercussão em toda a mídia local e regional  e que também geraram grande comoção social.

A caminhada foi organizada pelo grupo Mulheres Girassol, em entrevista com a presidente do Instituto, Enildes Melo, disse que o evento é uma conscientização para alertar não só as mulheres, mas toda a comunidade para que casos  de violência deste tipo não caiam no esquecimento, instigando a justiça a fazer com que os culpados possam pagar pelos crimes. “Esta é uma forma de contribuir com a sociedade para fazer com que população não esqueça de cobrar das autoridades a elucidação de casos tão bárbaros”, disse.

Recentemente o caso de Deyse Dayana, vítima de um possível feminicídio e depois jogada de uma janela de cerca de 04 metros de altura pelo companheiro, para simular um possível suicídio ganhou repercussão destaque na imprensa local. Em entrevista a mãe da vítima, Wilma Lemos, agradeceu o apoio que tem recebido da população de Parauapebas e Marabá. Ela destacou a importância da denúncia e pontuou que o medo e o silêncio, muitas vezes, são os maiores inimigos de uma mulher agredida. “Mulheres não se calem. O silêncio mata toda e qualquer tipo de agressão, por mínima que seja precisa ser externado e tem que ser denunciado”, disse Wilma.

Enildes Melo, foi uma das organizadoras da caminhada.

Wilma Lemos, mãe  de Deyse Dayana, vítima de um possível feminicídio.

 

A festa de aniversário dos 31 anos de Parauapebas encerrou com chave de ouro, com Bruno e Marrone e artistas locais. A festa levou milhares de pessoas à Praça e Eventos, onde puderam apreciar os shows.

Com um repertório variado, Bruno e Marrone cantou novos sucessos, além dos que marcaram gerações. Os artistas, referência da música sertaneja nacional, fizeram a alegria dos parauapebenses até às 2 horas da madrugada. O show lotou o espaço da Praça de Eventos com mais de 5 mil pessoas.

Em entrevista o prefeito municipal, Darci Lermen, disse que o momento é de comemoração, ainda há bastante trabalho a ser feito e que até junho várias obras serão entregues. “Durante todo este mês até o começo de junho nós ainda vamos entregar obras e programas importantes em comemoração aos 31 anos de Parauapebas, que com certeza vão trazer mais qualidade de vida para as pessoas de nossa cidade”, disse Darci.

De acordo com o Secretário Municipal de Cultura, Saulo Ramos, responsável pela Secretaria de Cultura, pasta que organizou o evento, a festa foi pensada em todos os sentidos, mas continuando com a premissa da Secretaria em valorização dos artistas locais. “É um show diferente, com uma pegada de união, ou seja, com todo mundo junto. Acho que está muito bacana e estou contente com o resultado”, disse o secretário. 

A prefeitura de Parauapebas assinou nesta terça-feira (7) a ordem de serviço para execução do “Vilas Online”. O programa vai atender 28 comunidades rurais com 115 pontos de acesso à internet gratuita como escolas, praças, postos de saúde e vias urbanas.

O Vilas Online é parte integrada do Programa Parauapebas Digital, Coordenado Pela Secretaria Municipal de Planejamento e Gestão, por meio da Diretoria e Tecnologia da Informação e Comunicação (DTCI), com o apoio de diversas secretarias.

O projeto tem como objetivo garantir o acesso à internet, através da democratização da informação, inclusão social por meio inclusão digital, para facilitar o acesso à comunicação com as comunidades.

A empresa ganhadora da licitação foi a Fortel - Fortaleza Telecomunicações LTDA, por R$ 7.420.925,00 (sete milhões quatro centos e vinte mil e novecentos e vinte e cinco), para instalação dos pontos de acesso e serviço de Link dedicado por 30 meses, com subcontratação da microempresa local, FLEXANET, para execução.

A expectativa é que após implantado, o sistema possa beneficiar quase 15 mil [14.940] pessoas em 28 comunidades da zona rural do município, impactando assim o estilo de vida destas comunidades e facilitando o acesso à informação.

Vilas beneficiadas, pontes e acesso e largura da banda de acesso em MBPS

  

 

 As comunidades Palmares Sul e II receberão 12 pontos de acesso cada uma.

 A comunidade CEDERE I está prevista para receber 06 pontos de acesso. 

Em entrevista, o prefeito municipal, Darci Lermen explicou que a montagem da infraestrutura levará o sinal e o acesso à internet de forma gratuita aos pontos públicos, mas quem mora fora destes pontos, onde o alcance dos rádios emissores do sinal Wi-FI não conseguem chegar, se quiserem,  poderão comprar um link de internet exclusivo,  negociando com a empresa que opera o sistema. “Se alguém quiser utilizar esse sistema pra contratar uma conexão exclusiva para sua residência, poderá porque a infraestrutura que irá ser montada vai levar o sinal para lá [para as vilas] daí fica mais fácil essa distribuição”, disse.

Darci Lermen, Prefeito de Parauapebas.

O projeto foi apresentado pelo Secretário Municipal de Planejamento, João Correia.

Luiz Claudio é o responsável pela empresa que prestará os serviços de internet.

 

Por Fernando Bonfim

Para garantir mais segurança e trafegabilidade durante as festividades de comemoração ao aniversário de Parauapebas, o Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) irá colocar em prática a “Operação Aniversário da Cidade”, a partir desta terça-feira (07).

No cronograma da operação está a interdição das principais vias que dão acesso a Praça de Eventos, local onde serão realizados os shows dos artistas, por carro ou motocicletas. As interdições iniciarão a partir das 18h até o termino das noites de festa e, neste sentido, é necessário que os condutores estejam atentos as mudanças no transito durante os dias 07, 09 e 09.

Além das rotas no trânsito, também mudarão os pontos de parada para o transporte coletivo, onde moto-táxi, táxis e Micro-ônibus terão lugares específicos de aparada.

Entre as ruas que serão interditadas estão a Rua 10, 06 e 05, além da rua F com a Rua 09.

Veja o cronograma completo:

 

Para viabilizar o fluxo de veículos serão realizadas mudanças no trânsito próximo à Praça de Eventos. Confira!

A Comunidade Católica Vida Nova promoverá nos próximos dias 18 e 19 de maio, a 3ª edição do retiro infantil ‘Quero Ser Amigo de Jesus. O “Retiro Sementinhas”, como é conhecido, é um projeto da Comunidade Vida Nova que tem como objetivo evangelizar crianças através da palavra de Deus de maneira lúdica e didática, pautando de antemão os valores religiosos.

O evento será realizado no Centro de Formação, localizado na PA-160, entre Parauapebas e Canaã dos Carajás. A atividade propõe levar a palavra de Deus para crianças de 04 a 11 anos de idade e contempla uma extensa programação com teatro, animação e o tradicional circuito radical.  

As inscrições podem ser realizadas na Secretaria da Paróquia São Sebastião, Localizada na Rua 11, Nº88, Bairro Cidade Nova e na Comunidade Vida Nova, localizada na Rua C - Nº 476, Bairro Cidade Nova.

Para mais informações entre em contato através do número WhatsApp (94)99108-9782.

Projeto Sementinhas

A inspiração do Projeto Sementinhas se fundamenta na promessa de Deus pela Palavra de fundação da Comunidade Vida Nova: “Serás uma planta cultivada pelo Senhor” (Isaías 60, 21).

 

Neste sábado (4) está sedo realizado em todo Brasil o Dia D de Vacinação Contra a Gripe, a campanha do Ministério da Saúde tem como objetivo imunizar a população contra a doença.

Crianças de 6 meses a 5 anos de idade; Gestantes; puérperas (mães que deram à luz há menos de 45 dias) Idosos; Profissionais de saúde, professores da rede pública ou privada, portadores de doenças crônicas, povos indígenas e pessoas privadas de liberdade. Portadores de doenças crônicas (HIV, por exemplo) que fazem acompanhamento pelo SUS também têm direito à vacinação gratuita. Quem não faz parte dessas categorias pode adquirir a vacina contra a gripe na rede privada.

Locais de Vacinação

Em Parauapebas a campanha se estende à cidade e zona rural nos seguintes locais vacinação:

Unidades Básicas de Saúde (UBS);

Hospital Municipal de Parauapebas;

Postos de saúde dos bairros: Liberdade I, Liberdade II, Rio Verde, Da Paz, Guanabara, Palmares Sul, Palmares II, Novo Brasil, Minérios, Casas Populares II, Altamira e Jardim Canadá.

Unidades escolares

Cecília Meireles, bairro União;

Antônio Matos Filho, bairro Nova Vida;

Mário Lago, VS 10;

Irmã Laura, Bela Vista;

Pingo de Gente, Da Paz;

Nova Vitória, Nova Vitória;

Eurides Santana, Rio Verde;

Milton Martins, Nova Carajás;

Terezinha de Jesus, Cidade Jardim;

Doroth Stang, Cidade Jardim;

Fernando Pessoa, Minérios;

Nelson Mandela, Tropical;

Eunice Moreira, Vila Rica;

Novo Horizonte, Novo Horizonte;

Carlos Drummond, Rio Verde;

Dona Rosa, Morada Nova;

Josias Leão, Maranhão;

 João Prudêncio, Primavera 

Faruk Salmen, Primavera.

A Técnica em Enfermagem da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA), Elidete Santana, reforçou a importância da população se vacinar, pois, de acordo com ela, a imunização se torna uma prevenção e evita outras complicações que podem levar a pessoa até mesmo a internação. “A gripe é uma doença e traz consigo outras complicações aos pacientes. No momento que há uma prevenção, há a possibilidade de menos pessoas adoecerem e consequentemente, mais leitos desocupados no hospital, que podem ser utilizados para casos mais graves”, explicou a Técnica em Enfermagem.

Para a Dona de Casa, Odileia Ribeiro, que levou sua filha para tomar a dose da vacina, é importante a gratuidade da vacinação. “Eu ainda vou tomar a minha, mas vou ter que pagar, no caso, dela [sua filha] se não tivesse gratuidade ficaria mais caro”, disse a dona de casa.

 

 

(Por Fernando Bonfim)

Página 1 de 68
Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_UNAMAgk-is-100.jpglink