Carajas o Jornal

Carajas o Jornal

O Instituto Rede Cidadania em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Canaã dos Carajás – CMDCA, realizou uma capacitação para técnicos agentes do Sistema de Garantia de Direitos- SGD. O vento ocorreu na quinta-feira, 23, e sexta-feira, 24, no auditório do SINE com carga horária de 16h.

A capacitação teve como temática a “Escuta Especializada” conforme a Lei 13.431/2017, e foi  desenvolvida pelo facilitador João Jorge Neto, psicólogo, advogado, especialista em educação, direitos humanos e diversidade, membro do Comitê Estadual de Enfrentamento à Violência Sexual de Crianças e Adolescentes – CEEVSCA, Presidente da Comissão de Diversidade Sexual e população LGBTQI da OAB/PA e Membro da Comissão Nacional da Diversidade Sexual e Gênero do Conselho Federal da OAB.

Participaram da Capacitação cerca de 60 profissionais da Secretaria de Municipal de Educação, Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e do Conselho Tutelar.

Torneiro, Técnico em Meio Ambiente são algumas das vagas de emprego disponíveis hoje, 27.   

Para se candidatar às vagas, baixe em seu celular o aplicativo Sine Fácil ou se preferir, procure o Sine, que está localizado na rua 11, entre as ruas E e D - Cidade Nova. O horário de atendimento é de 8h às 14h.

É importante manter o cadastro atualizado no Sine. Para isso, basta acessar o portal: https://empregabrasil.mte.gov.br.

Clique aqui para mais informações:

 

Assessoria de Comunicação - Ascom/PMP

Em continuidade às ações da campanha Janeiro Roxo – Prevenção e Combate à Hanseníase, profissionais da Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Guanabara participaram de uma capacitação, na sexta-feira (24),  com foco no diagnóstico precoce e tratamento da doença.

“O objetivo é estimular e capacitar estes profissionais para o diagnóstico precoce e tratamento oportuno, evitando sequelas e limitações que podem ser causadas pela Hanseníase. Os participantes devem compartilhar o conhecimento com outros profissionais da atenção primária e trabalhar, de forma integrada, com a vigilância em saúde para ampliarmos as chances de um combate efetivo da doença”, destacou Hilda Silva, gerente da UBS.

“Capacitações como essas são muito importantes para nos atualizarmos, aprendermos cada dia mais e levarmos conhecimentos para a nossa população, dessa maneira, podemos ajudar na prevenção de novos casos da doença”, destacou a médica que atende na UBS, Suzy Sobrinho.

O técnico de enfermagem Romário Feitosa ministrou a palestra sobre o tema e explicou como identificar a doença, “a Hanseníase ataca os nervos e a pele, causando manchas dormentes no corpo. Também aparece em forma de caroços ou nódulos, geralmente no rosto ou orelhas. Essas manchas não coçam, não incomodam, não doem e nem soam, por esse motivo, muitas vezes, as pessoas ignoram os sintomas e não conseguem ter um diagnóstico precoce”.

“A Hanseníase é uma doença infectocontagiosa, de evolução crônica, que se manifesta, principalmente, por meio de lesões na pele e sintomas neurológicos. Ações como a do Janeiro Roxo são importantes para que a população tenha mais informações sobre a doença e para que ocorra uma intensificação de busca ativa de doentes, com o tratamento oportuno e interrupção da cadeia de transmissão da mesma”, destacou o gestor da Saúde, Gilberto Laranjeiras.

Mais ações da campanha

No sábado (25), os moradores da Palmares Sul receberam a equipe do Departamento de Vigilância em Saúde (Visa) da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), em uma ação que disponibilizou os seguintes atendimentos: aferição de PA; teste rápido para Sífilis; teste de Glicose; marcação de Exames; Palestra sobre Hanseníase.

 

 

Assessoria de Comunicação - Ascom/PMP

As instituições financeiras consultadas pelo Banco Central (BC) reduziram a estimativa para a inflação este ano. A projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA – a inflação oficial do país – caiu de 3,56% para 3,47%. A informação consta no boletim Focus, pesquisa semanal do BC, que traz as projeções de instituições para os principais indicadores econômicos.

Para 2021, a estimativa de inflação se mantém em 3,75%. A previsão para os anos seguintes também não teve alterações: 3,50% em 2022 e 2023.

A projeção para 2020 está abaixo do centro da meta de inflação que deve ser perseguida pelo BC. A meta, definida pelo Conselho Monetário Nacional, é de 4% em 2020, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo.

Selic

Para alcançar a meta de inflação, o Banco Central usa como principal instrumento a taxa básica de juros, a Selic, atualmente definida em 4,5% ao ano pelo Comitê de Política Monetária (Copom).

De acordo com o boletim, a Selic deve cair para 4,25% ao ano até o fim de 2020. Quando o Copom reduz a Selic, como espera o mercado financeiro, a tendência é que o crédito fique mais barato, com incentivo à produção e ao consumo, reduzindo o controle da inflação e estimulando a atividade econômica.

Quando o Copom aumenta a taxa básica de juros, o objetivo é conter a demanda aquecida, e isso causa reflexos nos preços porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Já a manutenção da Selic indica que o Copom considera as alterações anteriores suficientes para chegar à meta de inflação.

Para 2021, a expectativa é que a taxa básica suba para 6,25%. Para 2022 e 2023, as instituições estimam que a Selic termine os períodos em 6,5% ao ano.<script src="https://public.flourish.studio/resources/embed.js"></script>

Atividade econômica

A projeção para a expansão do Produto Interno Bruto (PIB) – a soma de todos os bens e serviços produzidos no país – se mantém em 2,31% para 2020. As estimativas das instituições financeiras para os anos seguintes, 2021, 2022 e 2023 também continuam em 2,50%.

A previsão do mercado financeiro para a cotação do dólar está em R$ 4,10 para o fim deste ano e R$ 4,00 para 2021.

 

Fonte: Agência Brasil

Um ônibus que seguia para a cidade de Parauapebas, no sudeste paraense, sofreu um acidente e saiu da pista na tarde deste sábado (25), nas proximidades do município de Eldorado do Carajás, também no sudeste do Estado. 

De acordo com informações de testemunhas, não houve feridos no incidente, apenas danos materiais. 

Ainda não se sabe as causas do acidente e quantas pessoas estavam dentro do coletivo. 

 

Fonte: DOL-Com informações do portal Marabá do Povo

Assim como na estreia do Parazão, o Remo não teve um futebol convincente, mas o torcedor azulino deixou o estádio Mangueirão satisfeito: com a vitória por 1 a 0 sobre o Carajás, neste domingo (26), o Leão mantém os 100% e assume a liderança do Campeonato Paraense.

VEJA COMO FOI O JOGO

Debaixo de chuva, o primeiro tempo teve muitas dificuldades para os dois times, principalmente para o Remo, que somente na primeira etapa obteve sete escanteios e o máximo que conseguiu foi uma cabeçada para fora de Fredson.

Também pelo alto, o Carajás aprontou: em cruzamento do lado direito, Caio cabeceou para defesa de Vinicius, que voltou a ser exigido sem muita dificuldade, em jogada de Pulga, que roubou a bola da defesa e chutou fraco para o gol.

Com erros de passe e apatia, a torcida do Remo começava a mostrar insatisfação e a revolta veio quando Jackson recebeu de frente para o gol e parou no arrojado goleiro Gabriel, o que determinou o fim do primeiro tempo e as vaias do Fenômeno Azul.

A torcida que estava aflita não teve muito tempo para reclamar, pois logo aos cinco minutos do segundo tempo, Jackson aproveitou presentão da defesa do Carajás e tirou do goleiro para marcar o gol do Remo. 1 a 0 Leão.

Logo após o gol, o Carajás começou a incomodar a defesa, mas o Remo quase chega ao segundo com Gustavo Ermel, que chutou colocado, mas a bola parou na trave.

Com as alterações feitas, o técnico Rafael Jacques promoveu a reestreia de Douglas Packer, que logo deu as cartas no meio de campo remista: foi dele a jogada em que Wesley cruzou e Hélio quase acerta um gol de bicicleta.

No final, um susto para a torcida: Felipe subiu mais alto que a defesa remista e cabeceou por cima do gol de Vinicius, sendo a última chance do Carajás no jogo.

Com a vitória, o Remo soma seis pontos e pode dormir na liderança do Parazão hoje, caso o Paragominas não vença o Tapajós, em Santarém.

Os dois times voltam a jogar no sábado (1º). O Carajás vai até Bragança enfrentar o Bragantino e o Remo joga em Belém, contra o Independente.

VEJA OS LANCES

FICHA TÉCNICA

CARAJÁS: Gabriel; Ramon, Daniel, Felipe e Pedrinho; Pulga (Jailson), Dodó, Mario Augusto (Marcelo Maciel) e Lucas; Caio Rex (Daniel) e Adauto.

Técnico: Cametá

REMO: Vinicius; Djalma, Fredson, Rafael Jansen e Ronaell; Xaves, Lailson e Robinho (Douglas Packer); Lukinha (Hélio), Jackson e Gustavo Ermel (Wesley).

Técnico: Rafael Jacques.

ÁRBITRO: Andrey da Silva e Silva

ASSISTENTES: Jhonatan Leone Lopes e Nayara Lucena Soares

CARTÕES AMARELOS: Caio, Dodô, Pulga e Marcelo Maciel (CAR) ; Fredson, Lailson e Ronaell (REM)

CARTÃO VERMELHO:  Dodô (CAR)

LOCAL: estádio Olímpico do Pará, Mangueirão / Belém-PA

 

Fonte: DOL

A POLÍCIA CIVIL de Marabá deflagrou, no último sábado, 25, durante todo o dia, a primeira fase da operação denominada “SALUTAR” com objetivo de reprimir crimes contra a saúde pública, contra as relações de consumo, contra a ordem tributária e associação criminosa, com ramificações em outros estados da federação.

A operação policial consistiu no cumprimento de mandados judiciais de busca e apreensão em três laticínios clandestinos, conhecidos por “queijeiras” ou “boquetas”, na zona rural de Marabá, respectivamente às proximidades das vilas Maravilha, Cupu e Bandeirante.

Deflagrou-se a operação policial em conjunto com Auditores Fiscais Federais do Ministério da Agricultura, lotados no SIF (Serviço de Inspeção Federal), responsável por exercer as atribuições de vigilância sanitária Federal.

Peças de queijo eram produzidas e estocadas sem as mínimas condições de higiene

Nos locais, os Policiais Civis e Auditores Federais do Ministério da Agricultura depararam-se com cenários deploráveis em que peças de queijo eram produzidas e estocadas sem as mínimas condições de higiene, em ambiente repleto de moscas, fétido, imundo, úmido, sem refrigeração — ainda nesse cenário de penúria e desrespeito atroz aos consumidores, alguns se destacaram por haver a livre circulação de porcos e galinhas no local de produção e estocagem dos produtos, além de animais mortos e vestígios de fezes de gado, porcos e galinhas no local.

Apurou-se que após a produção do queijo ele é comercializado em grande escala de forma clandestina e transportado, sobretudo para outros estados da federação, de forma velada, burlando a fiscalização policial, fiscal e sanitária — No ano passado, uma carga de 8 toneladas de queijo destes mesmos investigados foi apreendida pela Polícia Civil de Marabá sendo transportada em um caminhão boiadeiro de transporte de gado em meio a fezes de bovinos, ensejando a prisão em flagrante dos responsáveis e a inutilização dos produtos.

Como resultado da primeira fase da operação SALUTAR aproximadamente 17 toneladas de queijo impróprio para o consumo foram apreendidas, sendo a carga total condenada e encaminhada para destruição pelos fiscais sanitários.

Há fortes indicativos de que grande parte da produção é comercializada para outros estados da federação e “esquentada” fraudulentamente por meio de emissão de notas fiscais frias e colocação inadequada de selos de autorização sanitária com escopo de enganar a fiscalização e o consumidor final.

A Ação policial-sanitária contou ainda com a participação imprescindível de servidores da Secretaria de Postura da Prefeitura de Marabá e outras autoridades municipais, que apoiaram toda a logística da operação, sobretudo com os caminhões necessários para transporte de toda a carga aprendida, além de franquear o Aterro Sanitário Municipal para descarte e inutilização do material de forma adequada e ambientalmente correta.

Por fim, é prudente ressaltar que a operação policial-sanitária é desenvolvida com objetivo de desarticular esquema criminoso, constituído por indivíduos que visam ao lucro a qualquer custo, porquanto comercializam produtos evidentemente impróprios ao consumo humano e desenvolvem suas atividades com absoluto desrespeito à saúde pública, ignorando princípios basilares das boas práticas comerciais, boa-fé e dignidade humana.

10 RISP - Superintendência Regional do Sudeste do Pará: informe sobre fato relevante.

A Universidade Federal do Pará (UFPA) anunciou na noite deste domingo (26) que suspendeu a divulgação do resultado do Processo Seletivo 2020 (PS 2020) após a liminar concedida pela 8ª Vara Cível Federal de São Paulo, que determinou a suspensão do processo do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), em ação movida pela Defensoria Pública da União.

O resultado da UFPA estava previsto para ser divulgado nesta terça-feira (28), mas agora permanece incerto. De acordo com a instituição, a medida “resguarda os direitos de todos os candidatos inscritos no PS 2020, uma vez que a referida ação judicial questiona a validade das notas do Enem divulgadas pelo Inep/MEC, utilizadas como critério de avaliação dos candidatos a uma vaga na universidade”.

A UFPA afirmou que vai divulgar o resultado assim que as informações prestadas pelo INEP/MEC “sejam reconhecidas como válidas e definitivas”.

SUSPENSÃO CONTINUA

Também na noite deste domingo, a presidente do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3), desembargadora Therezinha Cazerta, negou o pedido da Advocacia Geral da União (AGU) para derrubar a decisão da Justiça de São Paulo que suspendeu a divulgação dos resultados do Sistema de Seleção Unificada (SiSu).

Com a decisão, os resultados do SiSu não poderão ser divulgados na próxima terça-feira (28/01/2020), como estava previsto inicialmente pelo governo federal.

 

(DOL)

É crescente o número de pacientes que procuram os consultórios dos especialistas em ortopedia com queixas semelhantes: dores na coluna cervical (na região do pescoço), agravamento de dores em quem sofre de artrose e hérnia de disco, tendinites de pulso, problemas nas articulações das mãos e dedos por movimentos repetitivos e até dores nos olhos. Passar muitas horas utilizando o aparelho celular com uma má postura pode ser uma das causas.

No entanto, o que mais tem chamado a atenção nos consultórios é a grande quantidade de crianças que começam a apresentar desde muito cedo dores nos punhos e na cervical, segundo afirma o ortopedista e médico do trabalho José Guataçara, chefe da emergência do Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE).

“Isso me chamou atenção em consultório e, quando a gente conversa com a família, percebe que tem relação com o tempo de permanência no celular. É um índice muito grande de crianças de 6 a 10 anos com dores no pescoço. Uma coisa que não existia, porque a criança tem uma flexibilidade muito boa”, disse o especialista.

ALONGAMENTO

De acordo com o médico, da mesma forma, adultos e idosos que já sofram de problemas na coluna como bico de papagaio, hérnia de disco e artrose podem ter o problema agravado. E, devido ao uso prolongado, o paciente pode desenvolver uma L.E.R (lesão por esforço repetitivo) nas mãos e dedos, dores no pulso e nos olhos, neste caso, por forçar a musculatura do globo ocular.

“O ideal é que a cada hora utilizando o celular, a pessoa faça uma pausa pra fazer um exercício de giro e de levantar a cabeça, para que a musculatura não entre em fadiga”, orientou Guataçara.

“Você já viu um gato se levantar e sair correndo? Ele primeiro se espreguiça, porque é um aquecimento que ele faz para usar o grupo muscular. Também temos de respeitar essa individualidade. Quem trabalha com computador, por exemplo, tem de parar dez minutos a cada hora trabalhada pra fazer esse alongamento”, frisou o ortopedista.

ORIENTAÇÕES

Quando o usuário fica muito tempo na mesma posição, os músculos perdem força e os movimentos repetidos ao longo do dia, feitos cotidianamente, desgastam ligamentos, fáscias e tendões, levando ao surgimento de inflamações e dores.

A preocupação maior é com duas faixas etárias: crianças e idosos.

A criança faz uma flexão na cabeça, quase encostando o queixo no peito. Isso pode provocar uma cervicalgia

No idoso que já tem histórico de artrose, bico de papagaio e hérnia de disco pode haver um agravamento das dores.

Outro problema observado é com pessoas que usam o celular à noite. Essa concentração por tempo prolongado causa insônia.

O celular deve ser utilizado de maneira responsável. Para criança, liberar no máximo duas horas por dia, fazendo um intervalo. Não é recomendável que elas usem à noite.

Para o adulto, é recomendável fazer uma pausa a cada uma hora de uso para fazer um alongamento, girar e levantar a cabeça.

Atitudes simples, como trazer o aparelho celular até a altura dos olhos, são fundamentais para prevenir lesões associadas à má postura.

Fonte: ortopedista José Guataçara

Principais problemas ortopédicos

  • Pescoço (coluna cervical): sobrecarga pela inclinação da cabeça.
  • Ombros: sobrecarga pelo esforço de segurar o aparelho por muito tempo na mesma posição.
  • Mãos e dedos: problema com os movimentos repetitivos da digitação.

 

Fonte: Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia – SBOT

Todos nós somos livres de nossas ações, mas não das consequências do que falamos e propomos.

 Um gesto, uma palavra ou uma má ação sempre causam um impacto mais ou menos visível, e acredite ou não, o tempo é um juiz muito sábio e deste julgamento não tem como escapar.

Apesar de não decidir imediatamente de forma instantânea, sempre dá razão a quem a tem a curto prazo, mas a longo prazo a verdade próspera.

Cada um colhe o que planta, e enquanto muitos são livres de suas ações, não são das consequências, porque mais cedo ou mais tarde, o juiz chamado tempo dará razão a quem realmente a tem, ou seja, quem pratica a coerência entre o discurso e a prática.

Certifique-se de que suas ações falam mais alto do que suas palavras, pois sua responsabilidade é o reflexo de uma proposta exequível e que atenda às expectativas das pessoas, para isso, tente sempre ter boas propostas, ideias e pensamentos para apresentar discutir e debater com a sociedade.

Então, não se esqueça de que lá na frente a conta chega e o que você prometeu vai ser cobrado e o tempo vai tratá-lo como merece.

É necessário notar que somos “donos” de grande parte de nossas circunstâncias de vida, e que uma forma de promover o nosso propósito é atender o  bem-estar daqueles que nos rodeiam é através da responsabilidade pessoal do que falamos e prometemos,  um ato de coragem que convidamos você a implementar através deste princípio simples.

"Fale a verdade é cumpra o que prometer "

O primeiro passo para nos tornarmos conscientes da “responsabilidade plena” é abandonar nossas ilhas de recolhimento nas quais se concentra muito do que acontece no exterior com base nas nossas necessidades.

Assim, esta série de construções também são adequadas para as pessoas, através delas, podemos orienta-las que as suas ações têm consequências.

O que você pensa, o que expressa, o que faz e o que cala, toda nossa pessoa gera um tipo de linguagem e um impacto sobre os outros, a ponto de criar uma emocionalidade positiva ou negativa.

Temos de ser capazes de intuir e acima de tudo, empatizar com a pessoa a nossa frente.

Antecipe as consequências das suas ações e promessas, seja o seu próprio juiz, com isto não estamos nos referindo a cair em uma espécie de “autocontrole”, pelo qual nos tornamos nossos próprios executores antes de ter dito ou proposto algo.

É apenas tentar antecipar o impacto que pode ter uma determinada ação sobre os outros e, consequentemente, também em si mesmo.

Ser responsável significa compreender que não somos “livres” em tudo, e comprometer mundos e fundos.

A pessoa que vê nenhum limite em suas ações e promessas, desejos e necessidades, vê praticar a libertinagem que, mais cedo ou mais tarde, também tem consequências terrível. É interessante tentar promover a liberdade e o crescimento de outras pessoas, alimentando, assim, um ciclo de futuro próspero e mútuo.

Vale a pena por um plano estratégico em prática para melhoria na qualidade de vida das pessoas.

Prometer e cumprir na íntegra o conteúdo programático do plano.

Vamos em frente.

Deus no comando.

WJN

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink