Quem esteve presente na cantata de natal promovida pela Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Cultura –Secult, na terça-feira, 17 de dezembro, pôde presenciar um momento inédito no município. Carregado de significados e emoções, o evento, intitulado como O Natal Encantado da Amazônia, trouxe como tema a preservação ambiental. Cerca de 150 artistas do município passaram por intensos sete meses de preparação para apresentar no palco, um grande espetáculo, que emocionou e conscientizou os munícipes.

Patrick Zahrack, 28 anos de idade, foi o grande responsável pela composição musical, texto e direção do espetáculo

E por traz de toda essa produção, esteve o artista e professor de teatro Patrick Zahrack, de 28 anos de idade. Ele nasceu em Ourilândia do Norte e, em Parauapebas, mora desde 2012. Apaixonado por teatro desde criança, iniciou nas artes cênicas com apenas 07 anos de idade. “Na fase adulta decidi me capacitar na área artística, e hoje sou Professor de Teatro no Centro Cultural de Parauapebas”, disse.

Sobre sua trajetória no mundo das artes, Patrick falou sobre as dificuldades que os artistas enfrentam ao viver de arte. “Ser da arte em um país como o nosso não é nada fácil, ainda mais no interior do Pará. Porém meu amor pela arte sempre prevaleceu e me rendou bons frutos. Minha linha é sempre puxada para musicais, onde eu posso colocar em prática o canto, a dança e atuação.  Acredito que o artista deve ser completo, seguindo sempre a disciplina, mas o principal sem deixar de ser humano”, explica o artista.  

Em entrevista, Patrick Zahrack, que interpretou no espetáculo, o Anjo da Justiça, contou tudo sobre a idealização e preparativos até a culminância de um dos eventos mais esperados do ano, promovido pela prefeitura municipal, por meio da Secretaria Municipal de Cultura -Secult, com apoio do Centro de Cultura e companhias de Teatro do município; confira:

“Tudo começou quando a grande idealizadora do projeto, Ducarmo Pereira me chamou na secretaria de cultura para me apresentar sua ideia, que até então era apenas um sonho. Eu realmente podia ver nos olhos dela as expectativas brilhando, e eu com os ouvidos atentos tentando captar o que ela gostaria que eu passasse. A ideia em si era super útil e atual, iriamos falar de preservação no Natal! Mas ao mesmo tempo em que achei a ideia incrível, me vi numa saia justa. Como eu iria abordar meio ambiente num espetáculo de temática natalina?! Foi então que eu pude perceber que não haveria segredo, afinal o que é o natal se não for o amor ao próximo, amor à vida, amor a Deus e as coisas que eles nos deixou, não é? Então topei escrever e dirigir, O Natal Encantado na Amazônia”, disse.

“Mas eu queria algo que elevasse ainda mais a originalidade do espetáculo, então criei músicas inéditas para o Musical como Salve a Terra (Cantada pelo personagem anjo da Justiça) Uga Ê (Índia) Verde e Amarelo (Mãe- Natureza) e a Música flor de Carajás. Vale ressaltar que pouca gente conhece e sabe sobre essa flor que inclusive é uma flor típica somente nossa. E foram essas coisas que foram abordadas nesse espetáculo - a valorização e a celebração do que temos na nossa região”, frisou.

Quando chegou o dia da estreia, todos os alunos estavam apreensivos e focados, era uma apresentação aberta em frente a Prefeitura Municipal, todo o cuidado era pouco, para agradar a plateia. Mas no final das contas foi revigorante, mais de 150 alunos envolvendo Balé, Canto e Teatro ali no palco agradecendo o público”, comemorou o resultado.

Patrick finalizou agradecendo a Secretaria de Cultura de Parauapebas por estar fomentando intensamente a produção cultural de Parauapebas. “Só tenho a agradecer a Secretária de Cultura por estar tão ativa no cenário Cultural de Parauapebas, e também a toda a equipe. Robson Lima, artista plástico, enfim, um trabalho lado a lado que contou com muita gente, e foi por isso que deu certo”, finalizou.

Confira mais imagens do espetáculo: 

 (Reportagem: Ingrid Cardoso/Fotos: Felipe Borges)

A Secretaria Municipal de Cultura (Secult) e a Escola de Música Maestro Waldemar Henrique irão promover a tradicional Cantata, intitulada este ano “Agora é Natal”, no próximo sábado, 15. Toda a população está convidada a participar de tão belo momento.

O evento tem apoio da Vale e vai começar às 19h no Centro Cultural de Parauapebas, no bairro Apoena. Para ver a Cantata, basta apresentar um brinquedo. Tudo será doado às crianças carentes do município para que tenham um natal mais feliz.

(Ascom/PMP)

A noite desta última quinta-feira (06) foi duplamente especial para os alunos do ensino fundamental, pais e demais membros da comunidade escolar do Colégio Sophos, que preparou uma linda e emocionante cerimônia de formatura para os alunos do 1º e 5º ano do fundamental I, com direito a Cantata de Natal e muitas emoções.

Familiares e alunos celebram juntos formatura e Cantata de Natal. 

A programação emocionou a platéia que assistiu animada as apresentações musicais interpretadas pelos pequenos alunos.

Professor Jonas, Diretor de Ensino do Sophos ladeado pela Diretora Pedagógica, Rosa Peixoto e Marcia Barreto, Coordenadora do Ensino Fundamental I e II. 

Em entrevista, o professor Jonas Cunha, Diretor de Ensino do colégio Sophos, disse sentir-se feliz em estar finalizando mais um ano letivo com êxito e, segundo ele, o melhor de tudo é ver o sorriso no rosto dos alunos pela conclusão de mais um ano letivo. “Hoje é sem dúvidas  um dia muito especial para todos nós que fazemos parte do Colégio Sophos; primeiro por estarmos finalizando mais um ano letivo e segundo por ver mais uma turma do 1º ano do fundamental I se formando, pois isso significa a inserção deles no mundo das letras. E também pela formação dos nossos queridos alunos do 5º ano, que irão para o ensino fundamental II, neste próximo ano, cumprindo aí mais uma etapa em suas vidas. Este é sempre um momento muito importante e de muita emoção para todos nós”, frisou o professor.

Pais e professores entregam diplomas aos seus pequenos formandos. 

A cerimônia de formatura iniciou com a entrada dos formandos e seus paraninfos; logo depois o professor Jonas proferiu o discurso, parabenizando os alunos por esta importante etapa concluída; depois os oradores das turmas relembraram momentos inesquecíveis vividos durante o ano letivo, seguido do juramento e da entrega dos diplomas aos formandos.

Alunos  do Ensino Fundamental I finalizam a cerimônia com Cantata. 

Para finalizar a noite, os alunos apresentaram a Cantata de Natal, que simboliza a aproximação da data mais festiva e importante do ano, o nascimento do menino Jesus.  A Cantata contou com a apresentação de alunos das demais turmas do ensino Fundamental I, que apresentaram animadamente canções natalinas cantadas em coro.

 Corpo docente do Ensino Fundamental I do Colégio Sophos também comemora o sucesso e a conclusão de mais um ano letivo. 

 

 (Ingrid Cardoso)

 

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink