Estado e União unem esforços para reconstruir educação no Pará

Helder conversando com Rodrigo Dias, do FNDE, e a secretária de Educação Leila Freire. Helder conversando com Rodrigo Dias, do FNDE, e a secretária de Educação Leila Freire. Foto: Jailson Sam/Divulgação

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) sinalizou positivamente ao Estado do Pará no sentido de propor um novo plano para a recuperação do Sistema de Educação Pública estadual, e assim buscar soluções para os prejuízos deixados pelas gestões passadas. O governador Helder Barbalho esteve em Brasília (DF) na tarde desta terça-feira (09), onde foi recebido pelo presidente do FNDE, Rodrigo Dias, e reforçou a necessidade de uma solução conjunta para os problemas da área educacional.

Um dos pontos centrais da pauta foram os 265 convênios cancelados com o Fundo no governo passado, e a tentativa de resgatá-los, para cumprir as expectativas de jovens e crianças que esperam pela ampliação de escolas, novas salas de aula, quadras esportivas e demais equipamentos pedagógicos. Helder Barbalho discutiu com Rodrigo Dias um novo projeto de educação que alcance tanto quem mora nas áreas urbanas quanto nas comunidades mais distantes - ribeirinhas, indígenas, quilombolas e moradores das ilhas. “É pensar a pedagogia sob todos os ângulos, sob todos os aspectos, e como instrumento de integração entre comunidade escolar e sociedade paraense”, enfatizou o governador.

Segundo Helder Barbalho, é essencial a compreensão da importância da união entre Governo Federal, via Ministério da Educação (MEC) e FNDE, nessa meta de reconstrução. Ele fez questão de enfatizar que a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) está fazendo sua parte. “Através da Seduc, temos feito ações que buscam, no âmbito de suas responsabilidades, avançar de maneira significativa para este novo tempo”, afirmou.

O governador reconheceu a necessidade tanto do fortalecimento pedagógico e financeiro para a implementação de obras, projetos, equipamentos e estruturas necessárias para um ambiente escolar de qualidade. Ricardo Dias confirmou que o FNDE ajudará o Governo do Pará nessa retomada, com o restabelecimento de uma parceria real. “O governador Helder, em uma iniciativa profícua, pediu auxílio ao FNDE, propondo uma parceria unida, tranquila com o Governo Federal, buscando o desenvolvimento do Estado, para que o Pará possa crescer de mãos dadas com o País”, disse o gestor.

A titular da Seduc, Leila Freire, também participou da audiência e disse ter esperança na correção do passivo deixado, reto- mando obras paralisadas ou canceladas, mas sem deixar de trabalhar com a visão de futuro de forma assertiva. “Proporemos escolas de várzea, eco-parque escolas, com esse sentimento, com esse pensamento, de que precisamos de uma educação sustentável, uma educação para a nossa Amazônia”, reiterou a secretária de Educação. (Com informações da Agência Pará)

SEBRAE

O governador Helder Barbalho fez, nesta terça-feira (10), visita de cortesia ao diretor-presidente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Carlos Melles, na sede do Sebrae em Brasília (DF). Acompanhado do secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia, Iran Lima, e do superintendente do Sebrae-Pará, Rubens Magno, o governador reforçou o interesse do Estado em manter as parcerias hoje firmadas, e destacou que o governo está aberto a futuras colaborações. 

O Sebrae é parceiro do Governo do Pará em projetos importantes, como o Programa Territórios pela Paz (TerPaz), que envolve mais de 30 órgãos estaduais na oferta de ações e serviços com o objetivo de combater a criminalidade em sete bairros da capital paraense. Também colabore em ações de empreendedorismo e valorização do micro e pequeno empresário, contribuindo para a geração de emprego e renda no Estado, uma das diretrizes do governo atual.

 

Fonte: DOL

Avalie este item
(0 votos)
Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2019.CORRIDA_DOS_PAIS_RODAPEgk-is-100.jpglink