Papai Noel dos Correios: adoções on-line estão disponíveis

Campanha de 2016 – Isabelly recebe do Papai Noel dos Correios e do padrinho Thiago Jucá a prótese que ela pediu em sua carta. Campanha de 2016 – Isabelly recebe do Papai Noel dos Correios e do padrinho Thiago Jucá a prótese que ela pediu em sua carta. Foto: Divulgação Correios.

As adoções on-line das cartinhas endereçadas ao Papai Noel já estão disponíveis no blog da campanha (http://blog.correios.com.br/papainoeldoscorreios). O apadrinhamento pela internet pode ser feito até o dia 29 de novembro em: Belém, Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Goiânia, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo (região metropolitana). Até o momento, já foram adotadas mais 75 mil cartas em todo o país.

As datas, locais e horários da campanha, para adoção presencial das cartinhas, podem variar em cada Estado. Todas as informações também podem ser obtidas no blog.

Como funciona – Os Correios recebem as cartinhas de crianças que enviam seus pedidos diretamente ao Papai Noel e, também, de estudantes das escolas da rede pública (até o 5º ano do ensino fundamental) e de instituições parceiras. Após de lidas e selecionadas, as cartas são disponibilizadas na Casa do Papai Noel ou em outras unidades da empresa. E para que a empresa possa acompanhar as adoções e as entregas dos presentes, os padrinhos devem cadastrar o CPF ou CNPJ. Este ano, os Correios devem disponibilizar aproximadamente 800 mil cartas para adoção.

30 anos – Desde o início da campanha, foram atendidas mais de 6 milhões de cartinhas – muitas delas com histórias emocionantes de solidariedade. Essa corrente do bem une esforços de empresas, empregados e voluntários da sociedade para atender, dentro do possível, aos pedidos de presentes daqueles que se encontram em situação de vulnerabilidade social.

Um dos casos marcantes é de Isabelly Teixeira, de 10 anos. Ela mora em Vitória/ES e perdeu uma das mãos após um acidente com rojão. A menina escreveu uma cartinha ao Papai Noel dos Correios, em 2016, pedindo uma mão mecânica de princesa. Graças ao alcance do projeto, ela conseguiu uma prótese feita em impressora 3D.

O pedido foi atendido pelo engenheiro Thiago Jucá, de São Paulo. “Eu desenvolvi um sistema em que faço a prótese por meio de fotos. Ela pediu um braço de princesa e eu pensei em como fazer, fiz com rosa, roxo, brilhante”, disse. Para construir a prótese, Thiago contou com a ajuda de empresários capixabas e voluntários.

“Foi um dia muito legal, porque eu ganhei a minha mão e minha mãe ficou animada, todo mundo ficou animado”, contou Isabelly. “Palavras não expressam o que eu estou sentindo, estou muito feliz por ela”, disse a consultora de vendas Fabiana Silva, mãe de Isabelly.

As histórias, os personagens e os principais momentos da Campanha Papai Noel dos Correios 2019 podem ser acompanhados nas redes sociais oficiais da empresa: @CorreiosBr@correiosoficialCorreiosphotos/correiosoficial

 

Fonte: Correios 

Avalie este item
(0 votos)
Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink