Famílias resolvem pendências e recebem apartamentos do Alto Bonito

Com apresentação de toda documentação exigida, mais 14 beneficiários do programa agora têm um lar para chamar de seu. Com apresentação de toda documentação exigida, mais 14 beneficiários do programa agora têm um lar para chamar de seu. Fotos: Irisvelton Silva

A ansiedade deu lugar à alegria para 14 famílias inscritas na segunda etapa do programa habitacional Alto Bonito, que não haviam recebido seus apartamentos por falta de toda a documentação exigida e que poderiam até perder o imóvel. O alívio foi ainda maior quando, nesta terça-feira, 11, a Secretaria Municipal de Habitação (Sehab) fez o chamado check-list nos apartamentos para entregá-los definitivamente aos seus novos moradores.

Sem esconder tamanha felicidade, a dona de casa Ana Mary da Silva foi logo contando. “Eu tenho uma filha especial e aguardava ansiosa por esse momento. Vou morar feliz da vida aqui com ela, meus outros dois filhos e o meu esposo”.

check-list é uma etapa necessária para a entrega do imóvel, de acordo com as regras estabelecidas pela Caixa Econômica Federal, financiadora do empreendimento. A Sehab é responsável por acionar os beneficiários e agendar a visita para verificação das condições do apartamento. Profissionais da construtora acompanham a visita. Os possíveis reparos apontados no check-list devem ser feitos em até 30 dias.

“Estamos fazendo o check-list dos apartamentos junto com os futuros moradores. Eles observam os detalhes da obra, conferem se tem vaso, pias, lâmpadas, e se estão em bom estado de conservação. Tudo é anotado no check-list, que será entregue para a construtora”, informou Nonato Sousa, secretário de Habitação.

Ainda de acordo com Nonato Sousa, é responsabilidade da Sehab fazer o monitoramento do uso e ocupação de todos os 2,4 mil apartamentos do Alto Bonito. “Nossa equipe social envia para a Caixa essas informações do monitoramento, que servem de base, inclusive, para a exclusão de beneficiários que não cumprem as regras de uso do imóvel, estabelecidas no programa”, explicou o secretário.

 

 

Assessoria de Comunicação - Ascom/PMP

Avalie este item
(0 votos)
Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink