Em comemoração ao Dia do Índio, cultura indígena da aldeia Xikrin do Catete movimenta tarde cultural no CDC Destaque

Em comemoração ao Dia Índio, comemorado em todo o Brasil nestas sexta-feira (19), cerca de 150 índios da aldeia Xikrin do Cateté realizaram  um importante evento de imersão na cultura indígena, onde a população parauapebense pôde conhecer de perto, um pouco mais sobre os costumes, danças e pinturas corporais deles, que representam a grande riqueza histórica e cultural brasileira.

A atividade foi realizada na Centro de Desenvolvimento Cultural (CDC) e contou com a presença de centenas de espectadores, que tiveram a oportunidade de aprofundar-se  um pouco mais na cultura e costumes dos Xikrin.

Eni Fenício Ferreira, coordenadora de relações indígenas 

Eni Fenício Ferreira, coordenadora de relações indígenas, falou um pouco sobre a importância deste momento para os índios. “Para eles [Os índios] este é um grande momento. Todos os anos eles comemoram este dia lá dentro da aldeia, e trazer um pouco da cultura deles para a cidade, os deixa muito felizes”, disse Eni.

Eni também falou sobre a representação deste evento no contexto histórico e cultural de Parauapebas e região. “Para mim, eles [os índios] são os primeiros em tudo. Eles são os donos da terra, aliás eles são a terra, por isso credito que a cultura deles deveria sem bem mais valorizadas, antes mesmo das outras, que vieram depois. Mas acredito também que estamos vivenciando uma outra realidade iniciada hoje. A partir de agora a expectativa é que a cultura indígena possa estar mais presente, mais perto da população da cidade. Muitas pessoas que moram em Parauapebas nunca viram uma apresentação, então esta é a intenção trazer para mais perto da população a riqueza e a beleza da cultura indígena”, frisou.

A coordenadora também a gradeceu o apoio da prefeitura, que de acordo com ela todos os anos dá suporte à aldeia para comemorar este dia tão importante para o povo indígena da região do Catete.

Pedro Alcântara, funcionário público, que esteve prestigiando o evento, concedeu uma breve entrevista à reportagem e falou um pouco da importância da valorização dos índios pela sociedade.  “Quando os portugueses chegaram no Brasil, os índios já estavam. As pessoas precisam entender, principalmente as novas gerações, que os índios, foram uns dos primeiros habitantes desta terra, além de serem nossos ancestrais, possuem uma saberia milenar. Então acredito que eventos como este devem ter continuidade, já que o Dia do Índio relembra a história da colonização brasileira valoriza a cultura indígena que deve manter-se viva e deve também ser comemorada por todos”, disse.

Sobre

Os Xikrin, grupo de língua Kayapó, que vivem nas Terras Indígenas Cateté e Trincheira Bacajá no estado do Pará, enfatizam a audição e a palavra. A fim de aguçar estas qualidades, os Xikrin perfuram, logo na infância, os órgãos correspondentes (orelhas e lábios). Ouvir está diretamente relacionado ao saber, à aquisição do conhecimento. A oratória, por sua vez, é uma prática social muito valorizada, como para os grupos kayapós em geral, que se definem como aqueles que falam bem e bonito – Kaben mei – em oposição a todos os outros povos que não falam sua língua. O dom da oratória é atributo dos homens e envolve discursos inflamados, realizados no centro da aldeia. (F0nte: pib.socioambiental.org)

 

 

Avalie este item
(0 votos)

Sul e Sudeste do Pará

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016