Imprimir esta página

Parauapebas: Homem é perseguido por assassinos e morto a tiros em via movimentada no bairro Rio Verde Destaque

O nacional André Cunha Marciel, 30, anos de idade, natural de Santarém (PA), que residia na Av Brasil, bairro Rio Verde, foi assassinado com três tiros dois nas costas e outro no peito efetuado por dois desconhecidos em uma moto de cor, modelo e placa não anotada.

O caso aconteceu por volta das 21h00, de terça-feira, 9, na rua Rio de Janeiro, entre as avenidas Castelo Branco e Brasil, em frente ao número 84, bairro Rio Verde, Parauapebas.
De acordo com Informações a vitima havia acabado sair de casa para ir até um comercio comprar alimento para seu filho pequeno, a dois quarteirões de sua residência quando no retorno fora surpreendido pelos criminosos.

Informações que estão sendo apuradas pela polícia dão conta que a vítima caminhava tranquilamente pela rua quando teria sido surpreendido pelos dois indivíduos na moto e ao se aproximar de André Cunha, o garupa passou e atirar na vitima que ainda chegou a correr enquanto isso os criminosos seguia a vitima na contra mão da rua.

O crime pegou chocou moradores do bairro, que curiosos acompanhavam o serviço da polícia e IML

Testemunhas ouviram cerca de cinco estampidos dos tiros. A vítima caminhava no sentido Rio Verde - bairro da Paz quando começaram atirar nele, o mesmo ainda conseguiu correr mas foi atingindo por três disparos vindo a cair aqui já sem vida.

"Ele ainda correu cerca de 50 metros vindo a cair no meio da pista", contou um policial. A policia suspeita de que André Cunha tenha sido vitima de acerto de contas.

Após levantamento de praxe realizados pelo investigadores de Polícia Civil da 20ª Seccional Urbana local, o corpo da vitima foi removido do local pela equipe do IML e encaminhado ao Centro de Perícia Científica Renato Chaves, onde será submetido a exame de necropsia.até o fechamento desta matéria a polícia ainda não tinha pista dos autores do crime.

(Caetano Silva)

Avalie este item
(0 votos)

Compartilhe na sua rede social...

Carajas o Jornal