Um homem, identificado como Frutuoso Santos, foi preso em flagrante nesta sexta-feira (8), durante uma operação formada por policiais civis da Superintendência da Região Metropolitana, da Seccional do Paar e da Delegacia do bairro do Aurá. Ele é acusado de comandar uma milícia no bairro do Curuçambá, em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém. 

O objetivo da força-tarefa foi cumprir mandado de busca e apreensão em uma casa que era usada por um grupo de milicianos que atua em Ananindeua. Frutuoso era dono do imóvel. 

Durante o cumprimento do mandado de busca e apreensão na residência do acusado foram encontradas diversas armas e munições, além de objetos táticos e operacionais, como gandola do exército (fardamento), uma carteira de detetive particular em nome do acusado e vestimenta com insígnias (identificação visual) da Capitania dos Portos.

Frutuoso vai responder pela posse ilegal das armas e munição. O uso do documento e das vestimentas serão apurados. As investigações terão continuidade para identificar os demais integrantes do grupo criminoso.

Os resultados da operação policial foram levados para a seccional do Paar, em Ananindeua.

ASSASSINATOS

Segundo o diretor de Polícia Metropolitana, delegado Marco Antonio Duarte, as investigações apontaram que o grupo de milicianos é responsável em cometer assassinatos no bairro.

Um dos homicídios que teria sido cometido por Frutuoso Santos teve como vítima um adolescente, no ano passado.

Na ocasião, o menor foi alvejado a tiros, enquanto estava dentro de uma propriedade particular colhendo açaí. Um outro jovem, que estava junto da vítima, conseguiu escapar dos disparos.

"Há testemunhas que relatam a atividade ilícita por parte de Frutuoso, atribuindo a ele a autoria ou participação em homicídios, sendo os integrantes de seu grupo uma espécie de 'justiceiros' do bairro do Curuçambá", detalha o delegado.

A operação policial atende as demandas do PNECV (Programa Nacional de Enfrentamento a Criminalidade Violenta), lançado em Ananindeua em 30 de agosto deste ano, sob organização do Ministério da Cidadania e subordinado à Força Nacional de Segurança Pública (FNSP), para promoção social de implementação de políticas públicas de Segurança Pública e definição de estratégias voltadas ao combate ao crime junto à sociedade.

(DOL)

A partir desta quarta-feira (26) até a sexta-feira (28), a Celpa realizará uma caravana de negociação, em Ananindeua. O evento acontecerá na escola Doutor Antônio Teixeira Gueiros, no bairro do Distrito Industrial, de 8h30 às 17h. A iniciativa funcionará como um grande mutirão de conciliação, que deve se estender a outros 18 municípios durante o ano, promovendo diversas condições especiais para os clientes ficarem em dia com a concessionária.

 

A ação é voltada para clientes residenciais e comerciais, que terão mecanismos fáceis e rápidos para negociação e as melhores alternativas para pagamento de parcelas de acordo com suas possibilidades financeiras. Na caravana, os clientes terão a oportunidade de negociar seus débitos com mais flexibilidade. O critério para a negociação é que o cliente esteja com no mínimo 03 (três) de faturas em aberto.

Para líder de cobrança da Celpa, Alan Morais, a iniciativa é uma forma de tornar o atendimento mais flexível para que os clientes possam regularizar situações pendentes. "A Celpa é uma empresa que se preocupa em dar condições favoráveis aos clientes e busca sempre oferecer mais flexibilização e comodidade, e acima de tudo, garantir que todos tenham a oportunidade de ficar em dia com a empresa", conclui o líder.

ATENDIMENTO: Na ocasião, ainda será possível fazer a troca das lâmpadas incandescentes ou fluorescentes por lâmpadas de LED, que de acordo com especialistas, costumam alavancar uma economia de cerca de 80% no que diz respeito à iluminação residencial. Cada cliente poderá trocar até cinco lâmpadas por conta contrato. A empresa também disponibilizará o atendimento para o cadastro no Número de Identificação Social (NIS), para que os cidadãos possam solicitar posteriormente o cadastro no programa Tarifa Social, que possibilita até 65% de desconto na conta de energia do consumidor. Para esses serviços, é necessário apresentar cópia do RG e CPF do titular e o comprovante de pagamento da última fatura

Fonte: CELPA

O governador do Pará, Helder Barbalho, e o presidente da Assembleia Legislativa do Estado (Alepa), deputado Daniel Santos, reuniram-se, na tarde desta sexta-feira (03), no Palácio do Governo, em Belém, com o prefeito de Ananindeua, Manoel Pioneiro, para tratar de demandas do município. Na ocasião, falaram sobre as obras da nova BR-316, que afetam diretamente a cidade, entre outros projetos que estão sendo realizados por meio de parceria entre Estado e município.

O prefeito de Ananindeua explicou que o município e o Estado têm alguns convênios mais antigos, que o governador Helder Barbalho prometeu honrar, além de novos projetos, como a própria BR-316, cujas obras de requalificação já iniciaram. “O governador se prontificou a ajudar o município e levar adiante tanto os projetos que já existiam como os novos, sobretudo na área de infraestrutura, com novas vias e acessos à Ananindeua, além de praças e ações na área da cultura”, resumiu.

Pioneiro também destacou a parceria do Estado com o município na área da segurança, que se dá por meio de trabalho conjunto entre as polícias Civil e Militar e a guarda municipal, além da própria Força Nacional, que tem atua naquele território. “Para nós, esse trabalho é de extrema importância, pois queremos uma sociedade cada vez mais pacífica e segura”, frisou.

Por Elck Oliveira

 Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) deflagrou, na madrugada desta terça-feira, 04, a Operação Cristo Redentor cujo objetivo é cumprir 1.344 mandados de busca e apreensão. A ação está sendo desenvolvida no residencial Pouso das Aracangas, conhecido como “ Cidade de Deus”, localizado no bairro do Aurá, em Ananindeua. O local foi invadido e está sob o domínio de uma facção criminosa. Estão empregados na operação 1.042 agentes de segurança.

De acordo com informações da inteligência e informações do local, pessoas conhecidas como líderes estão impedindo a entrada de policiais na área, cometendo até ataques às guarnições da Polícia Militar.

A Operação Cristo Redentor é resultado da ação da Força Tarefa realizada pela Divisão Estadual de Narcóticos (DENARC) com o apoio do Núcleo de Inteligência Policial (NIP) a fim de apurar a prática de tráfico de entorpecentes, roubos, extorsão, dentre outros na área do Aurá.

No local foi instalado um posto de comando móvel, onde três delegados, cinco papiloscopistas, cinco investigadores, uma equipe da Polinter, 20 agentes da Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe) auxiliam na missão.

Segundo levantamento da equipe da DENARC foi possível verificar que o condomínio residencial Pouso dos Aracangas, popularmente conhecido como Cidade de Deus é o que representa maior periculosidade concreta.

O acesso ao local é possível pela BR-316, entrando pela rua 2 de junho, passando em frente ao Carandiru.

Operação em números

Total de 1.042 agentes da segurança pública envolvidos na operação. As equipes foram divididas em:

Progressão tática
Batalhão de Polícia de Choque, Batalhão de Polícia Tática, Regimento de Polícia Montada, Companhia Independente de Operações Especiais e Companhia Independente de Policiamento com Cães, que fazem parte do Comando de Missões Especiais (CME) contam com 312 policiais Militares envolvidos, além de mais 22 policiais do Grupamento de Pronto Emprego (GPE), que é o grupamento de elite da Polícia Civil do Pará.

Busca e Apreensão
Com 372 policiais Civis e 336 policiais Militares, totalizando 708 agentes da segurança.

Viaturas
Estão sendo utilizadas na operação: 244 viaturas,quatro guinchos, duas aeronaves do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (GRAESP), quatro ônibus para o transporte de presos, uma viatura de combate a incêndio e quatro ambulâncias do Corpo de Bombeiro Militar.

Os mandados foram expedidos pelos juízes Líbio Araújo Moura e Heyder Tavares da Silva Ferreira, da Vara do Crime Organizado da capital.

O vereador do município de Ananindeua Deivite Wener Araújo Galvão, conhecido como “Gordo do Aurá” está preso. Ele é apontado pela justiça como líder do Comando Vermelho.

 

(Fonte: Zé Dudu)

Sul e Sudeste do Pará

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016