Carajas o Jornal

Carajas o Jornal

COMUNICADO PÚBLICO

A Prefeitura de Parauapebas está trabalhando para melhorar ainda mais a nossa cidade. E, devido aos serviços de drenagem que serão feitos pela Secretaria Municipal de Obras (Semob) no bairro Nova Vida, o Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) vai interditar algumas ruas da referida localidade nesta segunda-feira, 16, durante 60 dias, ou seja, até o mês de maio. São as vias:

  • Rua Daniela Perez com a Lauro Corona
  • Rua Rui Barbosa com a Vasco da Gama
  • Rua Daniela Perez com a Ayrton Senna

A prefeitura conta com a compreensão de todos para a necessidade dos serviços.

 

Assessoria de Comunicação – Ascom
Prefeitura de Parauapebas

Diante do avanço dos casos do Coronavírus (Covid-19) principalmente nas regiões Sul e Sudeste do Brasil, a Prefeitura de Parauapebas vem a público para tranquilizar a população de que o município, até o momento, não registrou nenhuma suspeita e nem caso da doença.

Contudo, o governo municipal se sente na obrigação de alertar a população para os cuidados básicos que precisam ser tomados para prevenção não somente contra o Coronavírus, mas contra outras doenças infectocontagiosas, como o sarampo e viroses. Lavar as mãos e higienizar o ambiente estão entre os principais cuidados, que precisam ser constantes.

A prefeitura ressalta que, em havendo qualquer suspeita de Coronavírus em Parauapebas, será a primeira a emitir comunicado à população até porque a informação serve também como mecanismo de controle da doença. Por isso, é bom que todos também se previnam contra as falsas notícias, as chamadas fake news, que costumam ser espalhadas pelas redes sociais. Fique atento aos veículos de comunicação da cidade, pois estes devem repassar todas as informações conforme orienta a assessoria de comunicação da Prefeitura de Parauapebas.

Mesmo sem suspeita de Coronavírus em Parauapebas, desde a semana passada a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) vem preparando seu corpo técnico para cuidar das situações que chegarem aos hospitais e unidades de saúde (UBS). Ainda nesta quinta-feira, 12, mais de 100 médicos e enfermeiros da rede pública e particular de saúde do município foram treinados para lidar com os casos suspeitos da doença.

A Semsa faz um alerta: sintomas, como tosse e secreção nasal, não são casos suspeitos de Coronavírus. Conforme prescreve o Ministério da Saúde, no momento atual quem pode ter contraído o vírus – ou vir a contraí-lo - são as pessoas que viajaram para o exterior nos últimos 14 dias e/ou as pessoas que mantêm ou mantiveram contato com quem é suspeito ou teve caso confirmado da doença.

Diante disso, a prefeitura vem elaborando material para distribuição no aeroporto e rodoviária de Parauapebas, com informações e orientações sobre o Coronavírus. E para que a população não confunda o Covid-19 com a gripe, já que os sintomas são parecidos, o governo municipal ainda orienta a população a acompanhar as informações oficiais sobre a doença também no site do Ministério da Saúde: https://www.saude.gov.br/saude-de-a-z/coronavirus

A população de Parauapebas fique certa de que a prefeitura está atenta para o Coronavírus, tanto que começou a se cercar de cuidados de prevenção contra a doença.

É a Prefeitura de Parauapebas cuidando da nossa gente!

 

Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP

Na manhã deste domingo, 15, a Polícia Civil divulgou a imprensa que no final da tarde de ontem mesmo, apreendeu três adolescentes (duas mulheres e um homem) suspeitos de envolvimento no cruel assassinato da estudante de 13 anos de idade, Kechily Costa de Sousa morta por integrantes de uma facção.

Segue o informe policial, como também uma nota da prefeitura.

Na data de ontem (14) a equipe de policiais da 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas, recebeu informações sobre um corpo encontrado atrás de um mercado localizado no Residencial Alto Bonito, o qual foi identificado como sendo da adolescente KECHILY COSTA DE SOUSA desaparecida desde o dia 09.

A jovem teve sua cabeça decepada, em ato típico de facções criminosas e sua morte agora será juntada ao bojo das investigações que já apurava o seu desaparecimento.

Suspeitos foram identificados e diligências empreendidas na tarde e início da noite de ontem com o fim de realizar as capturas, sendo logrado êxito na captura de 03 adolescentes supostamente envolvidos no crime.

Nota da prefeitura

O Prefeito Darci Lermen, em nome da prefeitura de Parauapebas lamenta profundamente o falecimento da jovem Kechily Costa, encontrada na tarde deste sábado, 14, após vários dias desaparecida.

A jovem era filha da servidora Alaíde Costa e estava desaparecida desde o dia 9 deste mês, ocasião em que foi vista pela última vez ao sair da escola onde estudava.

Desde então, família, amigos e autoridades estavam à sua procura, até que nesta tarde veio a triste notícia de seu falecimento.

Neste momento de tristeza e dor, o governo municipal se solidariza com a família e amigos, pedindo a Deus que lhes dê forças para superar essa perda irreparável.

A Prefeitura também informa que todos os órgãos de segurança municipais darão o apoio necessário para a elucidação deste caso e espera que os envolvidos sejam punidos com os rigores da lei.

 

Assessoria de Comunicação | PMP

As preocupações atuais se concentram, em grande parte, no cenário global por aqui alguns governos oportunistas tentam tiram proveito desta pandemia para melhorar a imagem sendo que a esquerda caviar torce para o quanto pior melhor.

A principal dúvida, no entanto, é como esse cenário de volatilidade dos preços das comodities e bolsas de valores impactará as condições domésticas que, até então, estavam em processo gradual de melhora.

Destaco quatro pontos importantes que caracterizam o momento atual:

1-  Apesar de bancos centrais e governos agirem prudentemente e terem sido ágeis em propor medidas de estímulo à economia, hoje existe menos espaço para cortes de juros (juros estão próximos de zero pelo mundo) e para implementação de políticas fiscais responsáveis (muitos países estão muito endividados);

2- As economias sofrem agora de choques abruptos de oferta e demanda quase sincronizados.

No entanto, o mercado ainda parece trabalhar com a hipótese de recuperação em “V”, isso é, haverá uma queda abrupta da atividade econômica, seguida de uma recuperação igualmente rápida em curto espaço de tempo;

3-  A situação fiscal do Brasil, apesar da aprovação da reforma da previdência, ainda não está resolvida outras reformas são necessárias como a tributária, administrativa e política.

A dívida bruta está em patamar historicamente alto, o resultado primário ainda é negativo e o congresso segue desidratando os ganhos com a aprovação da reforma da previdência;

Hora suspenso o auxílio do BPC

4- Por fim, as condições de crédito de pessoas físicas e jurídicas estão buscando a solidez, com as empresas menos endividadas e mais confiança para investir.

A situação ainda requer atenção, pois, apesar da solidez dos fundamentos macroeconômicos, a crise poderá trazer mais consequências negativas para o crescimento econômico e para o fluxo financeiro das empresas e isso poderá acarretar uma situação mais restritiva no mercado de crédito tornando-os mais caro.

Brasil: situação diferente do histórico, apesar dos riscos

Como escrevi na semana passada, o Brasil está se tornando um país mais “normal”, no qual choques externos abrem espaço para cortes de juros pelo Banco Central e o controle das contas públicas mais disciplinado e responsável

No passado, o oposto era verdade, a farra com dinheiro público era evidente inclusive com investimento em país amigos com Inês ideológicos de ditadura populistas, os preços internos controlados de forma eleitoreira e os juros subiam fortemente toda vez que havia uma crise externa ou ameaça da inflação, gerando um grande impacto sobre as contas públicas, pagamentos de juros e custo de capital das empresas.

 

Com a nova projeção para a Selic em 3,50% para 2020, o CDI irá passar a render 2,5% a.a após impostos, menos que a inflação projetada em 3.0%aa.

Para se ter uma base de comparação, nos últimos 20 anos a Bolsa (medida pelo Ibovespa) rendeu 8,64%a.a, contra o CDI que rendeu 12,74%a.a.

Essa comparação sustenta nossa tese positiva para a Renda Variável no longo prazo.

Porém, vale observar que as incertezas elevadas devem manter a volatilidade do mercado muito alta no curto prazo, com potencial de queda adicional para o Ibovespa.

Olhando o histórico de volatilidade global, podemos esperar pelo menos mais 4 meses pela recuperação.

Nas últimas duas semanas, o Ibovespa acumulou queda de 21%, seguindo a elevada aversão a risco que tomou conta do mercado com incertezas quanto aos impactos do coronavírus.

O cenário se intensificou ainda mais pelo desalinhamento entre a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) e a Rússia, que culminou no aumento da produção de petróleo, impactando significativamente o mercado.

O início de uma inflamada guerra de preços fez o petróleo cair 35% no último mês, aos US$36/barril atualmente, marcando sua maior queda dos últimos 30 anos, dada a escalada da guerra de preços do petróleo entre Arábia Saudita e Rússia.

A grande preocupação do mercado não é apenas quanto ao preço do petróleo em si, mas também com uma crise de crédito que poderia ser gerada pelo preço da commodity nesses patamares.

Ou seja, petroleiras no mundo, principalmente nos Estados Unidos, cujos produtores de xisto possuem endividamento mais alto, poderiam ter problemas de solvência e, potencialmente, prejudicar também os bancos e outros setores dependentes e correlatos da indústria.

Após a OMS (Organização Mundial da Saúde) declarar o coronavírus uma pandemia, as quedas do mercado voltaram a se acentuar e o Ibovespa teve o segundo circuit breaker no mês. 

Por que? Pois apesar de vários especialistas já esperarem essa notícia de elevação do COVID-19, os mercados se preocupam com a intensificação de medidas restritivas por partes de governos e empresas no mundo.

Essas incluem quarentenas, fechamentos de fronteiras, cancelamento de voos, reuniões e conferências, hotéis e cruzeiros vazios, e assim vai. Isso pode exacerbar e acabar por intensificar a desaceleração no mundo, gerando uma recessão em várias economias.

Vamos em frente.

Deus no comando.

WJN

Pessoas que têm entre 10% e 30% apenas de funcionamento dos rins são consideradas doentes renais e correm o risco de fazer diálise ou transplante do órgão. Para adiar essas situações no que for possível, a Prefeitura de Parauapebas disponibiliza na Policlínica o Ambulatório Especializado em Doença Renal Pré-Dialítica, que atende esses pacientes com uma equipe multidisciplinar composta por médico nefrologista, nutricionista, psicólogo, enfermeiro e assistente social. 

“Eu fazia o tratamento da diabetes no postinho de saúde e realizava exames todos os meses. Foi assim que descobri que estava com problema nos rins. Fui encaminhada para a Policlínica, comecei a fazer o acompanhamento e me sinto bem melhor”, diz a dona de casa Ivonete Mendes, que é atendida há seis anos.

“A gente atende as pessoas que já têm doença renal, só que antes da necessidade de fazer diálise ou transplante. O serviço é essencial para reduzir a velocidade em que o rim é perdido e fazer com que o paciente demore mais tempo pra chegar nesses estágios mais complexos”, explica Verônica Costa, médica nefrologista do ambulatório.

“O tratamento dos pacientes é para o resto da vida deles ou até que cheguem na fase de diálise, o que ocorre quando o funcionamento do rim chega a menos de 10%. A ida para a diálise depende de uma série de fatores, do comportamento do paciente em seguir as nossas orientações e, principalmente da mudança de hábitos alimentares, o que é muito difícil. A gente tem aquele paciente que chega com 25% ou 28% de funcionamento dos rins e que está com a gente há dez anos e está bem; e tem aquele que chegou ano passado com 25% e, em janeiro deste ano, já foi para a diálise”, compara Verônica Costa.

Atualmente, 50 pacientes em fase mais avançada da Doença Renal Crônica estão cadastrados no serviço e recebem atendimento. Mas, os profissionais do ambulatório atendem também outros pacientes com casos mais precoces ou que portam outras doenças específicas do rim.

No Brasil, não existem muitos serviços especializados como o oferecido na Policlínica para doentes renais. “É ímpar o que ofertamos em Parauapebas, apesar da orientação do Ministério da Saúde para os municípios disponibilizarem esse tipo de ambulatório em virtude do grande número de pessoas que estão entrando em diálises por não ter acesso a esse atendimento especializado”, diz Verônica Costa.

No Pará, o ambulatório da Policlínica é um dos poucos que funcionam como reza a cartilha do Ministério da Saúde, com uma equipe multiprofissional completa.

Doença silenciosa

Com a chegada do Dia Mundial do Rim, que transcorre em 12 de Março, a Prefeitura de Parauapebas iniciou esta semana uma campanha para orientar a população sobre os cuidados que precisa tomar com os rins, que vão ficando doentes sem a pessoa perceber devido à falta de sintomas, fator que preocupa os órgãos públicos de saúde.

Como a doença é assintomática, a pessoa pode vir a perder até 90% das funções dos rins, sem sentir nada. Com a campanha, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) objetiva conscientizar a população sobre o quanto é importante a necessidade de um diagnóstico precoce, levando em conta que a falta de cuidados com os rins mata, em média, 25 mil pessoas por ano no Brasil.

A campanha se estenderá durante todo este mês, com consultas, exames, palestras, distribuição de panfletos, atividades educativas para a prevenção e esclarecimentos quanto aos fatores de risco para as Doenças Renais Crônicas (DRCs) e conta com uma equipe especialmente treinada para atender em todas as unidades de saúde básica.

“Eu vim pra palestra entender melhor o tratamento do meu pai, como ajudar em casa, melhorar a alimentação dele. Ele já é paciente há mais de cinco anos aqui na Policlínica”, conta Francisca Rodrigues.

Procure um posto de saúde

A nefrologista Verônica Costa aconselha: “Se você for grupo de risco: diabético, hipertenso, tiver mais de 50 anos, tiver algum portador de doença renal na família, fumante, está acima do peso ou usa cronicamente anti-inflamatórios, procure uma unidade de saúde que estaremos encaminhando para um horário especial no laboratório para fazer a avaliação do funcionamento renal. Faça isso todo ano. Temos equipe treinada para investigar seu funcionamento do rim e poder te orientar como fazer para não ter a doença. Porque a diálise é uma fase final e perfeitamente evitável se você for diagnosticado no início da doença”. 

Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP

O Departamento de Homicídio da Polícia Civil de Parauapebas - DHPP, tem mais um crime de homicídio para elucidar, desta feita, a vítima é uma jovem de 13 anos de idade, que estava desaparecida, Kechily Costa de Souza, sumiu no dia 09, quando retornava da escola.

O corpo da adolescente foi encontrado em avançado estado de decomposição

O corpo da adolescente foi encontrado por volta das 13h da tarde de sábado 14, em uma área de terrenos baldios entre o residencial Alto Bonito e o bairro Alto Boa Vista, mas precisamente por trás do supermercado daquele residencial.

De acordo com Davi Ferreira de Sousa, pai da vítima, sua filha estava sofrendo ameaças por parte de uns adolescentes moradores do residencial Alto Bonito, onde a vítima também morava.  Ainda segundo o pai, sua filha vinha tendo problemas com os adolescentes na escola onde estudava, por causa do namorado.

A vítima teve a cabeça decepada

Ainda segundo Davi na segunda-feira, 09, ela retornava da escola para casa quando teria sido abordada por volta das 19h, próximo a escola municipal Domingos Cardoso, por um grupo de adolescentes que a sequestraram, desde então a mesma não foi mais vista. O desaparecimento da garota foi registrado na delegacia pelo pai da vítima.

"Hoje pela manhã por volta das 10h recebemos uma ligação de um número privado dizendo que era para eu dar uma olhada próximo a horta, por trás do supermercado, que havia  um corpo jogado lá, assim fiz, mas não encontrei nada, depois a polícia recebeu a mesma informação e vieram averiguar, encontrando o corpo dela justamente no local onde alguém tinha me informado", contou o pai de Kechily Costa.

A polícia chegou até o corpo através de ligação anonima 

A jovem estudava na Escola Municipal Olga da Silva, no bairro Altamira, onde cursava o 9º ano, e residia no residencial Alto Bonito, próximo ao local onde o corpo foi achado. O pai de Kechily acrescentou ainda que sua filha não fazia parte de nenhuma facção criminosa, mais que estava sendo ameaçada por integrantes de uma que seria rival a do  namorado dela.

(Neide Folha)

 

O caso aconteceu por volta das 20h30min, de sexta-feira, 13, na divisa dos bairros Cidade Jardim e dos Minérios, em Parauapebas, quando três indivíduos em uma moto roubada praticavam assaltos naquela região.

De acordo com a vítima, dona da moto e mãe de uma criança agredida por eles, o caso ocorreu quando ela chegava em casa vindo do trabalho "Me dirigi até a casa de minha mãe para pegar meu filho e quando eu chegava na esquina de minha casa os bandidos me abordaram, batendo muito forte na minha cabeça e também na do meu filho que começou a chorar, o loirinho (Rodrigo) colocou a armar na cabeça de meu filho dizendo que iria mata-lo", contou a vítima mãe da criança.

Os dois são acusados praticar vários assaltos no bairro Cidade Jardim 

O esposo da vítima teve seu veículo parcialmente destruído ao tentar atropelar os assaltantes, o mesmo contou para reportagem que após sua esposa ligar contando o ocorrido ele pegou o carro para ir ao encontro dela e quando saia se deparou com os assaltantes na esquina com a moto de sua esposa e um botijão de gás que um deles levava nas pernas. “Eles estavam assaltando outras pessoas, quando vi aquela cena joguei o carro para cima deles atingindo um deles" contou o esposo da vítima, acrescentando ainda que na hora perdeu o controle do veículo e atingiu uma residência, sofrendo perca total do veículo.

Segundo a polícia desde o início da tarde, três indivíduos faziam arrastão no bairro Cidade Jardim, e teriam adentrado em uma residência vindo a efetuar alguns disparo na mesma fazendo três pessoas refém.

Ainda segundo informações, após deixarem o local o trio teria tomado uma moto Honda BIZ de uma mulher que chegava em casa com seu filho de 03 anos de idade, momento em que teria agredido com coronhadas a mulher e o filho e apontando a arma para a cabeça da criança ameaçou matá-la caso a vítima não entregasse a moto.

Marcos Ribeiro foi morto após reagir contra a polícia

Acionada via Centro de Controle Operacional (CCO), uma guarnição da Rocam atendeu ao chamado, ao chegar no local não mais encontrou os foras da lei, instante em que passaram a realizar diligencias nas imediações encontrando o trio em uma área de mata da rua 15, próximo a garagem do transporte coletivo Bairro Dos Minério, local onde aconteceu a intervenção policial e um dos acusados foi baleado morrendo a caminho do hospital.

Já os outros dois se embrearam na mata sendo capturados minutos depois e apresentados na delegacia com uma pistola calibre 6.35, com 4 munições intactas e a moto da vítima.

Horas depois o morto foi identificado como sendo Marcos Ribeiro Pinto, 27 anos de idade e os que ficaram presos são Wesley Sousa Campos, 19 anos, e Rodrigo Lima da Silva, 22 anos, ambos negaram envolvimento na ação criminosa.

(Neide Folha)

Programação contará com construção de jardim, gincana ecológica, teatro de fantoche, oficina, minicurso, palestra e formatura de jovens ambientalistas.

A 24ª Semana da Árvore de Parauapebas será realizada no período de 16 a 21 deste mês, com o tema “Rios voadores. Mais árvores, mais vida!”. As atividades vão envolver estudantes e comunidades das zonas urbana e rural do município. Este ano, a programação desenvolvida pela Prefeitura de Parauapebas aborda a importância da Amazônia no regime de chuvas do restante do País.

Logo na abertura, estudantes do 5º ano da rede municipal vão participar da tradicional gincana ecológica, que proporciona conhecimento e diversão. Alunos da Escola de Educação Infantil Cora Coralina também irão participar, construindo um jardim de plantas medicinais. Além disso, a programação contará com oficinas e minicursos, por meio das quais serão repassadas técnicas de produção de repelentes naturais, por exemplo.

O evento é realizado pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semma) em alusão ao Dia Mundial da Árvore, comemorado em 21 de março.

Rios Voadores

Os rios voadores são “cursos de água atmosféricos”, formados por massas de ar carregadas de vapor de água, muitas vezes acompanhados por nuvens, e são propelidos pelos ventos. Essas correntes de ar invisíveis passam em cima das nossas cabeças carregando umidade da Bacia Amazônica para o Centro-Oeste, Sudeste e Sul do Brasil.

Essa umidade, nas condições meteorológicas propícias como uma frente fria vinda do Sul, por exemplo, se transforma em chuva. É essa ação de transporte de enormes quantidades de vapor de água pelas correntes aéreas que recebe o nome de rios voadores – um termo que descreve perfeitamente, mas em termos poéticos, um fenômeno real que tem um impacto significante em nossas vidas.

Fonte: https://riosvoadores.com.br/o-projeto/fenomeno-dos-rios-voadores/

 

Confira a programação completa da Semana da Árvore:

  • 16/03 (Segunda-feira)

Abertura oficial com Gincana Ecológica e Blitz Educativa

Local: Praça da Juventude, Casas Populares II

Horário: 8h às 12h

---------

  • 17/03 (Terça-feira)

Festa das árvores (tenda itinerante) com teatro de fantoches e oficinas de produção de produtos artesanais e de repelente natural

Local: Associação do Bairro Nova Carajás

Horário: 9h às 12h

---------

  • 18/03 (Quarta-feira)

Festa das árvores (tenda itinerante) com teatro de fantoches e oficinas de produção de produtos artesanais e de repelente natural

Local: Vila Sansão

Horário: 09h às 12h

---------

  • 19/03 (Quinta-feira)

Construção de jardim de plantas medicinais e oficina de repelente natural

Local: Escola Cora Coralina (rua G-06 - Qd. 142 Lote 03 – bairro Jardim Ipiranga. Próximo à rodovia PA-160)

Horário: 08h às 12h

  • 20/03 (Sexta-feira)

Minicursos de Mudas Florestais e de Cactos e Suculentas

Local: Ceup (rua A, Qd. especial, Cidade Nova)

Horário: 8h às 17h

Exposição “Água existe sem você. Você que não existe sem água!”

Local: Estação de Tratamento de Água (ETA 1), Liberdade 1

Horário: 8h às 12h

---------

  • 21/03 (Sábado)

A importância das abelhas para as plantas (visita guiada ao meliponário)

Local: Casas Populares I (Polo Moveleiro)

Horário: 8h às 12h

Formatura do Programa Jovem Ambientalista (PJA)

Local: Centro de Desenvolvimento Cultural – CDC (rua 10 esquina com a PA-275, Cidade Nova)

Horário: 18h às 21h

Texto: Anne Costa
Assessoria de Comunicação - Ascom/PMP

Receita Federal recebeu, até as 17h desta sexta-feira (13), 117.587 declarações do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2020, ano-base 2019, em todo o estado do Pará. Já na 2ª Região Fiscal, composta pelos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia e Roraima, 276.552 contribuintes cumpriram a obrigação com o fisco federal.

O sistema de recepção de declarações da Receita Federal funciona 20 horas por dia. Fica indisponível somente na madrugada, entre 1 hora e 5 horas. No site do órgão, há conjunto de informações completas sobre como preencher corretamente o documento, além das regras sobre o que pode ser utilizado como deduções.

E o app “Meu Imposto de Renda” já se encontra disponível nas lojas de aplicativos Google play, para o sistema operacional Android e App Store, para o sistema operacional iOS. O aplicativo é um serviço da Receita que permite o preenchimento, o envio e a retificação de Declarações do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (DIRPF) utilizando dispositivos móveis (tablets e smartphones) com sistemas operacionais Android e iOS (Apple) ou utilizando o Centro Virtual de Atendimento (e-CAC) no site da instituição na Internet. Mesmo assim, o aplicativo ainda possui algumas limitações e não poderão ser utilizados por todos os contribuintes.

 DOL 

A Polícia Civil tem mais um crime de homicídio em Parauapebas para apurar, desta vez tendo como vítima o comerciante Edinaldo de Oliveira Silva, 23 anos de idade, natural de Vitorino Freire (MA), assassinado com um tiro na cabeça a queima roupa, quando se encontrava na porta da casa de um amigo conversando com o mesmo.

Informações colhida no local dão conta que um único disparo que matou a vítima teria sido efetuado por um indivíduo que havia chegado no local na companhia de um comparsa em uma Honda Broz de cor vermelha. As informações ainda são poucas e aparentemente não há motivação, porém a Polícia Judiciária está apurando o crime e busca a ajuda da população para que o mesmo seja elucidado.

A vítima foi morta com um tiro na cabeça

Ainda segundo informações, por volta das 22h a vítima se encontrava na porta da casa do amigo de nome mantido em segredo na rua Estocolmo, bairro Novo Horizonte, quando teria começado a chover, nesse momento os dois rapazes (vítima e o amigo), foram para a área da casa onde continuaram a conversa, quando no local teria chegado dois desconhecido em uma moto Honda Broz, ambos armados.

Nesse momento o garupa desceu da moto e mandou que a criança de 8 anos que estava brincando perto dos dois fosse para dentro de casa, em ato continuo obrigaram os dois rapazes a deitarem no chão, "Deita, deita, deita" teria ordenado   o assassino, ao deitar no chão o homem mandou que Edinaldo Oliveira retirasse o boné e encostando a arma na cabeça dele, efetuou um tiro na cabeça da vítima.

Após o crime os assassinos deixaram o local tomando rumo ignorado. Edinaldo era usuário de maconha, o que levanta a hipótese de crime por acerto de contas.

 (Neide Folha)

Sul e Sudeste do Pará

Loading
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
http://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016