Câncer de mama: por que fazer atividades físicas?

Câncer de mama: por que fazer atividades físicas? Foto: Reprodução

Neste mês de outubro, relembramos a importância do combate ao câncer de mama e sempre faço uma correlação com o esporte para vocês entenderem que sim, estão conectados.

  • Estudos recentes mostraram que permanecer ativo reduz o risco de desenvolver câncer de mama em cerca de 20%;
  • O risco de recaída também é muito menos provável em mulheres que praticam exercícios e esportes: três horas por semana reduziriam o risco de recorrência em 20%;
  • Essa taxa sobe para 50% para mulheres que praticam 9 horas de esporte por semana.
 

O esporte também tem benefícios significativos para pacientes que já foram diagnosticados com câncer:

  • Os efeitos colaterais do tratamento são mais bem tolerados;
  • Cansaço e dor podem ser aliviados;
  • Ajuda a fortalecer as articulações e os músculos e, desta forma, a recuperar a forma física mais rapidamente;
  • O esporte ajuda a combater o estresse e a ansiedade;
  • E o mais importante de tudo, o risco de recaída é minimizado.

Quais exercícios?

Lembre-se: o exercício e o esporte devem ser supervisionados. O ideal é que um profissional de educação física ou fisioterapeuta te oriente num primeiro momento, supervisionado pelo seu médico do esporte. Tenha cuidado, você deve ter cautela, pois a imunidade estará alterada e pode mudar seu metabolismo, incluindo força e performance.

Sempre procure organizações especializadas em programas de exercícios para pacientes com câncer. Procure fazer sessões esportivas supervisionadas por médicos com título de especialista e que tenham experiência com pessoas com câncer, em tratamento ou em remissão. Esse suporte também pode ser individual e domiciliar.

Alguns programas devem ser personalizados com base em sua idade, condição e histórico médico, levando em consideração também seus desejos e objetivos, pois deve ser considerada a individualidade, tipo de cirurgia e tratamento realizado, doenças e morbidades associadas. Isso ocorre porque, a fim de apoiar os pacientes com câncer na recuperação do controle sobre seu corpo, é vital ter uma boa compreensão dos mecanismos da doença e do impacto que o exercício pode ter.

 

Fonte: https://globoesporte.globo.com

Avalie este item
(0 votos)

Sul e Sudeste do Pará

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016