Imprimir esta página

Decreto de enfrentamento e prevenção ao coronavírus no município altera rotina de comerciantes na Feira do Produtor Destaque

De acordo com decreto anunciado pelo prefeito de Canaã dos Carajás, estão suspensos pelo prazo de 15 dias aulas, eventos, e outras atividades que concentre grandes quantidades de pessoas. Por este motivo a feira do produtor e mercado municipal também passará por mudanças durante período de enfrentamento ao coronavirus.

Entendendo que tais estabelecimentos são de suma importância para o abastecimento da população, que atendem em gênero alimentício com peixes frutas e verduras e que a feira é também o sustento de muitas famílias de produtores rurais e pequenos negócios, a prefeitura decidiu não fechar o local, mas sugeriu mudanças em seu funcionamento, que faz com que o funcionamento dos boxes impar e par trabalhem em horários alternados, principalmente aos finais de semana, evitando assim grande números de pessoas em um local.

Durante período de quinze dias de enfrentamento os produtores também poderão expor seus produtos em tendas que serão montadas ao ar livre, cada tenda respeitando o limite de distanciamento que são de 2 metros entre cada barraca, que é o recomendado pelas autoridades de saúde.

A prefeitura do município também incentiva os feirantes que trabalhem com entrega a domicílio em parceria com os mototaxistas, e divulguem os seus telefones de contato e façam vendas por telefone que o é meio mais seguro de trabalhar no momento.

   

Avalie este item
(0 votos)

Compartilhe na sua rede social...

Carajas o Jornal