Em alusão ao Dia mundial Sem Carro, comemorado no dia 22 de setembro, A União dos Ciclistas de Parauapebas (UCP), em parceria com a Vale, Prefeitura Municipal e ICMbio realizarão neste domingo (30) mais um passeio ciclístico no município.

O evento é realizado todos os anos com o objetivo fomentar o ecoturismo, saúde e a consciência sustentável e social da população. Cerca de 400 pessoas devem participar do passeio que terá seu trajeto iniciado na saída do Aeroporto de Carajás e termino na Praça de Eventos, contabilizando um total de 25 km.

Durante as inscrições, que foram realizadas do dia 19 ao dia 21 de setembro foram arrecadados mais e 350 Kg de alimento não perecível, que serão separados em cestas básicas e distribuídos nas comunidades carentes. Todos os participantes também participaram de um teste de aptidão física que foi realizado na Praça da Bíblia, na manhã do último domingo (23).

Saiba mais sobre a União dos Ciclistas de Parauapebas (UCP)

A UCP, que tem como presidente, Murilo Guimarães Silva, existe no município há aproximadamente três anos e, desde então, vem realizando diversas atividades dentro e fora do município, participando e desenvolvendo campeonatos de ciclismo e passeios ciclísticos em eventos sociais.

Além Dia Mundial Sem Carro, os integrantes do UCP realizam diversos outros eventos de ciclismo dentro e fora do município.

Além de fomentar o esporte e o ecoturismo no município, os integrantes da UCP têm realizado um trabalho social de grande importância para Parauapebas, que é arrecadação de alimentos que são distribuídos em entidades sociais e doados para famílias carentes.

De acordo com Murilo entre os eventos nacionais de Moutain Bike que os atletas da UCP participam, estão o Cross-Coutry Olímpico (XCO) e a Maratona (XCM).

Parceiros:

A União dos Ciclistas de Parauapebas conta com diversos apoiadores da iniciativa, entre eles as secretarias municipais, SEMMA (Secretaria Municipal de Meio Ambiente), ASCOM (Assessoria de Comunicação da Prefeitura) e SEMURB (Secretaria Municipal de Urbanização), representantes do Poder Legislativo do município, empresários e outros.

Edições anteriores do evento.

"Também arrecadamos alimentos e distribuímos para as entidades e famílias carentes", disse Murilo Guimarães Silva (camisa vermelha) à reportagem.

Sobre o Dia Mundial Sem Carro

A campanha Dia Mundial Sem Carro surgiu em 1997, na França posteriormente adotada por vários outros países europeus, em 2000, e desde então, se espalhou pelo restante do mundo. A primeira cidade a aderir à campanha foi São Paulo, que realiza atividades pelo dia mundial sem carro desde 2003.

A ideia principal é “fazer com que as pessoas vivenciem a cidade de outra forma” (Vá de Bike) incentivando uma reflexão nas pessoas, que dirigem diariamente, sobre a dependência que elas criaram pela locomoção veicular, seja carro, ou mesmo moto, experimentando, excepcionalmente neste dia, outros meios alternativos de locomoção, seja bicicleta, caminhada, transporte público e até mesmo carona solidária, podendo ser combinada com o colega de trabalho que more perto de sua casa.

Estas são alternativas saudáveis e cidadãs, que todos, pelo menos uma vez devem experimentar, contribuindo com o meio ambiente, a saúde e até mesmo com aqueles que de fato necessitam de veículos para se locomover. São estas, pessoas com necessidades especiais de mobilidade, como gestantes, pessoas na melhor idade, deficientes, entre outros.

(Texto Ingrid Cardoso com informações do site Vá de Bike)

Garantir às mulheres hipossuficientes e/ou em situação de violência doméstica/familiar o exercício de seus direitos, com acesso ao judiciário gratuito por meio de atendimento especializado. Esse é o intuito do Centro de Assessoria Jurídica à Mulher (Ceajum), que celebrou no dia 21 deste mês nove anos de existência.

Desde a sua inauguração, em 17 de setembro de 2019, já foram atendidas 20.688 mil mulheres e impetradas 3.133 mil ações. Diariamente, são atendidas sete mulheres, em média, totalizando perto de 140 atendimentos mensais. Entre ajuizamentos de ações, protocolos de petições intermediárias, acompanhamento em audiências e delegacia, visitas domiciliares e outros, são totalizados 122 procedimentos mensais.

Durante esses nove anos de existência, o Ceajum ajudou a mudar pra melhor a vida de muitas parauapebenses. A coordenadora do centro, Ana Regina, diz que os desafios são superados diariamente e que o momento é de celebrar as conquistas. “Normalmente, as mulheres procuram a gente por uma demanda espontânea. Elas conhecem o centro, são informadas por meio das ações realizadas pela Secretaria Municipal da Mulher [Semmu], mas também tem mulheres encaminhadas pela delegacia e outros centros de atendimento que fazem parte da rede de parceiros da prefeitura”, explica.

“As mulheres são atendidas por uma equipe profissional capacitada e em um local aconchegante, onde elas se sentem acolhidas e à vontade para relatar seus problemas. O fato de o centro possuir sede própria e funcionar ao lado de uma delegacia também é muito importante e nos assegura que as mulheres estão amparadas. Esse atendimento é um ganho para Parauapebas, pois o Ceajum é referência no sul e sudeste do Pará”, ressalta a secretária da Mulher, Ângela Silva.

CONVÊNIO

O Ceajum foi implantado pelo Convênio nº. 189/2007, celebrado entre a União, por meio da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM/PR), e município de Parauapebas, por meio da Semmu. O endereço foi escolhido de forma estratégica, para proporcionar às mulheres vítimas de violência mais facilidade ao procurar um atendimento jurídico. 

O Ceajum está localizado na av. Brasil, s/n, esquina com a rua J, bairro Jardim Canadá, ao lado da Delegacia de Polícia Civil. 


Texto: Rayssa Pajeú   
Fotos: Helder Messiahs e Arquivo/Ascom   
Assessoria de Comunicação - Ascom | PMP

Exibição do artesanato, pintura corporal indígena, degustação de queijo de búfala e café de açaí. Os visitantes da 46ª Abav Expo Internacional de Turismo vão ter a oportunidade de conhecer de perto a diversidade cultural e um pouco dos atrativos de Parauapebas, a Capital do Ecoturismo de Carajás.

A equipe de expositores do município já está em São Paulo organizando os últimos preparativos para a feira, que inicia amanhã, 26, e segue até dia 28, no Pavilhão de Exposições do Anhembi. A expectativa do Departamento de Turismo (Detur) é de receber três mil visitantes no estande, dentre os 23 mil que estarão participando desta “vitrine turística”, por ser a segunda maior feira das Américas.

A experiência com outros roteiros, contatos e parcerias devem atrair não só turistas como também investidores para Parauapebas.

Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP

Moradores do Bairro Novo Brasil, em Parauapebas, atearam fogo em pneus e interditaram parcialmente a PA-275 na manhã desta terça-feira (25). Eles pedem providencias da gestão municipal quanto a uma série de demandas de melhorias para o Bairro.

Entre as principais reclamações dos moradores diz respeito à ponte liga o bairro ao loteamento amazonas. A ponte fica a poucos metros de uma escola e diariamente circula centenas de pessoal por ela. A ponte teve parte das cabeceiras arrastadas pelas fortes chuvas, e posteriormente moradores atearam fogo na mesma com forma de protesto, em fevereiro deste ano.

O presidente da associação de moradores Novo Brasil, Leandro Silva, falou à nossa equipe de reportagem que a manifestação foi a única forma encontrada pelos moradores de cobrar por seus direitos. “Daqui a alguns dias tem eleição e não vejo melhor momento da gente de mostrar pra para os candidatos e autoridades que estão vindo ate aqui para pedir votos, a nossa situação, para que eles olhem mais para  o nosso bairro”, o disse morador. Leandro também destacou a falta de uma rotatória próximo ao viaduto, pois segundo ele, todo final de semana ocorrem dezenas de acidente no local em razão da falta de sinalização  e infraestrutura.

Outra deixa de reivindicada pelos moradores, abordada pelo presidente da associação é a falta de saneamento e assistência básica de saúde.

Homens do Corpo de Bombeiros e da polícia militar estiveram no local para fazer a desobstrução da via. Em busca de repostas para as suas demandas os moradores de Dirigiram-se até a câmara municipal onde uma comissão foi formada com o intuito de tirar encaminhamentos para atender as demandas do bairro.

Em nota a Secretaria Municipal de Obras (Semob) se posicional em relação a construção da ponte e disse a empresa vencedora da licitação para conduzir a obra foi obrigada a paralisar os serviços porque uma outra empresa concorrente que participou do processo entrou com mandado de segurança.

Confira a nota na íntegra

Sobre a obra da ponte do bairro Novo Brasil, a Secretaria Municipal de Obras (Semob) esclarece que:

 

A empresa vencedora da licitação para conduzir a obra foi obrigada a paralisar os serviços porque uma outra empresa concorrente que participou do processo entrou com mandado de segurança.

Por se tratar de uma questão judicial, não depende agora do governo municipal dar continuidade aos serviços.  

A Semob conhece as dificuldades dos moradores e espera que esta situação seja resolvida o quanto antes. Assim, os serviços serão retomados para que a comunidade seja beneficiada com mais esta obra na cidade.

Assessoria de comunicação - Ascom PMP

 

O presidente da associação de moradores Novo Brasil, Leandro Silva, falou à nossa equipe de reportagem que a manifestação foi a única forma encontrada pelos moradores de cobrar por seus direitos. 

 

Homens do Corpo de Bombeiros e da polícia militar estiveram no local para fazer a desobstrução da via.

 

 

(Reportagem: Fernando Bonfim)

  

Em um processo que se desenrola na Justiça Federal há quatro anos, a Prefeitura de Parauapebas conseguiu uma decisão favorável esta semana. Por meio de seus fiscais, o Conselho Estadual de Farmácia (CRF) havia emitido cinco autos de infração por falta de profissionais farmacêuticos em unidades de saúde de médio porte.

A Prefeitura de Parauapebas alegou, em juízo, que as cinco autuações do CRF-PA tinham por justificativa o descumprimento de suposta obrigação consubstanciada na manutenção de profissional farmacêutico, devidamente registrado e habilitado, junto a cinco unidades básicas de saúde do município. A cada penalidade foi atribuído o valor de R$2.172,00, totalizando um débito de R$10.860,00, indicando por fundamento legal o disposto no parágrafo único do art. 24 da Lei Federal n. 3.820/60 e art. 21 da Resolução n. 579/2013 do Conselho Federal de Farmácia e consignando que as autuações continuariam ocorrendo até a devida regularização da situação.

Contudo, a PMP alegou que a prática exigida pelo CRF-PA seria indevida, tendo em vista a existência de entendimento jurisprudencial pacífico no sentido de que tal exigência não se imporia em relação a unidades básicas de saúde e hospitais de pequeno porte.

O juiz Marcelo Honorato deferiu o pedido de tutela antecipada à Prefeitura de Parauapebas. Por outro lado, O Conselho Regional de Farmácia informou à Justiça uma interposição de agravo de instrumento contra a decisão que antecipou a tutela, requerendo a sua reconsideração.

Na contestação, o Conselho de Farmácia sustenta a exigência de profissional farmacêutico, conforme objetivado pelas cinco autuações, guardariam compatibilidade e seriam, também, recomendadas por dados estatísticos.

O CRF informou ao magistrado que essa obrigação teria sido formalmente assumida pelo município de Parauapebas, ainda, por meio de Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado no dia 26 de maio de 2010 junto ao Ministério Público Estadual e a Vigilância Sanitária.

Por fim, o Conselho Informou que, com o advento da Lei n. 13.021/2014, não subsistiriam motivos para discussão sobre a aplicabilidade da referida exigência, e que o pedido de impedimento do conselho profissional de realizar novos atos fiscalizatórios em seu favor implicaria em completo esvaziamento da sua atividade fim.

Depois de tramitar na Justiça Federal em Marabá, o caso “subiu” para o Tribunal Regional Federal da 1ª Região, tendo como relator o desembargador José Amilcar Machado, o qual declarou, esta semana, nulos os autos de infração n. 14021, 14251, 14015, 14020 e 14018, e condenou o Conselho Regional de Farmácia ao dever de abstenção de proceder novas autuações, pelo mesmo motivo (ausência de contratação/manutenção de profissional farmacêutico), em detrimento de dispensários de medicamentos ou unidades hospitalares/clínicas de pequeno porte (assim compreendidas aquelas que tenham capacidade para até 50 leitos, nos termos do Glossário do Ministério da Saúde) que integrem a estrutura orgânica do município de Parauapebas, enquanto não sobrevier alteração por meio de lei formal que justifique tais medidas fiscalizatórias.

Caso a decisão do magistrado não seja obedecida, o CRF poderá pagar multa de R$ 5.000,00 por autuação que contrarie os dispositivos da sentença.

(Fonte: Zé Dudu)

O Balanço efetuado pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese-PA) com base em dados da ANP – Agência Nacional do Petróleo, mostra que mesmo sem reajuste oficial, a semana passada encerrou com o litro da gasolina sendo comercializado mais caro em postos de combustíveis do Pará. 

Foram três semanas consecutivas de altas nos preços do produto. Ainda de acordo com as analises do Dieese/Pa, a semana passada fechou com o preço médio sendo comercializado a R$ 4,775, com o menor preço vendido a R$ 4,269 e o maior a R$ 5,339. Na semana anterior, o valor médio do litro da gasolina estava mais barato e foi comercializado a R$ 4,724, com o menor preço sendo vendido a R$ 4,250 e o maior a R$ 5,250.

Na semana de 16 a 22 de setembro, o município paraense que comercializou o litro da gasolina mais caro foi Abaetetuba, nordeste paraense, custando em média R$ 5,184, seguido de Parauapebas que custou, em média R$ 5,173; Altamira a R$ 5,163; Redenção a R$ 5,105; Conceição do Araguaia, em média a R$ 5,105; Paragominas que custou R$ 5,064; Xinguara a R$ 5,046 e Alenquer, com o custo de médio de R$ 5,025. Em Belém o litro da gasolina foi comercializado na semana passada a R$ 4,665, com os preços oscilando entre R$ 4,520 a R$ 4,899.

(Fonte: Portal ORM)

Dezenas de enxadristas se reuniram na tarde deste sábado (22) para participar da 8ª etapa do 2º circuito da Copa do Rei do Xadrez. O evento foi realizado no Center Cidade Nova e proporcionou aos participantes a troca de conhecimentos e experiências, sobre este esporte que vem conquistado cada vez mais o coração dos parauapebenses.

A disputa é cumulativa, dividida em 10 etapas. Até dezembro, os participantes terão de se desdobrar para conseguir pontuar nas próximas últimas duas etapas do campeonato, que definirá o próximo campeão municipal de Xadrez.

Professor de Xadrez e organizador do evento, Rodrigo Leal.

O professor de Xadrez e o organizador do evento, Rodrigo Leal, disse que a participação dos alunos é de grande importância, pois além de não deixar que eles fiquem ‘enferrujados’, incentiva novos participantes. “Para os que estavam parados é um estímulo a mais, com isso eles terminam pegando gosto pela coisa e acabam participando de diversos campeonatos, inclusive fora do município”, disse.

Para os amantes do Xadrez, o professor ainda acrescentou que estão abertas as inscrições para duas turmas, com 40 vagas cada uma. As aulas e inscrições serão realizadas no Complexo Poliesportivo de Parauapebas as terças e quintas-feiras.

Hugo Santos (13 anos) é aluno e competidor no campeonato.

O aluno e competidor de Xadrez, Hugo Santos, de 13 anos, fala dos benefícios que conseguiu com o Xadrez. Ele destaca que o confronto existe apenas no tabuleiro. “Acaba se tornando um modo da gente se divertir. A gente se reúne para disputar, e o lado bom é que a disputa é apenas no jogo, atrás do tabuleiro todo mundo é amigo, esta é uma das partes mais interessantes do esporte”, explicou Hugo.

O campeonato contou com a participação de competidores de todas as idades. 

(Reportagem: Fernando Bonfim)

Foi identificado como de Rosivania Torquato Xavier, de 29 anos, o corpo resgatado pelos Bombeiros na tarde de segunda-feira (17), do Rio Parauapebas, sob a ponte do City Park, conforme  noticiado pelo Blog do Zé Dudu. Segundo informação do delegado Felipe Oliveira, a mulher havia registrado Boletim de Ocorrência na 20ª Seccional de Polícia Civil, relatando que o marido queria tomar a casa dela, uma vez que o casal estava separado. O homem, cujo nome não foi revelado também havia procurado a delegacia par queixar-se dela em razão da desavença na partilha dos bens.

Familiares de Rosivania, que chegaram ontem (20), a Parauapebas, oriundos de Colinas (MA), estiveram na Delegacia de Polícia Civil e no Instituto Médico Legal onde reconheceram o corpo dela que, depois da necropsia foi trasladado para a cidade natal.

Quanto a comentários de que a mulher havia sido jogada no rio ainda com vida, o delegado disse que só o laudo do IML vai dar uma resposta. No momento, a maior preocupação dele é localizar os dois filhos de Rosivania, um menino de 11 e uma menina de 9 anos, que estão desaparecidos desde o dia do crime.

O corpo de Rosivania foi encontrado envolto em uma lona azul, dos pés à cabeça e com vários tijolos e pedras amarrados para que não boiasse. Na avaliação dos bombeiros, tudo leva a crer que o corpo foi lançado da ponte juntamente com as pedras para que ficasse submerso e não fosse encontrado. Porém, como o rio está seco e a lona era bem clara, alguém percebeu e avisou a polícia.

Rosivania Torquato Xavier, de 29 anos

Fonte: Zé Dudu

Enxadristas de Parauapebas já podem se inscrever no 2º Circuito da Copa do Rei de Xadrez de Parauapebas. O evento que está em sua 8ª etapa, irá acontecer neste sábado (22) a partir das 15 horas, na Center Cidade Nova, localizada na Rua E, prédio da antiga Leolar.

Neste ano de 2018, já foram confirmados 17 eventos de Xadrez no município sendo todos eles uma organização do Clube de Xadrez de Parauapebas que vem fomentando o esporte na região sudeste do estado há mais de 10 anos.

As inscrições são gratuitas e para se inscrever é só entrar em contato com os números (94)98150-3707 ou (94) 99240-6500 e falar com Rodrigo Leal, organizador do circuito e membro do Clube de Xadrez de Parauapebas.

(Da redação)

 

 

 

 

Foi assinado na manhã desta quinta-feira (20), em terras parauapebenses, um convênio entre a prefeitura municipal de Canaã dos Carajás e o Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Pará (IFPA). O convênio que visa à construção de um Campus da instituição no município representa um avanço no desenvolvimento de Canaã no tocante à qualificação profissional dos jovens da cidade.

Prefeito Jeová Andrade assinando convênio que garantirá a implantação de um campus do IFPA em Canaã dos Carajás. 

A assinatura do convênio ocorreu no campus do IFPA de Parauapebas, onde o atual prefeito, Jeová Andrade (MDB), de Canaã dos Carajás firmou mais um compromisso com o desenvolvimento do município a qual é gestor e cumpre seu segundo mandato como prefeito.

Convênio garantirá muitos benefícios ao município. 

De acordo com o atual prefeito de Canaã, Jeová Andrade (MDB), o convênio irá beneficiar a cidade de diversas formas, desde a geração de emprego e renda, educação e qualificação da mão-de-obra da cidade. “Investir em educação e qualificação profissional dos nossos jovens é um dos principais compromissos do nosso governo, pois é investindo nas pessoas que conseguimos alcançar o desenvolvimento”, disse o prefeito.

(Texto: Ingrid Cardoso/ Imagem: Stephanny Sousa )

 

Sul e Sudeste do Pará

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016