Produtores da APA participam de projeto para ampliação da produção leiteira

Técnico dá instruções em campo sobre o manejo rotacionado, que aumenta a produção com correto uso do solo. Técnico dá instruções em campo sobre o manejo rotacionado, que aumenta a produção com correto uso do solo.

Sr. Adão e Dona Lúcia Adão Florentine são produtores rurais na APA do Gelado. Eles integram o grupo de 17 proprietários que, durante um ano, participarão de projeto de capacitação promovida pela Fundação Vale, em parceria com a Associação de Produtores, que tem como objetivo contribuir para o fortalecimento da cadeia produtiva partir da ampliação da produção leiteira.

De acordo com a analista de Negócios Sociais da Fundação Vale, Georgina Rosa, a demanda de capacitação e apoio produtivo veio diretamente dos produtores da APA que fornecem para o Laticínio Estação. "A base de nossa atuação é a metodologia do programa Balde Cheio da Embrapa, que além de melhorar o manejo do rebanho tem como foco o gerenciamento da propriedade pelos produtores atendidos".

Ela comenta também que "além da capacitação, iremos apoiar com na implantação de 1ha de pasto irrigado no sistema rotacionado por propriedade, o que dá maior produtividade em uma área menor, serviços de mecanização, sistema de irrigação, piquetiamento, doação de sementes e adubo, além de um ano de assistência técnica. Todo aparato, para que eles tenham toda competência e sigam independentes", destaca Georgina.

Seu Adão assistiu a primeira aula aplicado. Para ele, o dia de formação teórica trouxe aprendizado muito bom. "Pode ser que nos primeiros dias, até pegar a prática, a gente possa ter um pouco de dificuldade. Mas tendência é melhorar. Só com acompanhamento a gente vai conseguir desenvolver e atingir o objetivo. Se a gente tem um projeto, mas não tem treinamento para você saber lidar, fazer as contas de lucro e de custo, sem esses conhecimentos a gente não vai chegar a lugar nenhum", conclui.

Este é o primeiro projeto que envolve capacitação e acompanhamento técnico para produtores da APA do Gelado. As próximas capacitações estão previstas para setembro e novembro.

Sobre o Laticínio Estação

O Laticínio Estação, coordenado pela área de Geração de Trabalho e Renda da Fundação Vale, em parceria com Associações de Produtores Rurais, está instado na comunidade da APA do Gelado. Na unidade, o total de 4,1mil litros de leite, por dia, adquirido de 88 produtores de leite de oito comunidades de Parauapebas é transformado em queijo e manteiga. Os produtos já chegam a supermercados locais e também em Marabá, Castanhal e Belém, além de pizzarias, padaria, casa de massas e hotel. A atividade tem favorecido uma outra vocação econômica do município, a produção agropecuária.

(Comunicação-Vale)

 

Avalie este item
(0 votos)

Sul e Sudeste do Pará

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016