Vereador Rafael Ribeiro propõe criação do Dia Municipal de Combate ao Feminicídio e à violência contra Mulher Destaque

Entre 1º de janeiro e 28 de fevereiro, o Disque-Denúncia recebeu nada menos que 31 denúncias de violência contra a mulher em apenas dois municípios da região. Parauapebas, com 20 ocorrências, lidera este ranking vergonhoso. Marabá aparece em segundo lugar, com 11 notificações de violência. Esta é apenas uma amostra da triste realidade que cerca as mulheres na região. Às agressões verbais e físicas junta-se o assassinato de mulheres, que hoje é tipificado como feminicídio.

Foto: Reprodução

O vereador Rafael Ribeiro (MDB) atentou para a relevância do tema e para a necessidade de combater o feminicídio em Parauapebas. Por conta disso, Rafael apresentou à Câmara Municipal projeto de lei que estabelece o dia 11 de maio como Dia Municipal de Combate ao Feminicídio e à Violência contra a Mulher.

Em sua justificativa, Rafael Ribeiro lembra que o Brasil é o quinto colocado no vergonhoso ranking dos países com maior ocorrência de assassinatos de mulheres e que, em Parauapebas, cresce o número desse tipo de crime.
Para demonstrar a necessidade de lutar contra o feminicídio, Rafael cita o caso de Dayse Daiana Sousa e Silva, assassinada recentemente por seu companheiro, depois de ser cruelmente espancada. O vereador lembra também do assassinato de Ana Karina Guimarães, grávida de 8 meses, crime ocorrido em 2010 e até hoje sem julgamento dos acusados.

Rafael Ribeiro, durante a apresentação do projeto de lei, faz uma deferência especial ao Instituto Girassol que realizou recentemente a Caminhada Contra o Feminicídio em Parauapebas. “Ações como esta do Instituto Girassol nos alertam para a urgência em discutirmos formas de impedir o feminicídio e a violência doméstica contra a mulher, além de exigir a punição dos culpados. Não podemos adiar mais o enfrentamento dessa forma abusiva de violência”, diz Rafael.

“Grandes são os números dos casos registrados, sem contar os casos em que as mulheres não se sentem seguras para denunciar o agressor, e esse dia proposto vem não apenas simbolizar, mas intensificar a necessidade de conscientização da sociedade e mobilização dos agentes públicos para a garantia da segurança, igualdade e direitos das mulheres”, afirma o vereador Rafael Ribeiro no projeto de lei apresentado.

Pelo projeto de Rafael, no dia 11 de maio de cada ano, a Administração Municipal, com especial destaque para a área da Educação, deverá se empenhar para discutir formas de conscientizar a sociedade sobre a necessidade de evitar e coibir a prática do feminicídio e de outras formas de violência contra a mulher.

“Às vezes, a violência começa com agressões verbais, com a desqualificação da mulher. Logo evolui para as agressões físicas e alcança o nível de tragédia quando resulta na morte da vítima. É preciso que, além de punir com rigor os crimes, a gente se esforce para construir uma cultura de respeito entre os gêneros, permitindo que as eventuais divergências sejam resolvidas pelo diálogo. E isso só vamos conseguir criando uma consciência de paz que deve ser desenvolvida em toda a sociedade e, especialmente, nas escolas”, explica Rafael Ribeiro.

Além da participação do poder público, toda a sociedade civil deverá ser mobilizada no dia 11 de maio de cada ano para, através das mais diversas manifestações, dizer não à violência contra a mulher 
“Tenho certeza que os nobres vereadores que formam a Câmara Municipal de Parauapebas serão absolutamente sensíveis ao tema e aprovarão esse projeto, que visa proteger e amparar todas as mulheres de Parauapebas”, finaliza o vereador Rafael Ribeiro.

Avalie este item
(0 votos)

Sul e Sudeste do Pará

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016