DISQUE DENÚNCIA SUDESTE DO PARÁ: Realiza o lançamento do Programa Linha Verde em Marabá Destaque

DISQUE DENÚNCIA SUDESTE DO PARÁ: Realiza o lançamento do Programa Linha Verde em Marabá Foto: Reprodução

Na segunda-feira (19), a central do Disque Denúncia Sudeste do Pará realiza o lançamento do Projeto Linha Verde, o disque denúncia do meio ambiente. O projeto Disque Denúncia, conhecido por estimular a ação da cidadania contra o crime, criou o “Programa Linha Verde”, em parceria com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Os principais objetivos pretendidos com a criação do programa é contribuir com o desenvolvimento socioambiental atuando nas áreas de conscientização ambiental e preservação do meio ambiente e estimular a comunicação ao poder público sobre atos ilícitos praticados contra o meio ambiente, criando uma rede para que a operacionalização das informações seja realizada de forma mais rápida.

A população pode realizar denúncias sobre queimadas, maus tratos contra animais, construções irregulares, caça e guarda de animais silvestres, fabricação e comercialização de cerol, linha chilena, poluição das águas e do solo, extração irregular de árvores, extração mineral irregular, desmatamento florestal, pesca irregular, desvio de curso dos rios, comércio ilegal de água, captação clandestina de água, despejo de esgoto clandestino, desperdício de água, rinhas de galo, carvoarias clandestinas, loteamento irregular, contaminação do solo, aterramento de rios, lixo acumulado, dentre outros crimes relacionados ao meio ambiente no município de Marabá.

De acordo com a coordenadora do Disque Denúncia, Hellen Araújo, “o Linha Verde veio para dar visibilidade às questões ambientais, principalmente aos problemas que mais ocorrem na região de Marabá como queimadas e desmatamento que diante a essas ações antrópicas ocasionam problemas socioambientais, como mudanças climáticas, afugentamento da fauna e extinção da flora amazônica, assim como problemas a saúde da população, exemplo doenças endêmicas (malária, dengue e etc.)”.

O crescente número de ligações relacionadas aos crimes ambientais como: poluição sonora que representa 46% das denúncias recebidas no período de janeiro a outubro de 2020, maus tratos contra os animais, queimadas; ameaças às áreas de Preservação Permanente e Unidades de Conservação, impulsionou o programa Linha Verde e demonstra que a população está mais consciente de sua responsabilidade e participação na preservação da fauna e flora amazônica.

Em geral, os crimes ambientais são motivados por três fatores: certeza da impunidade; falta de informação e ausência de controle social da população.

Para realizar as denúncias anônimas a população pode entrar em contato com a central de atendimento através do telefone fixo e Whatsapp (94) 3312-3350, ou pelo aplicativo do Disque Denúncia Sudeste do Pará disponível para IOS e Android.

 

Fonte: Ascom

Avalie este item
(0 votos)
Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink