Ação itinerante apresenta ações ambientais da Vale para conservação da biodiversidade

O Partage Shopping, em Parauapebas, é o primeiro destino do “Espaço Verde, estande ambiental da Vale que terá ação itinerante para apresentar os principais projetos e ações ambientais da mineradora para conservação da Floresta Amazônica. O público poderá conferir as atrações até domingo, dia 14 de novembro, das 10h às 22h.



O estande conta com painel iterativo, apresentando alguns projetos desenvolvidos pela Vale dentro do Plano de Gestão de Biodiversidade (PGBio), a exemplo das principais ações da Vale para conservação do bioma amazônico, como os corredores ecológicos e a recuperação de áreas degradadas a partir do plantio de castanheiras-do-pará. Também a atuação do Parque Zoobotânico Vale, que além de um espaço de lazer, é um importante ambiente para ações de educação ambiental e que já está reaberto à visitação pública. Como estímulo para cuidar da floresta do  amanhã, os visitantes do espaço receberão mudas de espécies da flora amazônica.

Os municípios de Canaã dos Carajás dos Carajás e Marabá também receberão o estande, conforme programação prevista:
• 17 a 21/11: Partage Shopping (Marabá)
• 26 a 28/11: Praça da Bíblia - Canaã dos Carajás

Importante destacar que a visitação do estande contará com controle de acesso do público e adoção de medidas sanitárias preventivas em função da Covid-19, como distanciamento social e uso obrigatório de máscara.

Sobre o PGBio
O Plano de Gestão de Biodiversidade (PGBio) tem como objetivo potencializar a atuação da empresa de forma integrada e focada na conservação da biodiversidade nas áreas de operação de minério da empresa na região de carajás. O plano reúne os esforços das equipes e profissionais do meio ambiente dos negócios de Metais Básicos e Ferrosos, com abrangência nos municípios de Parauapebas (Carajás), Canaã dos Carajás (S11D), Curionópolis (Serra Leste) e Marabá (Salobo). A versão atual do plano, assim como os vídeos sobre as principais ações desenvolvidas pela Vale estão disponíveis na página vale.com/amazonia.

Estruturado a partir de quatro pilares (mitigação de impacto, recuperação de áreas degradadas, compensações integradas das operações realizadas nas unidades de conservação e estratégia de conservação da biodiversidade), o PGBio conta com a parceria do Museu Paraense Emílio Goeldi e Embrapa Amazônia Oriental. Além da Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Fundo Vale e o Instituto Tecnológico Vale – Desenvolvimento Sustentável (ITV-DS).

FITA
O Plano de Gestão da Biodiversidade também será apresentado na capital paraense. A Vale também vai levar o PGBio para a 9ª edição da FITA (Feira Internacional do Turismo), que acontece de 25 a 28 de novembro, na Estação das Docas. Na Fita, o estande do Parque Zoobotânico Vale apresentará os trabalhos de conservação da floresta desenvolvidos dentro do PGBio. Ascom Vale)

Avalie este item
(0 votos)
Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Novo_Projeto_-_2021-07-05T111350990gk-is-100.jpglink