Carajas o Jornal

Carajas o Jornal

O Presidente americano,Barack Obama, proibirá o uso de certos armamentos militares por parte da polícia e restringirá rigorosamente a lista dos que poderão utilizá-lo, indicou a Casa Branca nesta segunda-feira (18).Esta iniciativa de Obama, que será anunciada em uma visita a Camden, Nova Jersey (leste), busca reduzir a tensão entre a população e as forças de ordem após uma série de incidentes violentos, de Ferguson (Mississippi, sul) a Baltimore (Maryland, leste), depois da morte de jovens negros pelas mãos de policiais.

Apoiando-se nas conclusões de um grupo de trabalho iniciado em janeiro, as medidas querem fortalecer a confiança entre "as forças de ordem que arriscam sua vida todos os dias e as comunidades que elas estão comprometidas a proteger e servir".

De acordo com a Casa Branca, o presidente proibirá, em particular, que as polícias adquiram junto às agências federais veículos blindados, armas de grosso calibre e inclusive certos uniformes de camuflagem.

Segundo a Agência de Logística do Pentágono, o departamento de Defesa entregou em 2013 material militar, avaliado em 450 milhões de dólares, às forças policiais locais, de binóculos de visão noturna a veículos blindados.

Para além das restrições, que se referem a equipamentos raramente utilizados (o documento também menciona a proibição de baionetas), o Executivo americano quer delimitar mais estritamente as condições de compra e utilização de material mais comum e colocar maior ênfase na formação.

Durante seu discurso em Camden, uma cidade com um dos índices mais altos de crimes violentos dos Estados Unidos, o presidente explicará algumas "inovações colocadas em funcionamento para ajudar a polícia a fazer seu trabalho da maneira mais segura e, ao mesmo tempo, reduzir a criminalidade", disse no sábado em seu discurso semanal.

O departamento de Justiça apresentará, por sua vez, um guia para impulsionar o uso por parte dos corpos policiais de câmeras incorporadas em seus uniformes.

Após os incidentes de Ferguson em agosto de 2014, quando um policial branco matou com um tiro um adolescente negro desarmado, o que gerou uma onda de protestos e distúrbios, Obama propôs um programa de 75 bilhões de dólares para cofinanciar, em associação com as autoridades locais, até 50.000 destas câmeras.

Fonte: Terra 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Terra 

Após oscilar entre leves altas e baixas nesta segunda-feira (18), o dólar fechou no azul, acima de R$ 3, pressionado pela renovada alta dos rendimentos dos títulos públicos dos Estados Unidos e por expectativas de que o Banco Central brasileiro aproveite o alívio recente no câmbio para reduzir sua intervenção.

A moeda norte-americana subiu 0,67%, a R$ 3,0184 na venda, após fechar abaixo de R$ 3 nas duas últimas sessões.Investidores adotaram cautela enquanto aguardavam a divulgação da ata da última reunião do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc) do Federal Reserve, na quarta-feira, e o possível anúncio do contingenciamento no Orçamento do Brasil, que deve ajudar os esforços fiscais do governo.

"O grande evento da semana para os emergentes ficará por conta da ata do Fomc", escreveram analistas da Lerosa Investimentos em nota a clientes, lembrando que os últimos indicadores apontam que a economia norte-americana enfrentou dificuldades para ganhar ímpeto no início do segundo trimestre.

Os números poderiam levar o Fomc a postergar o aumento de juros nos EUA, embora essa perspectiva esteja longe de ser certa. "Volatilidade cambial deve continuar elevada na medida em que a indefinição persiste", acrescentaram os analistas da Lerosa Investimentos.

No Brasil, o foco seguia voltado para o noticiário fiscal, após a presidente Dilma Rousseff se reunir com sua equipe econômica no domingo para discutir os termos do contingenciamento a ser anunciado para auxiliar no esforço fiscal do governo.

Cenário interno
Além disso, a queda recente do dólar tem levado alguns investidores a especularem que o BC brasileiro poderia aproveitar a oportunidade para reduzir sua posição em swaps cambiais, possivelmente limitando mais quedas da divisa.

"O mercado está olhando de perto o nível de R$ 3. Vai ser difícil furar", afirmou o superintendente de câmbio da corretora Tov, Reginaldo Siaca. Nesta manhã, o BC deu continuidade à rolagem dos swaps cambiais que vencem em junho, com oferta de até 8,1 mil contratos.

Última sessão
Na véspera, o dólar fechou em alta, mas voltou a ficar abaixo de R$ 3, após mais uma rodada de indicadores econômicos fracos sobre os EUA dar força à percepção de que o Federal Reserve, banco central do país, deve demorar para elevar os juros na maior economia do mundo.

Fonte: G1 

O ex-presidente Andrés Sanchez, que foi colocado no cargo de superintendente de futebol pela atual diretoria, deixou claro qual é seu pensamento sobre a renovação de contrato de Paolo Guerrero. Na noite deste domingo, em entrevista ao programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, o ex-mandatário do clube afirmou que não vê qualquer possibilidade de extensão do acordo com o peruano nas bases de salário e luvas pedidas pelos seus empresários (empresa OTB). Andrés fez a ressalva de que a decisão não é sua, e sim, do presidente Roberto de Andrade.Se for com o que está pedindo, se não abaixar, a minha opinião é de que não renovem. Ele que vá para o Palmeiras, Flamengo, São Paulo, para onde quiser ir. É direito dele. Ninguém tem que ficar bravo. Se ele estivesse mal, estaria tomando pontapé. Ele está no papel dele. Não tem mercenário. Quem está negociando é o Roberto. Não cabe o que estão pedindo. Quem vai decidir é o presidente. 'Pô, mas ele vai para o Palmeiras'. Que seja feliz. Agradecemos por tudo o que ele fez em campo, o gol do Mundial. Mas também não fez de graça. Ele que vá jogar onde quiser. É minha opinião, e já dei.

Além de R$ 500 mil mensais, os empresários de Guerrero pediram US$ 7 milhões de luvas (cerca de R$ 22 milhões) pela renovação do vínculo, que encerrará no próximo dia 30 de julho. O ex-presidente Mário Gobbi Filho chegou a oferecer US$ 4 milhões, valor que acabou sendo recusado pelos empresários.

— Sinto que ele tem vontade de continuar, o Corinthians também. Mas ele tem que viver a vida dele. E o Corinthians tem que viver a sua. Infelizmente, no Brasil, temos louco para tudo, principalmente no futebol - finalizou Andrés Sanchez, prevendo que haverá algum clube interessado em pagar os US$ 7 milhões de luvas.

O Corinthians vem tendo dificuldade para quitar os direitos de imagem com seus atuais jogadores.

O líder do governo no Congresso Nacional, senador José Pimentel (PT-CE), afirmou nesta segunda-feira (18) que o Palácio do Planalto divulgará na quinta-feira (21) o tamanho do corte que será feito no Orçamento de 2015. No dia seguinte, informou Pimentel, o decreto de programação orçamentária será publicado no "Diário Oficial da União".

O petista advertiu, ao final de uma reunião da presidente Dilma Rousseff com ministros da área política e parlamentares aliados, que o tamanho do corte dependerá da aprovação no Legislativo das propostas do pacote de ajuste fiscal do Executivo federal.

O corte orçamentário consiste em retardar pagamentos ou deixar de executar, por falta de receita suficiente, parte da programação prevista na Lei Orçamentária. Nos últimos dois dias, Dilma tem reunido integrantes do primeiro escalão e líderes governistas da Câmara e do Senado para definir o valor que será contingenciado no Orçamento para atingir a meta de superávit primário (economia para pagar juros da dívida pública).

Para 2015, a meta do governo é poupar 1,2% do Produto Interno Bruto (PIB) para todo o setor público (governo, estados, municípios e estatais), o equivalente a R$ 66,3 bilhões. A presidente da República já alertou que terá de fazer "cortes" e um bloqueio "significativo" no Orçamento deste ano.

“O anúncio [dos cortes no Orçamento] deverá ser na quinta-feira [21] e publicado o decreto na sexta-feira [22]”, ressaltou Pimentel. Após reunir neste domingo (17) ministros no Palácio da Alvorada para tratar dos cortes, Dilma comandou novo encontro na manhã desta segunda, desta vez no Palácio do Planalto, para definir o tamanho dos cortes.

Segundo o Blog da Cristiana Lôbo, a reunião deste fim de semana evidenciou o embate entre o titular da Fazenda, Joaquim Levy, e o chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, em torno do tamanho da tesourada. O comandante da economia se esforça para ampliar ao máximo o corte, enquanto que o ministro da área política tenta reduzir o contingenciamento.

Inicialmente, Levy defendia um corte de R$ 80 bilhões, e Mercadante, R$ 60 bilhões. Diante das pressões, o ministro da Fazenda já admite reduzir a envergadura do corte para R$ 70 bilhões.

Ajuste fiscal
Os senadores devem dar início nesta terça (19) à análise da medida provisória 665, que muda as regras do seguro-desemprego e do abono salarial. Depois que a matéria for votada, começam as discussões sobre o acesso à pensão por morte, objeto de outra medida provisória, a MP 664, e sobre alterações no fator previdenciário.

Além das duas medidas provisórias que modificam critérios de acesso a benefícios trabalhistas e previdenciários, o Planalto aguarda a aprovação de um projeto de lei que revê as desonerações da folha de pagamento a alguns setores da economia e de uma MP que aumenta tributos de importação.

“O ajuste fiscal sinalizará muito nesse sentido [tamanho do corte no Orçamento]. A Câmara vota nesta semana a MP 668, que trata do PIS/Cofins, que tem um impacto, e votará também o projeto de lei que trata das desonerações, que terá um outro impacto”, destacou Pimentel.

“Ele [o corte orçamentário] poderá ser maior ou menor dependendo do resultado dessas duas votações na Câmara”, observou.

Fonte: G1

 

O jornal O Carajás vem a presença da sociedade de Parauapebas e a todos os demais interessados se retratar ante a veiculação de matéria jornalística, constante na edição 581, datada de 03 a 08 de setembro de 2014, em que registrou a ação da Polícia Federal que cumpriu Mandado de Busca e Apreensão de documentos nas dependências da Prefeitura Municipal de Parauapebas.

Na matéria veiculada, este jornal informou que os documentos apreendidos eram do primeiro quadrimestre de 2013 e quem respondia pela pasta era Francisca Ciza, primeira secretária de educação do governo de Valmir Mariano.

Ocorre que as supostas irregularidades que porventura tenham ocorrido se deram após a saída de Francisca Ciza.

Passemos a explicar:

Francisca Ciza fora exonerada em 20 de maio de 2013, conforme Decreto nº 1087, em data anterior ao documento de dispensa de licitação, este de livre acesso no portal da transparência (Contrato 20130208; Origem: Dispensa de Licitação nº 7/2013-04 SEMED), sendo que referido contrato fora assinado em 28 de maio de 2013, ou seja, 08 (oito) dias após a saída de Francisca Ciza, não sendo possível que a ex Secretária tenha assinado o documento, porquanto não estava mais a frente da pasta da Educação.

No caso de possíveis irregularidades, o que demanda a conclusão da investigação policial e a propositura de ação judicial com trânsito em julgado, o que ainda não ocorreu, aqueles que estavam investidos no cargo no momento da assinatura do contrato e que, portanto, tinham poderes para contratar, serão responsabilizados.

A priori, resta demonstrado que a ex Secretária de Educação, Francisca Ciza, não teve e não tem nenhum envolvimento com os fatos que deram ensejo a ação da Policia Federal.

Cumpre ressaltar que Francisca Ciza tem uma vida pública nesta cidade sem haja qualquer fato que possa macular sua imagem, exercendo cargos públicos sem qualquer ilação de seu nome a possíveis irregularidades, tendo sido sempre reconhecida pelos trabalhos que desenvolveu e ainda desenvolve na área da educação.

O jornal O Carajás reitera o respeito que possui por Francisca Ciza, que sempre cumpriu suas funções públicas com probidade, não havendo nenhum fato que possa manchar sua vida pública.

Da redação - Carajás O Jornal

Carlos Eduardo Soares Araújo, de 33, está desaparecido desde domingo, 10, quando saiu as 14h30 dizendo para familiares que ia pescar no Rio Parauapebas, perto de onde mora, no bairro Primavera.

Eduardo usava camiseta preta e segundo sua mãe, Sandra Soares da Silva, ele tem o hábito de beber muito. Ela registrou ocorrência na 20ª Secccional de Policia Civil depois de procura-lo nos hospitais e IML e perguntou pela vizinhança.

Eduardo, não tem nenhum sinal particular, exceto uma cicatriz no solado pé. Tem 1,65, é magro, cabelo comprido e barba por fazer.

Quem tiver informações de Carlos Eduardo, avisar pelos 99179-7970 / 981818557, fala com Sandra.

 Da: Redação 

A Central Disque Denúncia foi implantada no Município de Parauapebas no dia 27 de Janeiro de 2010 e funciona de segunda-feira a sábado, das 7h às 23h. Atende os municípios de Parauapebas, Canaã dos Carajás, Eldorado dos Carajás e Curionópolis, Marabá e Zona Rural. A central recebe informações anônimas sobre atividades ilícitas, situações ligadas à criminalidade e a violência.

De lá para cá já se aproxima de 30 mil o número de denúncias recebidas pelo sistema tendo como principais reclamações: Poluição sonora; Violência contra a mulher e Tráfico de drogas.

Agora com o advento do WhatsApp o Disk Denúncia ganha mais um importante aliado para enviar denúncias podendo ser inclusive com fotos, vídeos, áudios e outros documentos digitalizados que possam auxiliar nas investigações dos órgão competentes. A expectativa é que facilite as denúncias já que o WhatsApp está sendo usado por quase 100% da população que, em grupos, compartilha informações.

Mas muitas pessoas podem ficar receosas ao denunciar já que o número pelo qual é feita a denúncia fica registrado no sistema, mas os operadores garantem que tão logo se registra a denúncia o número é deletado mantendo assim sigilo absoluto.  

O número para denúncias via WhatsApp é: 98198-3350 é receberá denúncias de Parauapebas e Marabá.

O Disque Denúncia é um projeto de cooperação social e conta com as autoridades da região, para o processamento das denúncias. Todas as denúncias recebidas pelo aplicativo terão o cuidado, já existente de, informações oriundas da Central de Atendimento do Disque Denúncia.

''A participação da população é fundamental. A informação é uma ferramenta poderosa para o trabalho da polícia'', afirma Adriana Nunes, Diretora Operacional do Disque Denúncia.

Deve-se ressaltar que as características, primordial do atendimento será mantida, o anonimato. Em nenhuma circunstância a identidade do denunciante será revelada. O único enfoque será a informação repassada para a central que irá auxiliar a movimentação das autoridades competentes.

Por: Francesco Costa 

 Já em véspera eleitoral, levando em conta que as eleições municipais acontecerão no próximo ano, 2016, o PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira) realizou eleições para o diretório municipal. Foi apresentada Chapa única motivo pelo qual foi feita aclamação ficando assim os membros efetivos do diretório:

1 - José Rinaldo Alves de Carvalho;

2 - Lázaro Simão Vaz;

3 - Hebert Ricardo Garcia Viana;

4 - Juliana de Souza dos Santos;

5 - Alberto Machado Santos;

6 - Marcilene Barbosa Martins;

7 - Valmir Oliveira Pereira.

Foi composta também a executiva da legenda:

1 - José Rinaldo Alves de Carvalho; presidente

2 - Hebert Ricardo Garcia Viana; vice presidente

3 - Valmir Oliveira Pereira; secretário

4 - Juliana de Souza dos Santos; 2ª secretário

5 - Marcilene Barbosa Martins; Tesoureira

6- Antonio Chaves de Sousa; líder da bancada

7- Alexandre dos Santos Sobrinho Júnior; 1º Vogal

8- Wady Cecílio Sobrinho; 2º Vogal

9 - Alberto Machado Santos; 3º Vogal

O encontro ocorreu no auditório da Câmara de Parauapebas e contou com a presença de vários militantes da legenda, do PSDB Jovem, do PSDB Mulher e amigos do partido. No evento ocorreu também novas filiações além da apresentação de possíveis pré-candidatos.  

 Por: Francesco Costa 

106 crianças recebem assistência na APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), divididos em turnos matutino e vespertino, onde recebem acompanhamento de fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeuta ocupacional, assistente social, pedagogo e equipe de estimulação precoce das crianças, quadro que ela diz estar suficiente para os internos, mas não para a demanda da cidade, mensura-se que cerca de 30 crianças, que tem grande número de crianças com necessidades especiais mas que não tem como incluir na entidade por falta de espaço físico e recursos.

Segundo uma das coordenadoras da APAE Parauapebas, Marislei de Sousa Barcelos, é grande a perda de uma criança com necessidades especiais que não tem o acompanhamento de profissionais especializados, pois é nesta fase, ainda segundo ela, que se trabalha o desenvolvimento para alcançar a independência delas. “Muitas crianças conseguem desenvolver a fala e outras andar. E o mínimo de movimento conseguido já é progresso levando em conta que terão uma longa vida pela frente e sempre dependendo de cuidados de algum adulto”, explica Marislei, detalhando que o trabalho da APAE é melhorar a qualidade de vida destas crianças.

Perguntada sobre em que emperra a ampliação do espaço físico e da oferta de vagas, Marislei diz que é por falta de recursos e conta que a entidade é mantida por doações de empresas e pessoas, além de convênios com a Prefeitura Municipal; valor que ela diz dar apenas para o pagamento de funcionários.  Quanto aos recursos da iniciativa privada ela diz não ser tão grande e vem de alguns empresários que procuram a entidade e de outros que captadores de recursos da APAE buscam, porém admite que não existem muitos dispostos a auxiliar.

Segundo o coordenador administrativo da entidade, Josenil Alves, o que a diretoria da APAE está propondo para a Prefeitura Municipal de Parauapebas é que assuma o serviço que hoje é oferecido na APAE. Trata-se do atendimento de crianças de zero a 14 anos. Com isso a APAE poderá receber as pessoas com mais de 14 anos, que ainda estão em casa sem atendimento, para trabalhar com elas o desenvolvimento e a capacitação física e psíquica. Ele conta que um Centro está no Projeto da Prefeitura Municipal, apto a acolher estas crianças com necessidades especiais. “A APAE não vai fechar, vai continuar trabalhando dentro daquilo que é filosofia dela. Ela cita que há crianças que ainda está na APAE, mas já está também na escola pública no processo de inclusão escolar de acordo com a metodologia de educação nacional.    

Ele conta que o prefeito já se reuniu com a diretoria da entidade e se propôs a assumir este compromisso. Ele planeja que para o início de 2016 será concluído o remanejamento das crianças menores de 14 anos para a educação pública normal.

Mas ele denuncia que nem sempre há uma preocupação em cumprir o que está estabelecido em convênio e conta que a última parcela não foi paga no ano passado, 2014, o que acarretou dificuldades para a entidade. E este ano agora que foi repassada a primeira parcela do convenio estabelecido para este ano. “Ainda não chegou à mentalidade do governo que isso aqui é uma extensão da educação que dá uma assistência contínua, não tem como parar”, detalha ele, lamentando ter percebido que o esporte tem mais prioridade do que o atendimento àquelas crianças atendidas na APAE.   

Por: Francesco Costa 

Neste dia 10/05/2015, Curionópolis completou 27 anos de emancipação política, e com a cidade evoluindo á passos largos, vem junto todo tipo de informações, tecnologias, e como não poderia deixar de acompanhar tudo isso, o lazer vem junto. E a cidade aprendeu a curtir o Motocross, onde pela 7ª temporada quando acontecem todos os anos,  no aniversário da cidade, com o apoio da Prefeitura Municipal de Curionópolis.

Este ano a premiação foi de R$50.000.00 (Cinquenta Mil Reais), que foram pagas as categorias, MX-PARÀ, MX- Intermediária, MX1, MX2, MX3, MX4, MX5, Nacional A, Nacional B e Nacional iniciante, onde pilotos de várias partes do Brasil estiveram na disputa, inclusive o Piloto campeão da Honda, Wellington Garcia, voltou á cidade e abocanhou mais uma vez as melhores colocações por se tratar de um dos melhores do Brasil.

O público este ano foi recorde, estimado em mais de cinco mil, o organizador da festa Miguel Cássio, (O Negão Show), Pré-candidato á prefeito em Curionópolis, disse que este ano foi surpreendente o nível dos pilotos inscritos, e o espetáculo foi um dos maiores, “Este ano a qualidade dos pilotos superou a quantidade, e nós ficamos feliz, pois o nosso município a cada ano trás mais gente para participarem da nossa festa, que este ano foi surpreendente para todos nós da organização, parabéns povo Curionopolense”, finalizou Miguel..

Por: Edson Luiz 

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink