Imprimir esta página

Semel e Semed abrem Jogos Interescolares de Parauapebas 2020

Novidade neste ano, os Jips Mirim empolgam a criançada. Competição irá envolver mais de 800 alunos das redes pública e privada de ensino. Novidade neste ano, os Jips Mirim empolgam a criançada. Competição irá envolver mais de 800 alunos das redes pública e privada de ensino. Fotos: Irisvelton Silva

O Ginásio Poliesportivo ficou pequeno para tamanha empolgação dos alunos durante a abertura da 22ª edição do maior evento esportivo estudantil do município - os Jogos Interescolares de Parauapebas (Jips). A novidade este ano serão os Jips Mirim, que envolvem crianças dos 1º e 2º ciclos da educação infantil. A cerimônia ocorreu na manhã do sábado, 14, com representantes dos 800 estudantes de escolas municipais, estaduais e particulares que participarão das competições.

Seguindo a temática “Jogos escolares: competências socioemocionais em movimento”, os alunos vão movimentar as quadras das escolas nas disputas das modalidades de futsal, handebol, basquetebol, voleibol, xadrez e tênis de mesa, nas categorias A (12 a 14 anos) e B (15 a 17 anos).

Os alunos Marcelo Henrique, da Escola Luiz Magno, e Heloíse Queiroz, da escola Evolução, estão contentes em participar dos jogos. “Acho muito importante a oportunidade que eles deram pra gente saber mais sobre o esporte”, disse o Marcelo, que vai competir pelo xadrez. “Acho muito bom integrar as crianças no esporte, pra elas aprenderem. Acho muito divertido jogar, espero me divertir muito e que minha escola ganhe”, declarou Heloíse, que vai jogar handebol.

“Com certeza, esses jogos ficarão marcados para o resto da vida dessas crianças e adolescentes. A contribuição para as práticas de esporte é importante. O governo dá essa oportunidade para todas as modalidades e faixas etárias e, com certeza, com essa criançada não poderia ser diferente”, disse o secretário de Esporte e Lazer, Laoreci Diniz. O chefe de gabinete, José Alves, representou o prefeito Darci Lermen na cerimônia.

O secretário de Educação, Luiz Vieira, destacou a importância do resgate da categoria mirim na competição. “Porque essa é a base de tudo, onde tudo começa. Se a gente garante uma boa educação para as crianças nessa faixa etária, o futuro do nosso município está garantido. Educação também é isso: esporte, cultura, lazer. O governo entende a importância do trabalho integrado entre as secretarias para que nossa educação seja completa e de qualidade”, ressaltou ele.

Avalie este item
(0 votos)

Compartilhe na sua rede social...

Carajas o Jornal