Em dois anos de existência, o Programa Partilhar alcançou resultados importantes que têm reforçado o compromisso da Vale, junto com sua cadeia de suprimentos, com as comunidades onde atua. Criada pela Vale em 2020, a iniciativa gerou, por meio das empresas terceirizadas fornecedoras Vale que aderiram ao Programa, mais de seis mil empregos e novas oportunidades de negócios e cerca de R$ 89 milhões em compras locais nos estados do Maranhão, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Pará e Mato Grosso do Sul. Neste período, foram mais de 100 fornecedores com iniciativas acordadas, por meio do Programa, durante os processos de contratação.

Somente neste primeiro semestre de 2022, foram fechados 35 contratos por meio da metodologia, na qual a Vale gera uma pontuação para os fornecedores de acordo com a contribuição social e econômica promovida nas localidades. Em seis meses, o volume de contratações foi de aproximadamente R$1,5 bilhão incluídos na iniciativa e uma massa salarial total de aproximadamente R$ 258,7 milhões.

Para Marco Braga, Diretor de Suprimentos da Vale, os últimos dois anos demonstram que o programa, de fato, agrega para fornecedores e comunidades. “Saber que apenas nesse período mais de 100 empresas ingressaram no programa e mais de seis mil empregos foram gerados para as populações locais é ter a certeza de que estamos no caminho certo. Isso é transformar o futuro e melhorar a vida das pessoas, juntos”, conta.

O Diretor de Investimento Social e Diretor-Presidente do Instituto Cultural Vale, Fundo Vale e Instituto Tecnológico Vale, Hugo Barreto, comemora os bons resultados do programa junto à cadeia de suprimentos: “É gratificante ver que em dois anos de Partilhar já conseguimos promover tantas ações sociais em prol das comunidades onde atuamos. Levar o desenvolvimento social para os territórios junto com nossos fornecedores é parte do propósito da Vale”, afirma.

Balanço 1º semestre de 2022: mais de 50 ações sociais voluntárias realizadas

Incentivar os fornecedores a investirem social e economicamente nas comunidades onde a Vale atua é um dos objetivos principais do Programa Partilhar. Nos últimos dois anos, foram mais de 80 iniciativas sociais voluntárias realizadas, alcançando a marca de R$ 3,87 milhões executados. Deste valor, R$ 2,86 milhões foi somente nos primeiros seis meses deste ano. 

Um dos exemplos é a parceria do fornecedor Keda com a Fundação Vale para colaborar com o programa Territórios em Rede, iniciativa da Fundação que promove ações de combate à evasão escolar entre crianças e adolescentes de 4 a 17 anos. A adolescente Raiane de Oliveira Oliveira, de 15 anos, é uma das beneficiadas pelo programa em Canaã dos Carajás, no sudeste do Pará. A jovem buscou o Territórios em Rede após ver o cartaz de divulgação na cidade e, hoje, está no primeiro ano do Ensino Médio: “Eu tenho muito a agradecer, eu já estava até triste, mas com esse projeto eu tenho a oportunidade de estar estudando, de ir para a escola todo os dias. Assim como esse projeto me ajudou, ele vai ajudar muitos e muitos jovens, eu estou muito feliz”, afirma Raiane.

É também em Canaã dos Carajás (PA), que a Construtora Barbosa Mello está promovendo o Avance, programa de educação e capacitação profissional para moradores do município. Os alunos podem escolher entre as áreas de carpintaria, almoxarifado, mecânica e lubrificador industrial, informática, corte e costura e motorista de caminhão basculante. Ao todo, 90 alunos já se formaram nos últimos seis meses e a expectativa é de que outros 45 se formem até o final deste ano. Para Noemia Correia, aluna de Almoxarifado, o curso fez a diferença para sua carreira: “foi muito importante e eu, como cidadã canaãnense, só tenho a agradecer pela oportunidade, pois pretendo exercer essa função e o curso é um diferencial no meu currículo”, afirma.

“A Barbosa Mello acredita na transformação através da educação o Programa de Capacitação Profissional Avance é uma forma de investir no desenvolvimento de pessoas. A ideia é capacitar e empregar cada vez mais a mão de obra local”, afirma Rodrigo Vilela, gerente de Contrato da Barbosa Mello.

Em fevereiro, a construtora Mascarenhas Barbosa Roscoe, em parceria com o Senai, realizou um curso de capacitação em Carpintaria de Obras para moradores de Itabirito e Ouro Preto (MG). Dos 17 alunos inscritos, doze alunos concluíram o curso com duração de 40 horas. Fabiane Marins, aluna do curso, já mexia com artesanato e achou interessante aprender um pouco mais sobre o ofício da carpintaria: “adorei muito, foi um grande aprendizado sobre carpintaria, aprender a mexer com madeira vai me ajudar demais nos meus processos artesanais”, afirma.

Ainda em Minas Gerais, a construtora SKIC Brasil – Sigdo Koppers tem implantado ações sociais em cada município onde realiza projetos para a Vale, como a “Congonhas Melhor”, que promoveu cursos gratuitos de capacitação para ampliar o conhecimento e a melhora da qualidade de vida de 130 alunos, moradores de Congonhas.

A SKIC também realizou, desta vez em Serra (ES), a iniciativa “Salas em Tecnologia”, na qual realizou a doação de 12 notebooks e uma mesa em formato de bancada para estimular o trabalho em equipe entre os jovens atendidos por instituições sociais dos municípios. Toda a infraestrutura permanece disponível para ser utilizada na melhoria da capacitação de crianças e adolescentes atendidos. Outro projeto realizado em Serra é o “Alavanca Educação”, que ajuda a combater a defasagem educacional de 160 crianças e jovens em vulnerabilidade social atendidos pela rede pública de ensino em matérias como português, matemática, inglês e conteúdos básicos de cidadania, além de contribuir no desenvolvimento de competências socioemocionais. Com duração de julho a novembro de 2022, a iniciativa contém quatro polos, todos em parceria com a Rede Aica, distribuídos nos bairros de Central Carapina, Novo Horizonte, Planalto Serrano e Ourimar.

“É de extrema importância para a SKIC Brasil atuar junto a clientes com os quais temos uma grande aderência de valores, como a Vale. O Programa Partilhar está totalmente alinhado aos nossos princípios e diretrizes de responsabilidade social corporativa, cujo objetivo é cuidar e impactar positivamente as vidas das pessoas nos locais onde atuamos”, afirma Robson Campos, CEO da SKIC Brasil. 

Metodologia própria e inovadora

Com o Programa Partilhar, além de analisar aspectos como preço e a capacidade técnica do fornecedor, compõe também a análise o Índice de Valor na Comunidade (IVC), indicador criado pela empresa que reflete a contribuição socioeconômica dos fornecedores para as comunidades. Uma pontuação alta no IVC representa um diferencial para o fornecedor nos processos de contratação.

A metodologia do IVC é baseada em critérios objetivos, com divulgação aos participantes de forma transparente.

Para conhecer mais detalhes sobre o Programa Partilhar, clique aqui.

 

 

Fonte: Nádia Farias - Relacionamento com a Imprensa Regional | Media Relations

As inscrições para a 1ª Mostra de Troca de Experiências em Amamentação e Cuidados foram prorrogadas e os interessados têm até o dia 18 de agosto. O evento é voltado para profissionais da saúde que atuam na rede pública.

No dia 22 deste mês, serão divulgados os trabalhos selecionados e o evento com a mostra destes trabalhos acontecerá no dia 25 das 8h às 12h e das 14h às 18h, no auditório da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma).

Para realizar sua inscrição clique no link abaixo:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSc4mQ6IfTBiboTp5QOfvOV_TrRfQpR_e4tDQOUvRr_4RZ-14A/viewform?usp=sf_link


Assessoria de Comunicação

Prefeitura de Parauapebas

A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Administração (Semad), está completamente dedicada ao cumprimento dos prazos para a realização do concurso público municipal. Apesar dos contratempos provocados pelo incêndio no prédio administrativo do órgão, todos os trâmites estão sendo respeitados, cumprindo princípios de publicidade, competitividade e seletividade.

De acordo com a Coordenação de Treinamentos e Recursos Humanos (CTRH), “a realização desse concurso é apenas o primeiro passo, pois outros concursos estão sendo estudados para serem realizados em breve, visando equilibrar nossa folha de pagamento”, explica a coordenadora do CTRH, Elveni Dalferth.

No entanto, para os próximos concursos ainda é preciso um pouco mais de paciência dos concurseiros, pois cada etapa requer um tempo que deve ser respeitado. Um exemplo disso é o levantamento dos cargos e quantitativos de vagas apresentados no Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR), depois disso as vagas precisam ser aprovadas pela Câmara Municipal de Vereadores.

Próximo concurso

A espera para o próximo concurso da Prefeitura de Parauapebas acabou e, de acordo com o cronograma inicial, será realizado ainda este ano. O levantamento prevê um total de 347 vagas, sendo 260 imediatas e 87 para cadastro de reserva. O município valoriza o servidor público e isso se reflete na remuneração dos profissionais, que está entre as melhores do Pará.

A publicação do edital está prevista para o dia 12 de outubro. “É importante mencionar que este é um cronograma inicial e passível de alteração, mas estamos fazendo tudo o que está ao nosso alcance para que possamos até mesmo antecipar essas datas, visto a real necessidade da realização do concurso”, frisa Elveni Dalferth.

Clique aqui e acesse o cronograma inicial!

Clique aqui e acesse a lista de cargos!

 

 

Texto: Morgana Albuquerque

Assessoria de Comunicação/PMP

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Parauapebas (Saaep) comemora 13 anos de atuação no município e celebra a data com o lançamento de mais uma grande obra. A autarquia vai construir a infraestrutura de abastecimento que beneficiará centenas de famílias da zona rural. A cerimônia de assinatura da ordem de serviço ocorreu na diretoria executiva do prédio administrativo na quinta-feira, 11.

A obra faz parte do Projeto Mais Rede e vai atender doze localidades da zona rural de Parauapebas. São elas: Projeto de Assentamento (PA) Lana; PA Jardim; Parque das Cachoeiras I e II; PA Jerusalém, PA Quatrocentos, Garimpo das Pedras, Vila Horeb, Vila Itaperuna, Vila Carimã e regiões do Cedere e Palmares 2.

“Esse é um momento de alegria para o Saaep por estar levando mais qualidade de vida para a população que vive na zona rural. Com essa melhoria, mais de 1.500 famílias terão acesso a um serviço melhor e com mais segurança hídrica”, explica o diretor-executivo, Elson Cardoso.

A cerimônia contou com a participação do diretor-executivo, Elson Cardoso, e de planejamento, João Areia, o representante da empresa Solo Água que ganhou a licitação, Werlyn Noleto, e representantes das comunidades rurais contempladas, João Batista e Juarez Silva.

“A obra vai mudar a vida das pessoas que moram no Contestado. Porque as vilas que não tinham água, vão ter agora. As escolas, comércios, postos de saúde e a casa dos moradores todos vão ser beneficiados por esse grande trabalho”, diz o representante do Contestado, Juarez Silva.

Sobre a Ordem de Serviço

O projeto está orçado em R$ 2 milhões e realizará a implantação de todo o sistema de rede de abastecimento, com encanamento até às unidades domiciliares, cloradores e instalação de reservatório de água. “A obra é um complemento que garantirá a estrutura necessária para a operacionalização dos poços artesianos, perfurados anteriormente, por meio de outra ordem de serviço”, explicou o diretor de planejamento, João Areia.

 

 

Texto e fotos: Comunicação Saaep

Assessoria de Comunicação/PMP

A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Habitação (Sehab), convoca as 1.530 pessoas pré-selecionadas pelo Programa Habitacional Lar da Nossa Gente – Fase II, para comparecerem no Centro de Desenvolvimento Cultural (CDC), no bairro Cidade Nova, entre os dias 11 e 18 deste mês, com todos os documentos exigidos para obtenção do lote urbanizado do programa.

Se você é beneficiário, atenção: procure na lista abaixo o dia e o horário que você deve comparecer no CDC, para manter a organização no atendimento. Após a seleção final dos beneficiários, haverá o sorteio da localização dos lotes, marcado para dia 25 deste mês.

Para não ter dúvidas sobre os critérios do programa e saber quais documentos precisa apresentar, LEIA TODO O COMUNICADO ABAIXO:

 
 

Assessoria de Comunicação – Ascom

Prefeitura de Parauapebas

Após denúncia oferecida pelo Ministério Público do do Pará (MPPA), o corpo de jurados condenou o réu Antonio Roseno Ribeiro pelo crime de homicídio qualificado. A sessão do Tribunal do Júri ocorreu na terça-feira (9) e a pena aplicada foi de 12 anos de reclusão, sem direito a recorrer em liberdade. O caso ocorreu em abril de 2021, quando o réu utilizou uma faca para assassinar um morador de rua por motivo fútil. Pelo MPPA atuou no júri o promotor de Justiça Danyllo Pompeu Colares.

De acordo com a denúncia, o autor do delito foi encontrado ainda no local do crime, ocasião em que confessou o ato, sendo encaminhado à Delegacia de Polícia para os procedimentos cabíveis. Após realizadas algumas verificações, foi constatado que a vítima não possuía documentos de identificação, sendo conhecido apenas por apelidos.

Testemunhas relataram que Antonio se incomodava com a presença da vítima nos arredores das vizinhanças e por tal motivo teria ceifado a vida da vítima sem o menor pudor.

 

Texto: PJ de Parauapebas, com edição da Ascom MPPA

No último dia 4, de maneira conjunta, as forças de segurança do município e do estado deram início à Operação Heimdall 5.0, visando o combate à criminalidade e à redução dos índices de acidentes no trânsito. Em pontos estratégicos, os agentes intensificaram as orientações aos condutores e reforçaram as fiscalizações em geral.

Além do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) e da Guarda Municipal de Parauapebas, a ação integrada contou ainda com a atuação das polícias Civil e Militar, além do Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran).

Nos três primeiros dias de operação, as forças de segurança realizaram mais de mil abordagens a veículos; recuperação de duas motocicletas com registro de roubo; 124 autos de infração; 70 notificações; 50 remoções de veículos.

Os agentes notificaram também crimes de trânsito, entre eles, oito registros de alcoolemia, onde os condutores foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil.

Além disso, a Polícia Militar ainda fez a captura de um foragido da justiça. Nesta primeira semana, a Heindall 5.0 envolveu, de forma planejada e coordenada, a participação de mais de 200 agentes de segurança e cerca de 40 veículos, entre motocicletas e viaturas.

Denis Assunção, titular da Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão (Semsi), destaca a importância da sinergia entre as forças de segurança, reafirmando o compromisso com a população. “Vamos sempre buscar essa parceria. Essa união é necessária para dar continuidade a um trabalho que tem um único propósito, que é a segurança dos nossos munícipes,” afirma o secretário.

De acordo com a diretora interina do DMTT, Luciene Lima, durante a operação também foi verificado o cumprimento de normas de trânsito. “Juntamente com o Detran, verificamos as condições de regularidade, circulação de veículos, e realizamos testes com o uso de etilômetros para fiscalizar os casos de alcoolemia”, explica.

O comandante da Guarda Municipal, Giego Lúcio, reforça a importância da união entre as instituições e que operações dessa natureza devem ser realizadas com frequência. “Atuar em conjunto com as demais forças é essencial para a segurança de todos. Nosso município cresce a cada dia e isso requer uma força-tarefa para garantir mais tranquilidade à nossa população”, destaca.

A operação percorreu diferentes localidades e segue até o fim deste mês.

 

Texto: Joice Lima/Semsi

Fotos: Operação Heimdall

Assessoria de Comunicação/PMP

Mulheres da região do Complexo Tropical puderam realizar diversos serviços na abertura oficial da campanha Agosto Lilás, dedicada à divulgação da Lei Maria da Penha e prevenção à violência doméstica e familiar, realizada na segunda-feira, 08, no Parque dos Ipês. Com o tema “Você não está sozinha!”, a programação conta com outras atividades a serem executadas ao longo do mês de agosto.

Emissão de documentos, atualização do Cadastro Único, atendimento ginecológico, orientação jurídica, social e psicológica, aferição de pressão e glicemia, massagem relaxante, além dos serviços de embelezamento, proporcionados pelo Projeto Divando. As mulheres puderam fazer sobrancelhas, corte de cabelo e limpeza de pele.

Dona Nilda Ferreira aproveitou para dar um trato no visual. “Eu vim participar da apresentação de zumba aí eu aproveitei e arrumei a sobrancelha, agora estou cortando o cabelo. Achei maravilhoso”, conta a dona de casa. Já a dona Maria Aldinete Mendes foi logo emitir seu documento para depois fazer a sobrancelha. “Eu vim aqui tirar minha identidade e arrumar minha sobrancelha. Fui muito bem atendida, as meninas são todas muito legais”, elogia.

Você não está sozinha!

A Rede de Atendimento à Mulher de Parauapebas oferece uma estrutura completa para auxiliar meninas e mulheres a romperem um ciclo de violência. “No Agosto Lilás, a gente vem conscientizar e informar que existe uma rede de atendimento para mulheres. Existe a Secretaria da Mulher, que acolhe, que tem segurança para elas. Temos uma casa abrigo, um centro jurídico e um centro de capacitação também. São estruturas que ajudam a sair daquele ciclo de violência”, explica a secretária adjunta da Mulher, Geisiane Sousa.

Além das estruturas mencionadas pela secretária, a Rede de Atendimento também conta com a Patrulha Maria da Penha, que monitora diariamente mulheres que possuem medidas protetivas. E o Centro de Referência para Mulher que presta acolhimento e atendimento psicológico e social.

O prefeito de Parauapebas, Darci Lermen, relembra que em sua primeira gestão foi criada a Secretaria da Mulher e, a partir de então, diversas outras políticas para o público feminino foram discutidas e implantadas. “É um momento realmente de muito orgulho para mim, de poder dizer que nós temos programas consistentes no nosso município de prevenção à violência praticada em casa, muitas vezes pelos próprios companheiros”, comenta o chefe do executivo.

 

Texto: Morgana Albuquerque

Fotos: Orion Lima

Assessoria de Comunicação/PMP

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdcap) de Parauapebas irá selecionar em setembro deste ano planos de trabalho de organizações da sociedade civil (OSCs), com o principal objetivo de desenvolver políticas públicas de apoio às crianças e adolescentes no enfrentamento as violações de seus direitos.

Os projetos selecionados serão fomentados com recursos que variam entre R$ 250 mil e R$ 450 mil, do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Parauapebas (FMDCAP), num total de R$ 1,8 milhão. A parceria terá duração de 18 meses, ou seja, irá até o final de 2023.

O edital de Chamamento Público foi publicado pela prefeitura nesta segunda-feira, 8, e pode ser acessado AQUI.

Para participar, a entidade deve estar inscrita há pelo menos um ano no Comdcap e atender uma a série de exigências estabelecidas no edital. As propostas de trabalho devem ser encaminhadas nos dias 21 e 22 de setembro deste ano. O resultado da seleção será divulgado dia 28 de setembro.

São seis tipos de ações que as organizações irão executar:

  • Prevenção e combate ao uso de bebidas alcoólicas, cigarros e outras drogas por crianças e adolescentes;
  • Combate à gravidez na adolescência;
  • Orientação para planejamento familiar e acompanhamento do pré-natal e prevenção da mortalidade infantil;
  • Enfrentamento ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes;
  • Prevenção ao suicídio, depressão e automutilação;
  • Prevenção de mortalidade-infanto-juvenil por causas externas.

Estas ações se referem, prioritariamente, aos programas de proteção especial às crianças e aos adolescentes expostos a situações de risco pessoal e social, cujas necessidades de atenção extrapolam o âmbito de atuação das políticas sociais básicas”, diz o edital.

 

Texto: Hanny Amoras
Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP

O Instituto Consulplan será o responsável pela realização do concurso público de provas e títulos da Câmara Municipal de Parauapebas. O certame – que destina cargos de nível superior e ensino médio – será destinado ao preenchimento de vagas do quadro de servidores e formação de cadastro de reserva, mediante as condições estabelecidas no edital.

Sem dúvida, esse é um dos editais mais esperados pelos concurseiros de plantão. A evidência de um bom salário e estabilidade de vida é o grande atrativo para muita gente.

As inscrições se realizarão exclusivamente via Internet, das 16h00min de hoje 8 de agosto de 2022 às
16h00min do dia 8 de setembro de 2022, no site www.institutoconsulplan.org.br.

Serão disponibilizados os cargos 

ENSINO MÉDIO

  • Agente de Polícia Legislativa – vencimento base de R$ 4.128,84
  • Técnico em Tecnologia da Informação – vencimento base de 4.128,84
  • Operador de Som – vencimento base de 4.128,84

ENSINO SUPERIOR

  • Analista de Controle Interno – vencimento base de R$ 11.559,26
  • Analista de Sistemas – vencimento base de R$ 7.346,86
  • Redator Legislativo – vencimento base de R$ 7.346,86

Os valores das taxas de inscrição serão:

a) R$ 75,00 (setenta e cinco reais) para os cargos de NÍVEL SUPERIOR; e
b) R$ 70,00 (setenta reais) para os cargos de MÉDIO.

Página 1 de 165
Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Novo_Projeto_-_2021-07-05T111350990gk-is-100.jpglink