Navalny acusa Putin de estar por trás de seu envenenamento

Navalny acusa Putin de estar por trás de seu envenenamento Foto: Navalny Instagram via AP

O opositor russo Alexei Navalny acusou o presidente Vladimir Putin de estar por trás de seu envenenamento na primeira entrevista concedida desde que recebeu alta de um hospital da Alemanha.

"Afirmo que Putin está por trás do ato, não vejo outra explicação. Meu dever agora é continuar sendo como sou, alguém que não tem medo. E não tenho medo", declarou à revista alemã "Der Spiegel", que publicou nesta quinta-feira (1º) trechos da entrevista em seu site.

Navalny também confirmou a intenção de retornar à Rússia quando estiver totalmente recuperado.

"Não vou dar a Putin o presente de não voltar à Rússia. Não voltar significaria que Putin alcançou seu objetivo", afirmou.

Três laboratórios europeus afirmaram que ele foi vítima de um envenenamento com uma substância neurotóxica do tipo Novichok, criada na época da União Soviética para fins militares.

Vários países ocidentais exigiram da Rússia uma investigação do caso. A Alemanha ameaçou a Rússia com sanções. Moscou nega todas as acusações e diz que não há provas que apontem um crime.

A acusação foi divulgada no mesmo dia em que a União Europeia (UE) se reúne em Bruxelas, com a possibilidade de debater a resposta do bloco a Moscou por esta questão, de acordo com a France Presse.

Avalie este item
(0 votos)
Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink