Enem tem 4 milhões de inscritos, menor número desde 2009

Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) tem 4 milhões (4.004.764) de candidatos inscritos. A informação foi divulgada na quinta-feira (15) pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), responsável pela aplicação do exame.

Este é o menor número de inscritos desde 2009, época da reformulação do exame, quando o Enem passou a ser usado como um "vestibular" para as universidades. Antes, o exame servia para avaliar a proficiência dos alunos de ensino médio, mas não era usado para ingresso no ensino superior.

Número final de participantes da edição depende da confirmação de pagamento da taxa de R$ 85 que deve ser realizado até o dia 19 de julho, o que significa que ainda pode cair mais.

Em 2020, o Inep registrou 5,8 milhões de inscrições para o exame, no entanto, a última edição teve recorde de abstenções devido a pandemia de covid-19. O índice de abstenção foi de 72,2% no primeiro dia de provas e de 72,6% no segundo.

Número de inscritos no Enem

Enem unificado (acesso às universidades)

2021: 4.004.764
2020: 5.783.357
2019: 5.095.308
2018: 5.513.662
2017: 6.731.186
2016: 8.627.371
2015: 7.792.025
2014: 8.722.290
2013: 7.173.574
2012: 5.791.332
2011: 5.380.857
2010: 4.626.094
2009: 4.148.721

Fase prévia (para avaliar o ensino médio)


2008: 4.018.070
2007: 3.568.592
2006: 3.742.827
2005: 3.004.491
2004: 1.552.316
2003: 1.882.393
2002: 1.829.170
2001: 1.624.131
2000: 390.180
1999: 346.819
1998: 157.221

Neste ano, as versões impressa e digital serão aplicadas na mesma data, nos dias 21 e 28 de novembro, e terão as mesmas questões. O Inep encerrou o período de inscrições às 23h59 da última quarta-feira (14) e foram registrados 3.903.664 inscritos para a versão impressa. Já a versão digital teve as 101.100 vagas ofertadas preenchidas.

O Enem Digital será exclusivo para quem já concluiu o ensino médio ou está concluindo essa etapa em 2021. Os treineiros devem fazer a versão impressa. 

 
 

O que é o Enem?

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) é a principal porta de entrada para as universidades do país. A proposta das provas é avaliar o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica.

A nota do Enem é pode ser utilizada no Sisu (Sistema de Seleção Unificada) e em programas do governo como o Prouni (Programa Universidade para Todos) e Fies (Fundo de Financiamento Estudantil).

 


Fonte: Inep

Avalie este item
(0 votos)
Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink