A Fifa anunciou nesta sexta-feira que haverá Mundial de Clubes em dezembro de 2021, no formato atual. O torneio voltará ao Japão no modelo com sete participantes após quatro anos dividido entre Emirados Árabes e Catar.

A ideia de um Mundial com 24 clubes ainda está mantida, mas segue sem data. Ela permaneceu no papel depois que a pandemia forçou o adiamento da Eurocopa e Copa América para o meio de 2021.

Como em 2022 é ano de Copa do Mundo (entre novembro e dezembro), pode ser que tampouco haja tempo hábil. Certo, apenas, que será disputado na China.

Nós queremos proteger os clubes, mas também proteger o futebol de seleções, e achar esse equilíbrio não é simples – disse o presidente da Fifa, Gianni Infantino.

- Os clubes e os fãs de clubes do mundo inteiro querem (o novo Mundial). Mas antes temos que poder dizer quando vamos fazer. É certo que será na China, mas ainda não decidimos quando - esclareceu.

A edição que aconteceria em 2020 foi confirmada para fevereiro de 2021, no Catar. Já há quatro participantes confirmados: Bayern (campeão da Liga dos Campeões da Europa), Al Ahly (campeão da Liga dos Campeões da África), Al Duhail (campeão do Catar) e Auckland City (nomeado pela OFC).

 

Fonte: Por Martín Fernandez — São Paulo

 
Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink