Produtores rurais assistidos pelo Programa Pequenos Animais e servidores da Secretaria de Produção Rural (Sempror) receberam treinamento sobre a perspectiva de criação e mercado de ovinos e caprinos em Parauapebas. Como incentivo, foram sorteados 5 kits de ovinocultura para esses produtores iniciarem a criação de pequenos animais. O Dia de Campo ocorreu na sexta-feira, 27, no Centro Tecnológico de Agricultura Familiar e contou com a participação de autoridades municipais.

O objetivo do Programa Pequenos Animais é incentivar os produtores a desenvolver a criação de aves, suínos, ovinos e caprinos.  Nesse momento, o foco é a criação de ovinos, visto que a procura desse produto é grande e não há oferta suficiente. “Queremos incentivar essa cadeia de produção no município para que o produtor aumente sua renda no campo”, explicou a coordenadora do Programa, Eulian Aguiar.

Gladson Barbosa, produtor e presidente da Associação do Criadores e Criadoras de Caprinos e Ovinos de Pequenos Animais da Região de Carajás, comentou sobre a assistência que os produtores recebem no município: “Esse Dia de Campo é fundamental. A equipe que dá assistência ao produtor é bem composta, com profissionais de qualidade e aprofundamento técnico. Esse treinamento é essencial para que o município vire realmente uma referência nessa produção”.

O prefeito Darci Lermen e o gestor da Sempror, Milton Zimmer, ressaltaram a importância dos treinamentos constantes ofertados aos produtores por meio dos diversos programas desenvolvidos pela secretaria. “Nossa intenção capacitar nossos agricultores, com base no conhecimento dos grandes centros, fazendo com que o produtor possa produzir com qualidade, cada vez mais”, disse o prefeito. “Queremos transformar Parauapebas em um município referência na criação de pequenos animais do estado do Pará”, afirmou Zimmer.

Durante o treinamento, o professor Alfonso Siqueira pontuou as vantagens da criação de ovinos em Parauapebas: “Quando o município tem os olhos voltados para o homem do campo como observei aqui, a realidade é outra. Diversos profissionais estão juntos para transformar a atividade do produtor numa máquina para ganhar dinheiro. A gestão do município está de parabéns, por essa visão rural e por solidificar essa realidade que é o sonho de todo mundo: ter uma qualidade de vida melhor”.

 

Texto: Rayssa Pajeú
Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP

A Conferência Municipal de Assistência Social discutiu ações para a melhoria das políticas sociais em Parauapebas nos dias 26 e 27 de agosto. Cerca de 120 delegados e representantes do poder público e dos Conselhos, que fazem parte da rede de proteção social, definiram ações nos cinco eixos de atuação.

O tema escolhido para este ano foi “Assistência Social: direito do povo e dever do Estado, como financiamento público, para enfrentar as desigualdades e garantir proteção social”. George Rodrigues, presidente do Conselho Municipal de Assistência Social (Comasp) conduziu as discussões durante os dois dias do evento. “Avaliamos o que nós temos, o que está bom e o que pode melhorar no âmbito municipal para as políticas sociais”, destaca. Você confere as propostas na íntegra clicando aqui.

Vania Monteiro, diretora técnica da secretaria de Assistência Social, participou da cerimônia de abertura e fez uma retrospectiva das ações desenvolvidas em Parauapebas. “O próximo passo é definir junto com outros atores novas estratégias que vão atualizar as políticas existentes”, comenta.

A delegada representante da instituição Bom Samaritano e Conselheira do Comasp, Gildete Santos, ressalta o quanto foi difícil realizar a Conferência por conta da pandemia. “A gente teve que limitar o acesso ao público, mas demos alternativas de acompanhamento ao vivo pelas redes sociais. Acredito que o público acompanhou e sugeriu ações em todos os eixos”. 

Todas as propostas serão apresentadas na Conferência Regional, marcada para os dias 29 e 30 de setembro na Câmara Municipal de Parauapebas.

 

Eixos: 

1 - A proteção social não contributiva e o princípio da equidade como paradigma para a gestão dos direitos socioassistenciais no enfrentamento das desigualdades;

2 - Financiamento e orçamento como instrumento para uma gestão de compromissos e corresponsabilidades dos entes federativos para a garantia dos direitos socioassistenciais;

3 - Controle social: o lugar da sociedade civil no SUAS e a importância da participação dos usuários;

4 – Gestão e acesso às seguranças socioassistenciais e a articulação entre serviços, benefícios e transferência de renda como garantias de direitos socioassistenciais e proteção social;

5 – Atuação do SUAS em Situações de Calamidade Pública e Emergências.

 

Texto: Andréa Reis

Assessoria de Comunicação 

Prefeitura de Parauapebas

O recurso financeiro, auxílio tecnológico, do “Programa Notebook do Professor” já está disponível para uso pelos educadores da rede municipal de ensino de Parauapebas. A partir de hoje, eles já podem escolher o equipamento que mais se adequa a suas necessidades e efetivar a compra.

O subsídio no valor de R$ 3,7 mil, sendo R$ 3 mil destinados à compra de computador portátil e R$ 700, para acesso à internet, será disponibilizado para professores da educação básica I e II, coordenadores pedagógicos I e II, diretores e vice-diretores.

Trata-se de um investimento de mais de 7 milhões para garantir aos docentes a aquisição de novas ferramentas tecnológicas que os auxiliem no desenvolvimento do trabalho pedagógico, seja durante o período de ensino não presencial quanto no híbrido.

As novas tecnologias fornecem aos educadores um leque maior de possibilidades, tornando as aulas mais dinâmicas e produtivas.  Para a professora Cirlandia Luz Bonfim, da escola Turma da Mônica, o recurso chegou no momento certo. “As condições de trabalho estão diretamente relacionadas com uma educação de qualidade e esse programa valoriza o nosso trabalho. Ele contribuirá para um melhor planejamento, que trarão aulas mais lúdicas e eficazes para nossas crianças”, destaca a educadora da educação infantil.

Segundo o secretário de Educação, José Leal Nunes, o auxilio traz justamente isso: melhores condições de trabalho e valorização dos servidores. “O Governo Municipal tem se empenhado para ofertar aos nossos educadores as condições necessárias para que eles desenvolvam um trabalho de excelência e, assim, os nossos estudantes possam se desenvolver de forma integral”, destaca o gestor.

O prefeito Darci Lermen, também comemorou a conquista ao anunciar a disponibilidade dos recursos. “Aproveitem bem o recurso, escolham um bom equipamento e façam com que esse importante instrumento pedagógico ajude na transformação e melhoria do processo de ensino e na aprendizagem de nossas crianças”.

 

PRAZO PARA COMPRA E PRESTAÇÃO DE CONTAS

A aquisição do computador deverá ser realizada em até 30 dias após o depósito do valor do auxílio financeiro na conta do beneficiário. Já a nota fiscal referente à compra, deverá ser entregue em até 30 dias após a aquisição do equipamento, na Secretaria Municipal de Educação (Semed).

A prestação de contas referente ao uso de internet se dará mediante comprovante de pagamento, após os cinco meses.

 

Texto: Messania Cardoso/Semed

Na sessão dessa terça-feira, 31 temas relevantes para a realidade de Parauapebas foram pauta para os vereadores discutirem em busca de melhorias. A Sessão trouxe à tona debates que afetam a cidade em acesso a locais com área de lazer, onde os mesmos auxiliarão os jovens do município para que possam se ocupar com atividades produtivas e que não afetem seu bem-estar e nem o da comunidade. Visou também a melhoria da segurança pública nas vilas vizinhas à cidade de Parauapebas, como a Vila Paulo Fonteles que sofre por falta de segurança policial. A sessão pode mais uma vez contar com a presença do público no auditório central, todas as medidas de prevenção contra a covid-19 foram mantidas.

Os vereadores apresentaram suas indicações à casa para que a mesma votasse contra ou a favor, a mesa diretora estava composta pelo Presidente Ivanaldo Braz; Vice-presidente Josemir Silva; Vereador Léo Márcio substituiu o Primeiro-Secretário Rafael Ribeiro, e o Segundo-Secretário Zacarias Marques.

Vereador Josivaldo da Farmácia, solicitou que a doação da madeira oriunda do Prosap fosse feita para os empresários do Polo Moveleiro

Quem também apresentou sua indicação à casa foi o vereador Josivaldo da Farmácia, visando a melhoria na vida saudável com atividades físicas ao ar livre, o mesmo fez duas indicações de muita importância. “Hoje apresentei mais duas indicações importantes para melhorias do nosso município e sua população. As indicações dizem respeito a construção de uma quadra poliesportiva e um campo de futebol no bairro Alto Boa Vista para que os moradores daquela localidade possam usufruir dos mesmos em momentos de esporte e lazer, também foi solicitado que a doação da madeira oriunda do Prosap fosse feita para os empresários do Polo Moveleiro. Todas as duas indicações foram aprovadas pela casa”.

Vereador Rafael Ribeiro solicitou um posto policial estrategicamente localizado na Vila Cedere 1 para que possa trazer paz aos moradores

O vereador Rafael Ribeiro por está acompanhado a assinatura dos primeiros subsídios na Prefeitura, o mesmo não esteve no início da sessão, mas sua indicação foi lida pelo vereador Josivaldo da Farmácia durante a sessão. “Oficializo ao Governo do Estado sobre a necessidade da implantação de um posto policial na Vila Paulo Fonteles, os moradores da vila têm relatado com bastante frequência dificuldades na ordem da segurança pública em sua comunidade, devido à distância para o centro de Parauapebas de aproximadamente 56,7km, quando os moradores pedem ajuda para a PM os criminosos conseguem fugir sem dar tempo para o flagrante, fazendo com que os mesmos se sintam no direito de continuar com os delitos. O devido requerimento tem como objetivo solicitar a implantação de um posto policial estrategicamente localizado na Vila Cedere 1 que fica a 25,1km do centro da cidade para que possa trazer paz aos moradores”.

Ivanaldo Braz Presidente da Câmara Municipal de Parauapebas 

O Presidente da Câmara Ivanaldo Braz demonstrou seu total apoio para dialogar em busca de soluções para os impactos sociais na ausência de uma qualidade de segurança e no bem-estar de todos os moradores do município. A aproveitou a oportunidade para convidar a todos para a próxima sessão de terça-feira 07. 

 

Fonte: Redação 

Foi realizado na amanhã de domingo 29 um Passeio Ciclístico pela Paz no Trânsito, onde o mesmo marcou a programação da Operação Trânsito Seguro. O percurso de 11,7 km saiu às 06h30 da praça do bairro Alvorá com chegada no lago do Residencial Alto Bonito.

O passeio teve largada na praça do bairro Alvorá 

O fim do passeio em conscientização ao trânsito teve fim no bairro do Residencial Alto Bonito 

 

Para trabalhar a conscientização mais de 200 pessoas saíram às ruas pela Paz no Trânsito

Mais de 200 pessoas saíram às ruas, entre servidores da Semsi, ciclistas e populares, que participaram da programação, para chamar a atenção quanto à responsabilidade de todos no trânsito.

Denis Assunção Secretário de Segurança, precisamos do apoio da população para que tenhamos um trânsito seguro

O Secretário de Segurança Denis Assunção marcou presença no evento e falou da importância do movimento Paz no Trânsito. “A Prefeitura da cidade por meio da Secretaria de Segurança (Semsi) não está medindo esforços para garantir o bem-estar de todos os usuários do trânsito de Parauapebas, movimentos como esse de ciclistas e pedestres é uma força para conscientizar a população, não basta somente a colaboração do DMTT nas ruas fiscalizando, precisamos do apoio da população para que tenhamos um trânsito seguro”.

Marcia Cleia presidente da União dos Ciclistas de Parauapebas – UCP

Marcia Cleia presidente da União dos Ciclistas de Parauapebas – UCP, participou do passeio e falou como ciclista da importância do evento para todos aqueles que utilizam o trânsito no dia a dia. “Nós estamos trabalhando para que a conscientização no trânsito seja cada dia algo mais presente, não somente aos motoristas de carros, mas também para ciclistas e pedestres, se todos colaborarem teremos um ambiente de trânsito seguro e de bem-estar para todos”, destaca a ciclista.

Operação Trânsito Seguro

Com o tema “No trânsito, sua responsabilidade salva vidas”, a operação conta, além de blitze de fiscalização, com uma campanha educativa para intensificar as ações de conscientização da população sobre os principais fatores de risco de acidentes no trânsito.

Nesta semana, diversas ações voltadas para os ciclistas, como palestras, panfletagem e blitze do ciclista, serão realizadas em parceria com empresas da iniciativa privada para alcançar os ciclistas que utilizam a bicicleta diariamente como meio de transporte.

A campanha educativa contempla palestras, rodas de conversa, cursos e blitze educativas voltadas para motoristas de empresas de ônibus, mototaxistas, ciclistas, taxistas, trabalhadores de delivery, dentre outros. As ações seguem até a Semana Nacional de Trânsito, que será realizada no próximo mês de setembro, no período de 18 a 25.

 

Por: Sarah Monteiro 

A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Obras (Semob), informa que a ponte sobre o rio Parauapebas, nas proximidades do clube City Park, será interditada para obras a partir desta quarta-feira, 1º de setembro.  O tráfego ficará suspenso para motos, carros e pedestres durante 45 dias, período previsto para a execução da obra.

 

Assessoria de Comunicação/PMP

A noite do último sábado, 28, foi de muita comemoração para os times de futsal Marrecos (masculino) e Acap (feminino), que levantaram as taças de campeões da I Copa Municipal da Juventude realizada pela Prefeitura de Parauapebas por meio da Secretaria da Juventude (Sejuv), com apoio das secretarias de Esporte e Lazer (Semel) e de Educação (Semed).

Na disputa pelo título de campeão, o Marrecos venceu o Real Uniting por 5X1, com 3 gols de Guilherme Alves, que arrebatou o troféu de melhor artilheiro do campeonato enquanto Thiago Lima, também do Marrecos, foi o melhor goleiro.

“A sensação é ótima demais, pelo o que a gente veio treinando. A equipe é forte, graças a Deus. Cada um dá o máximo que consegue. É isso aí, prevaleceu o melhor. Nós fomos o melhor no jogo, saímos com a vitória e somos campeões da I Copa da Juventude”, comemorou Vandiego Silva, capitão do Marrecos.

Também por goleada, o Escudeiros conquistou o terceiro lugar ao vencer por 5x1 o Spartan na primeira partida da noite de sábado. O prêmio de jogador revelação foi para Kauã Caíque, do Atlético Erechi.

Entre as equipes femininas, a disputa final foi bem mais acirrada entre Acap e Harpia, num confronto que teve cartão vermelho e decisão por pênaltis após empate de 1X1 no tempo normal. Frente a frente com as goleiras, a Acap levou a melhor e arrebatou o título de campeã com a vitória de 5x3 sobre a adversária.

Keilane Linhares e Jeciane Nascimento, ambas da Acap, foram coroadas com os troféus de melhor goleira e melhor artilheira, respectivamente.  “É sinal que o esforço, a dedicação geram fruto. Depois de uma certa idade, espero que as meninas que estejam começando agora se espelhem. Tem muita menina boa na cidade”, atestou a goleira Keilane.

As partidas finais foram arbitradas por Carlos Lopes, Felipe Dias, Pablo e Júnior Chico.

Sucesso e motivação

Realizada no Ginásio Poliesportivo, a final da Copa da Juventude contou com torcidas barulhentas, que ao final acompanharam a entrega dos troféus e medalhas pelo secretário municipal da Juventude, Yuri Sobieski.

Em meio a jogos de pirotecnia e muito papel picado, os campões da I Copa Municipal da Juventude fizeram a festa pelas vitórias, que foram premiadas com R$ 4 mil (1º lugar), R$ 2,5 mil (2º lugar) e R$ 1 mil (3º lugar).

E a disputa foi acirrada, com 48 times disputando nas quadras, sendo 32 equipes masculinas e 16 femininas. “Começamos dia 14, chegamos hoje, dia 28, finalizando com sucesso. Graças a Deus, a Copa deu tudo certo”, comemorou Yuri Sobieski.

O titular da Sejuv ainda ressaltou que a copa não foi limitada às disputas nas quadras: foram realizadas palestras nos polos com temas que despertam atenção dos jovens, como drogas, primeiro emprego, diretos humanos e depressão.

“Nós conseguimos chegar nos polos, trazer a juventude. Não só os que estavam em quadra, mas os que estavam fora também, a plateia, as torcidas, que vieram, que participaram. E a função socialque gerou essa Copa da Juventude, com as rodas de conversa, que foram um sucesso, com as palestras.”

 

Texto: Hanny Amoras
Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP

Com acesso temporariamente restrito ao público, em virtude da pandemia de Covid-19, a equipe de produtores do Centro Cultural de Parauapebas (CCP) encontrou uma forma de manter suas atividades em funcionamento, divulgando o talento dos artistas e proporcionando arte, cultura e lazer aos parauapebenses.

O “Café Literário” é um evento virtual da Prefeitura de Parauapebas, idealizado pela Secretaria de Cultura (Secult), que busca promover e estimular a leitura e a escrita, além de compartilhar conteúdos e experiências que estimulem o interesse pela arte da literatura. Mesmo de casa, o público poderá conhecer e interagir com os artistas locais enviando perguntas e dando sugestões durante a live.

A ação é um incentivo aos produtores de cultura do município. Segundo Cleide Sousa, coordenadora do CCP, o “Café Literário” que é realizado na última sexta-feira de cada mês, de forma virtual, sempre com a presença de convidados ligados à literatura. “Esses são os planos até que seja possível realizar este bate-papo presencial. Mesmo assim, vamos tentar de todas as formas nos fazer presentes para levar um pouco de cultura às pessoas no conforto de suas casas”, enfatiza Cleide.

 “Bate-papo”

Para abrir a programação do Café Literário neste segundo semestre, a terceira edição do evento vem ainda melhor. Desta vez, o assunto abordado será sobre artes plásticas e folclore na história regional. Uma conversa interessante, descontraída e educativa para quem deseja saber mais sobre a história e o valor de Parauapebas e dos parauapebenses como povo da região de Carajás.

O bibliotecário Doddy Amâncio foi o mediador desse bate-papo que ocorreu na amanhã, 27, às 16h, com transmissão pelo Instagram do Centro Cultural: @centroculturalpebas. Os convidados são o escritor e historiador Avone Rocha, o artista plástico Afonso Camargo e o mestre de cultura popular Clodoaldo Souza.

 

Texto: Gil Duarte e Rayssa Pajeú

Saneamento básico, segurança pública, pavimentação de ruas, construção de mais postos de saúde, de escolas e de creches. É exatamente essa a ordem de prioridades dos moradores de Parauapebas que preencheram o formulário on-line com sugestão de obras, ações e serviços ao Plano Plurianual (PPA) de Parauapebas, para o período de 2022 a 2025.

Esses são alguns dos assuntos a serem abordados na próxima segunda-feira, 30, na audiência pública on-line que a prefeitura irá realizar a partir das 18 horas, para que a população tome conhecimento PPA, cujo projeto de lei está pronto e precisa ser encaminhado para a Câmara Municipal até terça-feira, 31.

A audiência virtual será a participação do prefeito Darci Lermen; do vice-prefeito João do Verdurão; do secretário especial de Governo, Keniston Braga; da secretária municipal da Fazenda, Maria Mendes; e do chefe de Gabinete, João Corrêa.

Participação popular

Durante a audiência, a população poderá se manifestar e mandar perguntas aos gestores. Conforme as respostas dadas ao formulário do PPA, os parauapebenses também têm como prioridade a construção de parques ou centros recreativos e estão pouco satisfeitos com a qualidade do transporte público no município.

No total, 5.263 pessoas preencheram o formulário, sendo que 58% foram mulheres interessadas em participar diretamente da construção daquele que é considerado o principal instrumento de planejamento governamental, com diretrizes, objetivos e metas para a melhoria de vida da população.

Em relação à faixa etária, 57,1% dos participantes têm entre 30 e 59 anos, sendo que os jovens tiveram uma boa participação: 36,4%. Os indígenas também contribuíram e cinco deles preencheram o formulário. Da zona rural, 435 moradores participaram.

Partiu do bairro Cidade Jardim a maior participação ao PPA, com 745 moradores, seguido pelo bairro Tropical, com 461.

 

Texto: Hanny Amoras

Reativado em 2019, o Projeto de Gemas e Joias de Parauapebas desenvolveu, de lá pra cá, atividades como mapeamento da cadeia produtiva, participação em feiras agropecuárias, realização de curso básico para lapidação, acordo de cooperação com o Governo do Estado, seminários com ourives e lapidários, visita a projetos similares em outros Estados e definiu a área para a construção do centro tecnológico e do Museu de Gemas e Joias de Parauapebas, ambos previstos no Plano Municipal de Investimentos (PMI) da prefeitura.

Para transformar Parauapebas num dos municípios mais atrativos do País, a prefeitura irá lançar no dia 15 de setembro o Programa Municipal de Investimentos (PMI) em meio a um grande evento, com apresentação de um vídeo em 3D com todas as obras projetadas. No centro tecnológico, com área construída de 6,3 mil metros quadrados, serão desenvolvidos cursos de capacitação em lapidação e produção de joias.

O projeto conta com sete eixos de ações de desenvolvimento; infraestrutura urbana e rural, desenvolvimento socioeconômico e sustentável, mobilidade urbana e ordenamento territorial, habitação de interesse social, modernização da máquina pública, desenvolvimento tecnológico e educacional e qualificação e incentivo para as mulheres.

Prefeito Darci Lermen vamos em busca da melhoria de nossa Parauapebas

Para o prefeito Darci Lermen falou sobre o projeto. “Somos um município grande, então precisamos pensar grande”, e pensar grande significa a construção de obras de fato impactantes no município, com arquitetura arrojada e contemporânea, como a nova rodoviária, o novo mercado municipal, o Polo Tecnológico de Gemas e Joias, o Complexo Multicultural, o museu, o cineteatro e o espaço Florindo o Mundo, vamos em busca da melhoria de nossa Parauapebas”

Os moradores da cidade poderão contar ainda com um novo centro administrativo municipal para abrigar todas as secretarias numa mesma área, com amplo estacionamento. No prédio da prefeitura, que será reformado, continuarão funcionando o gabinete do prefeito, do vice e de departamentos ligados diretamente ao gabinete.

Na zona rural, a prefeitura irá asfaltar o trecho entre as vilas Carimã e Conquista e da Palmares I (sul) até Três Voltas, cuja licitação se encontra em andamento, e irá construir a estrada entre Parauapebas e Marabá via Palmares II.

Serão feitas pontes na zona rural, todas de concreto, a prefeitura vai estabelecer um novo modelo para abertura e manutenção das estradas vicinais, que serão administradas, por trechos, pelas empresas que ganharem a licitação das obras.

Secretário especial de Governo Keniston Braga 

Secretário especial de Governo Keniston Braga relatou o futuro da cidade. “Estamos preparando essa cidade não é para o futuro de daqui a dez, vinte anos. Estamos preparando essa cidade para agora. O futuro de Parauapebas é agora”.

 

Fonte: Redação 

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Novo_Projeto_-_2021-07-05T111350990gk-is-100.jpglink