Carajas o Jornal

Carajas o Jornal

Atendendo a pedido da Coordenação da Subsede do Sintepp em Parauapebas, o vereador Major da Mactra recebeu, juntamente com outros vereadores, no gabinete da presidência da Câmara de Parauapebas, uma comissão formada por alunos, professores e o sindicato da categoria, para tratarem de assuntos referentes à paralisação estadual no município

De extra na Sessão Ordinária, ontem (31) na Câmara Municipal de Parauapebas, houve apenas manifestação de estudantes que pediam melhoras para a educação e “clamavam” pelo retorno das aulas. Os alunos representavam professores da educação pública estadual que estão em greve em todo o Estado do Pará.

Com cartazes e passeata nos corredores da Câmara, os manifestantes protestaram no momento da fala do vereador Major da Mactra (PSDB), dado ao fato de que este seja do mesmo partido do governador Simão Jatene.

Na ocasião, após ouvir as reivindicações e insatisfações dos manifestantes, os vereadores Major da Mactra (PSDB), Ivanaldo Braz (SDD), Odilon Rocha (SDD), Israel Pereira (PT), Zacarias Assunção (PP) e Devanir Martins (SDD), firmaram compromissos de apoiá-los em suas reivindicações.

 

Por: Francesco costa 

“(...) No início, recebi um papel e uma caneta, e hoje entrego uma secretaria estruturada, organizada, redonda e sem débitos e gastos controlados(...)

 Assim, Hipólito Gomes, anunciou a sua saída da Secretaria de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão nesta segunda-feira, 30/03, após 15 meses frente à pasta.

Ao longo desse tempo à frente da Semsi, Hipólito Gomes, conseguiu feitos importantíssimos para o avanço das discursões e praticas de segurança pública em Parauapebas. Sempre com pautas sempre voltadas para a união de forças e poderes de vários seguimentos da sociedade pública, civil e a organizada, teve como objetivo fazer da segurança cidadã, uma realidade no município. 

O mais recente desses feitos, foi a assinatura do convênio junto à Secretaria de Segurança Pública do Estado, para o curso de Formação da Guarda Municipal de Parauapebas, o qual, tão logo passe pela avaliação da Procuradoria Geral do Município, estará pronto para ser executado.  Outro feito recente  que merece destaque ao esforço do ex-Secretário, foi a autorização para celebração de convênio com o DETRAN-Pa, que dará ao DMTT, maior poder de atuação na fiscalização do transito da cidade.

“Salvar vidas”, talvez tenha sido uma das frases mais utilizadas por Hipolito Gomes ao longo dos últimos 15 meses. Como gestor, o ex-secretario sempre fez questão de lembrar a todos os seus colaboradores diretos e indiretos que essa era a principal missão da Semsi: Salvar vidas.

E foi com esse intuito que dezenas de campanhas foram criadas, a fim de sensibilizar os cidadãos sobre essa missão, como:

  • Carnaval Seguro
  • Calçada Livre
  • Movimento Maio Amarelo
  • Semana Nacional de Transito
  • Não corra, não mate, Não morra
  • Implantação do GGIM
  • Implantação dos Radares de fiscalização eletrônica
  • Realização do Concurso da Guarda Municipal

Entre tantas outras...

“A saída do Hipólito da Semsi, é uma perda ao importante projeto que ele iniciou em nome de uma efetiva união no assunto de segurança pública em Parauapebas. E espero que essa semente continue a ser semeada, pois é fundamental pra melhoria da cidade.” Ressaltou o juiz Líbio Moura Araújo, através de uma rede social.

“Me desligo da Semsi por motivos pessoais e profissionais. Faço isso com o coração apertado, mas de cabeça erguida mediante ao trabalho que fiz durante esse período. Agradeço primeiramente a Deus pela oportunidade dessa experiência maravilhosa,  ao prefeito Valmir Mariano pela confiança e ao vereador Devanir pela indicação. À minha família que sempre esteve ao meu lado incondicionalmente, aos amigos, parceiros, à imprensa, que mesmo sem recursos para investir em publicidade, sempre ajudou na divulgação de nossos trabalhos. Agradeço também, a família Semsi, com os quais divido as conquistas, erros e acertos da minha gestão. Finalizou Hipólito, emocionado.

Por enquanto, Eliesio Miranda, atual adjunto da Semsi, assume a gestão da Secretaria até que o substituto de Hipólito Gomes seja oficialmente anunciado pelo governo.

 


 Por: Amparo Borges 

 Assessora de Comunicação e Imprensa 

 

No decorrer deste mês, a Secretaria de Assistência Social da Prefeitura (Seasp) promoveu Oficinas de Chocolate para usuários do Cras (Centros de Referência em Assistência Social), visando à geração de renda na Semana Santa. Na manhã desta terça-feira (31), aconteceu o último desses eventos no Cras do Bairro Amapá.

De acordo com Concerley Sompré, coordenadora do Cras Amapá, a oficina de chocolate, que teve participação de 25 pessoas, desperta mais interesse de mulheres, havendo pouca adesão de homens. Por isso, devido à abertura do curso também para a terceira idade, um idoso foi o único representante gênero masculino.

Indagada acerca do por que da realização da oficina já no decorrer da Semana Santa, Concerley observou que o aprendizado não está restrito a ovos de Páscoa, este é apenas um item obrigatório. As clientes aprendem também a fazer bombons, doces e outras guloseimas a partir do chocolate, que são vendidas em qualquer época do ano. Por isso, a fabricação desses doces pode se constituir numa boa fonte de renda.

Segundo coordenador de Tecnologia e Comunicação da Seasp, Anderson Viana, ainda no contexto emprego e renda, estão previstas oficinas de fabricação de sabão, a partir de óleo de cozinha usado; pintura em tecido; crochê, bonecas de pano e em EVA (emborrachados), destinadas a todas as faixas etárias de usuários dos Cras.

Cristina Barros, conhecida doceira do Amapá, foi a ministradora da Oficina de Chocolate no Cras daquele bairro. No entanto, conforme Concerley, cada Cras escolheu sua ministrante, moradora na área de abrangência.

 

Por: João Batista da Silva/Ascom Marabá

 

Pelo menos 10 mil pessoas assistiram a peça “Paixão e Morte de Jesus”, ato que há 14 anos se repete retratando o Ministério, Paixão e Morte de Jesus. Peça encenada por atores amadores da Igreja Católica, sob o comando das Paróquias São Sebastião, São Francisco e São Raimundo, que reúne um grupo de pelo menos 70 atores que oferecem à comunidade a melhor peça teatral religiosa do interior do Pará.

Adão Lopes Silva é um dos diretores que, inclusive, estava na criação da primeira peça que, segundo ele, em 2002, tinha o intuito de ser apresentada apenas na comunidade do bairro Prima Vera, na Paróquia São Raimundo. “Mas o sucesso foi tanto que repetimos e desta vez ganhamos as ruas com palco fazendo a cada ano um percurso maior e diferente”, conta entusiasmando Adão, admitindo que não imaginava tamanha aceitação, e diz que em 2003, o padre recomendou que fosse feito a nível de paróquia para toda a cidade. Ele diz esperar que seja incluído na Agenda Cultural do Município, mas já é tão tradicional que a população já considera como um evento municipal que atrai pessoas de municípios de várias regiões do Pará e de outros Estados para prestigiar.

O elenco é, segundo Adão, escolhido nas comunidades católicas pela época do Natal, e tão logo inicia o ano os ensaios são feitos e na Sexta-feira Da Paixão vai aos olhos da população. Este ano a peça iniciou na Praça do Cidadão, onde foram encenados os seguintes atos: Batismo de Jesus, tentação no deserto, milagres, pregações, entrada em Jerusalém, Santa Ceia, prisão e condenação de Jesus que recebe nos ombros a cruz.

A partir daí a peça ganhou as ruas passando pela Rua Comércio, depois a Rua Rio de Janeiro e nesta acontece o primeiro ato na altura da Escola Eduardo Angelim, onde Jesus cai pela primeira vez. A Via Crucia segue entrando na Rua 16, onde próximo à comunidade Nossa Senhora Aparecida, na esquina com a Rua M, Jesus se encontra com sua Mãe, Maria; ainda na mesma Rua, próximo à Rua I, Simão Cirineu, é obrigado a carregar a Cruz de Jesus; e ainda na mesma Rua esquina com a Rua F, Verônica enxuga o rosto de Jesus. Na sequência a peça entra pela Rua E, e enfrente a SEMAS, Jesus cai pela segunda vez; na esquina da Rua E com a Rua 10, Jesus cai pela segunda vez e consola as mulheres de Jesusalém.  

A Via crucia segue e chega na Praça de Eventos onde ocorre os derradeiros atos: crucificação, morte, sepultamento e ressureição.

Toda a encenação durou aproximadamente 3 horas, incluindo os atos da Praça do Cidadão, trajeto pelas ruas e atos encenados na Praça de Eventos.  

  

Por: Francesco Costa

 

À disposição da imprensa local para prestar esclarecimentos sobre a primeira edição da Feira do Comércio, Indústria e Negócios de Parauapebas (Fecinp), o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Parauapebas (CDL), Marksan Gomes; o presidente da Associação Comercial, Industrial e Serviços de Parauapebas (ACIP), Humberto Costa; e os coordenadores das duas entidades concederam uma entrevista coletiva na manhã terça-feira, 31, no auditório da ACIP.

Na oportunidade em que compareceram vários representantes de veículos de comunicação, ficou claro que o evento agregará muito para o município, tanto em valores reais quanto em publicidade, já que a Feira terá ampla divulgação.

Marcada para acontecer nos dias 3, 4, 5 e 6 de junho deste ano, no Ginásio de Esportes de Parauapebas, localizado no bairro Beira Rio, a Feira abrigará outros eventos como, por exemplo, o Mérito Lojista, Rodada de Negócios, Salão do Automóvel, desfile de modas, palestras, minicursos, oficinas, show humorístico e alguns seminários que contarão com palestrantes famosos com presença já confirmada do jornalista Paulo Henrique Amorim entre outros.

A Fecinp traz como tema: “Empreendimento, Sustentabilidade e Desenvolvimento”, e tem como objetivo, segundo os organizadores, contribuir para o crescimento socioeconômico de Parauapebas, apresentando oportunidades e desafios do mercado local e propondo alternativas para seu crescimento e expansão. Para isso serão dispostos 110 estandes e público médio de 5 mil pessoas por dia.

Entre as preocupações apresentadas pelos jornalistas participantes da coletiva de imprensa, esteve o estacionamento e trânsito, mas os organizadores esclareceram que medidas serão tomadas: “Não existe evento perfeito e que não traga algum transtorno”, admitiu o Coordenador da CDL, Christian Félix, tranquilizando que medidas serão tomadas para que sejam minimizados os transtornos.

Ficou claro ainda que esta primeira edição do evento servirá como base para aprimorar as próximas que deverão acontecer em períodos ainda não estabelecidos. “Nossa pretensão é que realizemos Feiras em nível estadual e até federal, dependerá muito do resultado e da receptividade desta pelos empresários e público”, planeja Marksan Gomes, presidente da CDL.

As organizações continuam nos bastidores das entidades envolvidas que cuidam dos detalhes, que não são poucos. “Todos: empresários e público de Parauapebas e de outros municípios, já estão convidados a comparecer e participar desta que, não temos dúvida, será o maior evento do segmento comercial e industrial do interior do Estado do Pará”, disse o presidente da ACIP, Humberto Costa.

Lançamento oficial

Já na parte da noite, também na terça-feira (31), em evento realizado em um hotel da cidade, diretores da CDL e da ACIP, fizeram o lançamento oficial da Fecinp para empresários e autoridades.

Na oportunidade, a Prefeitura de Parauapebas entre outras empresas e instituições declararam apoio ao evento que vai movimentar Parauapebas nos próximos meses.

 

 

Por: Francesco Costa 

A Turquia bloqueou nesta segunda-feira (6) o acesso ao Twitter, Facebook e Youtube para impedir a divulgação de fotos de um promotor sequestrado na semana passada por militantes de extrema-esquerda, que acabou morto durante a tentativa de resgate, informa a imprensa.

Uma mensagem da Autoridade Administrativa de Telecomunicações disponibilizada no YouTube indica que a proibição foi determinada como "medida administrativa".

Este é o primeiro bloqueio desta magnitude desde o que foi decretado há um ano para impedir a divulgação de acusações de corrupção contra o governo.

De acordo com o site do jornal "Hurriyet", a medida foi adotada depois que uma decisão da justiça ordenou o bloqueio de 166 sites que haviam divulgado a foto do promotor, incluindo Facebook, Twitter e YouTube.

O promotor Mehmet Selim Kiraz foi sequestrado em 31 de março e mantido como refém durante mais de seis horas por dois militantes armados de um grupo de extrema-esquerda turco, que publicou a fotografia do magistrado nas redes sociais com uma pistola na têmpora.

O promotor e os dois sequestradores morreram durante uma intervenção da polícia.

No dia seguinte, a justiça turca abriu uma investigação contra quatro jornais turcos acusados de terem publicado a fotografia.

Há um ano, o governo turco aprovou várias medidas polêmicas para tentar controlar a internet e as redes sociais, apontadas como culpadas de divulgar as acusações de corrupção contra o presidente Recep Tayyip Erdogan e vários membros de sua equipe.

Em março de 2014, Erdogan ordenou o bloqueio momentâneo de Facebook e Twitter.

O Parlamento turco votou no mês passado um dispositivo que autoriza o governo a bloquear um site sem a permissão da justiça, uma medida que, no entanto, foi censurada pelo Tribunal Constitucional ano passado.

 

Fonte: G1 Notícias 

A celulite é uma doença da pele que preocupa muitas mulheres. O que é a celulite e porque é que esta doença torna a pele com aspecto de casca de laranja?

celulite aparece devido à formação de bolsas de gordura logo abaixo da superfície da pele, dando o aspecto de casca de laranja. Estas ondulações da pele são também acompanhadas por alterações ao nível da circulação e aumento do tecido fibroso.

Na zona abaixo da pele, na epiderme, as células que armazenam gordura são dispostas em segmentos. A rodear estas células existem tecidos que estão ligados ao músculo da parte mais profunda da pele, a derme, que permitem a elasticidade da pele.

As células adiposas, as que armazenam gordura, aumentam e diminuem de tamanho, fazendo os septos (as suas divisórias) expandir ou diminuir, consoante a gordura armazenada e a retenção de água. Com o passar do tempo e com a presença de resíduos, estes septos começam a ficar mais rijos, tornando a pele menos flexível e mais flácida. A gordura, deixa então de ficar nas células adiposas e passa para outros locais da pele, criando bolsas de gordura e dando um aspecto de casca de laranja, ou seja, a celulite.

As zonas onde a celulite costuma aparecer é essencialmente na zona da coxa, abdómen, glúteos, nuca e braços.

As causas principais do aparecimento da celulite são a alimentação descuidada, a vida sedentária, a falta de exercício físico, factores a nível hormonal e ainda a predisposição genética familiar.

 

Fonte: Curiosidades do mundo.com.br

Muricy Ramalho acertou no início da tarde desta segunda-feira sua saída do São Paulo. De acordo com membros da diretoria, a decisão foi tomada em comum acordo. O técnico deve passar o resto do dia em repouso, pois sentiu uma indisposição pela manhã, que o levou a adiar uma reunião marcada com o presidente Carlos Miguel Aidar. Nesta terça-feira ele deverá se despedir dos jogadores.

O treinador soltou uma nota oficial, via assessoria de imprensa, confirmando a saída (veja abaixo na íntegra).

– Estou com problemas de saúde, devo fazer uma cirurgia na próxima semana e preciso desse tempo que o São Paulo não tem no momento. Quero agradecer ao presidente, aos jogadores, os funcionários do clube, os meus companheiros de comissão técnica e, principalmente, aos torcedores que entendem esse meu momento. Preciso nesse momento dos devidos cuidados com a minha saúde. Não é um adeus, é um até breve pela relação que tenho com o São Paulo Futebol Clube. Desejo muito sorte a todos – disse Muricy, em nota.

A derrota por 2 a 0 para o Botafogo, em Ribeirão Preto, no domingo, foi a última do treinador, que assumiu em 12 de setembro de 2013, quando chegou com a missão de salvar a equipe do rebaixamento no Campeonato Brasileiro daquele ano. 

Os dirigentes agora correm atrás de um substituto capaz de fazer o time reagir na temporada e mostrar um bom futebol a tempo de continuar na briga pelo Campeonato Paulista e pela Taça Libertadores da América. 

Muricy vinha sendo muito criticado dentro e fora do São Paulo, mas era bancado pelo vice-presidente de futebol, Ataíde Gil Guerreiro, que, inclusive, ganhou muitos desafetos por causa de sua atitude. Foi ele quem convenceu o treinador a permanecer após a derrota por 3 a 0 para o Palmeiras, quando o técnico colocou o cargo à disposição. 

A principal queixa ao trabalho de Muricy era sobre a fragilidade tática do Tricolor, visto como desorganizado por diversos setores do clube, incluindo parte dos jogadores, descontentes com a falta de padrão e as constantes mudanças. 

Essa análise é recorrente e voltou a ganhar força depois da derrota sem reação para o Palmeiras. A postura do time trouxe à tona a lembrança do rendimento demonstrado contra o Corinthians, na estreia da Taça Libertadores.

Outra forte crítica a Muricy era com relação aos treinamentos. O comandante usava métodos considerados antigos para comandar as atividades no CT da Barra Funda. 

Os treinos recreativos, tradicionais nas vésperas dos jogos, viraram alvos de constantes cobranças de torcedores. No dia a dia, ele também pouco optava por trabalhos especificamente táticos, com o intuito de ajustar a equipe. A ideia, exposta por ele próprio, era arrumar o time na base da conversa. Essa opção desagradava pessoas do clube de uma forma geral.

Muricy encerra a nova passagem pelo São Paulo com 473 partidas. Desde que retornou ao clube, ele dirigiu a equipe em 109 jogos, com 58 vitórias, 22 empates e 29 derrotas. No período, ele foi vice-campeão Brasileiro no ano passado, mas o objetivo mais exaltado pelo treinador foi a fuga do rebaixamento em 2013. 

 

Fonte: G1 Esporte 

 

 

Sessão de cinema, oficinas sobre administração de renda familiar, liderança comunitária, direito do consumidor, orientação para cadastro de tarifa social, sensibilização e empoderamento dos espaços coletivos são algumas das ações do Projeto Técnico Social (PTS) que serão realizadas a partir deste mês com os moradores do Bairro dos Minérios.

Desenvolvido pela Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Habitação (Sehab), o PTS faz parte do Programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal, e visa desenvolver ações sociais para o convívio em comunidade, proporcionando, aos moradores, informações e orientações sobre assuntos relacionados à educação, direito, zelo e conservação de espaços públicos.

Segundo a coordenadora do PTS, Zita Maria Bogea, que também é assistente social da Sehab, será realizada, na quarta-feira, dia 8 de abril, às 17 horas na Escola Fernando Pessoa, uma assembleia com os moradores do Bairro dos Minérios para a apresentação das ações do projeto. “Para a execução desse trabalho é muito importante a participação de órgãos públicos e entidades”, destaca.

Reuniões também foram feitas nos dias 30 de março e 2 de abril com o objetivo de firmar parceiras para o desenvolvimento do projeto. O primeiro encontro foi com representantes das Secretarias Municipais de Esporte e Lazer, Mulher, Assistência Social/Cras dos Minérios, Segurança Institucional, Educação, Meio Ambiente, Cultura e Saúde, e o segundo, com a presidente da Associação dos Moradores do Bairro dos Minérios, Poliana Silva Lima, e o 1º secretário, Alexsandro Pereira Lima. “Já esperávamos por essa parceria, pois o bairro precisa dessas ações. Temos muitas deficiências e acreditamos que podemos avançar com esse trabalho”, avalia Poliana.

Na comunidade do Bairro dos Minérios, as ações serão executadas pela empresa Eco Consultoria. De acordo com o psicólogo da empresa, José Luiz Castro, o envolvimento dos moradores será feito por uma equipe composta por duas mobilizadoras, assistente social, pedagoga, psicólogo e assistente administrativo.  

 

 

 Por: Jéssica Borges

Assessoria de Comunicação | PMP

 

 Centenas de pessoas participaram das procissões da Sexta-feira Santa. Peça de teatro e procissões encenam as últimas horas de Jesus Cristo antes de ser crucificado segundo o catolicismo. Para os fiéis católicos, esta sexta-feira (3), que antecede o domingo de Páscoa, é conhecida como "sexta-feira santa" ou "sexta-feira da Paixão", dia em que, segundo a igreja católica, Jesus Cristo foi crucificado.

  A apresentação é promovida na Praça do Cidadão, Rio verde, seguida de procissão em uma caminhada de mais de 1,5 km até o Praça de Eventos, Cidade Nova, Muitas pessoas andam de pés descalços para pagar promessas.” Fiz a promessa que se eu me recuperasse até o dia da procissão eu viria e cá eu estou" contou dona Maria de Lurdes, 54 anos.

  A encenação, Jesus ceia com os apóstolos, é traído por Judas, julgado e condenado. Na praça do Cidadão, ocorre a representação dos últimos instantes da vida de Cristo, finalizada com a crucificação e sua ressurreição, na Praça de eventos em um momento que emociona crianças e adultos. 

 

Por: Williane Souza

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink