Para iniciar o segundo módulo do curso de "Aperfeiçoamento em Políticas Públicas e Gerenciamento de Processos Inclusivos: Um olhar para o transtorno do espectro autista", a Escola de Governança Pública do Estado do Pará (EGPA) e a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), por meio da Coordenação Estadual de Políticas para o Autismo (Cepa) promovem, na quinta-feira (7), uma live com o tema “Avanços e desafios: a importância da Lei Estadual de Proteção dos Direitos da Pessoa com Autismo”. O objetivo é realizar um debate sobre a Lei Estadual 9061/2020, que instituiu a Politica Estadual de Proteção da Pessoa com Autismo (Peptea).

Aprovada em 2020, a lei traz diversas garantias, incluindo a carteira de identificação da pessoa com autismo, atendimento multidisciplinar e capacitação de servidores com base em práticas com evidência científica, como o curso de aperfeiçoamento ofertado pela EGPA, que tem o objetivo de suprir esta necessidade de qualificação ente os servidores da área da Gestão Pública, com foco nas áreas jurídica, saúde, educação, assistência social, cultura, esporte e lazer, e capacitá-los na gestão de políticas públicas de inclusão. Nesta fase, foram inscritos servidores estaduais e municipais de Altamira, Barcarena, Breves, Capanema, Conceição do Araguaia, Goianésia do Pará e Itaituba.

A live será ministrada pela coordenadora estadual de Políticas para o Autismo, Nayara Barbalho, e mediada pela professora Flávia Marçal, coordenadora do Projeto de Ensino TEA - Curso de Aperfeiçoamento em Transtorno do Espectro do Autismo: questões pedagógicas e gerenciamento de processos inclusivos, da Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) e coordenadora pedagógica do curso ofertado aos servidores.

“O curso está sendo desenvolvido com um trabalho técnico de referência aliando as bases do conhecimento científico a atuação dos servidores. Além disso, diversas ferramentas tecnológicas estão sendo utilizadas para a aproximação com os cursistas, como a realização de lives durante as aberturas e encerramentos dos módulos”, explica Flávia.

Serviço:

A transmissão será realizada na quinta-feira (7), às 19h, pelo canal do YouTube da Escola de Governança.

 

Fonte: Por Isabela Quirino (EGPA)

A Escola de Governança Pública do Pará (EGPA) realiza, durante toda esta semana, o curso de capacitação em Língua Brasileira de Sinais (Libras), destinado a servidores de todo o Estado. Será a primeira turma do ano a concluir o curso avançado de Libras, que dá continuidade ao curso básico, realizado em maio pela maioria dos alunos que compõem a turma do avançado. No curso básico, a escola certificou 40 servidores. Desta vez, 35 servidores se inscreveram, e devem concluir a capacitação no final desta semana.

"A Escola é referência na realização de cursos para capacitação de servidores na Língua de Sinais. Nosso objetivo é aperfeiçoar o atendimento à população de surdos, garantindo maior qualidade na prestação dos serviços públicos", explicou a diretora-geral da EGPA, Evanilza Marinho.

Participam da qualificação servidores de diversos órgãos da administração estadual, como Superintendência do Sistema Penitenciário (Susipe), Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa), Ministério Público do Estado (MPE), Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster), Universidade do Estado do Pará (Uepa), Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa), Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos do Pará (Arcon), Hospital de Clínicas Gaspar Viana (HCGV), Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop) e Fundação Cultural do Pará (CFP), além da Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa, Tribunal de Justiça do Estado (TJE), Instituto de Terras do Pará (Iterpa) e Hospital Abelardo Santos.

A instrutora do curso, Ana Rute Braga Fernandes, explicou que o conteúdo ministrado oferece aos participantes ferramentas para que aprendam a melhor forma de atender pessoas com deficiência auditiva. "Eles aprendem pronomes demonstrativos e de tratamento, os instrumentos de Libras e como pedir e receber documentos", ressaltou.

A capacitação integra a grade de cursos abertos da EGPA, ofertados ao funcionalismo público municipal e estadual por meio da Coordenadoria e Direção de Qualificação. Os cursos semanais, com carga horária de 20 horas, são realizados pela manhã ou à tarde, na sede da instituição.

Atendimento com qualidade - A importância do exercício diário das atividades no local de trabalho com o benefício da capacitação foi destacado por Daniele Cristina Campos, agente administrativa na Fasepa. "No momento em que a gente recebe um requerente com esta deficiência, vamos ter como atendê-lo com qualidade. Com certeza é difícil para uma pessoa surda chegar a um órgão público e não ser atendida corretamente, como se não houvesse interesse em resolver sua demanda, sua solicitação", completou.

Para o atendente da Farmácia na Fundação Hemopa, Antônio Francisco Vilhena Lima, a comunicação com o usuário deficiente é ainda mais importante a partir dos conhecimentos adquiridos durante a capacitação. "A gente passa a dar o devido valor ao usuário deficiente auditivo. É fundamental que se possa atender a toda a população com o mesmo nível de qualidade", reiterou.

Fonte: Agencia Pará

O Governo do Estado, por meio da Escola de Governança Pública do Pará (EGPA) inicia, na próxima segunda-feira (10), a fase de inscrições para a 1ª Mostra de Música do Servidor Público, o Canta Servidor, que será realizado no município de Conceição do Araguaia, região sudeste do estado, em julho deste ano.

A programação consistirá em um festival de música, aberto aos 144 municípios paraenses, que tem como objetivo o de reconhecer e divulgar o trabalho artístico de servidores que compõem, tocam ou cantam. O evento é parte dos programas de valorização do servidor, desenvolvido pela instituição.

“É importante ressaltar que só poderá participar como compositor, letrista ou intérprete o servidor público estadual ou municipal. Nossa ideia é divulgar o lado artístico destes funcionários e incentivar suas habilidades”, explicou a coordenadora da EGPA, Andréa Cavaléro, responsável pelo Núcleo de Programas de Valorização do Servidor (NPVS).

As inscrições serão divididas por 4 regiões: Região Metropolitana de Belém; Região Nordeste e Sudeste; Região do Baixo Amazonas e Sudoeste; e Região do Marajó. Os servidores deverão se candidatar por região, consultando no regulamento em qual delas o seu município de origem está inserido.

Após o encerramento das inscrições e submissão dos documentos e arquivos solicitados, a escola realizará uma pré-seleção, na qual serão escolhidas até 12 músicas, sendo 3 de cada regiões, para serem apresentadas no dia da Mostra. “Esta segunda etapa será feita por região e realizada por um júri composto de personalidades ligadas ao meio artístico do estado. Temos uma preocupação muito grande de trabalhar com profissionais da área. Serão músicos, compositores, intérpretes e arranjadores da nossa terra”, complementou Andréa.

“Esta fase é muito interessante, porque quando pedimos ao servidor inscrito o material, solicitamos que ele envie as músicas em duas versões: uma com o nome do compositor e outra sem este nome, porque, assim, asseguramos a imparcialidade total na hora da escolha, e evitamos que uma música seja selecionada porquê o jurado conhecia o compositor”, disse.

Os compositores selecionados virão para Belém, caso não morem na capital, com os custos assegurados pela escola e, em seguida, viajam para Conceição do Araguaia. No local, os Servidores Artistas irão ensaiar e se apresentar em um palco profissional, com iluminação e banda de apoio, formada por músicos renomados.

Todos os doze selecionados receberão mil reais de premiação. Após as apresentações, será escolhido o destaque de cada região, o qual ganhará, além do valor anterior, mais cinco mil reais como prêmio. “Este será o nosso diferencial. Todos são ganhadores e serão premiados por isto”, segundo Andréa.

O dia, o horário e o local do evento serão definidos e divulgados posteriormente. “Estamos organizando o evento pensando no melhor para todos. Queremos dar ao servidor a estrutura que ele merece, para se apresentar, em espaço adequado. Nossa expectativa é de realizar uma grande festa para premiar estes artistas”, concluiu a diretora geral da EGPA, Evanilza Marinho.

Serviço - As inscrições seguem até o dia 02 de julho e devem ser feitas pelo correio eletrônico da escola (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.). A ficha de inscrição e o regulamento do festival podem ser acessados nos links abaixo:

REGULAMENTO - MOSTRA DE MÚSICA. PDF

FICHA DE INSCRIÇÃO - MOSTRA DE MÚSICA.PDF

CARTAZ DO CANTA SERVIDOR.PDF

NCS/EGPA

Fonte: EGPA

A Escola de Governança Pública do Pará (EGPA) entregou, na segunda-feira (27), certificados de conclusão de cursos a 176 servidores dos municípios de Redenção e Conceição do Araguaia, ambos localizados na região sudeste do Estado.

Os cursos iniciaram em abril deste ano e foram ofertados pela escola na modalidade à distância (EaD). As turmas tiveram como foco a Gestão Pedagógica – Ênfase na Elaboração do Projeto Político Pedagógico, Formação de Tutores em EaD – Teoria e Prática, e Conceitos e Fundamentos em Elaboração de Projetos e Captação de Recursos.

Em Conceição do Araguaia, a entrega dos certificados foi realizada em parceria com a prefeitura da cidade, durante toda a tarde, na Escola Professor Deocleciano Alves Moreira (EEEFM), sediada no bairro São Luiz II, e reuniu os 53 alunos e seus familiares, durante a cerimônia de entrega do documento.

A servidora Divina Ângela, que é professora da Escola 20 de Abril e foi uma das alunas formadas, ressaltou a importância de estar em processo constante de qualificação. “Estudamos dentro da instituição mesmo, com muita dedicação e esforço. Como formadores, precisamos estar sempre atualizados e o recurso da Escola de Governança, que oferta cursos à distância, facilitou este processo”, explicou.

“Estamos felizes pela participação dos nossos profissionais da educação nos cursos oferecidos, porque acreditamos que o conhecimento se transformará em resultados melhores para a cidade, sem dúvida”, complementou o vice-prefeito de Conceição do Araguaia, pastor Rondiney Mundoco.

À noite, a equipe da EGPA seguiu até o município de Redenção, onde certificou os outros 123 alunos de três turmas. Após a cerimônia, foi oferecido um jantar aos concluintes e familiares.

“Viemos aos municípios para concluir mais uma etapa de qualificação, ofertada pela Escola de Governança. Temos a meta de qualificar servidores de todas as doze regiões do Pará e o Ensino à Distância tem sido uma das nossas principais ferramentas para alcançar este objetivo. Contamos sempre com a parceria das prefeituras e ficamos felizes em ver o interesse que os servidores têm em estar sempre realizando suas atividades com qualidade”, ressaltou a diretora geral da EGPA, Evanilza Marinho, durante o encerramento das duas cerimônias.

“Nosso objetivo é contribuir para a eficiência do serviço público no Estado e acreditamos que é possível fazer isto também com qualificação”, disse a diretora.

Por Bárbara Brilhante

Sul e Sudeste do Pará

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016