Tomou posse nesta última quinta-feira, (09), a nova diretoria do Partido Socialista Brasileiro (PSB), a solenidade iniciou as 18h30 e foi realizada no Rio Espaço Festa, em Parauapebas. O evento contou com a presença de membros da diretoria do poder legislativo e Municipal, como do diretor do SAAEP, Musa Nabih Musa Othman, que representou o Poder Executivo Municipal e o membro titular do conselho de ética; Ronaldo Rocha. 

Diretor do SAAEP, Musa Nabih Musa Othman

 

Vereador Elias da Construforte - PSB 

O vereador Elias do (PSB) também esteve no evento e vislumbrou a possibilidade de um número maior de cadeiras no parlamento.

Vereador Josivaldo da Farmácia - PP

Apesar de ser filiado ao PP o vereador Josivaldo da Farmácia, disse que possui grande admiração pelo PSB, mas que não se filiou ao grupo devido as questões pessoais durante as eleições de 2020.

Presidente Leônidas Brito - PSB 

Para Leônidas Brito, novo presidente executivo “os jovens precisam se atrelar a política e ao debate, como também à militância política”. Ele ainda citou as igrejas como exemplo que atuam por meio de células para as novas decisões que o partido irá tomar, e garante que fará um bom mandato. “A religião nos dá esse bom exemplo e faremos isso para valorizar as lideranças que estão lá no bairro, às quais será dada a incumbência de trazer para o partido e para o debate político as pessoas que estão mais próximas delas”, disse o novo presidente empossado.

Deputado Estadual Fábio Figueiras - PSB 

De acordo com o deputado estadual Fábio Figueiras o trabalhador e produtor rural precisam ter uma vida mais digna e o socialismo é um meio para se buscar isso, mas esclareceu não ser contra o empresário ou fazendeiro ter o seu dinheiro. Ele ainda disse que muitos associam o PSB, como se fosse um partido comunista, por isso tentam desclassificar o grupo.

Deputado Federal Cássio Andrade - PSB

Por último veio a fala do deputado federal Cássio Andrade, ele relembrou as eleições de 2016 e frisou que o PSB é um partido que apresenta bons resultados. “Posso dar como exemplo as eleições municipais de 2016 quando concorriam o então prefeito Valmir Mariano e o ex-prefeito Darci Lermen. Foi naquele momento, conforme parecer da executiva municipal, melhor apoiar Darci”, disse o parlamentar.

Veja a nova diretoria empossada: Presidente, Leônidas Pereira Brito; vice-presidente, Renato Frateschi Neto; Secretário-geral, Edson Martins da Costa; secretário de comunicação, Jhon Lennon da Silva Santana; 1º secretário de finanças, José Lopes da Silva; 2º secretário de finanças, Alani de Oliveira Pincer Costa; secretário de organização, Sérgio Balduíno de Carvalho; secretário de meio ambiente e de política agrária, Mariana Moreira Abreu dos Santos; secretária do movimento das mulheres, Ivete da Silva; secretária do movimento popular, Elisângela Abreu de Almeida Mendonça; secretário de juventude, José Felipe de Souza Xavier; membro titular do conselho fiscal, Lidiane Rodrigues de Oliveira; membro titular.

 

Por: Francesco Costa

Cultivar frutas pode gerar muita rentabilidade, por isso a Prefeitura de Parauapebas fomenta a produção com apoio aos produtores rurais por meio do programa Fruticultura, que atende cerca de 1.500 propriedades em todas as regiões da zona rural do município, com a entrega de insumos e a assistência técnica continuada.

Além disso, o programa já beneficiou 140 produtores com a instalação de projetos completos para produção de frutas, dando suporte desde o planejamento até o processo de colheita e escoamento. Esses produtores receberam: mecanização (preparo da terra); adubação (a prefeitura disponibilizou o insumo e o produtor se responsabilizou pela aplicação); kits de irrigação, já instalados; entrega de mudas; assistência técnica continuada.    

“Todo esse incentivo ao produtor rural, com o programa Fruticultura, tem como objetivo ampliar a produtividade e contribuir para o desenvolvimento da economia local”, destacou Diorcélio Ribeiro, engenheiro agrônomo, integrante da equipe do programa.

Serão abertas novas vagas para esse tipo de atendimento ofertado no programa Fruticultura no próximo semestre. Os produtores interessados podem entrar em contato com a equipe do programa pelo número de WhasApp 99140-0834 ou comparecer à sede da Secretaria Municipal de Produção Rural (Sempror) e solicitar mais informações ou até mesmo uma visita técnica.

Produção de mudas

Por meio do programa, a Sempror também disponibiliza mudas frutíferas aos produtores, priorizando aquelas que têm melhor adaptação ao solo e clima local, e que têm boa saída no mercado. Só de Açaí, neste primeiro semestre, foram doadas 15 mil mudas, todas produzidas no Centro Tecnológico da Agricultura Familiar (Cetaf).

Outra cultura que está em fase de implantação é a do Cacau, o objetivo da Sempror é transformar Parauapebas em polo de referência na produção da fruta e aproveitar ao máximo a sua cadeia de produção.

O Cetaf deve entrar em reforma a partir do próximo semestre, a meta da Sempror é ampliar a produção anual de mudas no local e chegar ao teto de um milhão por ano.

Escoamento da produção

Boa parte dos produtores atendidos com os projetos do programa Fruticultura vende para mercados locais e para uma cooperativa de polpa de frutas de Parauapebas.

 

Texto: Karine Gomes 
Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP

Parauapebas será o primeiro município do Pará a implantar um centro de reabilitação para Homem Autor de Violência (HAV) e o primeiro do Brasil a bancar a iniciativa que, até então, tem sido desenvolvida em outros estados somente pelo judiciário. Os atendimentos no centro serão realizados por uma equipe multiprofissional da Secretaria Municipal da Mulher (Semmu).

“O nosso município sai mais uma vez na frente, até mesmo de grandes cidades, e ganha muito com a implantação desse centro. Muitas vezes as políticas de atendimento e as informações são voltadas somente ao público feminino, e esquecemos que os principais autores de violência, que devem ser conscientizados, são os homens”, destaca a assessora jurídica da Semmu, Cristiane Andrade.

“A Semmu vai realizar, por meio de grupos reflexivos, atendimento ao público do programa, que é formado por homens enviados pela justiça. O objetivo é a reeducação e a ressocialização. O atendimento será feito por nossa equipe formada por assistentes sociais, psicólogos e apoio administrativo”, explicou Paula Melo, adjunta da Semmu.

Capacitação

Os profissionais que atuarão no centro passam por capacitação realizada no Ceup, entre os dias 9 e 11 deste mês, em parceria com o Tribunal de Justiça (TJ) do Pará. A capacitação conta também com a participação de representantes dos seguintes órgãos: PM, Guarda Municipal, OAB, Ministério Público e Defensoria Pública.

De acordo com o cronograma da capacitação serão abordados os seguintes assuntos: conflito e suas implicações na violência de gênero; o que é o Programa Núcleo de Atendimento à Família e aos Autores de Violência Doméstica (NAFAVD); o atendimento para autores de violência.

Grupo Reflexivo de Homens

O Grupo Reflexivo de Homens atende à recomendação da Lei Maria da Penha para criação de espaços de “educação” e “reabilitação” para os autores de violência. O projeto ganhou importante reforço com a Lei nº 13.984/2020, que inseriu, entre as medidas protetivas de urgência, o comparecimento do agressor em programas de recuperação e reeducação, bem como o seu acompanhamento psicossocial por meio de atendimento individual e/ou grupo de apoio.

O projeto tem por objetivo promover reuniões que possibilitem aos envolvidos a atribuição de um novo sentido à sua passagem pela Justiça, e assim ajudá-lo a perceber-se como sujeito ativo na construção da dinâmica de violência, a partir de uma perspectiva de gênero. A ideia é viabilizar a abertura para mudanças de comportamentos e atitudes que contribuam para a construção de uma sociedade sem violência. 

 

Texto: Karine Gomes 
Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP

Pela primeira vez em Parauapebas, os jovens podem participar diretamente da confecção do uniforme oficial da Fanfarra Municipal Faruk Salmen, que há mais de duas décadas é um ícone significativo para as datas cívicas e comemorativas do município. E que, por suas atividades, tem as vagas bastante disputadas pelos jovens.

Nesta quarta-feira, 09, a Secretaria Municipal da Juventude (Sejuv) abriu as inscrições para o I Concurso de Croquis Fanfarra Jovem 2021, para estimular a criatividade de quem tem entre 15 e 29 anos de idade, principalmente com inspiração e boas ideias estilísticas.

Para participar, os interessados devem enviar e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., com o título “1º Concurso Croqui Fanfarra Jovem 2021” e com o desenho anexado (digitalizado ou fotografado). O croqui deve ser feito à mão, colorido e com uso de técnicas realistas.

E para ficar bem na disputa o participante não pode esquecer de detalhes importantes para ganhar o prêmio de R$ 2 mil. O novo uniforme precisa conter as cores da bandeira de Parauapebas e deve ter, obrigatoriamente, galões metalizados ou dourados, botões frontais, apliques na gola e ombreiras. Na barretina, não pode faltar o penacho.

A escolha do uniforme mais bonito vai ocorrer por duas etapas: primeiro, nos dias 16 e 17 deste mês, um júri popular formado por cinco integrantes vai selecionar os dez melhores trabalhos, que em seguida serão submetidos à votação popular.

Veja como se inscrever, assim como as regras e critérios do concurso, acessando AQUI.

 

 

Texto: Hanny Amoras

Aqueles que sonham em começar a prática de alguma modalidade e quem sabe um dia se tornar atleta profissional, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel) oferece a oportunidade com o projeto social Esporte e Cidadania. 

A expectativa é atender inicialmente cerca de 5 mil alunos dentro das modalidades de vôlei de quadra e de areia, futsal, futebol, futebol society, jui-jitsu, karatê, judô, ballet e capoeira, e aqueles que gostam do movimento da zumba.

Os pais ou responsáveis precisam estar atentos à documentação exigida como cópias da declaração escolar, documentos pessoais da criança e do responsável, cartões do Bolsa Família (se houver), vacinação atualizada, cartão do SUS e comprovante de endereço.

Segundo o secretário de esporte e lazer, Leandro Gambeta, a Semel preparou dez polos e a novidade é a inclusão da zona rural. “Além dos polos já conhecidos, vamos oferecer matrículas também no bairro Novo Brasil, uma das maiores unidades da Semel, já na região da Palmares Sul e Palmares II, Vila Sansão, Cedere I e Vila Onalício Barros. De início a zona rural terá o futebol que foi o pedido dos moradores dessas regiões”, declarou o secretário.

A previsão que as aulas iniciem no mês de agosto e para que os novos alunos tenham conforto durante as aulas, o primeiro semestre desse ano, a gestão vem desde o mês de abril montado uma força tarefa para revitalizar os campos, e elaboração de projetos de construção para  mais espaços esportivos de   acordo com o coordenador geral de Esporte, Dinho Marcos.

“Queremos que nossos alunos sejam recebidos com carinho, o departamento de obras e reformas tem cuidado da manutenção dos polos, da capacitação dos nossos instrutores com vários treinamentos para garantir o melhor para o público que vamos atender”, pontuou o coordenador de Esportes.

Você sabia?

A escolinha da Semel já fez parte da história de atletas mundiais como Thiego Marques que atualmente é integrante da Seleção Brasileira Paralímpica de Judô. Ele está em fase classificatória para as Paralimpíadas de Tóquio que vão acontecer no Japão no mês de agosto desse ano. Além do judoca, no esporte de quadra Max Lima que está se preparando para compor a  Super Liga A de vôlei da cidade de Urbelândia/ MG, uma das maiores equipes da modalidade do Brasil .  

A Semel chega com uma nova proposta ao lançar o Projeto Esporte e Cidadania (PEC). “Queremos que nossos alunos não só pratiquem o esporte porque gostam, mas se tornem profissionais do futuro em busca do rendimento e alto rendimento, nossa meta sempre foi e continuará sendo a inclusão dos nossos alunos em competições nacionais e internacionais”, declarou o titular da Semel, Leandro Gambeta.

As matrículas das escolinhas seguem até o próximo dia 18 de junho para crianças e adolescentes entre 06 e 17 anos e para a zumba a partir de 16 anos de idade.

Para mais informações acesse a página do facebook/semelparauaebasoficial ou o Instagram @semelparauapebas e pelo site da Prefeitura de Parauapebas ou pelo telefone - 94 3346-7268

 

Texto: Cleidi Rodrigues/Semel

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento (Seden) convoca 22 associações e cooperativas de Parauapebas a comparecerem na Coordenadoria Especial de Trabalho, Emprego e Renda, no período de 11 a 16 deste mês, das 8 às 12 horas, para tratar dos convênios firmados com a Ceter e sobre emendas parlamentares destinadas a referidos convênios.

A convocação foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira, 9, com a relação das entidades que precisam se apresentar. São elas:

  1. Associação de Moradores do Bairro Maranhão-AMBM
  2. Associação de Moradores do Res. Minérios e Vila Nova I e II -AMR
  3. Instituto de Desenvolvimento Sonho do Lar
  4. Instituto de Desenvolvimento Humano JD Soares
  5. Inst. de Desen. S. E, D e C. Estrela do Futuro
  6. Instituto Lattes
  7. Instituto Inovar Parauapebas
  8. Instituto Dias Melhores
  9. Cooperativa de Trabalho de Parauapebas - Cooper Service
  10. A.C.M.B.JIT
  11. Agroesc
  12. Mulheres de Barro
  13. Casa de Apoio Semeando
  14. Instituto Fazendo um Amanhã Melhor
  15. Sorri Parauapebas
  16. Cooperativa de Catadores de M.R.A.do M. Ambiente
  17. Amorevas
  18. Centro Espírita B. União do Vegetal
  19. Associação dos M. do Bairro Liberdade II
  20. Associação de Clube de Mães das Mulheres do B. N Horizonte
  21. Instituto de Educação P.C.G.S.D. Sustentável
  22. Instituto Carajás

Serviço: A Ceter fica localizada na rua 04, n° 291 (esquina com a rua C, no bairro Cidade Nova.

Telefone: (94) 3346-3366. E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

 

Assessoria de Comunicação – Ascom
Prefeitura de Parauapebas

A Prefeitura de Parauapebas esclarece os dados relacionados à saúde em Parauapebas, apresentados de forma distorcida pelo Portal G1 em matéria publicada no dia 02 deste mês, na qual é afirmado que o município “está atrasado” com o cronograma de vacinação contra a Covid-19 e que aplicou somente a metade das doses recebidas. O referido veículo de comunicação fez uma leitura equivocada dos dados do vacinômetro do município, o que leva a prefeitura a repor a verdade à população.

Aplicação e armazenamento das doses

Até o dia 3 deste mês, Parauapebas recebeu 36.145 doses e aplicou 19.212. A diferença entre o número de doses recebidas e o número de doses aplicadas ocorre porque cada pessoa precisa receber as duas doses da vacina. A primeira dose é aplicada de imediato enquanto a segunda dose é armazenada na Central de Imunobiológicos, respeitando-se o intervalo de tempo específico para cada tipo de vacina.

O tempo de armazenamento da Coronavac é de um mês e, da AstraZeneca, até três meses, entre a primeira e a segunda dose. Somente com a aplicação das duas doses a imunização ocorre de forma eficiente.

Atualmente, o município conta com 7.415 doses da AstraZeneca em estoque, que estão sendo utilizadas na aplicação da segunda dose da imunização.

Agendamento

A aplicação das vacinas em Parauapebas iniciou dia 19 de janeiro deste ano, e desde então a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) mantém um rigoroso controle da vacinação. As pessoas a serem imunizadas precisam fazer um agendamento presencial nas Unidades Básicas de Saúde para registro dos dados: nome, número do cartão do SUS, CPF e RG, e são informadas sobre a data e local de vacinação.

O procedimento foi adotado para garantir prioridade na vacinação às pessoas que residem em Parauapebas.

Solicitação de mais doses

Atendendo a orientação do Ministério da Saúde, o município comunicou à Secretaria de Estado de Saúde (Sespa) sobre o déficit de vacinas por grupo prioritário. Faltam vacinar 3.819 profissionais da Saúde e 2.542 idosos com mais de 60 anos. O documento será analisado pela Comissão Intergestora Bipartite (CIB), composta pela Sespa e representantes dos municípios paraenses.

A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Semsa, informa ainda que respondeu aos questionamentos feitos pelo Ministério Público. E reforça que realiza o processo de vacinação de forma transparente.

 

Assessoria de Comunicação - Ascom

Prefeitura de Parauapebas

O Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) informa novo desvio de trânsito no bairro Liberdade devido às obras do Programa de Saneamento Ambiental, Macrodrenagem e Recuperação de Igarapés e Margens do Rio Parauapebas (Prosap).

O acesso ao bairro continua em sentido único pela Rua 10, seguindo para a rua Santa Catarina. Já a saída durante o período de obra será realizada pela rua Vinicius Morais, seguindo para a via Perimetral Norte. Barreiras de concreto (new Jersey) foram colocadas no cruzamento da Santa Catarina com a Perimetral Norte, para direcionar o fluxo de trânsito e evitar a circulação em mão dupla na rua Santa Catarina.

Os agentes de trânsito estão no local orientando os condutores sobre as mudanças e juntamente com equipes do Prosap irão reforçar a sinalização no perímetro da obra.

 

Assessoria de Comunicação/PMP

Francisco da Silva aprendeu a desenhar em um projeto social para crianças e adolescentes vulneráveis, em Parauapebas, e nunca mais parou. E foi na terra natal que o desenhista de 35 anos teve a mais recente oportunidade para desenvolver sua técnica. Conhecido artisticamente como Sansão Anticorpus, Francisco foi um dos três selecionados, dentre 17 inscritos, para participar do programa de residência em artes plásticas, promovido pelo projeto Movimenta Pebas, que tem o patrocínio da Vale via Lei de Incentivo à Cultura. 

Os artistas selecionados passarão por uma tutoria no ateliê do experiente artista plástico Afonso Camargo Fona. “A proposta da residência é entender o aluno, avaliar seu perfil, analisar tecnicamente as obras para, em seguida, trabalhar no desenvolvimento de métodos, práticas e processos que permitam ao participante se desprender de conceitos pré-determinados e buscar outros traços”, ensina Fona.

Radicado em Parauapebas desde 1991, Afonso Camargo Fona foi restaurador no Teatro Amazonas e aderecista nos bois Caprichoso e Garantido, no Festival de Parintins (AM). Atualmente, além do ateliê de criação, participa de projetos educativos e desenvolve experimentos com pigmentos naturais oriundos do ferro, manganês e outros minérios abundantes na região de Carajás. Ele receberá os outros dois residentes selecionados, Iramar Cândido (Iramar Art) e Vagner Silva (Gomes .R. Ferreira), até concluir a residência durante essa semana.

Iramar tem 39 anos e vive em Parauapebas há 11. Gosta de pintar predominantemente paisagens. Atualmente, trabalha com pintura de casas, muros e letreiro. Já Gomes R. Ferreira, esteve em Parauapebas durante os seus 35 anos de idade. Ele aprendeu a pintar ainda no ginásio, mas se aprofundou na técnica há dois anos. Dos três, Sansão Anticorpus é o mais experiente: já apresentou seus desenhos em exposições no museu do Louvre, em Paris, e em Dublin, na Irlanda.

Antes da escolha dos três residentes, o programa promoveu três aulas on-line (Youtube), ministradas por Afonso Camargo Fona, para os 17 inscritos na primeira fase do programa. Os encontros ficarão à disposição do público até 18 de junho. “As aulas tiveram como objetivo apresentar a trajetória e a experiência técnica e artística de uma referência no cenário das artes plásticas em Parauapebas e incentivar o desenvolvimento de novos pintores, desenhistas e escultores”, explica o coordenador e curador do Movimenta Pebas, Gilberto Scarpa, que participou da seleção dos portfólios para a residência. Para ele, “os trabalhos inscritos, têm, no geral, boa qualidade técnica e criativa”, e projeta o desenvolvimento de novas ações neste campo.

Um dos resultados da residência é a produção, por cada artista, de uma obra. Os trabalhos serão expostos em galeria virtual na página eletrônica do Movimenta Pebas a partir do dia 18 de junho.

 

Movimenta Pebas estimula a cultura local


O Movimenta Pebas oferece programação diversificada e totalmente gratuita à população nas áreas de teatro, dança, música, audiovisual e artes plásticas. O projeto também investe na produção e na capacitação dos artistas locais, impulsionando a rede produtiva da cultura e gerando renda.

Adaptado para promover ações também durante a pandemia, o Movimenta Pebas já selecionou, por meio de concurso cultural, cinco peças teatrais de curta duração que estão sendo montadas com recursos do projeto. Além disso, mais de 200 jovens e adultos de Parauapebas participaram de aulas e cursos on-line de capacitação em diferentes modalidades de dança com a equipe da renomada Corpo Escola de Dança, do Grupo Corpo.

Na etapa de música, o projeto selecionou, produziu e divulgou dez videoclipes com músicas inéditas de compositores daquele município. O projeto também promoveu dois cursos on-line sobre a história do Cinema e uma mostra de curtas-metragens na sua página eletrônica.

O Movimenta Pebas tem patrocínio da Vale, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, apoio da Prefeitura Municipal de Parauapebas, Secretaria Municipal de Cultura, através do Centro Cultural de Parauapebas - CCP e Instituto Vivas e é realizado pela Vivas Cultura e Esporte, Ministério do Turismo e Secretaria Especial da Cultura - Governo Federal.

 

Fonte: Nadia Farias 

Cerca de 200 ciclistas de Parauapebas participaram do passeio promovido pela prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), neste domingo, 6. Com a Floresta Nacional de Carajás fechada para eventos, devido à pandemia da Covid-19, o percurso neste ano precisou ser mudado.

O ponto de partida foi o Lago Nova Carajás, de onde os ciclistas seguiram pela PA-275 até a portaria da floresta, acompanhados de perto por agentes da Guarda Municipal e do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) e ainda pelo Samu. Mas a manhã de domingo, além de ensolarada, estava bem tranquila.

Na portaria, uma breve parada. Não exatamente para se ganhar novo fôlego, mas para reverenciar a grande área de conservação ambiental, de 411,9 mil hectares, motivo de orgulho para o município e onde tradicionalmente o passeio era realizado.

Como forma de reverência, os ciclistas levantaram a parte dianteira de suas bicicletas e saudaram a floresta. De lá, o grupo seguiu para a Praça da Bíblia, que está bonita de se ver após a reforma pela prefeitura.

Eram 8h45 quando os primeiros ciclistas foram surgindo após enfrentar uma íngreme subida, mas um saboroso café da manhã aguardava por eles, que encerraram o passeio com a plantação de mudas de árvores. Não sem antes aproveitar a bela paisagem para muitas fotografias.

Antes disso, o grupo foi recebido pelos secretários municipais de Meio Ambiente, Sávio Santiago, e de Turismo, Rodrigo Mota; o adjunto da Semma, Thiago Mota; o vereador Zé do Bode (MDB); pela presidente da União dos Ciclistas de Parauapebas (UCP), Márcia Oliveira; e por Risonete Mota, a Riso, também da UCP e responsável por coordenar o passeio.

Aliados ambientais

“Nós queremos que as pessoas descubram, através da bicicleta, o prazer de conservar o meio ambiente, e a pessoa mesmo melhorar a sua qualidade de vida porque não tem coisa melhor do que você acordar cedo e pedalar e você conservar, você evitar esse gás carbônico que está prejudicando demais a natureza”, defendeu Risonete Mota.

Para os secretários Sávio Santiago e Rodrigo Mota, de fato os ciclistas são parceiros importantes para disseminar a importância de cuidar do meio ambiente, a partir de exemplos que dão com o próprio comportamento. E com os investimentos feitos no turismo, pela prefeitura, os ciclistas poderão ser grandes aliados na divulgação do ecoturismo e turismo de aventura. “Vocês são muito importantes nesse processo”, garantiu Mota.

A Câmara Municipal de Parauapebas também tem acompanhado as ações dos ciclistas, afirmou Zé do Bode, que adiantou: neste ano, o Legislativo vai introduzir no calendário da Casa várias programações para os ciclistas.

Observação de aves, curso e palestra

Nesta segunda-feira, 7, a programação da Semana do Meio Ambiente prossegue durante todo o dia. Acompanhe:

  • Atividade: Oficina de observação de aves (Cooperture-Carajás)

Local: Praça da Bíblia - Parque Natural Municipal Morro dos Ventos

Horário: 7 às 12h

  • Atividade: Minicurso virtual sobre Sistemas agroflorestais

Instrutora: Sinara Albuquerque - Engenheira agrônoma da Secretaria Municipal de Produção Rural (Sempror).

Inscrições: https://forms.gle/YaD5nYpSXdK7rhbL6

Horário: 15 às 18h

  • Atividade: Circuito de Palestras

Tema: Atividades humanas sobre a conservação da biodiversidade em Carajás.

Palestrante: Luciano Anjos Biólogo, doutor em Ciências Ambientais. Professor da Universidade Federal Rural Amazônia (Ufra)/Campus de Parauapebas.

Horário: 19h

 

Texto: Hanny Amoras
Assessoria de Comunicação – Ascom/PMP
Página 1 de 128

Sul e Sudeste do Pará

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016