A Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão (Semsi), por meio do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) vai intensificar as operações de fiscalização de trânsito no município para reduzir os índices de imprudência dos condutores, que vem ocasionando diversos acidentes.

A medida está fundamentada no convênio nº 064/2021 publicado pelo Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran), no último dia 5.

O acordo, firmado entre o Detran e o Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT), delega aos dois órgãos competências, como autuação, retenção, recolhimento de documentos vencidos, remoção, julgamento e processamento dos autos de infração lavrados por seus agentes de trânsito.

Com o convênio, as ações poderão ocorrer em todas as vias do município, incluindo o perímetro urbano das PA-275 e PA-160, facilitando o trabalho de fiscalização realizado pelo DMTT.

Outras ações, como a Operação Kadron, que inibe o uso de escapamentos irregulares e adulterados, e atua na fiscalização de luminosos irregulares nos veículos sem placa que causem perigo a outros condutores, e ainda combate o uso constante do etilômetro para as infrações que caracterizem alcoolemia, também poderão ser realizadas a partir da publicação do convênio.

“Ao intensificar a fiscalização, vamos inibir os infratores de continuarem nas ruas ocasionando acidentes. Vamos contar com o nosso sistema de videomonitoramento e com as nossas equipes nas ruas em várias frentes de trabalho, para diminuir essas estatísticas em nosso município”, explica o gestor da Semsi, Denis Assunção.

A Semsi tem realizado diversas ações voltadas para a redução de acidentes, com atuações integradas entre seus departamentos - DMTT, Centro de Controle e Operações (CCO) e Guarda Municipal realizaram a Operação Trânsito Seguro, entre os meses de agosto e setembro.O objetivo foi chamar a atenção da população para a importância da participação de todos na construção de um trânsito mais seguro.

 

Texto: Édila Nunes

Colaboração: Sara Dias

Assessoria de Comunicação/PMP

Mais uma edição do projeto “Semsi + Ação de Segurança e Defesa do Cidadão” será realizada e dessa vez, a comunidade contemplada será a do bairro Vale do Sol, nessa quinta-feira, 2.

O projeto é conduzido pela Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão (Semsi) e tem o objetivo de proporcionar aos moradores mais acesso aos serviços públicos e prestar atendimentos relacionados à política municipal de segurança e saúde.

A ação conta com a parceria da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), do Programa de Saneamento Ambiental, Macrodrenagem e Recuperação de Igarapés e Margens do Rio Parauapebas (Prosap), das associações de Moradores do Bairro Vale do Sol e Ramos Parauapebense de Karate Educacional (Arpake).

Diversas atividades serão oferecidas pelos departamentos da Semsi:

- Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC): Emissão de documentos ( CPF, Título de Eleitor, Carteira de Trabalho e Certificado Militar);

- Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT): Instalação de semáforo, realização de blitz e jogo educativo para crianças com o Núcleo de Educação para o Trânsito (NET);

- Guarda Municipal de Parauapebas (GMP): Grupamento Comunitário Escolar – momento cívico com apresentação da Banda de Música, do Grupamento de Ações com Cães com a apresentação do cão Rambo, e  do Grupamento da Ronda Ostensiva Motorizada (Romo);

- Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (COMDEC): Produção de jardim urbano, dinâmica “Cidade Resiliente” voltada para crianças, e sensibilização sobre queimadas com a participação da Brigada de Emergência;

- Centro de Controle e Operações (CCO): Instalação de câmera de videomonitoramento e  demonstração de viatura de videomonitoramento móvel;

- Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC): informações sobre a campanha do Governo Federal que incentiva coleta de DNA para localizar pessoas desaparecidas;

Por meio da parceria com a Semsa, serão realizadas consultas médicas e pediátricas, vacinação, medicamentos, testes de covid-19, testes de sífilis, HIV e atendimentos com a Unidade Móvel Veterinária Castramóvel.

A programação conta ainda com apresentações de karatê e capoeira com os alunos da Arpake.

O evento é aberto ao público e será realizado no Centro Comercial Vale do Sol, na avenida Havana s/n, das 8h às 12h.

 

Texto: Édila Nunes

Assessoria de Comunicação/PMP

Foi realizado na amanhã de domingo 29 um Passeio Ciclístico pela Paz no Trânsito, onde o mesmo marcou a programação da Operação Trânsito Seguro. O percurso de 11,7 km saiu às 06h30 da praça do bairro Alvorá com chegada no lago do Residencial Alto Bonito.

O passeio teve largada na praça do bairro Alvorá 

O fim do passeio em conscientização ao trânsito teve fim no bairro do Residencial Alto Bonito 

 

Para trabalhar a conscientização mais de 200 pessoas saíram às ruas pela Paz no Trânsito

Mais de 200 pessoas saíram às ruas, entre servidores da Semsi, ciclistas e populares, que participaram da programação, para chamar a atenção quanto à responsabilidade de todos no trânsito.

Denis Assunção Secretário de Segurança, precisamos do apoio da população para que tenhamos um trânsito seguro

O Secretário de Segurança Denis Assunção marcou presença no evento e falou da importância do movimento Paz no Trânsito. “A Prefeitura da cidade por meio da Secretaria de Segurança (Semsi) não está medindo esforços para garantir o bem-estar de todos os usuários do trânsito de Parauapebas, movimentos como esse de ciclistas e pedestres é uma força para conscientizar a população, não basta somente a colaboração do DMTT nas ruas fiscalizando, precisamos do apoio da população para que tenhamos um trânsito seguro”.

Marcia Cleia presidente da União dos Ciclistas de Parauapebas – UCP

Marcia Cleia presidente da União dos Ciclistas de Parauapebas – UCP, participou do passeio e falou como ciclista da importância do evento para todos aqueles que utilizam o trânsito no dia a dia. “Nós estamos trabalhando para que a conscientização no trânsito seja cada dia algo mais presente, não somente aos motoristas de carros, mas também para ciclistas e pedestres, se todos colaborarem teremos um ambiente de trânsito seguro e de bem-estar para todos”, destaca a ciclista.

Operação Trânsito Seguro

Com o tema “No trânsito, sua responsabilidade salva vidas”, a operação conta, além de blitze de fiscalização, com uma campanha educativa para intensificar as ações de conscientização da população sobre os principais fatores de risco de acidentes no trânsito.

Nesta semana, diversas ações voltadas para os ciclistas, como palestras, panfletagem e blitze do ciclista, serão realizadas em parceria com empresas da iniciativa privada para alcançar os ciclistas que utilizam a bicicleta diariamente como meio de transporte.

A campanha educativa contempla palestras, rodas de conversa, cursos e blitze educativas voltadas para motoristas de empresas de ônibus, mototaxistas, ciclistas, taxistas, trabalhadores de delivery, dentre outros. As ações seguem até a Semana Nacional de Trânsito, que será realizada no próximo mês de setembro, no período de 18 a 25.

 

Por: Sarah Monteiro 

A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão (Semsi), vem a público notificar os proprietários dos veículos apreendidos em decorrência de acidentes de trânsito e procedimentos investigatórios da Polícia Civil, que estão no pátio do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT).

Os interessados pela retirada dos referidos automóveis devem comparecer ao prédio do DMTT em um prazo de 60 dias, a partir da data desta notificação. Os automóveis que não forem restituídos nesse prazo serão vendidos em leilão (hasta pública), conforme legislação vigente.

O prédio do DMTT está localizado na rua Rio Dourado S/Nº, Quadra e Lote Especial, bairro Beira Rio I, Parauapebas/PA. Telefone: (94) 3346-4644.

 

A lista completa com os nomes e dados dos veículos podem ser consultados AQUI.

A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão (Semsi), realizou na manhã de quarta-feira, 12, uma reunião com o Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC) para a assinatura de termo de cooperação técnica entre as instituições.

O termo visa aumentar a quantidade de servidores públicos, a qualidade dos serviços oferecidos para a população e mais agilidade na elucidação investigativa das perícias. 

De acordo com Celso Mascarenhas, diretor-geral do CPCRC, o núcleo avançado de Parauapebas deve ser transformado em uma unidade regional para melhorar o atendimento da instituição na região. “Parauapebas é uma região muito grande e cada vez mais independente de Marabá e Belém. Ao ampliar os serviços oferecidos, por meio da parceria, vamos aliviar o sofrimento de pessoas da região e acelerar as respostas de outras perícias judiciais”, explica Mascarenhas.

A parceria vai potencializar o trabalho já desenvolvido pela Semsi em ampliar os serviços ofertados para a população. “O Estado tem sido nosso parceiro na segurança dos nossos munícipes; com o nosso núcleo avançado, atenderemos também os municípios vizinhos. Esse termo de cooperação vai proporcionar mais qualidade ao serviço público prestado”, destaca o gestor da Semsi, Denis Assunção.

Atualmente, o núcleo avançado de Parauapebas realiza atendimento no Instituto Médico Legal (IML) com exames de necropsia, lesão corporal e sexológico, além das perícias do Instituto Criminalista (IC), que são exames de entorpecentes, perícias de armas, veículos e danos.

 

 

Texto: Édila Nunes

Assessoria de Comunicação/PMP

A Secretaria Municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão – Semsi realizará, entre os dias 30 de abril e 02 de maio, o I Curso de GPS de Busca e Resgate em Área de Selva voltado para a Defesa Civil e Guarda Municipal.

A programação é parte do plano de capacitação da Semsi previsto para 2021 e tem como objetivo capacitar servidores para fazer buscas de pessoas perdidas na mata, assim como monitorar áreas de reservas para protegê-las de ações ilegais.

O curso será realizado na Área de Preservação Ambiental (APA) do Igarapé Gelado com atividades teóricas e práticas de uso de GPS: orientação e navegação, funcionamento, ligar, calibrar a bússola, marcar pontos, inserir coordenada; prática de nós e amarrações; obtenção de água e fogo; insolação, desidratação hipotermia, animais peçonhentos; abrigo na selva, rastreamento, dentre outros.

A abertura será realizada às 10h, na Estação do Conhecimento, com uma aula inaugural para instruções práticas sobre o curso. Logo após, os participantes seguirão para uma fazenda localizada na APA do Igarapé Gelado para o início do curso.

Após o início das atividades, os participantes irão para o interior da mata durante o dia e a noite; eles retornarão domingo, 02, às 15 horas, para o encerramento, premiação e certificação do curso.

No local, será montada uma estrutura de apoio com ambulância, para atendimentos dos participantes, caso seja necessário.

Serviço: I curso de GPS de Busca e Resgate em Área de Selva

Data:  30 de abril e 02 de maio

Horário: 10h

Local: Estação do Conhecimento (acesso pela estrada do projeto Salobo)

O ano de 2019 já está chegando e trará novidades na modalidade de transporte individual de passageiros no município. É que a Prefeitura de Parauapebas, por meio do Decreto nº 865, de 12 de novembro de 2018, instituiu o Projeto de Padronização de Mototaxistas, com mudanças positivas para a categoria e, por tabela, para a sociedade e para o trânsito. 

De acordo com Wanterlor Bandeira, secretário municipal de Segurança Institucional e Defesa do Cidadão (Semsi), a iniciativa irá promover mais segurança e qualidade na prestação do serviço. “O objetivo é padronizar o serviço facilitando a fiscalização do transporte irregular de passageiros e oferecendo, consequentemente, mais segurança ao cidadão”. 

Além disso, ressalta Wanterlor, o projeto vai incentivar o empreendedorismo “proporcionando uma inclusão produtiva e previdenciária, além de promover educação de trânsito”. Para isso, haverá parceria com a Sala do Empreendedor de Parauapebas, inaugurada no final de novembro deste ano. 

CRITÉRIOS

Para fazer parte da padronização e alcançar os benefícios, os mototaxistas deverão assumir o compromisso de cumprir alguns critérios pré-estabelecidos pelo projeto, como participar de capacitações, dentre as quais aquelas voltadas para o empreendedorismo, educação para o trânsito e primeiros socorros. Eles também deverão ser agentes multiplicadores das campanhas educativas promovidas pelo Núcleo de Educação para o Trânsito (NET). 

Além das etapas relatadas pelo titular da Semsi, os profissionais deverão se tornar Microempreendedores Individuais (MEIs), detentores de autorização para Serviço de Transporte Público para passageiros, modalidade mototáxi. Depois de cumprirem esses critérios, os condutores estarão aptos para receber o chamado Kit de Padronização de Mototaxista, composto por dois capacetes de segurança e dois coletes com dispositivos retrorefletivos, adquiridos pela prefeitura mediante processo licitatório. 

ISENÇÃO FISCAL

Wanterlor Bandeira destaca o ponto do projeto que prevê concessão de benefícios fiscais aos mototaxistas padronizados, com a isenção do pagamento de taxas administrativas para operar o Sistema Regular de Transporte de Passageiros, prevista na Lei Municipal nº 4.551/13. Desta forma, o governo municipal assegura condições para que o profissional aumente sua lucratividade. 

O Departamento Municipal de Trânsito e Transporte de Parauapebas (DMTT) é responsável pela regulamentação e fiscalização do serviço em Parauapebas. E segundo o órgão que integra a Semsi, 745 mototaxistas estão cadastrados atualmente em Parauapebas. Destes, 654 fazem parte de cooperativas e 91 são autônomos. 

O projeto de padronização contará com parceria de demais órgãos como Secretaria Municipal de Desenvolvimento (Seden), por meio da Sala do Empreendedor, Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Corpo de Bombeiros de Parauapebas, Central das Cooperativas dos Mototáxis, Motofrete, Motoboy do Sudeste do Pará (CCMSP) e Sindicato dos Mototaxistas de Parauapebas. 

Um dos resultados que se busca alcançar com o projeto é a redução de acidentes na modalidade do transporte municipal, o que impactará diretamente em menor custo para a saúde. Em 2017, no município, foram registrados 24 acidentes envolvendo mototaxistas. Houve 16 vítimas lesionadas que receberam tratamentos com traumatologia e ortopedista. 

ESTRUTURA MELHOR 

A busca de melhorias para a categoria de mototaxistas não envolve apenas capacitações, oferta de benefícios fiscais e envolvimentos em ações educativas para um trânsito seguro. A Prefeitura de Parauapebas vem investindo para que esses trabalhadores possam desfrutar de melhores condições de trabalho. 

Por meio da Secretaria Municipal de Obras (Semob), quatro pontos de táxi e mototáxi foram inaugurados na cidade: às proximidades do Partage Shopping na PA-275, na rodovia Faruk Salmen em frente à feira do Produtor, na rua 14 com a F e outro ponto na Palmares II, para os mototaxistas. Para 2019, outros pontos serão entregues, um dos quais está em fase de conclusão no bairro Casas Populares 2.

(Anne Costa/ASCOM-PMP) 

Sul e Sudeste do Pará

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/00.Novo_Projeto_-_2021-09-24T142218530gk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016