O ancião José Domingos Fonseca Pereira, 64 anos de idade foi preso na por volta das 11h30 desta quarta-feira, 03, acusado de tráfico de entorpecentes. A prisão se deu na rua F-6, bairro Ipiranga, em Parauapebas, após a polícia flagrar um usuário que estaria no matagal próximo a casa do acusado fumando um cigarro de Nóia.

José Domingos foi preso por volta de 11h30 da manhã de hoje, por tráfico, mas afirma não ser dono da droga encontrada pelos policiais. 

De acordo com informações, ao ser abordado e interrogado sobre onde teria adquirido aquela droga, o usuário, Renilson Alves da Silva disse ter comprado droga na mão de José Domingos. Na varredura na casa do acusado, segundo a polícia, foi encontrado 22 papelotes de cannabis sativa, "maconha", embaladas já prontas para a venda.

O usuário também foi detido porque havia mentido sobre seu verdadeiro nome a polícia. 

Renilson Alves da Silva, usuário que levou a polícia ao acusado também ficou preso, uma vez que tentou driblar a polícia dando nomes falsos.

Para a reportagem ele disse que não falou seu verdadeiro nome aos policiais porque estava na presença do traficante, e que por isso, temeu dizer seu verdadeiro nome.

Segundo o soldado PM Nóbrega, a prisão do ancião se deu a partir de incursões realizadas no bairro Ipiranga, devido ao grande índice de furtos de motos realizados na área. "No momento em que estávamos realizando a incursão, nos deparamos com um usuário de droga, o nacional que disse se chamar Gilmar, e ao ser indagado sobre onde teria conseguido o entorpecente, nos levou ao endereço onde encontramos o ancião com uma boa quantidade de maconha embaladas para comercialização, sendo caracterizando assim, como tráfico de drogas. Ao ser indagado da procedência do material, o senhor desconversou e disse que o usuário não teria adquirido o material com ele. Mediante o flagrante encontrado na casa de José Domingos estamos apresentando os dois ao delegado de polícia”, explicou o policial.

A reportagem conversou com José Domingos e ele negou ser o dono da maconha, apesar de o usuário o ter denunciado e em sua residência ter sido encontrado a droga. Ele afirmou ainda que está sendo lesado e que não tem culpa, pois não sabe da procedência do material entorpecente.

De acordo com ele o acusador está querendo se safar de algo e por isso está colocando ele como culpado.  

(Caetano Sillva)

Por volta das 18h00, desta quarta-feira, 22, uma equipe da Guarda Municipal de Parauapebas, flagrou os nacionais  Luann Lutzemberg Silva Carvalho, 27 anos de idade, Carlos Daniel Coelho de Sousa,  e Lucas Luis Barros da Silva, ambos 18, acusados de tráfico e associação ao tráfico.

Trio foi conduzido para  a delegacia. 

O trio foi flagrado e preso no interior do complexo esportivo Rio Verde, em Parauapebas quando vendia e consumiam entorpecente próximo da quadra, onde ocorria um evento de futebol envolvendo várias crianças.

 Luann Lutzemberg, é reincidente e já responde pelo crime de tráfico de entorpecentes. 

Na abordagem e revista a GM encontrou parte da droga escondida na cueca de Luann Lutzemberg, que por sua vez, já está respondendo pelo crime de tráfico de drogas, como constatado nos registros da delegacia. Com a reincidência o mesmo, que quebrou a condicional, responderá por mais um crime de tráfico de entorpecentes e associação ao tráfico.

 A guarda municipal, com apoio da Polícia Militar apresentou na 20ª Seccional de Polícia Civil de Parauapebas, para o delegado plantonista Fernando Oliveira dois tabletes de maconha e 192 reais em dinheiro trocados.

Procurados pela reportagem os apresentados não quiseram falar com a imprensa.

(Reportagem: Caetano Silva)

 

Gleydson Gomes de Oliveira e Emerson Luís Guimarães de Souza, ambos de 22 anos de idade, foram presos com quase 11 quilos de maconha prensada, em uma operação realizada por uma equipe da Policia Civil, da 20ª Seccional de Polícia Civil de Parauapebas.

Emerson Luís Guimarães de Sousa. 

De acordo com o investigador Mário Almeida,  o "Baiano", a polícia chegou até aos acusados após denúncia e monitoramento.  Emerson Luís, foi preso por volta das 08h:30 no bairro Amazônia e com ele foram apreendidos uma pistola ponto 40, com 4 munições intactas.

Gleydson Gomes de Oliveira, foi preso em seu local de trabalho.

Já o mecânico Gleydson Gomes, foi pego em seu local de trabalho na Serra dos Carajás, que de acordo com Emerson Luís é o dono da arma e da droga. Gleydson não quis falar sobre o caso, Já Emerson disse que apenas guardou o entorpecente a pedido de Gleydson, que é seu amigo de infância.

(Reportagem: Caetano Silva)

Mais uma dupla é presa acusada de tráfico de entorpecentes em Parauapebas, um deles trata-se de um jovem identificado como Mateus Cruz Silva, 20 anos de idade, que já esteve preso acusado de infligir o artigo 157 (roubo) do código penal, sendo liberado logo depois, já o  outro é menor de idade e não pode ter sua identidade revelada.

Mateus foi flagrado por uma guarnição da ROCAM no momento em que repassava crack para um adolescente de 17 anos de idade. Segundo os policiais, o flagrante se deu por volta das 23H30 desta quinta-feira (02), durante a última ronda ostensiva da guarnição do dia. No momento em que passava pela Rua Sol Poente, no bairro Da Paz, e avistaram uma dupla em atitude suspeita.

Quando Mateus foi flagrado vendendo crack ao menor de idade teria percebido a aproximação das motos da ROCAM, momento em que tentou fugir, porém perdeu o controle da moto, modelo Pop, que pilotava e acabou colidindo com outra moto e um veículo que estavam estacionados na Rua 24 de Março a um quarteirão de onde vendia a droga.

Moto modelo Pop apreendida com os acusados apresenta registro de roubo, na delegacia. 

O adolescente que realizava a compra do entorpecente negou ser usuário, já Mateus Cruz disse que estava no local comprando a droga para um senhor, o qual não informou o nome. Quanto à moto Honda POP, preta com registro de roubo, ele disse que teria sido emprestada pelo homem que havia pedido a ele que comprasse a droga. Além da moto com registro de roubo, a polícia apreendeu com Mateus mais três petecas do entorpecente crack.

Na colisão Mateus Cruz machucou a perna direita e foi socorrido pelos policiais e levado ao hospital para realização de curativos no ferimento.  Em seguida foi apresentado na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas, onde se encontra a disposição da Justiça.

 (Reportagem: Caetano Silva)

A GU do sargento PM Evaldo e cabo PM Ivanilson apresentou na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas para o delegado plantonista Gabriel Henrique, o nacional Railson Ferreira Marinho, 18 anos de idade, ele foi preso por volta das 09h30 da manhã de sexta-feira, 20, por tráfico de entorpecentes.

Ele foi preso quando se encontrava na porta de sua residência, localizada na Rua São Lucas, bairro Betânia, Parauapebas, segundo o cabo Ivanilson o acusado foi surpreendido pela guarnição quando estava  preparando a droga para venda.

Ele disse que estava fumando um Black quando os canas chegaram em sua residência. Com ele foi a apreendido pela PM, 10 papelotes de maconha pensada, 07 de  cocaína e 04 petecas de  crack.

 

 

(Reportagem: Caetano Silva)

 

As polícias Civil e Militar, com apoio do Canil da Guarda Municipal de Marabá, desencadearam na manhã de hoje, quinta-feira, 5, a “Operação Impacto III” contra o tráfico de drogas em Parauapebas.

Foram apreendidos grande quantidade de drogas, cerca de R$ 2,5 mil em dinheiro, celulares fruto de roubos, arma branca e joias. Além disso, cinco pessoas foram presas por envolvimento com tráfico de drogas

A operação, que envolveu o Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp) e o Grupamento Tático Operacional (GTO) teve à frente a superintendente da Polícia Civil no Sudeste do Pará, delegada Simone Felinto; a diretora da 20ª Seccional de Policia Civil de Parauapebas, delegada Yanna Azevedo; e o subcomandante do 23º Batalhão da Polícia Militar de Parauapebas (23º BPM), major Emmett Alexandre.

Na operação, que começou às 5 horas e terminou ao meio-dia, foram cumpridos ao todo 14 mandados de busca e apreensão em diversos bairros da cidade. Com a utilização de cão farejador – do canil da Guarda Municipal de Marabá – foram apreendidos maconha, cocaína e crack.

Segundo o major Emmett Alexandre, ainda está sendo feito o levantamento da droga apreendida, para saber quanto entorpecente foi tirado de circulação em Parauapebas. Da mesma forma, ainda é feito o levantamento de outros itens apreendidos na operação, que visa minar os pontos de vendas de droga na cidade.

Também ainda não foi divulgado os nomes das pessoas presas. “É uma operação conjunta, reunindo todos os órgãos de segurança, no combate ao tráfico de drogas, que fomenta outros tipos de crimes, como roubos, assaltos, latrocínios e homicídios”, destaca o major, ressaltando que a operação contou ainda com policiais de outros municípios da região de Carajás.

De acordo com o major, a participação da população, através de denúncias feitas ao Disque Denúncia, tem facilitado a identificação dos pontos de vendas de drogas. O major, junto com as delegadas Simone Felinto e Yanna Azevedo, assim como parte da equipe que participou da “Impacto III”, concederam coletiva à imprensa, ao final da operação, na 20ª Seccional de Polícia, para falar das ações que estão sendo realizadas no combate ao crime, não só em Parauapebas, mas em toda região.

Segundo o major Emmett, após levantar os pontos de vendas de droga, a Polícia Civil solicita à Justiça o mandado de busca e apreensão, para que toda ação, como aconteceu na “Impacto III”, seja legal. “Todos os pontos vistoriados, nós tínhamos mandado de busca e apreensão. Foi tudo dentro da lei”, frisa Emmett.

As delegadas Simone Felinto e Yanna Avezedo reforçaram que as ações de combate ao tráfico serão intensificadas e novas operações devem ser realizadas, como a que aconteceu hoje.  

(Fonte: Correio Portal de Carajás- Reportagem:  Tina Santos)

Trio preso em flagrante delito por furto e tráfico de entorpecentes foi apresentado na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas na noite de ontem, terça-feira (19). Os três,  Talison Rodrigues Sousa, 19 anos de idade, Lucas dos Santos Machado, 18, e um adolescente 16, foram flagrados pela guarnição do sargento PM  R. Filho e soldado PM  Leoni com uma TV de 49 polegadas roubada.

Objetos eletroeletrônicos apreendidos com o trio pela GU

De acordo com o PM Leoni, os primeiros a serem pegos foram Talison Rodrigues e o adolescente, quando os mesmos trafegavam nas proximidades dos prédios do Residencial Alto Bonito, Parauapebas, pilotando uma moto e carregando uma Tv Philco, 49 polegadas.

Na abordagem, a GU descobriu que a mesma havia sido furtada numa casa na rua Jerusalém, bairro Novo Horizonte. Ainda de acordo com o policial, ao indagar sobre aquela TV, os suspeitos alegaram que seria de uma tia deles, porém a lábia dos larápios não convenceu a GU.

Já que não conseguiam convencer os policiais, a dupla resolveu falar a verdade e em ato continuo levou a guarnição a uma casa no bairro Vila Rica, onde no logradouro foi preso o outro comparsa, Lucas Santos.

Durante a varredura realizada na casa foram encontrados outros objetos como caixa de som, aparelho de DVD, notebook e um monitor de computador, além de 45 papelotes de maconha. Procurado pela reportagem os apresentados não quiseram gravar entrevista, in off eles alegaram não ter participação no furto e que não seriam os donos da droga.

 (Caetano Silva)

Página 2 de 2

Sul e Sudeste do Pará

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016