Carajas o Jornal

Carajas o Jornal

Um os homens mais influentes na gestão de Marco Polo Del Nero, o vice-presidente da CBF para a Região Sul, Delfim Peixoto Filho, está convicto de que nenhum clube vai aderir à MP doFutebol . Nesta entrevista ao Terra , o dirigente se diz preocupado com o impasse entre entidades e o governo federal e afirma que a única solução “para o futuro do futebol brasileiro” passa pela revisão de boa parte do texto da MP.A MP do Futebol impõe uma série de contrapartidas aos clubes para conceder descontos e a possibilidade de parcelamento das dívidas milionárias. Ela foi editada pela presidente Dilma Rousseff em março, mas tem enfrentado resistência por parte dos clubes e o próprio Bom Senso FC já espera alterações .

Confira a entrevista:

Terra - Qual a possibilidade de a MP ser cumprida?
Delfim Peixoto Filho - Do jeito que está, não há como. Na verdade, a MP fere a Constituição. O governo propõe uma intervenção no futebol brasileiro.

Terra - Como resolver o impasse?
Delfim Peixoto Filho - Retirando do texto muita coisa. As entidades privadas do futebol têm o direito constitucional de fazer valer as suas regras, aprovadas em assembleia, sobre eleições, por exemplo. E quanto à obrigatoriedade de os clubes organizarem uma estrutura de futebol feminino, isso não é assim, imposto. Já lidam com tanta dificuldade de patrocínio para o futebol masculino.

Terra - Para a CBF, a MP não tem utilidade?
Delfim Peixoto Filho - Calma, não é assim. Há alguma coisa ali aproveitável. Como a obrigação de os clubes cumprirem os seus compromissos financeiros, com risco de punição severa.

Terra - Com relação a atrasos nos salários dos atletas, isso depende quase que exclusivamente da denúncia do próprio atleta. E se ele se sentir pressionado a não levar o caso adiante?
Delfim Peixoto Filho - Pode usar o sindicato. Eles têm liberdade total para fazer a denúncia e isso vai inibir os clubes, os dirigentes. Os clubes vão ter que pagar em dia.

Terra - O ministro do Esporte, George Hilton, já afirmou que o texto da MP é inegociável...
Delfim Peixoto Filho - Ele que vá ler a Constituição. Os clubes não vão se arriscar. Nenhum deles vai aderir à MP, com o formato atual. Sabem que se seguirem o governo vão acabar em confronto sério com a Fifa, a Conmebol, a CBF, todas as entidades esportivas. O governo não pode se meter a cuidar do futebol.Terra - O futebol brasileiro, com a atual safra de dirigentes, pode avançar?
Delfim Peixoto Filho - Claro que temos no futebol gente que não bate bem da cabeça. Mas é uma minoria. Por outro lado, tem muita gente que pensa e quer ver o crescimento do futebol.

Fonte: Terra Notícias 

O Banco do Brasil lucrou R$ 5,818 bilhões no primeiro trimestre deste ano, resultado 117,3% superior ao mesmo período do ano passado. O valor inclui o ganho extra de R$ 3,2 bilhões da parceira com a Cielo, anunciada em novembro.

O banco teve alta anual de 24,2% do lucro recorrente do primeiro trimestre, com maiores receitas com juros e tesouraria e controle de despesas compensando provisões maiores para perdas com calotes.

De janeiro a março, o lucro recorrente da maior instituição financeira do País em ativos excluindo efeitos extraordinários somou R$ 3,025 bilhões, em linha com a previsão média de analistas de R$ 3,033 bilhões, segundo pesquisa Reuters.

No fim de março, o estoque de crédito do BB somava R$ 776,9 bilhões, pelo conceito ampliado, aumento de 11,1% em 12 meses, com destaque para as linhas imobiliária e de grandes empresas e também influenciada pela carteira no exterior, incrementada pela valorização do dólar contra o real. Na comparação com dezembro, a alta foi de 2,1%.

O agronegócio, normalmente um destaque positivo, desta vez mostrou avanço de apenas 9% em 12 meses, abaixo da meta de 10% a 14% para o ano.

A previsão do BB para expansão dos financiamentos em 2015 no Brasil é de 7% a 11%. Nesta comparação, a carteira cresceu 9,5%.

O índice de inadimplência, medido pelo saldo de operações vencidas com mais de 90 dias, atingiu 2,05%, ante 1,97% do trimestre anterior e 2,16% um ano antes.

As despesas do banco com provisões para perdas com calotes somaram R$ 5,999 bilhões entre janeiro e março, um salto de 43,3% sobre o primeiro trimestre de 2014. Bradesco e Itaú Unibanco provisionaram 25,1% e 30% mais que um ano antes, respectivamente.O BB também viu seus índices antecedentes de inadimplência, de 15 a 90 dias, subirem nas comparações sequencial e anual.

A rentabilidade sobre o patrimônio líquido anualizada foi de 14,5% no período, alta anual de 0,5 ponto percentual.

A remuneração aos acionistas sobre o resultado do primeiro trimestre atingiu R$ 2,3 bilhões, dos quais R$ 1,05 bilhão em juros sobre capital próprio e R$ 1,26 bilhão em dividendos.

Juros
No primeiro trimestre, o BB teve ganho 15,4% maior que um ano antes da receita líquida com juros, a R$ 14,97 bilhões, refletindo o aumento da taxa básica Selic.

Pelo mesmo motivo, o banco viu um salto de 92,5% no resultado de tesouraria, a R$ 17 bilhões.

Por fim, suas receitas com tarifas e serviços cresceram 9,9%, para R$ 6,3 bilhões.

Fonte: Terra Notícias 

Lionel Messi ou Cristiano Ronaldo, quem é mais matador? Na Uefa Champions League, nem um, nem outro. Na frieza dos números, o atacante mais oportunista é brasileiro e atende pelo nome de Neymar.O camisa 11 do Barcelona chegou aos nove gols na Champions após colocar a bola nas redes duas vezes diante do Bayern de Munique, nesta terça-feira. E para fazer esses nove gols, Neymar precisou de apenas 24 finalizações. Uma média de um gol a cada 2,67 chutes.O número é bem melhor que o dos dois astros que brigam anualmente pelo prêmio de melhor do mundo. Messi até tem mais gols (são dez), mas também chutou bem mais vezes (43) - uma média de um gol a cada 4,3 finalizações. Nos números, Ronaldo é o pior do trio: uma bola na rede a cada 4,89 chutes.Neymar também precisa de menos tempo que os rivais para ir às redes. Dos três, ele foi o que menos esteve em campo: 936 minutos - e fez um gol a cada 104 minutos. Messi atuou por 1057 minutos (um gol a cada 105,7 minutos) e Ronaldo por outros 975 (um gol a cada 108,3 minutos).

 Fonte: MSN 

Em um evento fechado na noite desta terça-feira, 12, com jovens sindicalistas em São Bernardo do Campo (SP), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva criticou o modo como a presidente Dilma Rousseff está conduzindo a articulação do ajuste fiscal no Congresso. 

Embora tenha defendido o pacote de reequilíbrio financeiro do governo, considerado por ele necessário, o ex-presidente classificou como “um erro” o fato de a proposta que restringe o acesso ao seguro-desemprego ter sido incluída numa medida provisória, sem prévia negociação com as centrais sindicais.

“Foi um erro ter feito isso (a mudança no seguro-desemprego) por medida provisória. Devia ter chamado o movimento sindical e feito um acordo”, disse Lula após ser questionado sobre o assunto por um sindicalista. 

No evento, que fechou o 8 .° Congresso do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Lula foi sabatinado durante duas horas e meia por jovens de até 32 anos. 

A fala do ex-presidente ocorre pouco menos de uma semana após a aprovação pela Câmara dos Deputados da Medida Provisória 665 e às vésperas da votação da MP 664, que também faz parte do pacote do ajuste fiscal de Dilma e altera regras para acesso à pensão por morte e ao auxílio-doença. Alvo de críticas dos movimentos sindicais, tradicionalmente aliados ao PT, as medidas do ajuste fiscal têm causado desgaste do governo Dilma com sindicalistas.

A MP 665 estabelece que o seguro-desemprego só poderá ser solicitado pela primeira vez após 12 meses de trabalho. Pela segunda vez, a partir de nove meses, e pela terceira vez, com seis meses de trabalho. Antes, a primeira solicitação podia ser feita após seis meses de trabalho.

Votação

A coordenação política da presidente Dilma Rousseff aproveitou nesta terça os holofotes voltados para a sabatina no Senado do advogado Luiz Edson Fachin, indicado para o Supremo Tribunal Federal, para tentar reverter defecções na base e costurar o apoio necessário para a aprovação, na Câmara, da MP 664 que endurece o acesso a benefícios previdenciários.

O governo centrou esforços nas bancadas do PP, PTB e PRB. O ministro da Previdência Social, Carlos Gabas, se reuniu com 29 integrantes do PP para tentar convencê-los a votar favoravelmente à medida provisória, que deve ser analisada hoje. Gabas disse que as mudanças já realizadas na proposta devem levar a uma redução de R$ 100 bilhões na economia que o governo pretendia ter com as novas regras em 15 anos. 

O vice-presidente Michel Temer convocou líderes da base e ministros envolvidos no ajuste fiscal para uma reunião na manhã desta quarta, 13, para tentar construir a maioria necessária. Em outra frente, o Palácio do Planalto avançou nas negociações para o loteamento dos cargos de segundo escalão.

 Fonte: MSN

Apesar de ter entrado no horário nobre há algumas semanas, Maria Júlia Coutinho rala na Globo faz anos. Maju foi escolhida para falar sobre meteorologia em 2013, quando Eliana Marques tirou licença.

"Acredito que quem já trabalhou como repórter de rua, numa pressão danada de tempo, cobrindo assuntos variados, lida bem com o ambiente de estúdio", diz a jornalista, de 37 anos, ao G1.

Em dezembro, Maju passou a informar a previsão do tempo no Hora 1, mas de uma forma diferente, mais conversada, como se estivesse na sala do espectador. Desde 27 de abril, está no Jornal Nacional "Foi a confirmação de que estou no caminho certo: um caminho que tem que ser construído com honestidade, linguagem acessível, informação correta", afirma.Maju, aliás, é um apelido pessoal que foi primeiramente usado em rede nacional noBom Dia Brasil por Chico Pinheiro. Nesta semana, William Bonner perguntou ao vivo a ela se prefere ser chamada de Maju, "como seus fãs pedem que a gente te chame", e ela disse sim. "Adorei!", respondeu rindo (assista ao lado). Leia a entrevista completa com a moça do tempo:G1 – Quando você soube que queria ser jornalista? Foi influência dos seus pais?
Maria Júlia Coutinho –
Sou filha de educadores, pai professor de português e mãe coordenadora pedagógica, ambos aposentados. Cresci rodeada de livros e de jornais. Lembro-me dos meus pais discutindo notícias em casa. Acho que fui influenciada por esse ambiente. Na infância, apresentava a maioria dos meus trabalhos escolares em forma de telejornais, jornais impressos, livrinhos.

G1 – Sempre quis trabalhar na televisão?
Maju –
Na faculdade, havia laboratórios de jornal, de revista, de rádio e de TV. Passei por todos, mas quando peguei o microfone para fazer minha primeira reportagem para o laboratório de TV, pensei: "Senhor, é isso que quero da vida."

G1 – Quando foi que você entrou na Globo e em qual programa?
Maju –
Comecei a trabalhar na Globo em agosto de 2007 e pasme: minha primeira reportagem foi sobre tempo seco, veiculada no SPTV 2ª edição.

G1 – Você se lembra do seu primeiro ao vivo?
Maju –
Só lembro que foi terrível!

G1 – Você fez várias reportagens culturais no SPTV. Você gosta de cobrir essa área?
Maju –
Amo cobrir cultura, amo cobrir cidades. Gosto de contar histórias.

G1 – Qual pauta foi mais marcante para você?
Maju –
Foi a da morte de um trabalhador na construção de um shopping. Fomos cobrir o acidente na obra, colegas do trabalhador aproveitaram a presença da imprensa para reclamar das condições precárias em que viviam, em um alojamento na Zona Sul da capital. Investigamos e a delegacia do trabalho entrou em ação e a empresa que contratou os trabalhadores, a maioria de Sergipe, foi punida e teve que custear a volta de muitos deles para o Nordeste.

G1 – Você assumiu o posto de garota do tempo no Bom dia SP/Brasil para cobrir a licença maternidade da Eliana Marques. Como foi essa transição?
Maju –
Foi menos complicada do que eu esperava. Acredito que quem já trabalhou como repórter de rua, numa pressão danada de tempo, cobrindo assuntos variados, lida bem com o ambiente de estúdio. Uma coisa que me ajudou muito no trabalho no estúdio foi usar a internet para continuar tendo acesso ao público, já que quando era repórter de rua eu tinha um contato maior com os telespectadores. Pude testar, através da internet, maneiras diferentes de falar sobre o tempo. Durante um ano, publiquei quase diariamente posts com a previsão do tempo usando uma linguagem mais descontraída. Usei na TV muitas das expressões aprovadas pelo público na rede.

G1 – Como é ser garota do tempo? Como você edita as informações meteorológicas que são relevantes?
Maju –
Sou assessorada pelos meteorologistas que acompanham nosso trabalho na Globo. Eles analisam as cartas meteorológicas e informam quais os destaques. Minha função é "traduzir", de forma clara, acessível ao público e saborosa, as informações técnicas passadas por eles. Tenho contato também com as emissoras afiliadas que nos enviam reportagens ou imagens de assuntos relacionados ao tempo que podem ser aproveitadas no mapa.

G1 – Como era trabalhar com a Monalisa Perrone? Vocês passaram a impressão de serem melhores amigas.
Maju – Sim. Nossa amizade é verdadeira. Mona sempre me apoiou, orientou, fez críticas construtivas. A gente conversava e ria muito antes de ir ao ar. Duas tagarelas às 4 da manhã! Essa vibração do bastidor nos ajudava a não deixar a peteca cair. Monalisa me ensinou o quanto é fundamental o olho no olho, quando você tem um parceiro num telejornal. Ela tem uma frase que guardo até hoje quando tenho que trabalhar com alguém num projeto: "Eu somo, nunca divido. Eu levanto a bola e você corta". Acho que a gente jogou muito bem.

G1 – Como você recebeu a notícia de que ia estar ao vivo ao lado de William Bonner e Renata Vasconcellos no novo Jornal Nacional?
Maju –
Recebi com muita alegria. Para mim foi a confirmação de que estou no caminho certo: um caminho que tem que ser construído com honestidade, linguagem acessível, informação correta. Eu me comporto no ar (falo, me movimento, dou risada) do mesmo modo que me comporto fora do ar.G1 – Como é sua rotina atual, da hora em que levanta até estar pronta para o JN?
Maju –
Acordo entre 6h30 e 7h, faço ioga e meditação, leio jornal, cuido da casa. Entro na TV 13h, às vezes apresento os boletins jornalísticos da programação que vão ao ar às 14h15. Depois me enfurno no departamento de arte da Globo, onde ficam a meteorologista e os ilustradores (que cuidam das artes do mapa). A meteorologista informa quais os destaques do dia, conversamos com os ilustradores para definir as artes, faço meu texto, informo para o Bonner, para a Renata e para o editor adjunto do jornal, Fernando Castro, quais os temas serão abordados no mapa. Depois cuido do texto da previsão do tempo do jornal SPTV 2 edição. Vou para a maquiagem às 17h. Por volta das 19h15 entro no ar no SPTV. Depois, dou uma rápida respirada, vou para estúdio conferir as artes do mapa do JN e mando bala a partir das 20h30. Depois da minha aparição, rola uma breve reunião de avaliação e uma prévia do que podermos fazer no dia seguinte.

G1 – Você opina no figurino que veste para os jornais?
Maju –
Sim. As figurinistas trazem as roupas que combinam mais com meu estilo: normalmente são vestidos coloridos. Eu sugiro peças e uso o que me faz sentir confortável.

G1 – Você acha que, para o público, sua ascensão do jornal local para o JN possa parecer rápida demais? O que mais te chateia dos comentários?
Maju –
Acho que não. Muita gente sabe que, apesar de não ter trilhado o caminho tradicional (passar pelos os jornais da manhã, depois pelos da hora do almoço e só então ir para o JN), ralei bastante, inclusive em outras emissoras: passei pela reportagem na TV Cultura, onde também apresentei um telejornal. Estou lendo D. Quixote de La Mancha, de Miguel de Cervantes. No segundo livro, o personagem Sancho Pança, escudeiro de D. Quixote, diz o seguinte: "Sou cachorro velho, não me fio em assovios". Eu procuro não me fiar em assovios elogiosos, nem nos que representam críticas que não constroem nada. Também gosto desta frase: "O que você pensa de mim, é problema seu".

Fonte: G1

 

Mais uma pessoa morreu em consequencia dos ferimentos após o descarrilamento de um trem com 243 a bordo - 238 passageiros e 5 tripulantes - na Filadélfia, nos Estados Unidos. O acidente ocorrido na noite desta terça-feira (12) deixou ao todo seis mortos e 59 feridos, segundo as agências de notícias Reuters e Associated Press.

A composição fazia a rota Washington a Nova York. A circulação de trens entre as duas cidades foi interrompida.

O trem é um Amtrak. Imagens das redes de TV nos EUA mostraram vagões tombados e o trabalho das equipes de resgate. O acidente aconteceu por volta de 21h20 (horário local).

O descarrilamento de entre oito e dez vagões ocorreu quando o trem atravessava um trecho em curva no bairro de Frankford, no norte da Filadélfia.

Entre os passageiros estava o ex-congressista Patrick Murray, que informou pelo Twitter que não se feriu, mas que havia visto muitos feridos nos vagões tombados.

Alguns passageiros deixaram a composição retorcida por conta própria, enquanto bombeiros socorriam outras pessoas. Os feridos, dos quais seis em estado grave, foram levados para o Hospital Aria Health Frankford.

Relatos no Twitter informavam que havia fumaça em pelo menos uma das composições tombadas.

Não há ainda informações sobre as causas do descarrilamento, que será investigada pela Junta Nacional de Segurança do Transporte (NTSB) e pela Administração Federal de Ferrovias. O FBI mantém uma equipe no local, embora as autoridades informem que não há indícios, por enquanto, que indiquem que o acidente tenha sido um ato terrorista.

 Fonte: G1 

Já sabemos que a alimentação pode ser de grande utilidade para combater condições de saúde e nos manter saudáveis. A acerola é uma das fritas que ajuda a combater o colesterol, além de possuir muitas outras propriedades para a saúde. Então, aprenda como você pode consumi-la para aproveitar todos os seus benefícios.

Se você tem o colesterol alto, talvez te interesse saber que a acerola possui propriedades que ajudam a reduzir e tratar a hipercolesterolemia. Se você quer saber como utilizá-la, não perca este artigo.

Saiba que acerola é uma planta/fruta que pode te ajudar a controlar e reduzir o colesterol. Aparentemente, este produto possui propriedades que atuam contra o colesterol endógeno elevado, o que também beneficia o coração, cérebro, rins e todo o sistema arterial do corpo.

Propriedades Da Acerola Contra O Colesterol Elevado:

Planta antioxidante. A acerola tem uma percentagem elevada de vitamina C, polifenois, magnésio, e outros compostos orgânicos que evitam que as gorduras oxidem e se depositem nas paredes das artérias, reduzindo o fluxo de sangue. Por outro lado, estes antioxidantes reduzem a formação de colesterol LDL no fígado, reduzindo sua concentração no sangue.

Propriedades Da Acerola Contra O Colesterol Elevado:

Planta antioxidante. A acerola tem uma percentagem elevada de vitamina C, polifenois, magnésio, e outros compostos orgânicos que evitam que as gorduras oxidem e se depositem nas paredes das artérias, reduzindo o fluxo de sangue. Por outro lado, estes antioxidantes reduzem a formação de colesterol LDL no fígado, reduzindo sua concentração no sangue.

Planta desintoxicante. Esta planta tem propriedades para reduzir a absorção de colesterol e eliminá-lo do corpo.

Além dessas propriedades, popularmente se conhece a acerola por seus benefícios para fortalecer as paredes das artérias e veias, o que beneficia a saúde cardiovascular.

As propriedades antioxidantes e depurantes que fornece a acerola são de grande utilidade, não apenas para reduzir o colesterol, mas para cuidar do coração. Então, se você quer tentar a sua hipercolesterolemia e quer aproveitar a acerola, é necessário saber como usá-la.

Como Aproveitar As Propriedades Da Acerola Para Baixar O Colesterol?

  • Consumir em forma de fruta.
  • Preparar doces e geleias.
  • Preparar molhos, sucos ou batidas.
  • Preparar um chá ou infusão de frutas.

A acerola, como outras frutas pode ser de grande utilidade para diminuir o colesterol e promover a saúde cardiovascular, por isso não deixe de mantê-la presente e incluí-la em sua dieta diária.

Tenha em mente que o consumo de acerola pode ser contraindicado diante da presença de pedras nos rinsgota ou durante a gravidez ou amamentação. Inclusive o consumo excessivo poderia causar dores abdominais, diarreia, náuseas e fadiga.

Portanto, antes de consumir a acerola, consulte o seu médico.

 

 Fonte: Dicas de Saúde 

O Departamento de Fiscalização de Obras e Posturas da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semurb) realizou um trabalho intenso, nos três dias de shows em comemoração ao aniversário da cidade, para garantir a segurança da população e prevenir acidentes em relação à utilização de garrafas ou recipientes de vidro no local do evento.Uma equipe composta por 22 fiscais vistoriaram comerciantes eventuais que estavam desenvolvendo algum tipo de atividade no Loteamento Paraíso, bem como os brincantes que portavam utensílios de vidros, caixa térmica e isopor. Ao todo, foram apreendidas 175 garrafas e 10 copos de vidros nos três dias de festa.

 “É proibido a venda, entrada, circulação e o consumo de bebidas alcoólicas em utensílios de vidro, conforme portaria de 2011 que determina a utilização exclusiva de recipientes descartáveis em festas públicas. É uma medida de segurança”, explica a coordenadora do Departamento de Fiscalização da Semurb, Dagma Trevisan.  

Segundo a coordenadora, a proibição é necessária porque os materiais podem ser usados como ferramentas de agressão no caso de brigas e tumultos, além disso, o descarte deste material em vias públicas é arriscado, pois os cacos de vidro podem ferir as pessoas que utilizam calçados abertos.  Todos os utensílios coletados serão enviados ao aterro sanitário, onde será dada a destinação final para o material. 

De acordo com a fiscal de urbanismo, Ingrid Fernandes, antes era mais difícil desenvolver esse trabalho devido à resistência das pessoas. “Neste evento não encontramos tanta dificuldade na hora da abordagem com os brincantes, pois eles faziam a substituição da garrafa de vidro por uma de plástico. As pessoas estão mais conscientes que é melhor se divertir com segurança”, ressalta a fiscal.  

A fiscalização nas festividades do aniversário da cidade é a continuação do trabalho realizado pela Semurb em todas as festas públicas realizadas pela Prefeitura. Além da retirada dos utensílios de vidros, os fiscais também estavam atentos à organização e padronização das barracas, assim como a comercialização de alimentos e bebidas de acordo com a Vigilância Sanitária e a desobstrução do passeio público garantindo o direito de ir e vir das pessoas. 

 Por: Liliane Diniz / Semurb

  

A oportunidade de se tornar modelo profissional pode estar mais perto do que nunca. Isso porque o Partage Shopping Parauapebas receberá até o dia 14 de Maio, a agência Mega Model Parauapebas, que está selecionando talentos com idades entre 4 e 30 anos, para compor o quadro de modelos da agência. As inscrições podem ser feitas gratuitamente das 10:00h as 22:00h, no balcão da agência que está localizado no corredor da loja Visão, no Partage Shopping Parauapebas.

Processo - De acordo com o diretor da Mega Model Parauapebas, Carlos Buss, a agência estará selecionando modelos Kids; Teen; Fashion e Comercial. “Os candidatos deverão se inscrever diretamente no balcão de inscrições, preencher a ficha e se preparar para a primeira seletiva que acontecerá de 15 a 17 de Maio em uma sala do Circuito Cinemas no Partage Shopping”, explica Carlos, orientando que menores devem ser acompanhados com responsável legal.

As inscrições encerrarão no dia 14 de Maio; e a Seleção será no dia 15 de Maio, para modelos Kids; no dia 16 de Maio, para modelos Teen; e dia 17 de Maio, para modelos Fashion e Comercial. Todos os dias a seletiva será no horário de 08:00h às 12:00h, na Sala do Circuito Cinemas no Partage Shopping Parauapebas.

 Por: Francesco Costa 

Importante via de acesso ao bairro Liberdade, a Rua Rogério Cardoso continua praticamente intransitável. O trecho fica próximo à Estações de Tratamentos de Água do SAAEP e por ali circulam muitos carros do governo municipal, o que torna impossível que o poder público não tenha conhecimento do problema.

Bem próximo dali tem uma escola municipal, a Escola Municipal de Ensino Fundamental Elizaldo Ribeiro, e muitos alunos passam no local a pé com dificuldade. Moradora das proximidades, Antonia Vieira, diz que o problema não é novo e que várias vezes foi reclamado na prefeitura, mas a solução não chegou. “Jogaram terra nos buracos, mas ficou pior pois antes, pelo menos, não tinha lama”, diz ela, contando que vários caminhões da prefeitura passam no local e podem ter sido os maiores causadores dos danos no asfalto.

A via liga ao bairro Liberdade os bairros Nova Vida, Residencial Bambuí, Guanabara e Da Paz; além de encurtar caminho para quem pretende ir da VS 10 aos bairros Liberdade I e II.

 Por: Francesco Costa 

Sul e Sudeste do Pará

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016