Após a divulgação de um vídeo que mostra um homem negro sendo imobilizado por um policial branco com os joelhos em seu pescoço, em Minneapolis, nos Estados Unidos, uma onda de protestos começou no país em 25 de maio.

O ex-segurança George Floyd, que tinha 40 anos, foi levado inconsciente por uma ambulância logo após a abordagem policial e foi declarado morto ao chegar no hospital, em 25 de maio.

No vídeo feito por uma testemunha, que mostra Floyd imobilizado, o policial aperta durante 8 minutos e 46 segundos o pescoço do homem, que diz mais de uma vez que não consegue respirar. Nos minutos finais, Floyd não se mexe mais. Segundo a polícia local, ele foi detido por supostamente usar notas falsas em um mercado.

O policial Derek Chauvin, que estava com o joelho sobre o pescoço de Floyd, foi detido nesta sexta-feira (29) e responde por homicídio culposo (sem intenção de matar) e assassinato em terceiro grau (quando é considerado que o responsável pela morte atuou de forma irresponsável ou imprudente).

O “eu não consigo respirar”, últimas palavras de Floyd, virou grito de guerra para os manifestantes, que se espalharam por várias cidades do Estados Unidos e do mundo. Revoltados com a morte, pela força policial, de mais um homem negro desarmado, incendiaram uma delegacia em Minneapolis.

De acordo com a imprensa americana, até este domingo (31), quatro pessoas morreram e pelo menos 1.699 foram presas em violência ligada aos protestos.

Veja a cronologia do caso:

  • 25 de maio:George Floyd morreu após abordagem policial em Minneapolis.
  • 26 de maio:O vídeo da abordagem policial viralizou na internet e gerou uma onda de indignação; protestos começaram na cidade de forma pacífica.
  • 27 de maio:Mais cidades realizaram manifestações pela morte de Floyd. Entre elas, Memphis e Los Angeles.
  • 28 de maio: Manifestantes invadiram uma delegacia, incendiaram carros e imóveis e fizeram saques em Minneapolis. O governador, Tim Walz, pediu a intervenção da Guarda Nacional.
  • 29 de maio: O presidente americano, Donald Trump, diz que os protestos violentos desonram a memória de George Floyd. "Qualquer dificuldade e nós assumiremos o controle, mas, quando o saque começar, o tiroteio começará. Obrigado!", afirmou Trump no Twitter.
  • 30 de maio: Ao menos 30 cidades americanas registram protestos. Um jovem de 19 anos e um agente federal morreram e centenas de pessoas foram presas nos Estados Unidos.
  • Dia 31 de maio:5ª noite de protestos nos EUA tem nova morte e desobediência a toque de recolher. Manifestantes em Toronto, Londres e Berlim também foram as ruas pela morte de George Floyd.
  •       

Fonte: Por G1

 

 

Novo Hamburgo – A Polícia Civil, através do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc), na tarde desta segunda-feira, 11, em ação contra o crime de tráfico de drogas em Novo Hamburgo, apreendeu 28,5 kg de maconha em um depósito de drogas. Além da maconha, foi apreendida uma balança de precisão.

Segundo a Delgada Caroline Jacobs, em diligências de investigação no município de Novo Hamburgo, no bairro Boa Saúde, os policiais lograram êxito em localizar uma residência que servida de depósito par armazenamento da droga e posterior distribuição aos pontos de venda. A investigação já vinha sendo desenvolvida há algum tempo. A droga estava escondida em um colchão no quarto do suspeito.

 

Fonte: https://odiario.net

A ROCAM (Ronda Ostensiva com Apoio de Motos), sob o comando do cabo PM S. Barros, apresentou na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas, na noite da última quinta-feira, 23, ao delegado plantonista José Aquino, os indivíduos Wanderley da Silva e Silva de 21 anos de idade e seu comparsa um adolescente de 15 anos.

Wanderley da Silva estava acompanhado de um adolescente 

Segundo o policial os dois foram pegos quando planejavam assaltar uma farmácia no Cidade Jardim. Ainda de acordo com a guarnição o plano da dupla foi frustrado com a presença da Rocam, instante em que os dois que estavam em uma Honda Biz de cor preta, roubada de uma mulher no bairro Rio Verde, tentaram fugir, mas, não conseguiram sendo pegos pela GU. "Eles circulavam em atitude suspeita nas proximidades de uma farmácia, na Av Buriti com a D, no Cidade Jardim, e quando percebeu nossa guarnição tentaram fugir, mas caíram, na hora eles estavam com uma Biz preta placa OYA-9045, que haviam tomado de uma mulher na rua Minas Gerais, com a rua do Comércio, bairro Rio Verde, roubo ocorrido na noite anterior”, contou o PM, acrescentando ainda, que dentro do porta capacete da Biz foi encontrado  duas facas que seriam utilizadas pela dupla para cometer o assalto.

A dupla estava de posse de uma moto roubada 

Na delegacia a dona da moto contou à polícia que quando foi abordada pelos assaltantes os mesmos estavam usando uma arma de fogo, e que além da moto dela também foi levado um aparelho celular. Indagado sobre o celular da vítima o menor disse que teriam vendido em uma loja na rua do comércio no bairro Rio Verde. A polícia ficou de averiguar a informação, e caso o comprador seja preso responderá por recepção, artigo 180 do Código Penal Brasileiro (CPB).  

(Neide Folha)

Por volta das 22h30, da noite de ontem sexta-feira, 24, o assaltante Álvaro Freitas, baleado na intervenção policial na sexta-feira, 25, não resistiu ao ferimento e morreu no Hospital Geral de Parauapebas (HGP). Já seu comparsa continua preso à disposição da justiça.

Matheus Henrique Câmara de Oliveira, 19 anos de idade, foi preso e seu comparsa Álvaro Freitas Santana, 27 anos, foi baleado pela Polícia Militar quando praticavam um arrastão nas ruas da cidade.

Uma das vítimas que teve sua moto tomada de assalto e recuperada pela PM, conversou com a reportagem, ainda com medo não aceitou gravar entrevista, mas contou que era por volta das 14h, quando a dupla teria lhe abordado, apontando um revólver para ela e tomou sua motocicleta Honda Biz de cor branca, a mulher disse ainda que na hora do ocorrido ela saia do CRAS, no bairro Rio Verde.

Minutos depois a dupla trocou a Biz por uma CG Titan de cor vermelha, porém os ladrões que estavam armados com revólver calibre 32, não foram muito longe, ao saírem da casa do dono da CG, se depararam com a GU que já havia sido informada e os procurava.

Álvaro Freitas foi baleado após apontar um revolver contra a polícia 

Segundo o capitão PM Jadson Costa, comandante da 1ª Companhia do 23° BPM de Parauapebas, logo cedo por volta de 14h a dupla começou a cometer roubos na cidade, primeiro roubou uma Honda Biz de cor branca, próximo ao CRAZ do bairro Rio Verde, e após isso a abandonaram e roubaram uma Honda CG Titan, no bairro Nova Vida II. "Recebemos a informação do ocorrido e a guarnição da ária se dirigiu ao local para averiguar, graças a Deus conseguimos fazer a abordagem dos mesmos, e no momento da revista Álvaro Freitas, tentou sacar um revólver calibre 32 e fomos obrigados neutralizá-lo", contou o policial.

Baleado no peito o mesmo foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e o comparsa dele foi preso e encaminhado para 20ª Seccional Urbana de Polícia de Parauapebas ao delegado plantonista, onde segue prestando esclarecimento a justiça.

Matheus Henrique ficará preso a disposição da justiça

Além da arma e duas munições picotadas, a PM recuperou as duas motos e os celulares das vítimas. Segundo a polícia, Matheus tem passagem quando ainda era adolescente.

(Neide Folha)

O caso foi registrado pela Polícia Militar durante ronda de rotina em uma área de invasão no bairro Ipiranga II em Parauapebas. Segundo informações repassadas pela guarnição, os militares suspeitaram da movimentação na residência, foi quando resolveram realizar a abordagem policial, mediante a aproximação dos policiais os suspeitos tentaram fugir do local e tentaram despachar um embrulho em uma área de mata.

Os militares conseguiram capturar Aderlan Morais dos Santos, e durante a revista pessoal foi encontrado com o mesmo um revólver calibre 32 com seis munições intactas. O embrulho despachado foi encontrado e dentro da sacola foram apreendidos uma balança de precisão, 50 gramas de maconha, 50 gramas de crack, uma grama de cocaína, além de R$ 600,00 reais em dinheiro, valor que a polícia acredita ter sido arrecadado com a venda das drogas.

Aderlan Morais dos Santos foi conduzido para a delegacia para os procedimentos cabíveis podendo responder pelos crimes de tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Quando questionado pelo armamento o mesmo alegou que era para sua defesa, já que atuava com a venda ilegal de entorpecentes.

(Neide Folha)

A criança deu entrada no hospital na terça-feira, 07, desmaiada e com quadro de parada cardíaca, após exames, constatou-se que a menor de apenas 1 ano e 8 meses vinha sendo abusada sexualmente, informações preliminares apontavam o padrasto com principal suspeito.

De acordo com a mulher, ela havia saído e quando retornou, encontrou a filha muito mal nos braços do padrasto. Segundo relatos da mãe, o companheiro teria lhe entregado a filha e dito apenas para ela lavar as partes íntimas da vítima. Durante o banho eles tentaram reanimar a criança que continuava desfalecida, foi quando resolveram levá-la ao hospital.

Deyvyd Renato foi acusado de abusar da criança

A delegada Ana Carolina que responde pela delegacia da mulher de Parauapebas informou que a mãe tinha conhecimento dos abusos que era cometido pelo companheiro contra a própria filha, já que a mulher confessou que não foi a primeira vez que ele cometeu o crime. " A mãe contou que não foi a primeira vez que o padrasto abusou sexualmente da Criança e que quando ela se negava a manter relação sexual com o companheiro, ele abusava da filha de 1 ano e 8 meses", destacou Ana Carolina.

Mediante aos relatos da mulher, a Polícia Civil indiciou o casal, Deyvyd Renato Oliveira Brito, 31 anos de idade, e Irislene da Silva Miranda, 28, pelos crimes de estupro de vulnerável e com a óbito da criança, ocorrido na tarde de quarta-feira, 08, também poderão ser responsabilizados pela morte da criança.

Segundo a delegada, a prisão do casal ocorreu mediante relatos da mãe com a presença de testemunhas e também do laudo médico que comprovou que a criança sofreu os abusos cometidos pelo padrasto. "A polícia tem como elementos palavras das testemunhas que ouviram os relatos da mãe. A criança em momento nenhum caiu da cama, ela foi abusada sexualmente pelo padrasto, isso está no laudo médico dela que apontam indícios fortes de abusos com rupturas imenal, com lesões gravíssimas no ânus e na vagina e provavelmente, ainda não foi confirmado isso, ela tenha sofrido agressões, mas somente com laudo podemos ver quais as fraturas a criança sofreu além dos abusos. O que sabemos é que a criança está respirando com ajuda de aparelhos e luta para sobreviver", enfatizou a delegada Ana Carolina.

O casal segue preso à disposição da justiça.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Infelizmente a criança Carla Emanuele Miranda Correia, vítima de abuso sexual, não resistiu e faleceu na tarde desta quarta-feira (08), às 15h10. A Prefeitura de Parauapebas, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), prestou todo o atendimento possível à criança, mas, em função do quadro gravíssimo em que se apresentava, não foi possível salvar a vida da paciente.

A causa exata da morte será divulgada pelo IML. A mãe e o padrasto levaram a criança ao Pronto Socorro municipal nesta terça-feira (07), às 14h20. A criança chegou desmaiada e com o quadro de parada cardíaca. Depois de 20 minutos de reanimação, procedimento realizado com sucesso, a criança foi entubada e conduzida para ventilação mecânica, por conta do coma profundo.

A equipe multidisciplinar que acompanhava a criança atuava para conseguir a estabilidade do seu quadro de saúde, para então realizar a sua transferência para a UTI Infantil do Hospital Regional de Marabá. O governo municipal lamenta o óbito e reforça que todo o atendimento foi prestado para salvar a vida da criança.

Assessoria de Comunicação da PMP

(Neide Folha)

 

O Centro de Recuperação Agrícola Mariano Antunes (Crama) está sob intervenção da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), por meio do Comando de Operações Penitenciárias (Cope), desde o último domingo (5). Após a retomada de controle, divisão carcerária e implantação do procedimento, foi iniciado agora um trabalho de melhorias na unidade. As celas e pavilhões recebem reforço na limpeza e ocorreu ainda a padronização dos presos.

Nesta terça-feira (7), 630 kits de uniforme e sandália, além de outros 630 kits de higiene pessoal, composto por sabonete, copo, barbeador, escova e pasta de dente, começaram a ser distribuídos aos detentos. Os internos também passaram por corte de cabelo e barba.

Sob supervisão do Cope e acompanhamento dos engenheiros da Diretoria de Logística, Patrimônio e Infraestrutura (DLPI) da Seap, os internos iniciaram ainda um trabalho de revitalização do Crama. O lixo retirado das celas foi separado e será incinerado, deixando a unidade limpa; as paredes estão sendo preparadas para receber pintura e as instalações estão sendo lavadas. Tais medidas garantirão um ambiente mais agradável, limpo e humanizado para a permanência das pessoas privadas de liberdade.

Superlotação

Buscando solucionar a superpopulação do cárcere, melhores condições para o cumprimento de pena e garantir um sistema mais humanizado, estão sendo construídas duas novas unidades no complexo onde fica localizado o Crama: uma para o regime semiaberto com 200 vagas e outra para o regime fechado com um total de 306 vagas. Ambos têm previsão de inauguração neste primeiro semestre de 2020.

De acordo com o Secretário de Estado de Administração Penitenciária, Jarbas Vasconcelos, as obras em andamento na região marcam uma nova fase no sistema penal do Estado. “Com as inaugurações a ocorrer em Marabá, Tucuruí e Redenção, nós não vamos mais ter superlotação carcerária no sul e sudeste do Pará pela primeira vez na história”, destacou o secretário Jarbas Vasconcelos.

(Agência Pará)

Após os homicídios registrados em Parauapebas no início do mês, os órgãos de segurança pública do município juntamente com equipes de Marabá, desencadeou uma operação para prender os envolvidos nos crimes. De acordo com a polícia, a onda de violência que tomou conta da cidade nos primeiros dias do ano, foram motivadas por briga entre facções.

Na tarde de terça-feira, 07, por volta das 17h, homens da Polícia Militar sob o comando do Tenente Cel. Gledson, e a guarnição composta pelos SGT Mesquita, Cabo C. Freitas e Soldado Vale, após levantamentos e por meio de troca de informações com a Polícia Civil Coordenada pelo DPC Thiago Carneiro, saíram em diligência para monitorar a residência de um dos suspeitos do crime ocorrido no bairro Primavera.  Momento em que um homem com as características do suspeito deixava a casa, a polícia resolveu aborda-lo, Jeferson Martins de Bessa, de 29 anos, mais conhecido como "Jegue", foi flagrado portando um revólver calibre 38 sem numeração, com 05 munições intactas.

Durante a abordagem policial o suspeito confessou à polícia que teria participação em três homicídios e três tentativas de homicídios, ocorridos entre os dias 02 e 05, cometidos contra Romário Correa Balieiro e das tentativas de homicídio contra Frank Rafael Santos Vaz e o menor A. C. S. V. Ele afirmou ainda que participou da autoria do duplo homicídio que vitimou Tarcísio Barros Queiroz e Reginaldo Silva Vieira, de apelido “Márcio”, ocorrido no sábado, 04.

Na delegacia o suspeito confessou ainda as tentativas de homicídio contra Jhonny de Lima Cândido e Denílson da Cruz Sousa, ocorridas no bairro Cidade Jardim, afirmando ainda a coautoria de José Tiago Gomes Costa do Nascimento, vulgo “Catatau”. No sistema policial, consta contra Jeferson, um mandado de prisão em aberto por homicídio cometido no ano de 2011.

Ele informou ainda, que naquele momento estava indo cometer mais um assassinato, desta vez contra um homem de prenome Sávio, que seria de uma facção rival. O suspeito disse ainda a polícia que a ordem era para matar parte de líderes da facção de fora do município.

Além do revólver calibre 38, a polícia apreendeu com o mesmo uma motocicleta que era usada para cometer os crimes. O mesmo foi conduzido e apresentado na Delegacia de Polícia Civil de Parauapebas para os procedimentos cabíveis.

Reportagem: Neide Folha

Um jovem de apenas 19 anos de idade foi executado com 6 tiros na manhã de domingo, 05, informações dão conta de que a vítima seria integrante do PCC e já contava com várias passagens pela polícia.

Segundo vizinhos, que não quiseram ser identificados, era por volta de 7h30min, da manhã quando escutaram uma pessoa batendo na porta da vítima no condomínio onde morava, localizado na Rua 12, quadra 13, lote 04, Bairro Alto Boa Vista, identificada apenas como Tairon, logo em seguida ouviu-se vários estampidos de tiros.  

Segundo informações policiais a vítima tinha várias passagens pela polícia

Assustados vizinhos chamaram a polícia, que chegou no local acompanhada da equipe do Instituto Médico Legal – IML, e de acordo com os primeiros levantamentos e informações o jovem foi atingido por seis balas no peito e costas.

De acordo com as primeiras informações o jovem pode ter sido executado por quatro indivíduos em um veículo de cor prata e uma moto de modelo e cor não anotados.

(Neide Folha)

Através de denúncia anônima a polícia foi informada sobre as ações criminosas de uma dupla de meliantes que vestiam uniforme de uma empresa. Segundo a denúncia a os dois vinham praticando assaltos no complexo VS10, e na madrugada desta quinta-feira, 26, uma guarnição composta pelo sargento PM Pinto, e soldado PM Suero, realizava patrulhamento na área quando se depararam com a dupla praticando assaltos a funcionários nas paradas de ônibus em uma motocicleta de modelo BIZ.

Os meliantes receberam ordem de parada, mas se negaram e ainda atiraram contra a viatura, dando início a uma perseguição debaixo de balas, que só terminou, quando, no bairro Bom Jesus, a viatura perdeu o controle e foi de encontro a um poste de iluminação pública, a dupla também perdeu o controle da motocicleta.

Segundo informações, após caírem da BIZ, os meliantes levantaram e atiraram contra os policiais que revidaram. Um dos assaltantes foi atingido e veio a óbito ainda no local, o outro conseguiu fugir pela mata empunhando uma arma de fogo.

Segundo informações, a motocicleta que pilotavam era roubada e a vítima, que não quis ser identificada, foi chamada para reconhecer o veículo e os assaltantes. “Foi na segunda-feira, 23, por volta das 21h. BEu estava no bairro Jardim América e me deparei com esses dois elementos armados, que anunciaram o assalto e levaram minha moto, a polícia me avisou e eu vim fazer o reconhecimento”, disse a vítima.

A Polícia ainda não tem a identificação do homem morto, mas pela descrição, segundo os policiais, ele é suspeito de ter participado do assalto aos funcionários da Vale.

 

(Texto Samara Guimarães / Informações Caetano Silva)

Página 1 de 10

Sul e Sudeste do Pará

Loading
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.2018.Sophos_2019gk-is-100.jpglink
https://carajasojornal.com.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/Publicidade.galpogk-is-100.jpglink

Vídeos

FAMAP, a escolha inteligente
08 Julho 2019
Em parauaebas, aluno chamou a atenção dos vereadores, no momento em que fazia uso da tribuna. de Carajás O Jornal
18 Abril 2017
Alunos da Rede Estadual de Ensino, assistem aula no meio da rua em Parauapebas
13 Abril 2017
Novo Ministro do STF3
11 Fevereiro 2017
Tiroteio em Redenção deixa população assustada
01 Dezembro 2016
Nesse domingo os paraenses vivenciam o #CIRIO2016, a maior festividade Religiosa do Brasil
09 Outubro 2016
Dr. Hélio Rubens fala sobre o caso de corrupção na Câmara Municipal de Parauapebas
08 Outubro 2016
MARCHA PARA JESUS: Milhares de jovens nas ruas de Parauapebas
08 Outubro 2016
Corrupção é um problema de todos, você também pode combater!
06 Outubro 2016
Joelma agradece pela presença e participação em seu show na FAP 2016
12 Setembro 2016
Jake Trevisan agradecendo toda população de Parauapebas no Carajás O Jornal
06 Setembro 2016
Cantor Açaí no evento da Imprensa na FAP a pedido de Marola Show, canta para a Rainha, primeira e segunda princesa da FAP 2016.
01 Setembro 2016